Briga pessoal entre dois coronéis prejudica mil sargentos da PM de São Paulo 61

sargentos

 

Enviado em 07/03/2015 as 15:59 – Era sargento, agora  sou cabo

Boa tarde.

O caso é o seguinte

Policiais Militares, prestaram a prova para ingressar na carreira de Sargento da Policia Militar.

Pois bem após autorizados a prestarem o referido concurso, os aprovados foram retirados do patrulhamento diário em prol da população para durante um ano, se submeterem ao Curso de Formação de Sargentos da PMESP, (não fazem mais patrulhamento e recebem salário normalmente idêntico aos que trabalham no patrulhamento) (também recebe salário, os Oficiais da PMESP, que ministram aula durante um ano na Escola de Sargentos, não só e apenas salário, recebem bônus(hora aula) que posteriormente é incorporado ao salario do “PROFESSOR”, Normalmente um Oficial da PMESP. o qual recebe mais do que os que estão trabalhando nas ruas no policiamento preventivo.

Transcorreu  Curso durante o ano de 2014, Policiais de varias cidades do interior e da capital, ficaram fora do patrulhamento, recendo salario e aprendendo numa sala de aula para que o Oficial da PM recebesse uma graninha a mais.

Terminado o ano todos felizes, professores incorporando décimos horas aulas em seus salarios Policiais Militares formados e por ai vai.

Formatura, compra de uniformes, Policiais trazem familiares e padrinhos de varias cidades para a formatura, tudo lindo e maravilhoso, Formados, Policiais Militares, são agraciados em Praça Publica, com condecorações, festa no Vale do Anhangabaú, vai imaginando qual o ROMBO  disto para o Estado, DIPLOMAS ENTREGUES A TODOS POLICIAIS MILITARES QUE SE FORMARAM, tudo lindo.

Porém minha gente, após tudo isto durante um ano, o CORONEL foi trocado, aposentou e entrou outro CORONEL em seu lugar

Pior, este CORONEL que substituiu o antigo, não gosta do CORONEL que saiu e por isto quer ferra-lo de alguma forma ainda, (agora eu mando) e meses depois da formatura realizada, curso, verbas recebidas e etc….novos Sargentos entregues a População, Novos Sargentos em diversos Batalhões, exercendo suas funções de Sargentos, eis que o novo CORONEL DESAFETO do anterior, determina que todos participem de uma reunião com ele no QG.

Na reunião, o que houve:

NOTICIA para voces meus Policiais.

– A partir de hoje, eu não aceito o curso que vocês fizeram, portanto, troquem suas divisas de Sargentos pela de Cabo e retornem as suas Unidades, o curso que vocês fizeram durante o ano todo, eu não vou aceitar  (para dizer ao que saiu quem manda agora).

– Mais Coronel, eu fiz o Curso durante o ano todo, não trabalhei, apenas estudei, recebi o diploma e o Sr diz que não valeu?

– Sim, quem manda aqui sou eu, volte para tua unidade, como cabo e fim de papo.

 

FATO OCORRIDO NA PMESP – Major Olimpio e toda bancada de Deputados, Vereadores e etc…, ja estao cientes deste fato.

Por que ninguém divulga isto?

 

 

 

 

  1. Perdao, mas acho isso uma besteira q nao rolou. Pra começar a aprovaçao p cargo superior é publicada DOE e duvido q um porra dum cel ia fazer uma cagada desta. Afinal curso de formacao nao é prerrogativa particular de oficial, é da corporaçao entao se ele mandou burro é quem obededeu e nao representou contra ele

  2. CARÁCULES..

    tai uma zica para o deputado MAJOR OLÍMPIO resolver. e tem que ser em prol dos sargentos, que votaram em
    massa nele. o que este atual chefão esta fazendo é abuso de poder , em cima dos pobres coitados inferiores.
    e o major tem obrigação de falar para este coronel que ele não é DEUS;

  3. mauro:

    Por mais estapafúrdia que possa parecer essa “troca de agrados” entre esses Coronéis, não posso duvidar da sua veracidade, por simples motivo: já vi (e vivenciei) coisas muito piores!

  4. sexta-feira, 9 de dezembro de 2011
    CORONEL DO CORP DE BOMBEIROS É DETIDO PELA 11ª VEZ, POR DEFENDER MELHORES CONDIÇÕES DE TRABALHO PARA OS BOMBEIROS DE SÃO PAULO E BRASIL

    Da forma que as coisas acontecem no Brasil, certamente exaltaremos os agentes do mal em detrimento dos cidadãos de bem nesta Nação!

    Favor repassar esta notícia a órgãos de imprensa, autoridades e promover conhecimento do público.
    Anexo: Relatorio Chaves sobre falta de Bombeiros no Brasil.

    Coronel Corpo de Bombeiros é detido pela 11a. vez por defender melhores condições de trabalho para os Bombeiros de São Paulo e do Brasil

    O Tenente Coronel da Reserva do Corpo de Bombeiros da Polícia Militar do Estado de São Paulo, PAULO CHAVES DE ARAUJO está detido desde o dia 08 de dezembro e permanecerá no quartel do CPAM 5 na Zona Oeste de São Paulo até o dia 12 de dezembro, por ter sido acusado pelo comando da corporação de ter enviado, em 18 de setembro de 2010 mensagem de correio eletrônico a várias pessoas, civis e militares, e a alguns políticos de São Paulo, sugerindo para visitarem o quartel de bombeiros de seu bairro ou de sua cidade e preencher um questionário para avaliar as condições de trabalho no quartel, principalmente o número de bombeiros de plantão, a quantidade e as condições das viaturas, dos materiais e dos equipamentos de combate a incêndio, salvamento e resgate.

    O objetivo do questionário é levantar dados para encaminhar pedido aos candidatos a Governador e a Presidente da Republica, sugerindo para incluir em seus programas de governo, melhorar as condições de trabalho dos Corpos de Bombeiros Militar nos 635 municípios onde há quartel, expandir os serviços para mais municípios.
    Uma ótima opção é regulamentar, em lei federal, os Corpos de Bombeiros Civis Voluntários, atuantes e organizados em Santa Catarina e no Rio Grande do Sul e os Corpos de Bombeiros Civis Municipais existentes em
    cinco municípios de São Paulo, e em muitas cidades do Brasil, para que possam se instalar nos municípios onde por falta de efetivo o Corpo de Bombeiros Militar Estadual não consegue instalar quartel, que em São Paulo são 502 municípios e em todo Brasil são 4.929 municípios sem o serviço, segundo divulgou a Agência Brasil em 2008.

    Em nota o Cel. Chaves esclarece que durante as três oportunidades em que foi intimado a se defender da acusação, informou que não criticou os serviços prestados pelo Corpo de Bombeiros da Polícia Militar, nem o Governo do Estado, e nem o Sistema Militar Brasileiro, que sabe perfeitamente ser importante e necessário para manter o Estado Democrático de Direito do país.
    Procurou ainda mostrar para a população, para os governantes e para os membros do Poder Legislativo, para que reflitam, se devem manter o modelo de Corpo de Bombeiro Militar exclusivo para o país, um modelo que no Estado de São Paulo, existe desde de 1880, e que em 131 anos de existência só foi capaz de instalar quartel de bombeiros em 143 municípios do estado.
    O modelo de Bombeiros Militar esconde informações importantes da população e que ao mesmo tempo é eficiente para punir exemplarmente qualquer um de seus componentes, seja da ativa ou da reserva, quando este tem o conhecimento, a coragem e a determinação de buscar o apoio da população e autoridades para melhorar as condições do seu Corpo de Bombeiros.
    Assina a nota:
    “PAULO CHAVES DE ARAUJO – Ten. Cel. Res. Corpo de Bombeiros da PMESP, Pesquisador em Segurança Contra Incêndio”

    Os feitos do Sr Paulo Chaves são notórios na comunidade de Bombeiros em todo Brasil, sua luta para melhorar e ampliar os serviços de Bombeiros no País é reconhecida com apoio, respeito e admiração dos que tem contato com seu trabalho e história, principalmente pela defesa dos serviços de Bombeiros Civis, sejam remunerados ou voluntários, e gerou um importante documento que foi publicado nos sites da Comissão Pró Bombeiros Brasil e do Conselho Nacional de Bombeiros Civis, o “Relatório Chaves sobre a falta de Bombeiros no Brasil”, que se soma a outros documentos importantes sobre o tema como a consulta técnica disponível na Biblioteca digital da Câmara dos Deputados, de autoria do ex Bombeiro Militar Claudionor Rocha, intitulado “A necessidade de incentivo para os Bombeiros Voluntários”.

    A luta de Paulo Chaves continua resistindo a perseguição daqueles que mais deveriam ajudar, oficiais no Comando de Corpos de Bombeiros Militares.
    A detenção de Paulo Chaves, não é um fato isolado, os Comandos de Bombeiros Militares sempre agem de forma implacável com todo membro da corporação que busque melhores condições, além do episódio trágico do inicio do ano no Rio de Janeiro, em pesquisa encontramos notícias similares em todo Pais.

    O Conselho Nacional de Bombeiros Civis está atento ao caso, para levar o tema para conhecimento de autoridades e discussão pública, o questionário feito por Paulo Chaves é base de campanha para que toda sociedade conheça e fiscalize os serviços de Bombeiros de sua cidade, e tenha como solicitar aos vereadores e ao prefeito a melhora do serviço ou até a troca de convênio por outro que melhor atenda a cidade.
    Como Unidade da Federação, os municípios tem autonomia para escolher o serviço de Bombeiros, sejam o serviço de Bombeiros Militar ou das Polícias Militar dos Estado, seja constituindo o próprio Corpo de Bombeiros Civil Municipal, seja celebrando convênio com Associação de Bombeiros Civis Voluntários, e até mesmo com a inciativa privada como acontece no sistema de saúde pública do município de São Paulo-SP, onde a prefeitura passou para iniciativa privada a gestão dos ambulatórios (AMA) e o resultado foi um serviço de saúde muito mais eficiente.

    Atenciosamente:
    Ivan Campos – Presidente CNBC
    Bombeiro Civil – CNBC 010001
    Postado por Paulo Cezar de Morais Marinho Marinho às 06:05

  5. Minha eterna gratidão ao então Tenente-coronel PM PAULO CHAVES DE ARAÚJO, por ter se lascado. em nome da ética profissional. Não entrou nas PATIFARIAS da PM, para me ferrar, no 22º BPM/M (Zona Sul). Logo tomou um pé bunda, substituído pelo escroto, BANDIDO FARDADO Tenente-coronel Miguel Mark Filho … (de uma…)

    Não ha espaço sagrado na Polícia Militar para quem não for safado. Cada qual que faça o teste. Comece a documentar PATIFARIAS e espere o resultado. A menos que seja para ferrar o de baixo!

  6. Publicou no D.Oficial e com diploma nas mãos…eu não tiraria nem a pauuuuuuuuuu CEL. Juvenal

  7. Peraí, alguém acha que o Capitão Nascimento de Brasília vai fazer alguma coisa depois de ficar mais de 8 anos de quá quá quá na ALESP sem fazer porra nenhuma, a não ser dar uma de carpideira em enterro de policiais?!
    Depois dessa vou esperar os nomes do Lula e Dilma na lista do Janot.

    Xiiiii…..não saiu!

  8. Se o curso de aperfeiçoamenrte de sargentos não vale porque o erário suportou, também o curso de oficiais da Academia do Barro Branco que formam auxiliares administrativos e de escritórios pagos pelos contribuintes paulistas, não vale. Qualquer contribuinte paulista que que seu filho estude numa academia que com café da manhã, almoço, jantar, aulas de ensino de 2.º grau, dormitório com enxoval, atendimento médico hospitalr odontológico, tudo as custas dos contribuintes. É só ver os outros profissionais servidores públicos médicos, professores, veterinários, delegados de polícia, juízes que arcararam com suas despesas para se formarem. Realmente, os praças não devem sofrer por se aperfeiçoarem em funções que servem ao interesses públicos ao contrários dos oficiais da PM que usufruem de educação gratuita como monarcas pagos pelos contribuintes.

  9. Nossa, quem será que inventou essa história maluca? Pra começar o curso de sargentos tem duração de 6 meses e não um ano…. Dá uma melhorada nessa historinha, vai lá.

  10. Isso tá cheirando à mentira.
    Alguém tem conhecimento sobre esse assunto? Quando foi isso? Como foi dito promoções são publicadas no D.O. e isso teria virado escândalo. Será que essa notícia é mentira de quem publicou????

  11. Pergunto.

    O curso para sarjentos é publicado no DOE?
    Tem edital?
    Tem vício no edital?
    O curso é institucional, ou seja da PM?
    Existe publicação dos classificados para o curso?
    Existe publicação dos aprovados no curso?
    Existe publicação no DOE referente as promoções?

  12. Verdade ou mentira, existe um órgão que odeia a polícia, chama-se MP. É só ir lá e pedir para falar com o Sr. Gaeco.

  13. Inverdades estão sendo ditas neste post ai. Ao que me parece não foram 1000 que estao nessa situação e sim 170. Devido a uma falha no edital do concurso, somente os cb que nao tinham os dois anos na graduação de cb antes de prestarem o concurso é que não foram promovidos.

  14. Sargento é com “g”, jégue é que é com “j”.

  15. Pra mim não dá mais… disse:
    08/03/2015 ÀS 1:59
    Sargento é com “g”, jégue é que é com “j”.
    .
    _______________________________________

    Desculpa pelo erro de grafia. Não havia percebido.

    edson disse:
    08/03/2015 ÀS 1:44
    Inverdades estão sendo ditas neste post ai. Ao que me parece não foram 1000 que estao nessa situação e sim 170. Devido a uma falha no edital do concurso, somente os cb que nao tinham os dois anos na graduação de cb antes de prestarem o concurso é que não foram promovidos.

    ______________________________________________

    Ok. Mas deixaram os cb´s fazerem o curso.
    Eles deveriam ser desligados logo no começo ou não deixarem eles se inscreverem.
    Apesar de tudo. Falha da PM. Deveriam ter o direito de serem SARGENTOS.

  16. Isso nem se discute. Só citei a mentira que está sendo relatada na notícia.

  17. Srs. Somos também funcionários públicos e conhecemos a fundo a máquina estatal, assim sendo pergunto-lhes: O que esperar?

  18. Que eu saiba esse concurso é sancionado pelo Governador e quem manda mais Coroné ou o Governador!!Vai ser Sargento Denorex,parece mas não é!!!kkkkk isso seria uma tremenda piada de mau gosto caso for verdade!!

  19. Essa “TETONA” gorda de dar aulas na Academia durante o expediente, alguns durante o dia inteiro sequer aparecem na unidade onde estão lotados, onde só mama um seleto grupo de amigos do rei, verdadeira demonstração do NEPOTISMO que impera na polícia, não ocorre apenas na PM. Na Polícia Civil ainda é pior, vez que em alguns casos, como por exemplo reunião de Comissão, nem aulas dão, comparecem na Academia apenas para se reunirem e tomarem um café com bolo e durante o tempo que lá permanecem recebem Horas aulas. CADÊ O TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE SÃO PAULO.

  20. Falando assim parece briga de egos, porém os policiais que foram chamados fizeram o curso com liminar judicial, pois não preenchiam um requisito do edital que o Cabo PM deveria ter, ao mínimo 3 anos na graduação, e a liminar foi suspensa…

  21. É mais pura verdade. Uma PF que apresenta ocorrências pra gente me falou ontem, inclusive, uma sargento “despromovida” é minha amiga. Pelo que me falou, o edital previa que estava apto a prestar o concurso quem tivesse duas avaliações como cabo, quando o correto deveria ser dois anos, ou algo assim.

    Os ex-sargentos e agora novos cabos, entraram com mandado de segurança e perderam.

    Se dessem a opção aos praças da PM de virem pra PC nem o PM frentista da bomba de combustível do batalhão ficava.

    A PM é uma grande caixa preta de corrupção, trairagens e assédio moral contra os praças praticados pelos oficiais.

    Até o padre da PM mete a mão no erario. Se o padre desviou três milhões da igrejinha imagina o cara que empurrou o detecta pra SSP e depois foi pra Microsoft?

    O fim está próximo.

  22. Fake…Sr. Conde Guerra. Mais uma de suas trapulias…Conde “Hussein” Guerra, tirano-mor da ditadura da mentira…busque informações antes de publicar uma nota, ou procure o Sr. Rodrigo Bocardi, Caco Barcelos, Andre Caramante, entre outros, pseudo, jornalistas, comprometidos, única e exclusivamente, com uma promoção e mais $$$$$.

  23. Leide Silva Só pode ser mentira.Os dois coronéis são pessoas ótimas e não iam fazer alguma coisa que não está na legislação.Tenho plena confiança tanto em um como no outro.Parece mais notícia p/ desmerecer a polícia e pedirem p/ desmilitarizar a PM.Olho Vivo.

    3 h · Curtir

  24. Se for mentira, telhada na cabeça de quem plantou a notícia. O administrador do Blog jamais criaria verosimilhanças, pois, o que não falta é matéria sobre truculências na PM.

  25. JClaudio:

    Eventuais desconhecedores do assunto (rapinagem na PM), até poderiam pensar que o Senhor estaria fazendo “cachorrada” contra a citada “reserva moral”, no entanto, vejamos, abaixo, que essas “mordidas” são muito tradicionais.

    Seria pecado original não levaram um naco da “carne benta” para o cachorro do capelão?

    São Paulo, segunda, 9 de março de 1998

    Texto Anterior | Próximo Texto | Índice

    PROMOTORIA ACUSA PM DE VENDA ILEGAL DE 10,8 T DE CARNE AO CANILl

    MARCELO GODOY
    da Reportagem Local
    Fonte: Jornal Folha de São Paulo.

    O Ministério Público denunciou criminalmente o subtenente João Antônio Marrega sob a acusação de ele fornecer ilegalmente carne para o canil da tropa de choque da PM de São Paulo. Além de vender a mercadoria, Marrega trabalhava no canil onde fiscalizava a entrega da carne que vendia.

    A denúncia feita pelo promotor Orion Pereira da Costa foi aceita pela juíza Roseane Pinheiro de Castro, da 4ª Auditoria do TJM (Tribunal de Justiça Militar). Se condenado, o subtenente pode pegar até quatro anos de prisão.
    Ao ser interrogado no IPM (Inquérito Policial Militar), Marrega não quis prestar depoimento. Disse apenas que irá apresentar a sua versão sobre os fatos em seu depoimento perante a Justiça.

    Segundo a denúncia, Marrega é sócio cotista da empresa Comercial DM Ltda, conforme consta de certidão da Junta Comercial de São Paulo. Essa empresa participou de licitação no 3º Batalhão de Choque, ao qual pertence o Canil, para o fornecimento de 10,8 toneladas de carne bovina para a alimentação dos cães.

    A proposta oferecida pela Comercial DM foi vencedora. Ela assinou um contrato com a Polícia Militar no valor de R$ 35 mil para entregar a carne entre fevereiro e julho de 1997.

    Ao mesmo tempo, Marrega era o responsável no canil pelo recebimento das entregas de carnes da empresa da qual era sócio. O subtenente conferia a quantidade e dava vistos atestando que a quantidade era exata.

    “O fato é potencialmente danoso à administração, pondo em dúvida a lisura de todo o procedimento”, afirmou o promotor na denúncia. Ele ainda disse que os oficiais superiores de Marrega foram “omissos por terem permitido que ele recebesse os produtos remetidos por sua própria empresa”.

    Mas em relação a esses oficiais, o promotor requisitou o arquivamento das acusações por não haver provas de que eles foram omissos em razão de algum sentimento pessoal, o que os tornaria passíveis de um processo por prevaricação.
    O subtenente também está sendo investigado pela Promotoria de Justiça da Cidadania, que apura algum ato que tenha ferido a lei de improbidade administrativa. O TJM apura ainda duas outras concorrências no canil envolvendo o leite e a ração para os cães.

    O interrogatório de Marrega está marcado para a próxima quinta-feira, dia 12. A promotoria tem quatro testemunhas.

  26. Esse ex delegafinho de merda realmente é um idiota. Ta mais para Theo Pereira do que para uma pessoa normal.

  27. Jefferson

    Você é mais um boçal entre os que – com total falta de respeito e argumentos – demonstram à saciedade a enorme quantidade de idiotas que abundam a PM.

  28. essa informação nao eh verdadeira, é um absurdo divulgar isso, midia que nao se informa e vende asneira…. alguns dos canditados fizeram o curso sob um mandado de segurança pq não preenchiam um requisito considerado injusto e estão aguardando o trânsito em julgado da ação… cerca de 150 os demais estão todos trabalhando como sgt normalmente…. deixem de ser mentiroso ke coisa feia

  29. Quem impetra o MS sabe o risco que corre, não precisa ficar posando de vítima do mundo.

    Há vários casos de pessoas que tomaram posse, iniciaram exercício, fizeram curso de formação e depois o Estado conseguiu derrubar o tal MS.

    Faltou transparência e honestidade.

  30. JClaudio disse:
    08/03/2015 ÀS 14:56
    É mais pura verdade. Uma PF que apresenta ocorrências pra gente me falou ontem, inclusive, uma sargento “despromovida” é minha amiga. Pelo que me falou, o edital previa que estava apto a prestar o concurso quem tivesse duas avaliações como cabo, quando o correto deveria ser dois anos, ou algo assim.

    Os ex-sargentos e agora novos cabos, entraram com mandado de segurança e perderam.

    Se dessem a opção aos praças da PM de virem pra PC nem o PM frentista da bomba de combustível do batalhão ficava.

    A PM é uma grande caixa preta de corrupção, trairagens e assédio moral contra os praças praticados pelos oficiais.

    Até o padre da PM mete a mão no erario. Se o padre desviou três milhões da igrejinha imagina o cara que empurrou o detecta pra SSP e depois foi pra Microsoft?

    O fim está próximo.

    UÉ J.CLAUDIO, JÁ QUE VC GOSTA DE JOGAR BOSTA NO VENTILADOR, JÁ QUE GOSTA DE MENOSPREZAR A POLICIA QUE VC NÃO CONHECE, UMA VEZ QUE NÃO TRABALHA LÁ, POR QUE VC NÃO DÊ PALPITE NA PC, PELO AO MENOS EU CREIO QUE LÁ VC CONHECE MAIS OU MENOS NÉ, SÓ PARA TE CALAR ESSA BOCA FEDORENTA SUA, DÊ UMA OLHADINHA NA POSTAGEM ABAIXO SEU VACILÃO ACHARCADOR FILHO DE PUTA COM MOTORISTA DE ÔNIBUS, CHUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUPA SUA RATAZANA.

    08/03/2015
    Delegado – enquanto aguarda demissão por peculato e improbidade administrativa – faz a raspa do tacho na região de Ribeirão Preto 3
    por Flit Paralisante • Sem-categoria
    Delegado é acusado de desviar cigarros

    Carga com 400 caixas de cigarro, avaliada em R$ 240 mil, teria sumido da delegacia de Jardinópolis

    Jornal A Cidade / Daniela Penha
    Milena Aurea / A Cidade
    Delegado Renato Savério Souza Costa, que está à beira de ser demitido da Polícia Civil, é alvo de nova acusação de desvio de carga (foto: Milena Aurea / A Cidade)
    A Corregedoria da Polícia Civil de Ribeirão Preto investiga o delegado Renato Savério Souza Costa pelo sumiço de uma carga de 400 caixas de cigarro da delegacia de Jardinópolis.

    Além disso, a Corregedoria Geral da instituição já analisa proposta de demissão do delegado sugerida na conclusão de outro processo administrativo em que ele é acusado da prática de outros quatro crimes.

    A Secretaria de Segurança Pública (SSP) informou que Renato Savério já está afastado de suas funções operacionais, com arma e distintivo apreendidos.

    A carga de cigarros, avaliada pela DIG (Delegacia de Investigações Gerais) de Ribeirão em R$ 240 mil, foi apreendida no último dia 4 de dezembro, em uma chácara de Jardinópolis.

    Na ocasião, uma pessoa foi detida e assumiu a propriedade da carga, que teria vindo do Paraguai. O material foi levado para a delegacia da cidade. A suspeita é de que o delegado tenha desviado a carga. Paulo Piçarro, delegado titular da Corregedoria da região de Ribeirão, preferiu não dar detalhes da investigação. “É um processo sigiloso. Só poderei passar informações depois de tudo esclarecido, para não atrapalhar as investigações”.

    Outras acusações
    Em ação movida pelo Ministério Público, Renato é acusado de improbidade administrativa, falsidade ideológica, prevaricação e peculato. Ele teria instaurado inquérito para investigar um roubo na empresa Ouro Fino apenas um ano e meio após o ocorrido, quando as investigações do Ministério já estavam em andamento.

    Em maio do ano passado, Renato deixou a delegacia de Cravinhos e assumiu a unidade de Jardinópolis, onde ficou até janeiro deste ano.

    Ele, que informou ao A Cidade estar atuando como delegado assistente na Seccional de Ribeirão, se defende da acusação. “Eu pedi para incinerar a carga sem autorização judicial e deu esse problema todo”, disse.

    Renato entende que não há problemas em sua conduta. “Há duas correntes. Alguns entendem que é preciso autorização judicial para incinerar, eu entendo que não é.”

    Delegado responde à acusação do MP

    Em ação do Ministério Público, em andamento, o delegado Renato é acusado de não ter investigado como deveria um roubo ocorrido na empresa Ouro Fino, de Cravinhos.

    O caso culminou com seu afastamento e proposta de demissão em processo disciplinar administrativo da Corregedoria da Polícia.

    De acordo com a denúncia, somente um ano e meio após o crime e com as investigações do MP em andamento, o delegado teria instaurado inquérito para apurar o caso.

    O delegado, segundo o processo, teria deixado de: “identificar o proprietário do veículo abandonado após a fuga dos criminosos, de obter imagens das câmaras, de colher depoimentos das vítimas e testemunhas e de realizar perícia no local.”

    Ele também não teria feito reconhecimento fotográfico e das filmagens, não comunicou a subtração de uma arma de fogo do vigia, não comunicou a apreensão do veículo e demais bens à Justiça.

    Segundo o processo, Renato Savério teria desviado o veículo usado no crime. “Tendo ele mesmo retirado o automóvel do pátio do Auto Socorro Anhanguera”, diz trecho da acusação. Renato também se defende. “Sobre isso está tudo certo”.

  31. ELES FORMARAM, ELES ERAM CABOS, JÁ SABEM A SE PORTAREM COMO SARGENTOS NÉ, ENTÃO, QUE ELES AGUARDEM A COMPLETAREM OS DOIS ANOS E SE PROMOVEM AUTOMATICAMENTE E PRONTO, ALGUÉM PISOU NA BOLA, INCLUSIVE O JUIZ QUE DEU OK NO MANDATO DE SEGURANÇA, O CORONEL ESTA CERTÍSSIMO.

  32. GUERRA VC É UM LIXO HOSPITALAR, GOSMA, ANTES DE FAZER ALGUMA POSTAGEM, PROCURA VER SE O ASSUNTO É VERÍDICO, DEIXA DE SER VACILÃO SEU PSICOPATA .

  33. VALDIR, COMO SEMPRE, SE DER UM CHUTE NO SACO DO GUERRA, TE ARRANCA E QUEBRA A SUA DENTADURA HEM, SER PUXA SACO ASSIM NO MEIO DO INFERNO CARA, NO SEU CASO ESTA MAIS PRA SUGA BAGO MESMO, CARA SE TOCA, VC NÃO PRECISA DISSO NÃO, SERÁ QUE NÃO SENTE VERGONHA NESTA CARA AMARROTADA VELHA DE TANTAS RUGAS, E AINDA NÃO CRIOU VERGONHA NELA NÃO, CARA VAI PESCAR, DAR MILHO PARA OS POMBOS, JOGAR BARALHO COM OS DA SUA IDADE, SE TOCA CARA.

  34. Estou repercutindo o inteiro teor de comentário e , também, de e-mail que nos foi remetido pelo policial militar MJB.

    Quanto as ofensas pessoais, repito aqui a resposta dada ao PM Jefferson:

    Você é mais um boçal entre os que – com total falta de respeito e argumentos – demonstram à saciedade a enorme quantidade de idiotas que abundam a PM.

    Aliás, você Jacaré é a prova mais eloquente da boçalidade e idiotice reinantes na PM!

    É por isso que nunca lhe censurei.

    Continue despejando aqui suas defecações mentais para que todos saibam o que os PMs têm no cérebro.

  35. Jacaré,

    Em vez desses cabos prestarem concurso e frequentarem o curso – abandonando a família e até outros interesses pessoais, ainda correndo o risco de serem removidos para outra região – deveriam ter feito como você:

    Aguardado a reforma compulsória para ( aposentados ) serem promovidos automaticamente à graduação de Sargento.

    Aliás, como você sabe melhor do que eu , no militarismo quanto mais vagabundo e burro for o servidor mais cedo vem a aposentadoria compulsória, não é ?

  36. Passei por diversas situações onde trabalhei por “”ciumes e Inveja”” Solicitei depois de aposentado uma carta de apresentação para apresentar em uma empresa na qual eu já era Diretor Industrial e o Cel que eu não sabia que eu o incomodava tanto com minha presença e por ter amizade com outros superiores dele na época Capitão, sabem o que ele fez questão de fazer “”fez ele mesmo a carta de apresentação já como Ten Cel e cmt de uma unidade do Corpo de Bombeiros. a Carta “”” O Sub Ten serviu nesta corporação e durante este período sofreu diversas sanções disciplinares ficando detido por diversas vezes””. Peguei a Carta e rasguei no momento em que a li e acabei ficando com pena de uma criatura como essa, deve ser muito infeliz em todos os sentidos felizmente não necessitei da carta para continuar minha nova carreira pois o presidente da empresa me conhecia de longos anos e após apresentar meu P.I. ele leu na integra e graças aos meus serviços tinha muitas folhas de elogios. Que Deus de força para este ser, que ele se encontre na vida e se resolva com seus problemas que devem ser muitos. uma Pena termos pessoas vingativas dentro da PM e que abusam da autoridade humilhando seus subordinados ao extremo sem piedade.

  37. Aurimar,

    A informação até pode ser falsa, mas não fui o seu criador.

    No caso, a sua repercussão é uma boa oportunidade para que se paralise a boataria.

  38. Cara!! Vai arrumar o q fazer!! VC falou mais da PM do q podia falar!!
    Puts doeu o cotovelo aqui agora!!

  39. Existe um grande erro nessas informações, dizer que os policiais no curso de Sgt não trabalham e só estuda. Esses policiais fizeram parte do batalhão Copa, ralaram bastante, existe muitas escalas na rua, funciona como uma reserva da PM e sempre que é preciso são acionados para intervirem nas manifestações, Operação Verão, operação Inverno, etc…….

  40. Que dor de cotovelo do caralho. Pede baixa da PC e “tenta” entrar na PM.

  41. Muito estranho. Após o curso de formação, o sargento tem sua graduação publicada em boletim geral e diário oficial. Pra perdê-la, só mediante processo. Por outro lado, no grande discurso entre Niels Bohr e Albert Einstein, os mesmos concluiram que a natureza é estranha. Depois reclamam aqui quando coronel leva tiro de praça na rua.

  42. VALDIR DE SOUZA,

    Sou profundo conhecedor das patifarias e roubalheiras dessa milicia. Não tenho intenção nenhuma em difamar quem quer que seja, mas tanto você quanto eu sabemos que a PM é uma fábrica de corruptos e falsos moralistas.

    Grande abraço e obrigado por se dignar em comentar meu post.

    JACARÉ SEM DENTES,

    Como o senhor não combateu meus argumentos e partiu para o ofensa pessoal, nem vou responder, mas lhe adianto que não compactuo com crimes, nem com qualquer outra ilegalidade. Nunca disse que não temos nossas mazelas, nem as defendi.

    Para deixar claro que falo com propriedade, antes de ser Delegado fui policial militar por dez anos e seis meses, conheço um pouquinho da PM. Um bom dia para o senhor e não esqueça, crimes contra a honra são perfeitamente exequíveis em “meio virtual”, por favor, modere suas palavras, ademais, aqui é um blog policial civil, feito por um policial civil.

    Abraço

  43. Jacaré você já disse o que faz a noite, fica pelado na esquina faz isto de dia também faz este favor pra sua familia

  44. Valeu, Valdir! Estava com saudade de suas “patifarias”kkk.
    Jacaré, gosto muito de ler seus comentários! São ácidos, bem juvenis…a.. d… o… r…o !!! Pare aqueles alunos de primeiro semestre do curso de Direito.

  45. Flit Paralisante disse:
    08/03/2015 ÀS 23:51
    Jacaré,

    Em vez desses cabos prestarem concurso e frequentarem o curso – abandonando a família e até outros interesses pessoais, ainda correndo o risco de serem removidos para outra região – deveriam ter feito como você:

    Aguardado a reforma compulsória para ( aposentados ) serem promovidos automaticamente à graduação de Sargento.

    Aliás, como você sabe melhor do que eu , no militarismo quanto mais vagabundo e burro for o servidor mais cedo vem a aposentadoria compulsória, não é ?

    VC SABE QUE NO SEU COMENTÁRIO ACIMA ATE CONCORDO EM PARTE COM VC, POIS REALMENTE TRABALHEI COMO CABO POR 12 ANOS, FAZENDO QUASE SEMPRE PAPEL DE SARGENTO E GANHANDO COMO CABO, SÓ VIM GANHAR COMO SGT APOS CONCURSO E ESCOLA DE FORMAÇÃO DE SARGENTOS, SE EU QUISESSE FICAR MAIS DOIS ANOS NA PM, SAIRIA SEGUNDO TENENTE, NÃO FIQUEI DEVIDO CANSAÇO MESMO, MAS APOSENTEI TÁ, SAÍ PELA PORTA DA FRENTE POR ONDE UM DIA ENTREI, NÃO FOI PELAS PORTAS DOS FUNDOS COMO OUTROS TANTOS QUE POR AQUI FLITAM NÉ VALDIR/GUERRA.

  46. Paulo Sérgio Argento disse:
    08/03/2015 ÀS 23:54
    Passei por diversas situações onde trabalhei por “”ciumes e Inveja”” Solicitei depois de aposentado uma carta de apresentação para apresentar em uma empresa na qual eu já era Diretor Industrial e o Cel que eu não sabia que eu o incomodava tanto com minha presença e por ter amizade com outros superiores dele na época Capitão, sabem o que ele fez questão de fazer “”fez ele mesmo a carta de apresentação já como Ten Cel e cmt de uma unidade do Corpo de Bombeiros. a Carta “”” O Sub Ten serviu nesta corporação e durante este período sofreu diversas sanções disciplinares ficando detido por diversas vezes””. Peguei a Carta e rasguei no momento em que a li e acabei ficando com pena de uma criatura como essa, deve ser muito infeliz em todos os sentidos felizmente não necessitei da carta para continuar minha nova carreira pois o presidente da empresa me conhecia de longos anos e após apresentar meu P.I. ele leu na integra e graças aos meus serviços tinha muitas folhas de elogios. Que Deus de força para este ser, que ele se encontre na vida e se resolva com seus problemas que devem ser muitos. uma Pena termos pessoas vingativas dentro da PM e que abusam da autoridade humilhando seus subordinados ao extremo sem piedade.

    SE FOSSE SÓ NA PM CARO SUB, FICARIA QUIETO, MAS EM TODAS AS REPARTIÇÕES EXISTEM OS FILHOS DA PUTAS, NA PC NÃO É DIFERENTE, NO MP TB NÃO, LEMBRA DO EPISÓDIO ENVOLVENDO O PINTO X GRELA

  47. JClaudio disse:
    09/03/2015 ÀS 12:02
    VALDIR DE SOUZA,

    Sou profundo conhecedor das patifarias e roubalheiras dessa milicia. Não tenho intenção nenhuma em difamar quem quer que seja, mas tanto você quanto eu sabemos que a PM é uma fábrica de corruptos e falsos moralistas.

    Grande abraço e obrigado por se dignar em comentar meu post.

    JACARÉ SEM DENTES,

    Como o senhor não combateu meus argumentos e partiu para o ofensa pessoal, nem vou responder, mas lhe adianto que não compactuo com crimes, nem com qualquer outra ilegalidade. Nunca disse que não temos nossas mazelas, nem as defendi.

    Para deixar claro que falo com propriedade, antes de ser Delegado fui policial militar por dez anos e seis meses, conheço um pouquinho da PM. Um bom dia para o senhor e não esqueça, crimes contra a honra são perfeitamente exequíveis em “meio virtual”, por favor, modere suas palavras, ademais, aqui é um blog policial civil, feito por um policial civil.

    Abraço

    PROBLEMA SEU MEU CARO, TANTO PODE O MACHADO, COMO PODE A ARVORE ENTENDEU, SEUS ARGUMENTO SÃO MEDÍOCRE, E DEPOIS QUEM FOI QUE TE DISSE QUE AQUI É UM BLOG POLICIAL CIVIL SEU ZEZÃO, PELO QUE SEI, O ADMINISTRADOR DESTE ESPAÇO NÃO É NINGUÉM NA VOLTA DO DIA, MERO ADVOGADO, EX. POLICIAL NÃO É POLICIAL OK SR. DOTÔ DE CU É ROLA, ROLA TÁ.

  48. Aos “fliteiros” em geral,

    de fato esse “concurso interno” está, agora, depois de concluído, gerando uma questão que, ao meu ver, já foi satisfatoriamente resolvida pelo Poder Judiciário em favor dos “sargentos” impetrantes de ações judiciais.
    A Polícia Militar publicou o edital para o referido “concurso interno” para “sargento” e nele inseriu algumas exigências que, flagrantemente, violavam direitos de alguns soldados e cabos.
    Em resumo, e se bem me lembro, o edital permitia que tanto “soldados” como “cabos” prestassem o tal “concurso interno” para “sargento”, desde que se “soldado” contasse um determinado tempo como “soldado”, e se “cabo” contasse um determinado tempo como “cabo”. Isso prejudicava “cabos” recentemente promovidos, mas que já tinham exercido durante muitos anos as funções como “soldado”.
    A Associação dos Cabos e Soldados me constituiu como advogado para defender os interesses desses mencionados “cabos”, tal como outras Associações constituíram outros advogados.
    De nossa parte, impetramos “mandado de segurança”, com pedido de liminar, tendo esta sido negada em primeira instância e concedida em segunda instância em “agravo de instrumento”.
    Em seguida o mérito desse “agravo de instrumento” foi julgado pela 8ª Câmara de Direito Público, que por unanimidade julgou procedente o “agravo” e consolidou a liminar anteriormente concedida, garantindo assim, em definitivo, o direito dos “cabos”, digamos, modernos, prestarem o “concurso” e, uma vez aprovados, fazerem o curso de formação e serem promovidos a sargento. E foi o que aconteceu com quase todos os “cabos” defendidos pela Associação dos Cabos e Soldados.
    E diante da “consolidação” da “liminar” concedida pelo TJ/SP, a juíza de primeiro grau entendeu que o MS impetrado em primeira instância havia “perdido o objeto” (e de fato, em primeira instância, perdeu mesmo, posto que concedido pela segunda instância).
    Agora, “alguém” da cúpula da PM (e ainda não sabemos quem), trouxe à baila uma estúpida discussão: em primeira instância, ao ser afirmada a “perda do objeto”, não teriam os impetrantes “perdido a causa”, ou seja, o direito líquido e certo defendido no MS?
    Essa questão, posta por tão “sábia inteligência”, convenceu alguns poucos malucos, o que levou a esse imbróglio todo, que atualmente se encontra para “parecer” da Procuradoria Geral do Estado.
    Se o “parecer” for desfavorável aos citados “sargentos”, obviamente que impetraremos novo MS; se o “parecer” for favorável, a questão estará resolvida, e o autor da ideia e seu executor levarão no “lombo”, juntamente com o Estado, a respectiva ação de indenização por danos morais.

  49. Jacaré, já deu uma pescadinha essa semana? Quer uma ideia, boa mesmo? Estuda um pouco mais é deixa a linguagem dos coxas de lado! Às vezes você verte umas ideias boas, mas ao escrevê-las fica tudo disvirgulado e sem sentido! Como se uma pessoa com epilepsia estive escrevendo com o fiofó! Hehehehehehe….

  50. Desmilitarização, para quem não sabe, apenas serve para que o militar faça parte da C.L.T, ou seja sem posto imediato, sem estabilidade de emprego e o pior aposentadoria com o teto maximo de R$3.200,00 reais. Fica dica.

  51. Meu Deus que bosta de artigo! Perceptível que o cidadão que o produziu, nada mais é do que um desinformado! Deve ter ouvido isso em alguma delegacia por aí e veio escrever essa merda!! Tenho é que dar risada disso HAUHAUHUHAUUHAUUAHAUHUAHUA

  52. Vinicius de Moraes disse:
    10/03/2015 ÀS 9:45
    Jacaré, já deu uma pescadinha essa semana? Quer uma ideia, boa mesmo? Estuda um pouco mais é deixa a linguagem dos coxas de lado! Às vezes você verte umas ideias boas, mas ao escrevê-las fica tudo disvirgulado e sem sentido! Como se uma pessoa com epilepsia estive escrevendo com o fiofó! Hehehehehehe….

    vinicius, aproveita que estou de bom humor, e vai dar a bunda em outro lugar, para outra pessoa tá, sou espada e não curto viado, sai do meu pé chulé, quantas vezes vou ter que descrever que não curto homem ou quem sabe super-homem hehehehehehe

  53. ESSA INFORMAÇÃO POSSUI UM MONTE DE INFORMAÇÕES ERRÔNEAS … PRIMEIRO NÃO FORAM TODOS OS SARGENTOS MAS SIM UM PEQUENO GRUPO DOS 921 FORMANDOS , 107 SARGENTOS RECÉM FORMATOS TIVERAM PROBLEMAS QUE POR UMA QUESTÃO DE INTERSTÍCIO ( O PRAZO MINIMO NA GRADUAÇÃO ANTERIOR ) NÃO FOI CUMPRIDA, FATO PROVOCADO POR UM ERRO OU NÃO OBSERVÂNCIA NO EDITAL QUE AUTORIZAVA O SD PM A PRESTAR O CONCURSO E PUNHA RESTRIÇÕES AO CABO… ALGUNS DESSE FORMANDOS REALIZAM O CURSO COM MANDADO DE SEGURANÇA QUE POSTERIORMENTE O ESTADO RECORREU E GANHOU…OUTRO ERRO É A PRÓPRIA FOTO , A FORMATURA FOI REALIZADA NO PAMA ( PARQUE AÉREO DE MANUTENÇÃO AERONÁUTICA E NÃO NO VALE DO ANHANGABAÚ… OUTRO PONTO IMPORTANTE… ESSA DECISÃO NÃO DEPENDE DE UM CORONEL… POR MAIS QUE ELES QUEIRAM NÃO TEM A COMPETÊNCIA PARA TAL… EXISTE TODO UM SISTEMA ADMINISTRATIVO, JURÍDICO DO ESTADO … ENFIM O QUE REALMENTE GOSTARIA DE DIZER É HOUVE UM PROBLEMA, TENHO CERTEZA QUE SERA RESOLVIDO, É UMA QUESTÃO DE TEMPO EMBORA SEJA MUITO DESAGRADÁVEL O QUE MEUS IRMÃOS ESTÃO PASSANDO, O QUE NÃO PODE É SIMPLESMENTE DIVULGAR QUALQUER INFORMAÇÃO POR AI, INDUZINDO AS PESSOAS AO ERRO…. A ISSO DEVERIA SER ATRIBUÍDAS RESPONSABILIDADES CIVIL E PENAL…. NÃO SEI SE O INTERESSE FOI EM AJUDAR OU QUERER TUMULTUAR MAIS A COISA… MAS BASICAMENTE É ISSO…

  54. Que lixo de matéria… feita por um recalcado, com certeza! Vá estudar, trabalhar para ver se melhora de vida, ao invés de ficar mentindo contra a Instituição e as pessoas!

  55. Simples assim,

    Houve erro no Edital de abertura do Concurso para Sargento, pois ao exigir o interstício específico para Cabo, houve “esquecimento” de que os interessados também já foram Soldados e assim puniram os recentemente promovidos à graduação de Cabo, sendo que se o cara ainda fosse Soldado e prestasse o mesmo concurso para Graduação de Sargento, estaria promovido sem problemas.

    Bastava o errôneo Edital constar genericamente exigência de tempo mínimo na Corporação, ao invés de constar um interstício específico de Soldado e outro específico para Cabo.

    Agora pergunto se este raciocínio seria muito para o julgador em 1ª Instância?

  56. Assino embaixo que foi escrito pelo Sgt Marcelo..foi exatamente isso. Agora mudando de assunto essa Polícia Civil é um câncer maligno para a sociedade Paulista e quem diz isso são eles próprios que na sua maioria são uns mãos cansadas para não falar outra coisa. A única Polícia Civil que monstra um pouco de serviço é da capital, pq no interior as delegacias são umas masmorras, com um bando de incompetentes e sanguessugas, que reclamam do salário mas pelo o que eles produzem si ganhasse um salário mínimo, já estariam onerando o estado.

  57. pq em vez de ficar aqui reclamando…
    Não vão todos trabalhar…
    Os indices de solução de crime em sp eh de primeiro mundo né PC….

O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do comentarista que venha a ofender, perturbar a tranquilidade alheia, perseguir, ameaçar ou, de qualquer outra forma, violar direitos de terceiros.O autor do comentário deve ter um comentário aprovado anteriormente. Em caso de abuso o IP do comentarista poderá ser fornecido ao ofendido!...Comentários impertinentes ou FORA DO CONTEXTO SERÃO EXCLUÍDOS. Contato: dipolflitparalisante@gmail.com

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s