LACUNA NO CÉREBRO E NA CORAGEM INTELECTUAL – Delegado titular de Cubatão tentando defender a prisão em flagrante do casal vítima de roubo qualificado diminui a própria carreira 33

Enviado em 27/02/2015 as 12:48 – paulo

Estudante13, volta pra escola!
Se o “delegado não pode fazer nada”, como muitos desavisados aqui defendem, então, primeiro: pede pra não reconhecer o delegado como carreira jurídica, que carreira jurídica que não observa princípios de direito não serve pra nada;
Segundo: acaba com a carreira de delegado, afinal, segundo alguns aqui, não passam de escrivães de luxo e, aproveitando a audiência “preliminar” agora adota em SP, manda a PM entregar tudo direto pro MP e pro Juiz.
A PM já “investiga mesmo”, junto com GAECO e outros quetais, vamos economizar mandando esses cartorários (como alguns aqui querem ser vistos/ou exercer tão nobre profissão) pra casa!
Como o Dr. Guerra explicou: lavra o flagrante de tentativa de latrocinio/homicidio da vítima comerciante, “de cabo a rabo”, manda prender os malas e SÓ.
SE O SR. MP quiser, que, no futuro, assuma a p..a de prender vitimas em legítima defesa real.
Pior foi prender a mulher pelo porte/fraude processual, quando a arma estava na casa do cara que tinha autorização para ter a referida arma!
Ou o Majura flagrou ela levando a arma pra casa? Deveria deixar e arma no chão, pra algum “esperto pegar”?
Na modesta opinião de nove e meio entre dez advogados, juízes, promotores, e até delegados, com quem conversei, isso tem cheiro de “abusinho de autoridade”.
Mas isso não vai se falar na TV, lógico, senão a indenização que é quase certa, vai virar indubitável….
De todo modo, melhor mandar esse caso ser investigado pela Corró da Civil, afinal lá vão apurar se algum treco deu dado na cabeça da autoridade pra fazer isso ai…

_______________________________________________

Para quem estudou em escola pública, como eu:

Lembram daquele aluno – antigamente apelidado como “Turista” , “Pileque”  ou  “Patropi”; aquele que faltava o ano inteiro…

Mas fazia questão de comparecer justamente no dia que a classe combinou a “bolação de aula” coletiva; exigindo a sua presença para provar em casa a assiduidade?

Tem delegado que é assim!

Não lavra flagrante quando todos os demais lavrariam, mas prende quando todos os outros jamais o fariam.

E ainda prende a vítima!

Vigarice. 

Pior é o corporativismo reverso: um superior – defendendo o ato do subordinado – afirmar publicamente que não cabe aos delegados de polícia a decisão sobre excludente de crime; tarefa exclusiva do Juiz de Direito …

Que há lacuna na legislação; etc.

LACUNAS NO CÉREBRO E NA CORAGEM INTELECTUAL!

Não adianta, tem delegado que diante dos próprios erros  – para se justificar – prefere se mostrar como mero tira ou escriba com um salário melhorado.

Mas quando se trata de prejudicar desafetos ou se locupletar : A LEI SOU EU!

Episódio vergonhoso.

Chama o Zíngaro!

  1. A REVOLTA DA POPULAÇÃO É QUE APESAR DE VOCÊ SER UM CIDADÃO DE BEM, CUMPRIDOR DOS SEUS DEVERES, ACABA ENVOLVIDO EM FATOS QUE PODEM ENSEJAR EM CADEIA OU MORTE. VEJA BEM, O COMERCIANTE ESTAVA CHEGANDO EM CASA. O BANDIDO PROCURANDO UMA VITIMA. NO FINAL BANDIDO MORTO, E CIDADÃO BALEADO E PRESO. QUAL A CULPA QUE O COMERCIANTE TEVE NO FATO? ELE APENAS SE DEFENDEU COM AQUILO QUE ELE TINHA EM MÃO, SEJA UMA .40 OU UM ESTILINGUE. O QUE NÃO DÁ PARA ENTENDER É QUE NÃO HOUVE CRIME CONTRA O ESTATUTO DO DESARMAMENTO. JÁ HOUVE CASOS DE ATIRADORES/COLECIONADORES SE DEFENDEREM USADOS ARMAS QUE CONSTAM NOS SEUS MAPAS DE ARMAS. É O ESTADO DE NECESSIDADE. USOU PARA SE DEFENDER, AQUILO QUE TINHA EM MÃO NO MOMENTO. NÃO HOUVE PREMEDITAÇÃO. NA MIN HA OPINIÃO FOI VONTADE DE FERRAR COM O COITADO DO COMERCIANTE. O MEDO É TANTO DE RESPONDER A UM PA QUE ACABA OCORRENDO ESSAS INJUSTIÇAS.

  2. Bom, quem já trabalhou no deinter 6 sabe do histórico desse delegado.

    A própria matéria diz que o rapaz estava com a documentação em relação à arma em dia.

    A propria matéria diz que o casal possui residência fixa, trabalho lícito.

    As lesões e os danos ocasionados na vítima e no local é a maior prova de que foi em legítima defesa.

    O juiz libera a vítima algumas horas depois com essas justificativas.

    Serão que não caberia uma condição de averiguado em vez de indiciado e flagrante?

  3. A rigor, titular só pensa na sua cadeira, mija pra pm, promotor, juiz, prefeito, vereador, assessor do assessor do assessor de qualquer bosta da administração, até escrevente do fórum fala alto com ele, e o bicho obedece igual a uma putinha, afinal tudo pelo $ocial, agora pra fuder o subordinado é um leão feroz, vem babando, vão ser covardes e medrosos assim na pqp

  4. Guarda civil atira em 3 pessoas após discussão de trânsito na Grande SP
    Confusão começou após guarda bater em carro de taxista em São Caetano.
    Tiros também acertaram outras duas pessoas em um restaurante.
    Do G1 São Paulo
    FACEBOOK

    Um guarda civil municipal atirou e deixou três pessoas feridas durante uma discussão de trânsito no Centro de São Caetano do Sul, na Grande São Paulo, no início da noite desta quinta-feira (26).
    O guarda civil foi estacionar o carro na Rua Manoel Coelho, encostou no veículo de um taxista que estava parado e os dois começaram a discutir. Durante a discussão, o guarda sacou a arma e atirou no taxista. Os tiros também acertaram outras duas pessoas que estavam em um restaurante próximo.
    O taxista foi atingido com um tiro de raspão na orelha. Um mulher foi baleada na perna e outro homem levou um tiro no ombro. Nenhuma das vítimas corre o risco de morte.
    A vítima, o taxista Marcio Matos, conta que o guarda, que estava à paisana, disse que ele tinha estacionado em local proibido. “Como uma pessoa dessa [guarda civil] em uma discussão boba pega a arma e dá um tiro?”, questiona Matos com indignação.
    O guarda foi preso em flagrante e vai responder por lesão corporal. A Corregedoria da Guarda Civil Municipal lamentou o ocorrido e disse que ele está à disposição da Justiça.

  5. Guarda civil atira em 3 pessoas após discussão de trânsito na Grande SP
    Confusão começou após guarda bater em carro de taxista em São Caetano.
    Tiros também acertaram outras duas pessoas em um restaurante.
    Do G1 São Paulo
    FACEBOOK

    Um guarda civil municipal atirou e deixou três pessoas feridas durante uma discussão de trânsito no Centro de São Caetano do Sul, na Grande São Paulo, no início da noite desta quinta-feira (26).
    O guarda civil foi estacionar o carro na Rua Manoel Coelho, encostou no veículo de um taxista que estava parado e os dois começaram a discutir. Durante a discussão, o guarda sacou a arma e atirou no taxista. Os tiros também acertaram outras duas pessoas que estavam em um restaurante próximo.
    O taxista foi atingido com um tiro de raspão na orelha. Um mulher foi baleada na perna e outro homem levou um tiro no ombro. Nenhuma das vítimas corre o risco de morte.
    A vítima, o taxista Marcio Matos, conta que o guarda, que estava à paisana, disse que ele tinha estacionado em local proibido. “Como uma pessoa dessa [guarda civil] em uma discussão boba pega a arma e dá um tiro?”, questiona Matos com indignação.
    O guarda foi preso em flagrante e vai responder por lesão corporal. A Corregedoria da Guarda Civil Municipal lamentou o ocorrido e disse que ele está à disposição.

  6. Doutor Guerra, o cerne da questão não está na legitima defesa, ou no porte de arma, mas perguntar: “quem” foi o meliante morto? Ele é parente “de quem”?
    É alguém do meio criminoso?
    Por uma MERA SUPOSIÇÃO, será que isso pesou na mão da autoridade ao lavrar o flagrante, que ficou temerosa com eventuais dissabores caso soltasse livre o algoz do irmãozinho de alguém??????

  7. JClaudio:

    Coincidência ou não, a defecada ocorreu em Cu … batão!

O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do comentarista que venha a ofender, perturbar a tranquilidade alheia, perseguir, ameaçar ou, de qualquer outra forma, violar direitos de terceiros.O autor do comentário deve ter um comentário aprovado anteriormente. Em caso de abuso o IP do comentarista poderá ser fornecido ao ofendido!...Comentários impertinentes ou FORA DO CONTEXTO SERÃO EXCLUÍDOS. Contato: dipolflitparalisante@gmail.com

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s