Fantástico show da morte – Mais um valente PM revelando os métodos da gloriosa milícia Bandeirante 34

dição do dia 22/02/2015

22/02/2015 21h16 – Atualizado em 22/02/2015 22h04

Policial militar é acusado de execução após perseguição em SP

Imagens mostram que não há troca de tiros, apenas um homem dispara, o PM. Ouvidor da Polícia de São Paulo diz que suspeito foi assassinado.

Um policial militar persegue suspeitos na Zona Lesta de São Paulo. As imagens mostram que não há troca de tiros, apenas um homem dispara, o PM.

“Ele não estava, com certeza, correndo risco de vida, o policial”, diz Júlio César Fernandes Neves, ouvidor da Polícia de SP.

O homem baleado, morreu. Fabricio Rodrigues dos Santos tinha 23 anos. O PM foi identificado: é o soldado Diego Lopes Silva, de 30 anos, preso desde sexta-feira (20), acusado de execução.

As imagens obtidas pelo Fantástico são do dia 5 de agosto de 2014. Foram gravadas pelas câmeras de segurança de uma distribuidora de materiais elétricos. Às 11h10, quem estava na rua se assustou com os tiros. Dois homens aparecem fugindo nas imagens. Na sequência, um outro. E, logo atrás, o soldado Diego Lopes Silva. O PM atira em Fabricio pelas costas.

O soldado fala com o baleado e corre em direção aos outros dois suspeitos.

“O policial não revista o Fabricio, num indício de que sabia que o indivíduo não representava risco para a segurança dele”, avalia o promotor de Justiça Leonardo Sobreira Spina.
Repórter: Ele estaria desarmado?
Promotor: Sim

Fabricio espera o policial se afastar e, ferido, entra na distribuidora. Um minuto depois, um funcionário vai para a rua e encontra o soldado Diego, avisa que o homem baleado está lá dentro e os dois vão para a empresa.

O modelo de câmera não grava sons e, por causa do posicionamento dela, não é possível ver o que acontece a seguir. Só é possível observar um clarão. Uma mulher que está próximo ao local se assusta e entra no escritório. Já o homem que mostrou onde estava Fabricio vira o rosto.

O Fantástico mostrou as imagens para o ouvidor da polícia de São Paulo, que recebe denúncias contra policiais civis e militares. Ele não tem dúvida: o clarão é de um tiro e Fabricio foi assassinado.

“Foi exatamente uma execução. Quem vê uma cena dessas fica assustado, surpreso e muito triste”, avalia Júlio César Neves.

“A vítima, quando foi mortalmente atingida, já estava subjugada”, afirma o promotor de Justiça.

A gravação continua e mostra que alguma coisa cai no chão. Para o Ministério Público, é a cápsula da bala usada para executar Fabricio com o tiro no peito. O policial Diego Lopes Silva pega o objeto. Essa cápsula nunca foi entregue para perícia.

“O policial militar não queria aquele cidadão vivo e queria se eximir de uma possível culpa ali, mudando a cena do crime”, diz o ouvidor.

E mais: o local onde Fabricio foi morto, não foi isolado, como seria o procedimento correto. Um PM que ainda não foi identificado mexe no corpo.

O soldado Diego Lopes Silva disse que Fabricio e dois comparsas estavam em um carro e não obedeceram a ordem de parar. Depois, houve a perseguição a pé. O PM assumiu que atirou, mas alegou legítima defesa, no linguajar policial, “resistência seguida de morte”.

Em depoimento ao Departamento de Homicídios de São Paulo, Diego disse que Fabricio atirou várias vezes contra ele e que, ao ser baleado, o rapaz deixou a arma, uma pistola, cair no chão. O soldado contou que pegou a arma do suspeito e que não deu nenhum tiro em Fabricio dentro da empresa.

Além das imagens das câmeras de segurança, outra prova contra o soldado é o laudo oficial da perícia. Fabricio não tinha resíduos de pólvora nas mãos, indicando que ele não disparou a pistola.

“Houve a necessidade da prisão cautelar do policial militar para que as testemunhas do caso se sintam livres para prestar um depoimento verdadeiro”, explica o promotor de Justiça.

Depois que Fabricio foi morto, a polícia pesquisou os antecedentes dele. O rapaz já tinha cumprido pena por receptação e respondia por furto. Naquele dia, ele e os dois comparsas tinham acabado de furtar rodas de carros.

Ao Fantástico, os pais de Fabricio disseram esperar por uma punição aos culpados. “Não vai trazer ele de volta, mas Justiça eu quero que tenha para ele”, diz a mãe.

“Covardia atirar pelas costas do meu filho. Eu vou trabalhar, você não se concentra direito, eu penso no meu filho 24 horas por dia”, conta o pai.

O assassinato de Fabricio Alves dos Santos faz parte de uma lista de 801 pessoas mortas pela Polícia de São Paulo em 2014. Esse número revela o nível de violência usado principalmente pela Polícia Militar para combater o crime no estado. São essas as principais conclusões do relatório anual da Ouvidoria da Polícia de São Paulo, a que o Fantástico teve acesso.

Em 2013, 436 pessoas foram mortas por policiais no estado de São Paulo. Em comparação a 2014, houve um aumento de 83,7%.

Fantástico: Em que momento o policial pode atirar para matar?
Júlio César Neves, ouvidor da Polícia de SP: Só em legítima defesa de sua vida.

Em 2014, 79 policiais foram mortos. Em 2013, 74.

Em nota, a Secretaria de Segurança Pública disse que o aumento de mortes se deu por causa do crescimento de 52% nos confrontos de criminosos com a polícia. Também afirmou que não tolera abusos e excessos; e que age para coibir e punir quando necessário.

Acusado de execução, o soldado Diego Lopes Silva pode ser condenado a 30 anos de cadeia.

http://g1.globo.com/fantastico/noticia/2015/02/policial-militar-e-acusado-de-execucao-apos-perseguicao-em-sp.html

  1. Mais uma vez, a melhor polícia do Brasil atuando contra o crime. Esta Polícia tem que acabar.

  2. DR. GUERRA,

    SE POSSÍVEL FOR E CLARO, SE ACHAR PERTINENTE, POR GENTILEZA COLOQUE O POST ABAIXO. ESSA MATÉRIA DEMONSTRA CLARAMENTE QUE O GOVERNADOR NÃO VAI QUERER DAR AUMENTO.

    Carlos Vítolo

    Jornalista/Assessor de Imprensa do Sindasp-SP

    imprensa@sindasp.org.br

    ® © (Direitos reservados. A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura do jornalista e do Sindasp-SP, mediante penas da lei.)

    Diretores do Sindasp-SP foram recebidos na tarde desta sexta-feira (6) pelo secretário de Estado de Planejamento e Gestão, Marcos Antonio Monteiro, para dar início às negociações da pauta de reivindicações 2015 da categoria.

    A reunião ocorreu na Secretaria de Planejamento e Gestão (SPG), e estiveram presentes o presidente do Sindasp-SP, Daniel Grandolfo, o Diretor Suplente de Saúde, Carlos Alberto B. Peretti, o Secretário-Geral, Cícero Félix, e o Diretor Comunicação, Ismael Manoel dos Santos.

    De acordo com Grandolfo, os sindicalistas foram muito bem recebidos pelo chefe da Pasta da SPG. Os diretores explicaram ao secretário que a pauta 2015 foi elaborada após doze Assembleias Gerais Extraordinárias (AGEs) realizadas pelo Sindasp-SP de 10/11 a 2/12/2014.

    Lembraram ainda que a categoria definiu seis itens que compõem oficialmente o documento e que o mesmo representa os anseios dos agentes de segurança penitenciária (ASP) para 2015. Vale lembrar que as propostas foram apresentadas pelos servidores, e em seguida votadas e aprovadas pelas assembleias.

    Em seguida, os sindicalistas apresentaram a pauta 2015 ao secretário, que é composta pelos seguintes itens:

    1- Inflação + 10% de valorização;

    2- Valores do auxílio-alimentação no holerite;

    3- Aposentadoria especial aos 25 anos de atividade com integralidade e paridade;

    4- Promoção automática de uma classe na aposentadoria;

    5- Porte de arma para aposentados;

    6- Venda dos três meses da licença prêmio.

    Após a exposição dos sindicalistas, o secretário lembrou que esse encontro foi apenas um primeiro contato e que nada seria decidido. A primeira reunião seria para dar início a estudos e análises técnicas.

    Monteiro destacou que o País está em recessão e que a arrecadação do governo caiu bastante e que a tendência é cair ainda mais. O secretário apontou ainda que esse ano é um dos piores anos do governo e que todos estão assustados.

    O presidente do Sindasp-SP iniciou a conversa destacando a questão da concessão do Bônus de Resultado Penitenciário (BRP) anual para os servidores. O bônus foi uma das reivindicações dos servidores durante a greve da categoria realizada de 10 a 26 de março do ano passado.

    De acordo com Grandolfo, o secretário disse que “o quanto antes, eles vão chamar para discutir os termos dessa bonificação que é um acordo da pauta de reivindicação 2014”. O presidente lembrou que foi discutido minuciosamente item por item da pauta com o secretário, mas como ele já havia dito antes, o encontro foi apenas um primeiro contato e nada seria decidido naquele momento, dependo de estudos e análises técnicas do governo.

    Por fim, o secretário destacou encaminhará o documento aos técnicos do governo e que assim que tiver uma posição será marcada uma nova reunião.

  3. Isso tem um nome = ASSASSINATO !

    E não adianta aparecer a tropa de choque fardada e adestrada pelos estrelinhas, para ficar postando aqui que o morto era mala, que já tinha passagem e blá blá blá.

    No estado de direito não existe a pena de morte, execução sumária por qualquer agente público e mesmo que houvesse previsão legal, o bandido teria que ser julgado e condenado à morte.

    Quem defende esse tipo de bandido fardado, corre o risco de amanhã ter um filho seu morto por “furar uma blitz”, ou simplesmente encontrar-se no lugar errado na hora errada. Aí eu quero ver, com um ente querido assassinado por um PM mal preparado e imbecilizado pelos superiores, defender a atitude CRIMINOSA de quem recebe seus salários do povo, para aplicar as leis.

    O pior é que o trouxa que tentou pagar de herói para sua gloriosa corporação, agora vai ser ignorado por aqueles que incentivaram essa tragédia, porque na mídia e perante o Poder Judiciário, os estrelinhas = Oficiais vagabundos, vão pregar que essa não é a filosofia da Polícia Militar e que defendem a apuração rigorosa dos fatos e punição exemplar ao soldado que matou a sangue frio; mesmo tipo de comportamento dos políticos corruptos do PSDB, que escondem seus mal feitos à exaustão, mas quando não têm mais o que fazer, vem a público defendendo “apuração rigorosa”, enquanto por trás dos holofotes, movimentam seus pares, MP, Judiciário, mídia comprada e tudo mais, para varrer a sujeira para debaixo do tapete.

    Frase do ladrão de bancos, Lúcio Flávio Villar Lírio: BANDIDO É BANDIDO E POLÍCIA É POLÍCIA.

    S for para igualar tudo, tira a farda, entrega o distintivo e sai na rua para roubar, matar, de igual para igual.

    O resto é COVARDIA !

  4. há tempos que isso daqui virou terra de ninguém…..cada postagem do Dr Guerra mostra isso

  5. Há cerca de 3 anos atrás fui fazer curso na academia de mogi. Na hora do almoço saímos do estande e fomos em direção aos alojamentos onde acontecia uma atividade prática com uma turma de alunos investigadores.

    Em dado momento do exercício correria gritos e um professor que fazia um determinado papel correu. Um dos alunos deu 3 passos e acionou o simulacro na direção do professor. Click, click, click. 3 disparos.

    Os professores pararam o exercício e perguntaram : vc atirou? Ele respondeu sim.

    Chegando ao professor fugitivo este não portava arma e foi dito ao aluno: a decisão é sua, ninguém aqui quer ser mais realista que o rei, mas vc acabou de ganhar um PA/IP gigante na corro.

    Antes que me acusem de estar com do de ladrão afirmo mais uma vez: tenho do do PM e de sua família.

    Servem cegamente ao Estado e a PM quando deveriam , em nome da subsistência de sua família, sequer apenas a lei.

    No caso concreto eu particularmente acho que o PM atingiu a perna do fugitivo ( ele pareceancsr qdo levanta). Seria até possível defender a lesão para o estrito cumprimento do dever legal, oq não seria admissível caso se levasse em consideração que o PM atirou para matar. Neste caso só a LD justificaria o tiro, oq, ao q parece não havia.

    Independente desta discussão teórica oq vem depois ( ou ao menos parece) não cabe em qq tipo de excludente.

  6. Algum filhodaputa por acaso fala sobre os sei lá mais quantos POLICIAIS EXECUTADOS ????????
    AAAHHHHHH VÃOSEFODER !!!!!!

  7. Acho q vc não entendeu amigo.

    Vc invoca o grande número de policiais mortos para tentar justificar a morte do ladrão.

    Repito: ninguém aqui está preocupado
    Com a morte do ladrão.

    Estou preocupado com a morte – ainda em vida – do policial e de sua família.

  8. Quando entrei na PC a 19 anos houve o seguinte caso: dois vagabundos entraram na farmácia e balearam o dono, um sr de 80’anos, que graças a Deus não morreu.
    Os antigos do distrito levantaram os dois e me chamaram pra cana c o seguinte discurso: vc vai com a gente, se os caras reagirem vamos atirar, se correrem a gente corre atrás, mas não vai sair dando tiro nas costas de ninguém. Se não pegar hoje pegamos amanhã. Pegamos um o outro fugiu e pegamos uma semana depois.

    Nenhuma vida de policial destruída por conta de um vagabundo q nada vale

  9. Talvez seja isto Dr Guerra, uma condicionante equivocada. Talvez uma percepção errônea sobre a amplitude da excludente.

    Talvez uma necessidade cega de servir a corporação ou ao Estado.

    Talvez a visão positivista de estar participando de algo maior, justificável por do só diante da escolha moral que recaiu sobre para a execução da tarefa.

  10. 30 ANOS DE CANA DURA, EXPULSÃO E DEPOIS , PRESÍDIO COMUM…PRA DEIXAR DE SER TROUXA!

  11. DERAM MUITO PODER A PM DE SP, MUITOS PRIVILÉGIOS E AGORA CRIARAM UM MOSTRO INCONTROLÁVEL.

  12. Só quem puxou um plantao dobrado de 48 horas para ganhar 150 reais, e 2 dias depois ver o miolo do porta malas de seu carro destruído, e sem o estepe, sabe o bem que esse policial militar fez.

    Qtas almas esse lixo que morreu desgraçou.

    Eu mesmo. Após tomar esse preju, virou minha cabeça. Não vou entrar em detalhes, mas por causa de um lixo desse que morreu, os bons começam a ir para o lado negro.

    E vai tomar no cu quem falar “isso é índole e blablabla “…..

    48 horas para ganhar 150 reais…..e um lixo desse me deu um preju de 500 pau em 30 segundos.

    Colo do capeta e estatua para esse PM é pouco.

  13. Inflação voltou

    Se a vida humana vale menos que um estepe de 500 paus, você não pode reclamar…150 reais pelas tuas 48 horas de trabalho é verdadeira fortuna!

  14. Flit:

    Na verdade só 24 horas. Pq as outras 24 horas era meu plantao mesmo.

    Note: sou um afortunado. Trabalho 24 horas + 24 horas extras para dar sustento digno e honesto a minha familia.

    O ladrão de estepe trabalha 30 segundos para a familia dele e destruir a minha.

    Continuo com minha opinião.

    Ps: vida humana?

    Um lixo desse vale menos que um estepe.

    Meu direito de pensar assim. Mas respeito o seu tb.

  15. Quase isso: colo do capeta para o ladrão e Romão romes para o policial.

    A conta não fecha. Não adianta ficar se apegando a aquilo que achamos que deveria ser e sim a aquilo q efetivamente é.

  16. Inflação voltou disse:
    23/02/2

    CONCORDO COM VOCÊ. A MERDA É QUE A PM MAIS ERRA DO QUE ACERTA. PENSO QUE QUANDO O MENOR ROUBA SEU CARRO E NA FUGA BATE, DEVE-SE PEDIR AOS RESPONSÁVEIS(PAI, MÃE, AVÓS) QUE ASSUMAM O PREJUÍZO. ESSA PUTARIA DE FAMÍLIA DAR GUARIDA A MENOR LADRÃO ACABARIA RAPIDINHO. SE NÃO TIVER PATRIMÔNIO, PAGA EM SUAVES PRESTAÇÕES O PREJUÍZO CAUSADO PELO LINDINHO.

  17. Mais uma vez o apego ao mundo do deveria ser.

    Para se ter restituído o prejuízo causado pelo crime existe a ação civil ex deliti.

    Ora , qual vítima vai ter coragem de cobrar a família do vagabundo em juízo, ficando sujeito a todo tipo de ameaça.

    É oq deveria ser, mas não é

  18. ESSA É A DIFERENÇA DE UM POVO DE MERDA, QUE NÃO TEM MORAL E VEM DE UMA COLONIZAÇÃO QUE SÓ INTERESSAVA O LUCRO. A DIFERENÇA DO POVO AMERICANO, JUDEU ENTRE OUTROS QUE TEM SENSO PÁTRIO E RECONHECE QUE SEU PAÍS NÃO PODE SER ENTREGUE A “COMPATRIOTA” QUE NÃO ESTÃO INTERESSADOS EM CRIAR UMA GRANDE NAÇÃO E SIM SE SERVIR DELA E DE SEU POVO. JUNTE A ISSO UMA CULTURA QUE PREZA A PLASTICA E NÃO A INTELIGENCIA. QUE PREZA A “MALANDRAGEM” E NÃO O MÉRITO. O PARECER E NÃO O SER. QUE PREZA O BANDIDO EM DESFAVOR DAQUELE QUE PROTEGE A SOCIEDADE. QUE COLOCA PROGRAMAS QUE HIPNOTIZAM A POPULAÇÃO E FAZ COM QUE ESSA NÃO PENSE, POIS ACHA QUE QUALQUER DIA DESSES PODERÁ SER ELA APARECENDO NUM BIG BROTHER DA VIDA E SENDO FAMOSA, MESMO QUE SEJA DA FORMA MAIS ESCATOLÓGICA E NOJENTA POSSÍVEL.

    UM PAIS SERIO COM GENTE CONSCIENTE AGE DESSA FORMA. (SIRENE RELEMBRANDO VITIMAS DO NAZISMO).

  19. A meta da PM, possivelmente, seja atingir o “milionésimo caso isolado”:

  20. Um cabra ameaçando todo mundo com uma faca, prefeito e seus seguranças ( de outro Pais), descem do carro e mesmo os seguranças estando armados, dominam o meliante sem disparar um tiro…..se fosse aqui já era! Essa é a diferença de policiais treinados, de elite, conscientes do seu dever e juramento.( POLICIA PREPARADA) Aqui o cabra ganha menos de 3 mil, faz bico pra caramba, nem casa própia tem, carro financiado a perder de vista, emprestimo de montão em seu holerith, só vive duro e por qualquer coisa mata! ( POLICIA DESPREPARADA). Aí tem uma camera, poe por agua abaixo a versão da famigerada resistencia seguida de morte, cai na TV…pronto….acaba com sua vida, carreira e a vida de sua familia… e o pior, como um covarde pois atirar pelas costas, e depois do cara ferido ao invés de prender executar….vai ser burro assim na cdc.

  21. Caramba!!!!!

    Dá pra alguém avisar os PMs que a muito tempo as cidades grandes exemplo SP, tem centenas de câmeras + as câmeras de celulares. PMs não da pra ficar querendo arredondar todas as situações!!!!!!!

    Acorda PM !!!!!!

    Se o mala correr corre atrás, se não pegar fazer o que fodasse …….

    Agora por burrice o PM vai “perder sua vida”… triste.

  22. Marginal com antecedentes criminais, receptação, furto, já foi preso e não se corrigiu. Vejo alguns comentários por aqui, que até me fazem pensar que morreu um trabalhador. Infelizmente o PM estragou sua carreira profissional e a vida de sua família que vai sofrer junto. E infelizmente uma boa porção da própria polícia se diverte rindo do colega de trabalho e se compadecendo do marginal.

  23. Fecho com o comentário do Cidadão.

    E mais: Aí aparece o pai do maldito dizendo que pensa no filho morto 24 horas por dia.

    Mas e enquanto o filho estava vivo – será que o pai também pensava nas merdas que o canalha fazia 24 horas por dia ?

    E no outro comentário : ” Quem defende esse tipo de bandido fardado, corre o risco de amanhã ter um filho seu morto por “furar uma blitz”, ou simplesmente encontrar-se no lugar errado na hora errada. Aí eu quero ver, com um ente querido assassinado por um PM mal preparado e imbecilizado pelos superiores, defender a atitude CRIMINOSA de quem recebe seus salários do povo, para aplicar as leis “.

    E eu digo : Quem defende esse tipo de bandido também corre o risco de amanhã ter um filho seu morto por negar-se a entregar o celular ou o par de tênis. Ai eu quero ver, com um ente querido assassinado por um LADRÃOZINHO sem noção e imbecilizado pela moda do crime defender a atitude CRIMINOSA de quem não contribui com merda nenhuma para a sociedade.

    A perda de um ente querido em qualquer das circunstâncias será dolorosa.

    Mas, se você se fizer compreender que NÃO SE DEVE “FURAR UMA BLITZ” ou ainda QUE NÃO SE DEVE FREQUENTAR CERTOS LOCAIS PARA NÃO CORRER O RISCO DE ESTAR NO LUGAR ERRADO NEM NA HORA ERRADA talvez esses fatos jamais ocorrerão com seu ente querido.

    Agora como dizer para um trabalhador que ele tem que entregar seu suado dinheiro ou qualquer outro objeto (conquistado arduamente) para um VAGABUNDO – pois senão – ele pode te matar.

    Chega de hipocrisia …

  24. A “sorte” de alguns PMs é que crime doloso contra a vida é julgado pelo Tribunal do Júri, onde os jurados absolvem ou condenam sem precisar justificar.

    Será instaurado IPM que será remetido a “Justiça Militar” que se dirá incompetente e remeterá para a comum. A PM dará um belo pé na bunda no administrativo dizendo que não compactua com desvios de conduta, etc.,

    São verdadeiros capitães do mato, caçadores de pretos pobres.

    Quando não matam espancam os presos.

    Não interessa se é ladrão, reincidente, etc., não havendo resistência real, ou agressão, o policial não está autorizado a usar força, muito menos força letal.

    Somos mesmo uma democracia sui generis. Me mostrem um único lugar no mundo onde se transporta presos em “chiqueirinho”. Nem na Coreia do Norte.

    Abraços!

  25. PMs vocês tem de aprender o Estado não paga vc para matar e sim para prender,se não deu nessa foda-se,tenta na outra!!O seu Herr comandante que apareceu ali na hora para tirar a foto ao,lado do leão morto é o mesmo que te fodeu!!!E agora como fica a familia,Pms elas vem em primeiro lugar sempre!!

  26. acho engraçado o povo falar que o cara era ladrão e por isso tinha que morrer, só que a maioria desses negocios de peças roubados de veiculos é acobertada e funciona com a conivencia de policiais ou ex policiais civis ou militares, ou seja, muitos malas das policias também levam o seu com o fruto do roubo ou furto e corrupção ! só que não tem a coragem de por a mão na massa e roubar como fez o correria ! se for pra matar sem direito a julgamento tem que ser todo mundo fuzilado então !

  27. Há de se parar essas matanças sem controle, onde atiram em tudo que se mexe!

  28. Em Campinas, mais 5 PMs que participaram das chacinas de janeiro de 2014 tiveram suas prisões decretadas pela Justiça e já estão no Romão Gomes.

    Detalhe: os 5 já haviam sido EXPULSOS pelo Comando da Polícia Militar em dezembro de 2014.

    VAI TROUXAS ! DEFENDAM A “GLORIOSA”, SE MATEM PELO ESTADO QUE LHES PAGA UMA MERRÉCA. ESPANQUEM OS TRABALHADORES E ESTUDANTES NOS PROTESTOS.

    Se você é Policial Militar e sabe ler, procure o livro “Sargento Getúlio”, do saudoso João Ubaldo Ribeiro.

    Leia e reflita.

  29. A imagem do garotinho com a camisa da Pc, é a coisa mais linda! Simboliza nossos filhos…filhos de PC. de PM. de PF. de PRF, DE GCM, de Agentes…etc..você ensina a andar, atravessar as ruas, Muitas vêzes, como eu, troca as fraldas….aí ele com 17, 18 anos erra, ai vem uma filha da put…e mata!..errou, prende, dá um tiro na perna, no pé, domina….deixa a justiça julgar, faz academia pra que!, mas não mata! O foda, é ver uma filha da puta de um PM que matou seu filho, olhar na sua CARA, enquanto seu filho tá lá, seco, frio, no necrotério, e ele ali..olhando nos seus olhos…, rodiado de PMs e de um delegado fraco, que paga paú pra eles…seu filho jamais volta…não teve uma chance com 18 anos de vida,…jamais irá te chamar de pai..Quantos e quantos colegas de infancia vi errar e se recuperar e hoje ser um ótimo pai de família…mas ao meu filho e filhos de muitos trabalhadores não deram chances mataram,os fudidões, os melhores, os elites….acabaram comigo e com minha familia…mas pra tomar uma cervejinha ou com limão no bar da própia vila, ficam com o cú preso..são bons numa barca com 4, 5, ou pegando no esquisto moleques despreparados……filhos de polítcos, ou polítícos jamais pegam, pois sabem ….a peia que irão arranjar..porém que APANHA JAMAIS ESQUECE..E PRA QUEM SABE LER UM PINGO É LETRA…Se há PMs, Pcs, PF. PRFs. GCMs, Agentes Pentenciarios, honestos nesse País, vamos expulsar de nossas corporações esses LIXOS, matadores e assassinos pois a proxima vítima pode ser VOCÊ!…pelo que posto, é fácil levantar meu endereço, mas eu não tenho 18 anos, nem sou despreparado…..e nem covarde e assasssino!

O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do comentarista que venha a ofender, perturbar a tranquilidade alheia, perseguir, ameaçar ou, de qualquer outra forma, violar direitos de terceiros.O autor do comentário deve ter um comentário aprovado anteriormente. Em caso de abuso o IP do comentarista poderá ser fornecido ao ofendido!...Comentários impertinentes ou FORA DO CONTEXTO SERÃO EXCLUÍDOS. Contato: dipolflitparalisante@gmail.com

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s