Policiais da cidade de Sorocaba são denunciados por extorsão 46

Enviado em 31/12/2010 às 16:33

Policiais da cidade de Sorocaba são denunciados por extorsão:

Delegada e investigadores da Dise Sorocaba são pegos pela Corregedoria da Polícia e Delegacia de Crimes Funcionais

A delegada Simona Ricci Anzuíno e os policiais civis Ricardo Shulze, João Paulo Heitaro Abe, Giuliano Roberto Marcon, Ramon Bachiega Angelini e Rodrigo Gomes Matielli, todos da Dise (Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes) de Sorocaba, foram denunciados por extorsão, falsificação de documentos e formação de quadrilha.

O Ministério Público de São Paulo, por meio dos promotores de justiça que investigam o crime organizado na região de Sorocaba, ofereceu denúncia (acusação formal à Justiça) contra eles, segundo nota publicada no site do MP nesta quinta-feira (30).

Além deles, o advogado Hélio Ercino dos Santos Júnior foi denunciado por coação no curso do processo. Foi pedida a prisão preventiva de todos os acusados. A denúncia foi oferecida pelos promotores Maria Aparecida Rodrigues Mendes Castanho, Welington dos Santos Veloso e Claudio Bonadia de Souza.

O crime
Interceptação telefônica feita em 2007 pelo MP de Minas Gerais constatou a exigência, por parte de policiais da Dise de Sorocaba, de R$ 85 mil e um automóvel Audi para liberar traficantes. As investigações foram conduzidas pela Corregedoria da Polícia Civil e pela Delegacia de Crimes Funcionais de São Paulo, que identificaram os autores da extorsão e a principal testemunha do caso.