EIS A PROFUNDIDADE DE UM PODER…PROFUNDIDADE ANAL DE ESTUDIOSOS DO FERNANDO E DO GUILHERME…eita doutrina de merda…SÃO PAULO ATUALMENTE É PEQUENA NA TÉCNICA DO DIREITO, INCLUSIVE 18

PM/10/05 às 15:41 - MAURÍCIO  

Vcs estão vendo as coisas por um prisma errado! Desculpe falar assim… Mas se vcs lessem a Constituição Federal saberiam que a União possui tres poderes: Legislativo, Executivo e Judiciário. INDEPENDENTES (financeiramente) e HARMÔNICOS entre si.

Ora… Não é JUSTO um MINISTRO de ESTADO ganhar quase 30 mil reais e um MINISTRO do STF (Supremo Tribunal Federal) não receber um subsídio semelhante.

O problema não está no ALTO salário de um juiz. Este DEVE ser bem remunerado, pela complexidade, profundidade e relevância de sua função.
O problema como já foi falado está na DESVALORIZAÇÃO de outros serviços, que possuem remuneração realmente muito baixa.

Mas não é esse o ponto! Vcs estão comparando um SERVIDOR do poder EXECUTIVO (que não é pago pelo poder JUDICIÁRIO, mas sim pelo poder EXECUTIVO) a um JUIZ (detentor do poder JURISDICIONAL) do Poder JUDICIÁRIO! Gente! Servidor não é detentor de PODER DE ESTADO!

Ou seja, não tem como comparar um cargo de analista, escrivão, delegado e tantos outros com um de Juiz! Não tem como! O Juiz é detentor de UM PODER do ESTADO (bem como os Deputados, Senadores e Vereadores – com o poder executivo) e o Presidente, Governadores, Prefeitos, Ministros e Secretários (com o poder EXECUTIVO). Não façam comparações sem saber a estrutura organizacional do Estado antes.

E como já foi falado: Quer salário de Juiz? Estude por no mínimo 5 anos numa faculdade de Direito, passe no Exame da OAB, atue por no mínimo 3 anos, passe no concurso de Juiz e depois vá ganhar o que LUTOU para conseguir.

Não é nada fácil! Basta ver que no último exame da OAB (2009/03) o índice de aprovação foi de 14%!!! Imagine então depois disso ter que ficar mais 3 anos atuando (e se matando de estudar) e ainda passar num concurso público que tem 5 fases (prova objetiva, prova subjetiva, banca examinadora, concurso de títulos e escola de preparação)…

São “APENAS” uns 20 anos de preparação para chegar lá… E tem gente que acha que tem que ganhar o que? Salário Mínimo?

______________________

Caro Maurício, espero que preencham toda essa profundidade necessária para ser Juiz.

  1. Para ficar no raso do raciocínio raso do tal de Maurício:

    Os magistrados, já que equiparados aos Parlamentares, deveriam ser eleitos pelo povo, com mandato máximo de 4 anos.

    Que tal?

  2. Se pelo menos trabalhassem
    Ou também é prerrogativa do cargo só assinar despachos e sentenças prontas.
    Acho uma inutilidade uma pessoa perder todo esse tempo para tornar-se um mm e depois deixar tudo nas mãos de funcionários.

  3. mais útil substituir um juiz por trinta escreventes, com o salário de um juiz paga com folga esses trinta

  4. Dr.Guerra,estou surpreendido com a suas palavras,que é de corar qualquer um que tenha INTELIGÊNCIA,BOM SENSO E RACIONALIDADE DE IDÉIAS e qual o modo de expressá-las.Guerra qdo vc diz que o juiz deve ganhar bem,eu lhe pergunto,quanto nós Delegados deveremos ganhar,lembrando ao ilustre e letrado colega que,o DELEGADO DE POLÍCIA é o magistrado na Segurança Pública,só fazermos remissão no tempo e veremos que o juiz exercia o nosso cargo,com a sua função altamente delineada.Por tal historicidade é que a Justiça delegou a um servidor de escol,versado na ciência jurídica,submetido a um severo concurso de provas e de títulos,a função exercida hic et nunc pelos nobres colegas.Quando o colega Guerra,diz que o juis tem de ser valorizado na remuneração pela complexidade de funções no exercício do cargo,eu volto a lhe perguntar se o exercício do cargo de Delegado não exige do seu detentor a mesma complexidade de funções,tanto que,a primeira Autoridade com a maísculo que dirime a ocorrência levada a sua presença,é o Delegado que na condição de magistrado,ultima a ocorrência com a aplicação do bom Direito e legislação pertinente.Assim,eu não entendi e não entendo Delegado Guerra,o menosprezo à carreira de DELEGADO DE POLÍCIA,considerando que o mesmo ganha pouco pela má condição cultural,ínfima complexidade no exercício funcional,inserindo uma lamentável impressão a de que,o juiz frequentou uma Faculdade de Direito “ESPECIAL’ e o DELEGADO Faculdade de Direito de SEGUNDA LINHA,o que justificaria os aviltantes salários pagos em SP.Digo em SP porque,nos demais Estados,o Distrito Federal e a Polícia Federal,os salários são isonômicos aos juízes e promotores,tanto que se o colega comparar o salário do Delegado no Distrito Federal com a magistratura constatará um quadro idêntico.Então Dr.Guerra,os Delegados de Estados que aquinhoam melhor as Autoridades Policiais,estudaram em Faculdades de primeira linha ou não,a resposta devolvo a você com toda a galhardia possível.Guerra,lendo o que você escreveu,eu penso em espírito amargurado,sentido,magoado com o rumo da sua carreira de Estado,frustrações de natureza funcional e quem não as têm,agora fazer tábula rasa,e tergiversar o verdadeiro sentido das coisas,mormente em têrmos de nossa carreira é que não podemos aceitar com ânimo passivo e indolente a tudo e a todos.Fazendo a minha instrospecção de vida,tenha a asseverar que,cursei bons colégios,estudei Latim durante 4 anos,com facilidade em tradução vernácula,estudei Francês,o que me permitia falar e traduzir fluentemente e por fim fechando as línguas alienígenas,remansei no meu Inglês que pelas mãos do meu amado pai(OFICIAL DO EXÉRCITO,HERÓI DA FEB,ADVOGADO DE ESCOL,INSTRUTOR DE EDUCAÇÃO FÍSICA DA AMAN)iniciou-me tb na língua saxônica,que inclusive conversava comigo para treinamento da língua.Caro colega Guerra,tenho tb especializações na área jurídica,só para elencar um pouco da minha vida acadêmica.O saudoso e culto DELEGADO DOUTOR AMIR NEVES o qual tive o privilégio e prazer de ter trabalhado,convocou-me para efetuar uma tradução de um robusto manual de Polícia,envolvendo as Polícias no mundo e especialemnte a do Japão,cuja obra iria fazer parte do acervo da biblioteca da nossa Academia de Polícia.MUTATIS MUTANDIS,nobre colega,antes de ingressar na Polícia Civil bandeirante trabalhei como Advogado,prestei obviamente antes o exame da OAB,está registrado que eu me submeti ao referido exame ao invéz do estágio,conquistei a minha carteira sob n.38124,fiz outros concursos na área federal com aprovação e chamamento para tomar posse,tendo declinado pelos salários à época dos fatos não serem convidativos,preferindo continuar advogando sob orientação do meu pai,com passagens em outras unidades jurídicas até culminar o ingresso na nossa carreira,a minha banca foi presidida pelo DOUTOR ARY JOSÉ BAUER,em 82,precisamente mês de junho,em cuja banca estavam presentes,o DOUTOR BENEDITO PIMENTEL,DOUTRO SETA,DOUTOR ORLANDO ROZANTE e DOUTRO BRUNO DE ALMEIDA PRADO.Guerra é devido a estes pífios e desagregadores pensamentos e idéias que,a nossa decantada e cada vez mais anorexica carreira,está do jeito que está,você consegue conspurcar o nobre e litúrgico cargo de DELEGADO DE POLÍCIA,exercido por vc também,cuja obrigação é defendê-la a todo custo,custe o que custar e não denegri-la colocando-a por compulsão em condição subalterna a outras carreiras jurídicas,lembrando sempre a você e a todos os policiais que lêem o seu injuriador blog não consegue energizar a valorosa POLÍCIA CIVIL DO BRASIL e não só de SP.Vou citar para o nobre colega Roberto Conde Guerra,um ditado talmúdico de um livro que eu li no original do autor Erich Fromm(ESCAPE FROM FREEDON) Ed.RINEHART &Co.New York-1970′SE EU NÃO FÔR POR MIM QUEM O SERÁ,SE EU FÔR POR MIM QUEM SEREI EU,SENÃO AGORA,QUANDO.’Os grandes culpados de tudo está do jeito que está reputo a colegas com a sua postura que querem sempre encontrar falhas e teimam em não apresentar as melhores soluções que cada caso requer,é por tudo isso,que o seu BLOG tem problemas sérios na Instituição,em que DELEGADOS DEVERIAM SER RESPEITADOS PELA SUA CONDIÇÃO ÍNSITA E NÃO O SÃO LAMENTAVELMENTE por tudo que nos diz respeito,pense em tudo isto colega GUERRA,defenda com orgulho a nossa carreira e não a avilta,entendendo prima facie,que as outras carreiras da justiça,são melhores e mais importantes que a nossa valorosa CARREIRA DE ESTADO,como bem diz em suas aulas na Faculdade de Direito o PROF.DOUTOR MARCO ANTONIO AZKOUL,O DELEGADO DE POLÍCIA É O MAGISTRADO NA SEGURANÇA PÚBLICA.obrigado e sejamos inteligentes inclusive com o novo governo e a nova administração que se avizinha.Que DEUS NOS PROTEJA E À FAMÍLIA POLICIAL CIVIL E MILITAR.

  5. Poxa Fausto, vc toma tramal com cachaça.

    Parece um boboca de um maçon falando um monte de besteira a uma platéia igualmente parva como seu arrazoado. Fez tanto, conheceu tanto, enriqueceu-se culturalmente tanto e hoje integra a mais desprestigiada polícia do Brasil, a PC de São Paulo. Com tanto conhecimento vc é realmente um talento desperdiçado em nossa instituição. Quando diz para que respeitem o cargo de Delegado de Polícia, tão injustamente agredido no blog, defende-o dizendo da importância dele. Eu nunca em 20 anos de trabalho no interior conheci um delegado que fazia jus ao que recebia. Preguiçosos, omissos, criadores de picuinhas, mentirosos, juridicamente ignorantes, sequer muitos deles sabem ligar um micro. Ainda usam um código de Celso Delmanto com mais de 10 anos de uso. De verdade, pelo que conheço da PC atual, tudo está muito bom pelo quase nada que produz. Meu cargo não dá direito imediato de mudar as coisas, mas quando sou agredido por um cara como você, “prolegominoso”, tradutor de obras em vários idiomas, incapaz de relatar um inquérito, incapaz de chegar no horário certo do Distrito, fazer mais de 3 horas de almoço, ficar escondido no apartamento enquanto o plantão às 3 da manhã de um sábado pega fogo, com dois ou três oficiais da PM trabalhando duramente e gente que fala e escreve como você, apenas pelo ramal mandando o escrivão autuar o desgraçado por delito qualquer e pedir para deixar “tudo direitinho” que de manhã assina, me dá revolta. Não dá para aguentar. Vocês destruíram a PC, esconderam-se atrás da cauda do pavão e agora veem dizer em dignidade do cargo, em respeito. Se caso vocÊs nos respeitassem, nos chamassem à mesa de negociação, lutassem com nossas classes como se fossemos um só corpo, a PC inteira hoje não estaria nessa condição. Tinhamos condições de elegermos ao menos dois deputados estaduais, galgarmos à condições dignas, não mais dignas, mas dignas. Pare de tanta jactância, a PC não precisa de policial como você, queremos trabalhadores, não diplomatas frustrados.

  6. é Fausto, ouça o Luis, não jogue suas pérolas aos porcos que depois de pisotea-las se voltam contra vc.

  7. É Luis eu acho que você esta falando dos Delegados da Capital e do Demacro. É facil falar estando do outro lado. Conheço Delegados que foram excelentes escrivães e depois que passaram a exercer a função de Delegado, vaticinaram que as coisas não eram como eles pensavam. Trabalhei com Escrivão de Polícia, cujo trabalho era de 1ª. linha e que dizia, não para me agradar, que quando o Delegado lança a sua asssinatura em um auto de prisão em flagrante delito ou no pedido de prisão preventiva ou provisória, é o dele que esta sendo colocado na reta. Vocês deveriam ao invés de reclamar, reperesentar ao seu Seccional, ao seu Diretor, ao seu Sindicato, eventual abuso do Delegado que comanda a sua unidade. Falar é facil, o duro e tomar decisões e ter que assumir as consequências dessas decisões. Eu te garanto, que se você fez o flagrante para o Delegado que o comanda, é porque você concordou com isso e não teve peito para enfrentá-lo. As vezes na vida é preciso tomar decisões, mesmo que essas decisões contrariem outras pessoas e não se acovardar e depois ficar generalizando que todos os Delegados são vagabundos. Dicordo de você e aqui no interior de São Paulo, o Delegado ainda baixa portaria, faz relatórios, elabora o corpo do flagrante e supri a ausência de escrivães etc. Conheço escrivães de policia e Investigadores, que são vagabundos como os Delegados a que você fez menção. Portanto, filho se vocês não está contente com o salário, eu também não estou, arregaça as mangas e comece a estudar para ingressar em outra profissão, porque aqui as coisas tendem a piorar.

  8. É melhor ler essas coisas do que ser cego. Todo servidor público detêm uma parcela do poder do Estado, caso contrário não haveria como exercer suas atribuições, pelo menos é o que diz o direito administrativo. Acho que o Maurício foi infeliz no comentário, ou o pai dele é juiz.

  9. Pode fechar o blog, o Luís destruiu, falou que eu queria mas não achava as palavras…

  10. Ao policial LUÍS e ao GUARUPOL,em primeiro lugar eu não me escondo em codinome,a minha vida funcional é aberta,por onde eu passei,excluindo o tempo da Academia,fui linha de frente,nunca tive padrinho para buscar locais de trabalho privilegiados e mesmo em minhas lentas promoções.Trabalhei em vários Distritos com gente muito boa,engraçado observar que o meu relacionamento com os policiais(investigadores,escrivães,optel,carcereiros e funcionários administrativos)sempre foram os melhores possíveis,já com alguns colegas Delegados,acredito que a estranha FOGUEIRA DE VAIDADES atrapalhou o que deveria ser um bom e salutar relacionamento funcional.Ocorre, que,queiram ou não queiram,o DELEGADO DE POLÍCIA representa o juiz na Segurança Pública,o episódio SALARIAL,não retira do cargo as prerrogativas que ele tem,se condição salarial fôsse conditio sine qua non para que tal cargo tivesse constitucionalmenter assegurado as prerrogativas funcionais,então,só os Estados da Federação que remunerasse muito bem,teriam os seus Delegados erigidos à condição de Autoridades Policiais que com as Autoridades Judiciárias completam o ciclo processual penal no Direito pátrio.Além do mais,LUÍS eu não o conheço e não sei que cargo vc tem na valorosa Instituição de Polícia Judiciária,seguramente eu te afirmo de viva voz ou por meio deste estranho BLOG que está atingindo caminhos perigosos,já alertei ao nobre colega Dr.Guerra que imponha moderação nos comentários que em algumas vêzes macula negativamente a Policiais que estão exercendo cargos de comando e direção,mas voltando a idéia primacial,vc seguramente não tem noção de respeito,educação,disciplina no trato com o Superior.Você,o Mauricio e outros tantos,se pertencessem aos quadros do Judiciário,pensariam mil vêzes ao se referir desrespeitosamente a figura do Juiz.Hic et nunc,na Polícia de agora,ainda nada mudou,a indisciplina,desrespeito,descortesia,são seguramente saneadas,e qdo vc se refere a mim com a expressão cara,cuidado moço,o caminho pode ser bem tortuoso para você em sua carreira.Eu trabalhei com o Dr.Eduardo Hallage,e garanto a você que se isto acontecesse de viva voz com o citado colega,ele te mandaria para a Academia,aprender disciplina,respeito aos Superiores e aos colegas de Trabalho.Conselho de quem tem 30000horas de voo na instituição,mude e busque o tratamento cortêz e educado no dia a dia no trabalho policial.GUARUPOL,vc deve ter razão qdo diz que o policial Mauricio,foi bem infeliz em suas assertivas,ignorando por completo o DIREITO ADMINISTRATIVO,CONSTITUCIONAL E LOP,nem que o pai dele seja Juiz,não cabe tais afirmações e são iradas,raivosas,frustradas,como dizem os latinos LITIGARE CUM VENTIS,não levam a lugaar algum e só traz descrédito a quem as pronuncia.Lembrem-se até os MAGISTRADOS BRASILEIROS RESPEITAM E MUITO OS DELEGADOS DE POLÍCIA DA NAÇÃO,sei por experiência própria fora e dentro do trabalho no Palácio da Polícia,como dizem os árabes,os cães ladram e a caravana passa.Boa sorte a todos os policiais civis que primam pela educação,respeito as suas bússolas que são os Delegados,como no Judiciário são os Juízes,MP são os Promotores,Forças Armadas idem os Oficiais.Obrigado.

  11. Quero deixar meu testemunho como Concilador que fui durante 05 anos no TJSP, Na Justiça como em qualquer outra carreira do serviço público você tem bons e maus profissionais e os juízes não estão acima de outros pobres mortais. Há juízes que trabalham chegam cedo e se dedicam, como há também aqueles que são preguiçosos, relapsos e desidioso com sua função. Por outro lado temos que reconhecer que hoje em nosso país há um grupo de 08 juízes para cada 100.000 habitantes que enquanto que em países desenvolvidos a proporção é de 18 juízes para cada grupo de 100.000 habitantes. Por isto nossa Justiça é morosa com
    resultados insatisfatórios, aqui em São Paulo também temos o problema da falta de autonomia do judiário, ou seja o que é arrecadado em termos de custas para o poder judiciário não volta em benefício do próprio judiciário, ou seja, a Fazenda Pública se apodera da maior parte dos recursos advindos e repassam ao judiciário o que bem entendem. Se aqui em São Paulo s fosse feito como se fez no Rio de Janeiro no qual o judiciário tem orçamento próprio, ou seja vive do que arrecada em custas, nós teríamos uma justiça mais eficiente. Lá no Rio de Janeiro um processo tem a duração de no máximo 03 anos entre o seu ajuizamento e a decisão em 2ª Instância. Além do que nós Policiais Civis somos Polícia Judiciária, assim sendo fazemos parte do sistema Macro-Judciário da qual fazem parte o Tribunal de Justiça eo Ministério Público, entendo que então nossos salários deveriam ser equiparados aos trabalhadores dessas outras duas instituições. Portanto é por isso que devemos lutar para equiparar nossos salários e também para reconquistar o respeito que merecemos. Mas para isso temos que expurgar a corrupção, a bandalheira, chega de policial honesto ficar fazendo bico para complementar salário.

  12. EU SO ESTOU QUERENDO O AUMENTO QUE NOS TEMOS DIREITO
    O RESTANTE PODE JOGAR NOS TRATADOS E ETC.
    SO O QUE TEMOS DIREITO E NADA MAIS.

  13. FAUSTO:

    Você pode ser um exímio tradutor, mas não é bom observador. Quem defendeu os altíssimos subsídios dos juizes foi o leitor e comentarista de nome MAURCÍO, como se vê epigrafado na postagem…

    Também não compreende a nossa PROFUNDA linguagem…

  14. Caro Fausto.

    Defendi meu ponto de vista. Talvez não seja do tipo de profissional que adjetivei. Não o conheço. Demonstra cultura e conhecimento. Também pelo tempo de serviço público deve ter a idade de meu pai. Não tornarei a dirigir-me dessa forma a você. Receba minhas desculpas pela maneira açodada com a qual rebati seus argumentos.

  15. Luize Fausto,
    todos nós estamos exasperados, desiludidos, sem esperanças, com ódio do PSDB, com raiva dos superiores( poucos são efetivamente culpados,pois neles também há o mesmo sentimento de desgaste, exceto os que de fato dirigiram a instituição nestes últimos anos e não tiveram hombridade e coragem de lenantar-se e virar as costas para esse governo).
    por conta dessa situação frequentemente exageramos em algum assunto que por um motivo qualquer nos irrita e acabamos ofendendo alguém. Isso,nesse espaço, é desculpável, diante de tudo que nos é desfavorável.
    O importante foi esse gesto de desculpar-se em reconhecimento do que possa ou acredite ter cometido.
    Isso é grandeza de espírito. Parabéns.

  16. Dr.Fausto,

    O Sr. que trabalha na SSP(sede),deveria saber omotivo dos codinomes,se não sabe está completamente alienado.O
    Dr.Guerra e o Investigador Flávio(Blog Investigador)estão
    sendo perseguidos e punidos ,pelo fato de acreditarem nos preceitos constitucionais, que preservam o direito à livre manifestação,vedado o anonimato,eles apenas reportaram em seus blogs material amplamente divulgados pelos jornais e pela mídia,cada um expôs após a matéria ,suas conclusões.Mas ainda assim sofreram e sofrem retaliações,pergunto: se em todo o Brasil, esta censura ocorresse,quantos jornais,jornalistas sendo processados,proprietários de revistas tendo seu “espaço cassado” , já não teriam fechado? Ou devemos apenas, aceitar essa censura em nome de que? Os corruptos que devem ser punidos,demitidos,e não aqueles que Não inventaram os fatos, apenas os relataram sem distorções.

O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do comentarista que venha a ofender, perturbar a tranquilidade alheia, perseguir, ameaçar ou, de qualquer outra forma, violar direitos de terceiros.O autor do comentário deve ter um comentário aprovado anteriormente. Em caso de abuso o IP do comentarista poderá ser fornecido ao ofendido!...Contato: dipol@flitparalisante.com

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s