RESERVA IMORAL DO ESTADO – Oficiais do Comando-Geral da PM roubaram R$ 10 milhões em dois anos; o deputado Coronel Camilo não sabia de nada 49

De clipe a peça de carro, fraudes em compras da PM atingem R$ 10 mi

ROGÉRIO PAGNAN
ENVIADO ESPECIAL A ITU (SP)
REYNALDO TUROLLO JR.
DE SÃO PAULO

18/06/2015 02h00

Compra de papel higiênico, bolacha, açúcar, clipe, pen drive, peças de veículos, programas para computador, ternos, reparos elétricos e hidráulicos, pinturas e, até, reforma de um lago de carpas.

Esses e outros itens foram alvo de um esquema de fraudes em licitações instalado no Comando-Geral da Polícia Militar de São Paulo que envolveu ao menos R$ 10 milhões em dois anos, segundo uma sindicância da própria PM.

As suspeitas, por ora, recaem sobre um oficial, o tenente-coronel José Afonso Adriano Filho, que confirmou parte do esquema e disse ter agido por ordem ou conhecimento de seus superiores.

Editoria de Arte/Folhapress

“Assumo tudo o que fiz. Tudo foi feito somente para o bem e jamais para o mal”, disse à Folha o tenente-coronel, em sua casa em um condomínio em Itu (101 km de SP).

Desde 2012 na reserva, Adriano Filho corre risco de cassação de sua patente, segundo a Secretaria da Segurança Pública, que diz ter avisado os órgãos responsáveis.

Ele, que atuava no departamento desde 2000, afirmou que os desvios eram para bancar outras despesas da corporação -e não para enriquecimento próprio.

As fraudes ocorreram ao menos entre 2009 e 2010, período em que foram comandantes-gerais da PM os coronéis Roberto Diniz e Álvaro Camilo, nas gestões José Serra e Alberto Goldman (PSDB).

Parte do esquema incluía usar dinheiro da PM para pagar por produtos que não eram entregues, por exemplo.

A investigação começou em fevereiro de 2012, após denúncia anônima, e terminou em agosto de 2014, com pedido de punição ao operador da fraude. O resultado foi enviado à Promotoria e ao Tribunal de Contas do Estado.

Pelo relatório, assinado pelo coronel Levi Anastácio Félix, atual corregedor-geral da PM, a auditoria detectou irregularidades em todas as 458 licitações analisadas -as compras eram fracionadas para escapar da fiscalização externa e feitas de empresas que perderam os certames.

PEÇAS E DINHEIRO VIVO

Algumas compras chamam a atenção pelo volume, pois, em tese, seriam destinadas só ao Comando-Geral: 9.700 quilos de açúcar em três meses, 23.300 pacotes de biscoito em cinco meses e R$ 72.570 em gastos com clipes para papel. Não houve comprovação de entrega de todos os produtos.

Um dos casos mais graves ocorreu na aquisição de peças para manutenção da frota do comando -pelo preço de R$ 1,7 milhão. Nenhuma peça paga foi entregue.

Reynaldo Turollo Jr/Folhapress
Frente da empresa Rogep, que foi paga pela PM sem ter comprovado a entrega de peças
Frente da empresa Rogep, que foi paga pela PM sem ter comprovado a entrega de peças

O tenente-coronel Adriano Filho confirmou à sindicância e à Folha ter simulado as compras. Mas disse ter feito isso para saldar a dívida informal de algumas unidades da PM que teriam comprado fiado.

Com isso, a Rogep Comércio de Auto Peças e Serviços recebeu a quantia, mas não entregou as peças -com a justificativa de que já tinha fornecido extraoficialmente antes. Não há na sindicância, porém, nenhuma prova da existência da dívida alegada.

O oficial apontado como operador do esquema disse ainda ter atuado como uma espécie de banco. Mantinha dinheiro em espécie para abastecer outros setores da PM e pagar despesas “corriqueiras” –e estimadas em R$ 1 milhão em dois anos.

Segundo Adriano Filho, o dinheiro era repassado ao Comando-Geral por ao menos duas empresas, a Sistécnica e a Rafink, que, depois, eram ressarcidas por meio de licitações direcionadas a elas.

OUTRO LADO

O tenente-coronel José Afonso Adriano Filho, suspeito de operar o esquema de fraudes em licitações no Comando-Geral da PM, confirma parte das irregularidades, mas nega ter feito tudo sozinho ou para proveito próprio.

“Não fiz nada sem ordem. Todas as melhorias executadas, não só no Quartel do Comando-Geral como em outras unidades, tinham ciência e autorização dos superiores. De todos os superiores”, diz ele, que não quis citar nomes.

Sobre as irregularidades nas compras, ele diz que parte era para pagamento de despesas da própria PM, como no caso das peças para veículos.

“É ilegal, mas não é imoral. Tudo o que foi feito no período foi unicamente com vistas à adequação de todo o complexo do QCG [Quartel do Comando-Geral]. Tudo foi feito somente para o bem [da PM] e jamais para o mal.”

O oficial diz que, embora não haja comprovação, a maior parte dos produtos comprados era entregue.

Procurado, o atual comando da PM não respondeu se vai abrir nova investigação para apurar eventual participação de outros oficiais.

Em nota, a Secretaria da Segurança Pública informou que a sindicância concluiu pela “necessidade de responsabilização” do oficial “pela prática de, em tese, atos de improbidade administrativa e infrações penais”.

Por isso, enviou relatório a outros órgãos, como o Ministério Público, a Secretaria da Fazenda e o Tribunal de Contas do Estado.

“[A Secretaria da Segurança] determinou a instauração de Conselho de Justificação, com a finalidade de analisar a viabilidade de cassação do posto e da patente do tenente-coronel”, diz a nota.

O coronel Álvaro Batista Camilo, que comandou a PM entre 2009 e 2012 e hoje é deputado estadual pelo PSD, negou ter conhecimento de fraudes em sua gestão.

“Não sabia que ele estava envolvido nisso. Isso é um absurdo. Ninguém da polícia dá uma ordem para alguém cometer alguma coisa errada”, disse.

“O próprio regulamento diz: ordem absurda não se cumpre. Tenho certeza absoluta de que ninguém deu ordem para que fizesse algo errado, principalmente com essa questão financeira.”

O ex-comandante Roberto Diniz não foi localizado.

Dono da Rogep Auto Peças, Rogério Torres disse que sua empresa atua no ramo há 30 anos, fornece peças a vários órgãos da PM e não tem nada a acrescentar ao já declarado por Adriano Filho.

As empresas Rafink e Sistécnica, citadas na sindicância como tendo adiantado dinheiro ao Comando-Geral em troca de vencerem licitações, não foram localizadas.

Transcrito da Folha de São Paulo ; nos termos do artigo 46 da Lei nº 9.610, de 19 de Fevereiro de 1998.‏

  1. Cacete !! Desenterraram até a famosa frase “ordem absurda não se cumpre”

    Tipo: “não falei, mas se falei pau no seu cu que foi trouxa e cumpriu”

    Que correria da porra.

    Vou estourar pipoca. Quero ver cada um jogando no cu do outro.

  2. Se fuçarem mais a fundo, sou convicto que 90% dos estrelinhas estão envolvidos com diversas maracutaias

  3. Sabem quem eu sou?

    1- Fui atender uma ocorrência onde uma professora estava mantida sob a mira de um revólver, disparei um tiro, sem nenhum preparo, e matei o bandido e também a professora e depois plantei uma arma dentro do local do crime para “arredondar” (fato da professora Adriane Carinje onde a merda do gate a matou)

    2- Fui atender uma ocorrência na cidade de Santo André onde um empresário estava “cheirado” e com uma arma, desci de corda do apartamento que fica acima do local dos fatos, acertei um tiro na perna do empresário e depois o socorri com vida onde comprovadamente, pelas imagens da rede Globo, ele levanta a cabeça quando estava em uma maca, no caminho acabei de matá-lo.

    3- Fui atender uma outra ocorrência na cidade de Santo André onde a menina Eloá Cristina Pimentel estava em cárcere pelo namorado, fiz a maior bagunça e adiantei a morte daquela menina e ainda, não contente, fiz a Nayara tomar um balaço na cara.

    4- Na cidade de Taquaritinga, eu descolei um “ganso” que arrumava ocorrências para mim onde eu recolhia drogas do bandido e revendia para levantar uma moeda. (um oficial vagabundo foi preso).

    5- Eu persegui um traficante na cidade de São Bernardo do Campos, fui preso por um outro oficial que se passou por advogado quando eu iria levantar uma moedinha do traficante (um oficial vagabundo foi preso)

    6- Eu detive um ladrão e o conduzi até um cemitério para executá-lo, fui surpreendido por uma senhora que tentou impedir a minha ação e não aceitei os seus questionamento e ainda disse a ela: a senhora sabe o que ele fez?

    7- Eu fui atender uma ocorrência em uma mansão e não contente, retornei no local e sequestrei o filho do empresário.

    8- Eu tinha um probleminha com uma pessoa que fazia parte da torcida organizada do Corinthians (pavilhão nove), fui até a sede da torcida e matei todo mundo e a justificativa de que foi o pcc não deu certo e estou preso, mesmo com a ajuda de dois representantes da minha gloriosa pm em alegarem que não havia pms envolvidos no fato nada deu certo (deputados camilo e telhada).

    8- Eu seria preso acusado de pedofilia e me tranquei no banheiro na hora da prisão e me suicidei.

    9- Agora eu estou confessando, após aposentar é claro, que desviei 10 milhões de reais em cambalacho.

    SABEM QUEM EU SOU?

    EU NÃO SOU A UNIVERSAL MAS SIM A GLORIOSA POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE SÃO PAULO¹

  4. Ah, estava me esquecendo 0 décimo item.

    10- Eu sou capelão e meti a mão na grana e acabei preso.

  5. o povo nem estranha mais….

    10 milhões envolvendo a PM ?? é pouco….

    logo a PC tbém será devassada…mas ai já é outro post


  6. .
    quando mirarem na PC…
    .
    ai que a coisa vai pegar geral mesmo !
    .
    é só esperar estourar…
    ,
    já colocaram fogo no pavio !!

  7. mas…
    .
    pensando bem,
    .
    é de se perguntar: Onde não tem macacutaia ??
    .
    onde ? onde ? onde ?

  8. Senhores, prestem atenção no resultado do processo crime. Se esse for conduzido pelo TJM aí sim terão motivos fartos para à revolta. Certamente arrumarão um jeitinho para legitimar a conduta desses facínoras. Agora, se algum PRAÇA tiver envolvido sequer no descarregamento dos materiais, esse……….(imaginem o que vai acontecer com ele).

  9. Um tonto disse: RECEBI ordens, se me apertar vou entregar que mandou, por favor calem a boca pois senão roda todo mundo.

  10. Nossa, nunca vi tanto ladrão indignados, tomem vergonha na caras seus ratos, olhem lá se alguém PIS um real no bolso, mas na civil, ninguém desvia nada pró serviço, mas sim pra conta corrente.

  11. Vamos solicitar um Projeto de Lei, mudando o nome do local onde trabalha os ratos, em vez de Comando Geral, passará a se chamar ninho de ratazanas, sem querer ofender as ratazanas, é o pior, ficam 3 anos comendo, bebendo e ganhando, depois saem não prendem 1 ladrão, não atendem a população, so ficam ganhando horas aulas, navegando na internet e roubando o Estado, ainda pergunto para que Oficial na Policial para que? como diz o tal Datena “ACORDA GOVERNADOR,ACORDA”. É só deixar eles todos em casa por 1 mês ai o Sr vai ver que fazem tanta fala como buzina em avião e seta em navio, Obs: se for no QG e gritar pega ladrão não fica um em, FUIIII

  12. “A VERDADE É FILHA DO TEMPO” (frase de Galilleu Galilei).

    A PILANTRAGEM FOI PERDIDA NO TEMPO (esta é de minha inopinada autoria). Ocorreu-me, num repente, improvisá-la. Dedico-a ao BANDIDO FARDADO, Coronel PM Camilo, pela safadeza de me acusar, SEM PROVAS (PD Nº CMTG-105/362/10), para aliviar a barra de outros BANDIDOS FARDADOS. Na fase de instrução “recomprovei” o óbvio, ou seja, o que reinava nos quartéis da PM pelos quais me puseram a perambular, em nome das “movimentações por conveniência do serviço público” às quais tanto fui subjugado. Naquela oportunidade, desbanquei outros pilantras que se chafurdavam na pocilga desse Coronel FACÍNORA, a exemplo do Capitão CARLOS ARTHUR SARMENTO DE OLIVEIRA que queria “comer” a esposa do então Soldado PM RONALDO DE MOURA ANDRADE, ex-esposa de um policial civil o qual foi ao quartel do CRPM, sob visível transtorno psicológico – à vista do seu desfeito enlace conjugal -, para assassinar o identificado Sd PM. Esconderam-no e trancaram-no numa sala, pelos próprios PREVARICANTES, Perdeu o horário de almoço. Houve a participação (ativa) do Chefe dele, Capitão Arthur. Tive ciência desse lamentável episódio ao retornar de tratamento fisioterápico. Ainda que eu o tivesse presenciado, teria, no máximo, de cumprir O QUE A LEI MANDA: desarmar e prender, em flagrante delito, o iminente agressor, por tentativa de assassinato e porte ilegal de arma, ainda já que ele estivesse sob tratamento psiquiátrico, portanto, afastado do serviço, em decorrência daquela crise matrimonial. Eu DEVERIA, embora não exercesse nenhuma função naquele quartel, o CRPM, ter agido como já descrevi, caso me deparasse com a citada flagrância delituosa, obviamente. Estar sem função (por improbidade administrativa perpetrada pelo Tenente-coronel PM LUIZ FLÁVIO CODELO NASCIMENTO, e, continuado pelos seus COMPARSAS, Major PM ANTÔNIO RODRIGUES DE MORAES, Tenente-coronel EDUARDO PEREIRA DA SILVA e Major PM DANIEL CÉSAR SIMÔES TEIXEIRA) não me serviria como “motivação legal” que me eximisse de responsabilidades, por prevaricação.

    Vejamos, enfim, como efetivadas, pelo sem-vergonha, Capitão Arthur, as muito “imparciais investigações” daquela tentativa de assassinato: que “comer” a mulher do subordinado! Não lhe bastou praticar CRIME DE ASSÉDIO SEXUAL: foi “anistiado” pelo que seria o maior interessado, o Sd PM RONALDO DE MOURA ANDRADE. Este, apesar de por mim orientado a fazer que as “cantadas” fossem gravadas, em aparelho celular (ou por outro meio qualquer), aquiesceu para que tudo “acabasse em pizza”, anuindo com o absurdo de “anistiar” o identificado assediador sexual!

    PATIFARIA pouca é parcimônia na Polícia Militar paulista, senão vejamos o ANTRO escolhido para “instrução” do PD Nº CMTG-105/362/10: o 10º BPM/M, em Santo André, em 2010, eleito como “minha última Unidade”, depois que falsificaram minha passagem à inatividade, no início daquele ano.

    Acusação: “Por ter 02/12/2009, protocolado na Administração do Cmdo Pol Metropol as Partes nº CRPM-122 e 123/14/09, ambas datadas em 01/12/09, por meio das quais, ironicamente, atribui farsas e omissões a Oficiais do CRPM, sem fundamentação, conforme restou aprovado na Investigação Preliminar nº CRPM-1/06/10, cujos autos seguem anexos. Dispensa-se a manifestação preliminar nos termos do Art. 28 do RDPM”.

    Coronel Camilo: tome vergonha nessa cara “de monge tibetano”. Seu caráter é absolutamente conspurcado. Não respeitou nem o local apropriado, ou campo, para a data, no tal PD, essa aberratio de libelo acusatório. Assinou “João da Cruz”, em nome desse nefasto e criminoso corporativismo que torna a PM paulista uma das mais onerosas e ineficazes instituições do Planeta Terra, a sustentar uma avassaladora corja de PILANTRAS, comparsas do Coronel PM Camilo. Se fosse despojada de tamanha truculência, aliás, piorada pela dilapidação do erário, até que mereceria relativa ponderação, como voto de confiança e de esperança que se redimiria. Arranquei da presidência desse famigerado PD o SAFADO, Major PM LUIZ ANTÔNIO DANTAS VALENTE, por explícita tendência (parcialidade) ao não “querer” constar as PATIFARIAS dos depoentes, ou seja, queria fazê-lo seletiva, covarde e criminosamente. Se o mínimo de moralidade administrativa restasse no descrito ANTRO, o 10º BPM/M, também teria sido enxotado aquele novo Presidente, Major PAULO CÉSAR FREITAS RODRIGUES. O citado ANTRO, ao me negar a solução dessa estúpida acusação, conforme REQUERIMENTO que lá protocolei (apesar de que nem isso seria necessário), já diz tudo do que é capaz, ocultar CRIMES e mais CRIMES.

    Resumindo: a cúpula da PM paulista é espécie fétida e irrecuperável de “PMTROBRAS”.

    “FIFA de botas” é outro codinome que muito bem a identificaria.

  13. POLICIA MILITAR ROUBANDO ? Isso não existe ! É tudo invenção da imprensa que adora defender bandidos !

    Militares são sempre acima do bem e do mal, digo mais, militares deveriam ser todos santificados lá no Vaticano, são heróis, gente honestíssima que dedica suas vidas para defender a população = paisanos.

    Militar não rouba, só mata no estrito cumprimento do dever legal, não forja provas para prender inocentes e principalmente, NÃO LEVA CHIFRES DA MULHER !

    P.S.: Agora deixa eu bater continência para o meu superior, dar meia volta e marchar para ouvir o sermão dos oficiais.

  14. Quem foi que deixou isso vazar na imprensa ?

    Chama o meu assessor de imprensa que vou comer o seu toba !

    Já determinei várias vezes que só permito notícias que possam denegrir a Polícia Civil, jamais a Polícia Militar.

    Manda a editoria da Folha publicar urgentemente que eu também não sabia de nada e encontrem um bode expiatório para assumir a culpa JÁ !

  15. “justiça”, SEU COXINHA INÚTIL, RATO É O TEU PAI QUE NÃO TE DEU EDUCAÇÃO, NEM CONDIÇÕES PARA VOCÊ ARRUMAR OUTRA PROFISSÃO MAIS DIGNA.

    SEU PAI DEVE SER IGUAL AOS TEUS AMADOS OFICIAIS LADRÕES, MENTIU PRA VOCÊ E ATÉ HOJE TE ENGANA.

    FICA DE QUATRO PARA OS ESTRELINHAS, DEFENDA ESSAS RATAZANAS E NÃO SE ESQUEÇA DE BATER CONTINÊNCIA DEPOIS DO BOQUETE DIÁRIO QUE ELES TE OBRIGAM FAZER.

    ATÉ UM BURRO, SE TIRAREM O CABRESTO E A VISEIRA, CONSEGUE ENXERGAR O ÓBVIO, MAS COXINHA TAPADO PERMANECE ILUDIDO PELA LAVAGEM CEREBRAL DOS QUARTÉIS, SÓ CONSEGUE SEGUIR A TRILHA TRAÇADA PELOS ADESTRADORES.

    NA PC TEM SIM ALGUNS LADRÕES QUE ROUBAM PARA SI PRÓPRIOS E PARA O BEM ESTAR DE SEUS FAMILIARES, MAS SÓ MESMO UM BURRO FARDADO PARA COMETER O MESMO CRIME E AINDA JUSTIFICAR QUE ROUBOU PARA O BEM DA CORPORAÇÃO. ESSES SÃO BI-BURROS, BURRO AO QUADRADO, IMBECIL AO CUBO, BEÓCIO AO EXTREMO, PORQUE ADMITE TER ROUBADO PARA A INSTITUIÇÃO.

    NEM OS PETRALHAS, AFIRMANDO QUE RECEBIAM VERBAS DO MENSALÃO PARA A CAMPANHA POLÍTICA, EM NOME DO PARTIDO, SÃO TÃO ESTÚPIDOS E ORDINÁRIOS

  16. justiça,

    Siga meu exemplo: cite os fatos, concretamente, com riquez\a de detalhes, além de respectivoss responsáveis. Subjetivismo é escudo dos fracos!

  17. Desviaram R$ 10 milhões para beneficio da tropa? KKKKKK… e ainda existe alienado pra defender esses caras, isso é loucura.

  18. será?

    desmilitarização
    A proposta de desmilitarização consiste na mudança da Constituição, por meio de Emenda Constitucional, de forma que polícias Militar e Civil constituam um único grupo policial, e que todo ele tenha uma formação civil. “Essa divisão atual é péssima para o país do ponto de vista operacional, pois gasta-se em dobro, e é ruim para o policial, que precisa optar por uma das carreiras”, explica Vianna.
    Atualmente, dois projetos de Emenda à Constituição (PEC) circulam no Congresso Nacional em defesa da desmilitarização da polícia. A PEC 102, de 2011, de autoria do senador Blairo Maggi (PR/MT), autoriza os estados a desmilitarizarem a PM e unificarem suas polícias.” Ela não faz especificamente a unificação e a desmilitarização, mas autoriza que cada estado federado possa fazê-lo caso julgue necessário”, explica Vianna. A PEC está em tramitação no Senado.

    Já a PEC 430, de 2009, em tramitação na Câmara dos Deputados, visa a unificação das polícias Civil e Militar dos Estados e do Distrito Federal, além da desmilitarização do Corpo de Bombeiros, bem como dá outras funções para as guardas municipais. A proposta é de autoria do deputado federal Celso Russomanno (PP-SP).

  19. se o pessoal de sp conhece se a dona certinha nao ficariam baixando tanto a cabeca da pm

  20. CADE A VALORIZAÇÃO DO N.U e N.M ????

    CADE O REAJUSTE DE 2015 ????

    CADE AS PROMOÇÕES DA POLÍCIA CIVIL???

  21. Já estou até vendo o velho “jargão” – Abriremos um rigoroso Inquérito Policial Militar para apurar as responsabilidades, e não chegar a lugar algum.
    Fala sério, vocês acham que vai dar alguma coisa???? E outra, olhando os comentários até parece que na Polícia Civil só tem franciscano, chega de hipocrisia né galera, funcionalismo público brasileiro no geral está corrompido. É cada um pensando em si mesmo, ou você acha que é diferente dos corruptos quando falta ao serviço, chega atrasado, omite, dá uma “voada” com a vtr, trata mal as pessoas, etc… Não estou defendendo a PM não, mas infelizmente, a corrupção está enraizada em nossa cultura. Posso até ser idealista ( todo jovem é) mas essa corrupção em nosso meio só acabará quando pequenas atitudes mudarem também. Abraços.

  22. Agora é só aguardar, a “reserva moral do estado” já deve tá preparando um dossiê para vazar pra imprensa amiga, dizendo que na Polícia Civil isso ocorre também, etc.

    São mestres na luta de bastidores e no combate nas sombras.

    Só faltou o coronel dizer, “eu roubo, mas faço”.

    Será que ele se confessou com o padre da CAPELANIA que desviou um milhão?

    Se na igrejinha o coronel capelão conseguiu se apoderar de um milhão, imaginem no restante da firma: COPOM, CSMTEL, CSMM, CODONT, HPM, etc., são licitações bilionárias que esses centros e diretorias realizam.

    Os tablets xing ling mais caros que ipads estão aí pra quem quiser ver.

    As armas da Taurus que disparam sozinha, ou não disparam também.

    O coronel da Microsoft e seu DETECTA.

    Etc, etc, etc.

    “Contem sempre com o comando”.

  23. Se fizerem uma investigação na PC também, aí o negócio vai FEDER de vez!

  24. Alguém sabe me informar se o outro oficial que foi preso há dias atrás já está solto? Estou me referindo ao oficial padre capelão que tem o dever de rezar e não se contentou.

    Malandro, nessa porra todo mundo rouba!

  25. Devemos imediatamente retirar o título de primeiro comando criminoso do pcc e passarão para o segundo comando criminoso da capital; já o primeiro comando criminoso passará para a polícia militar.

    vocês acham que pode colocar a culpa, de imediato, no pcc em relação a chacina da torcida do Corinthians e depois prendem um pm, um ex-pm e um outro já está a caminho do cinco estrelas de onde, recentemente, fugiu um outro assassino que cometeu uma outra chacina.

    Vocês acham que pode um escândalo onde até um oficial padre é preso acusado de catar uma moeda.

    Agora ´roubarem 10 milhões em dois anos, vá pra puta que os pariu.

    EU SOU A POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE SÃO PAULO E NÃO GOSTO DE SER COMPARADO A NENHUMA OUTRA INSTITUIÇÃO, SOU A MELHOR.

    OFICIAIS BANDO DE BANDIDOS!

  26. Vocês sabiam que a policia civil recebe verba para diversos custeios e quando por incompetencia o delegado deixa de usá-la essa sobra vai para a PM que sabe muito bem onde usar…bom…. Pelo menos deveria saber……

  27. A pm sabe sim, desviando a verba de dez, vinte, trinta milhões de reais para suas viagens, mordomias, enquanto isso tem praça que defende coroneis, porque adora chupar o pau deles. Se cria sem vergonha, estou falando de vc. mesmo Carlos Eduardo seu chupa pica sem vergonha, no mínimo vc. deve ser ordenança de um desses cornos que estão roubando o erário público . Quem trabalha na rua , da pm, quer mais que esse maldito militarismo acabe mesmo, agora os chupa bolas adoram !

  28. Uéeeeeeeeeee, não é na academia do barro branco em que é formada a reserva moral do Estado de São Paulo?
    Se murarem todo Cando Geral da PM podem rebatizar de Romão Gomes II.
    O que tem a dizer o ex-CMDO Geral da PM Benedito Meira, que saiu falando um montão contra a Polícia Civil.
    Digo e repito a PM é um câncer que corrói as fianças do Estado, lá nem oficial sacerdote é honesto e depois ficam falando que nós policiais civis é que somos corruptos, perto deles somos pé de chinelo.
    E mais uma vez o MP militar não fez absolutamente nada.

  29. Imaginem os senhores, jamais a reserva moral do estado faria uma coisa dessas. Se for fuçar a fundo, além desta , todos viram que até o ten cel ou sei lá que patente que era paroco da igreja de Santo Expedito, na Luz, também meteu a mão. Agora comandante geral e ex vir à público dizer que não sabiam de nada, é demais né???? Prá mim não passam de um bando de oneradores do estado, com salários astronomicos, eles mesmos fazem sua própria folha de pagamento. O que eles fazem de produtivo para a corporação???? Absolutamente nada!!!! Quem carrega a instituição nas costas é de Sargento prá baixo e alguns raríssimos tenentes, são homens que realmente arriscam a própria vida, arriscam seu emprego, aguentam desaforo daquele povinho de merda que ama e defende bandido. E podem esperar que terminará em pizza, essa raça é blindada!! E nós aqui brigando por miséria de paridade, auxilio alimentação, qualquer merreca de reajuste….. FODA-SE A POLÍCIA!!!!!!!!!! Tem pouco PM na rua??? Dane-se!!!! E junto põe o plantão, cobranças, CPJs, a delegacia……deixa rolar!!

  30. JClaudio,

    Obrigo-me a reconhecer que as responsabilidades, afora a administrativa, deverá recair sobre outro senhor. Os oficiais citados não podem responder. Se, porventura, houve remota possibilidade de crime, quem deve oferecer os eventuais detalhes será o mesmo senhor. Comecei a conhecê-lo no CPA/M-6.

    A fim de quebrar o suspense, eis a identificação dele: é o senhor “Ninguém”. Neste eu “boto fé”, desde tempos remotos. ele conseguiu ver as PATIFARIAS na motomecanização desse CPA, em 1999, quando as relatei, em documentos oficiais que fiz questão de ser o autor. Eram os Relatórios Diários de Atividade pelos quais calei a boca do Coronel PM ROBERTO JOSÉ MINOZZI NOGUEIRA, o qual “não sabia” dos recorrentes desvios de finalidade (crimes de improbidade administrativa) descritos nos tais expedientes.

    Se acaso Vossa Senhoria quiser confirmar (embora eu possa presumir que já saiba), no POUPATEMPO em que procedo ao licenciamento do meu veículo, sempre ha recomendação para que o CLRV antigo seja guardado, por 05 (CINCO) anos. Nunca consegui descobrir a razão disso, no entanto, cito isso como mero parâmetro, atinente ao OFÍCIO Nº CPAM6-190/64/03, de 30/05/03, documento que serviu de “resposta” à PARTE Nº 10BPMM-240/1/03, de 07/05/03, na qual solicitei cópia dos tais RELATÓRIOS, como comprovação daquelas PATIFARIAS.

    A aludida “resposta”, oferecida pelo BANDIDO FARDADO, Tenente-coronel PM FRANCISCO RISSI FILHO, não poderia ter sido diferente do mau caratismo dele, no seguinte teor: “… incumbiu-me o Sr. Cmt do CPA/M-6 de informar que foi verificado junto aos arquivos da Seção de Motomecanização e não foi encontrado qualquer documento referente ao solicitado. Cabe salientar que não há emissão diária de relatórios do Oficial Motomec de forma rotineira, podendo ter havido, por certo período, relatórios confeccionados por determinação superior para conhecimento diário de autoridade responsável sem haver o respectivo arquivamento formal”.

    Observe-se que até algumas vírgulas aquele PATIFE roubou do próprio e mentiroso enunciado, por força de hábito.

    O senhor “Ninguém” também viu, por exemplo, como foram “investigadas” as PATIFARIAS que documentei na PARTE Nº 30BPMM-126/CFP/01, de 03/09/01 (falsa comunicação de roubo de arma: “desaparecimento” de arma de fogo: reaparecimento (suspeito) da mesma arma; falsidade ideológica: condescendência criminosa de superior hierárquico: prevaricação: falsa comunicação de crime de omissão de socorro: mentiras (em documento público) de subordinado hierárquico para tentar ocultar crimes etc). Apesar de TODAS AS EVIDÊNCIAS CRIMINAIS, o Comando do 30º BPM/M me concitou a informar sobre os fatos (INFORMAÇÃO S/Nº, sob protocolo nº 30BPMM-665/01, de 30/11/01), ou seja, para que o senhor “Ninguém” visse todo aquele desfiladeiro criminal. Pode a té ser que ele delegou as providências legais ao primo dele, o senhor “Alguém”, quero dizer, o cara-de-pau da SJD que “cego, surdo e mudo”. Resultado: reversão de toda e qualquer responsabilidade para o senhor “Ninguém”!

  31. Mais ou menos assim:
    1-Pra vc rir vc tem de fazer rir=Alguem ficou triste
    2-O sol nasceu pra todos = Alguem ficou com o sombreiro
    3- Agora eu quero a minha parte do “eu sei” = Alguem fingiu que não entendeu

    Resultado disso:
    1-Vai dar merrrrda Carvalho
    2-Cada cachorro que lamba sua caceta
    3-Aspira voce tem certeza disso?

  32. por estas e outras que a folha de pagamento esta indo para a fazenda a e aposentadoria sprev igual aos demais

  33. VALDIR,

    Eu cito esses órgãos da PM porque, como o senhor, também fui PM antes de ser delegado de polícia e como o senhor, fui vítima e testemunha de várias patifarias.

    Abraço!

  34. Se eu disser as coisas que eu faço, estes 10 itens da PM serão somentw matérias de jornais de bairro….

  35. Jamais a PM faria isto… é tudo armação da PC… mesmo e a PC não tendo investigado nada disso…

    Os detentores dos direitos morais absolutos estão sendo acusados indevidamente.

    Agora… a PM fez a “investigação”, por alguma razão, sabe lá qual, e “responsabilizou” um dito cujo… geralmente faz isto, mas acusa um praça… dessa vez acusaram um oficial.. provavelmente para tentar que tudo acabe por ai… pois, com certeza, se mexer vai feder muito… muito…

  36. Quem vai levar a culpa vai ser SGT,CB ou SD, e vai para cana e depois rua!
    (Eu mandei, mas quem foi lá foi você e você que fez coisas erradas, culpa sua!)

  37. JClaudio,

    O que mais suscitam dúvidas (parecido com o efeito “tostines”) é o silêncio da imprensa televisada: estaria mudamente comprada, ou, comprada mudamente?

  38. Gilberto,

    Poupemos ofensas aos ratos. Pensemos noutro nome para denominar esses BANDIDOS FARDADOS!

    Por acaso, você assistiu ao seriado (TV Record, ano passado) intitulado Ratos do Bem? O documentário mostrou como os ratos ajudam na detecção de minas terrestres. Tão aguçado é o faro desses roedores que são capazes de detectar o TNT (trinitotolueno), elemento indispensável na fabricação de minas.

    Se xingássemos esses BANDIDOS FARDADOS de cachorros, também não seríamos coerentes.

    O vídeo, abaixo, não deixa dúvidas disso.

  39. GENTE ! E, MUDANDO DE ALHOS PARA BUGALHOS !, “VIVA O PEIXE”, O VERDADEIRO, POIS O CHAMADO “TIMÃOZINHO”, TENTOU DE TODAS AS FORMAS ALVEJAR UM MELHOR PLACAR, MESMO COM A AJUDADA DE OUTROS DE DENTRO E FORA DE CAMPO. E ME AJUDEM AÍ Ó !…

  40. ALOPRADO,

    Retornando aos “alhos”, não tardará que uma mãe “aflita” ligue para o 190. Muito prontamente, receberá instruções de como “desengasgar” o bebê, enquanto a viatura da Polícia Militar é despachada, para aquela ocorrência. Dia seguinte, o atendente estará em visita à família da “vítima”, pela “coincidência” de a imprensa estar “passando pelo local”. Assim, a “sensação do dever cumprido” do PM continuará nesse “me engana que eu gosto”, até porque nunca vi viatura do Corpo de Bombeiros ou do SAMU exercendo policiamento ostensivo.

    Estratégia muito usada para “tirar” a instituição do buraco, como tentativa de mitigação desses escândalos, sempre considerados como “casos isolados”.

O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do comentarista que venha a ofender, perturbar a tranquilidade alheia, perseguir, ameaçar ou, de qualquer outra forma, violar direitos de terceiros.O autor do comentário deve ter um comentário aprovado anteriormente. Em caso de abuso o IP do comentarista poderá ser fornecido ao ofendido!...Comentários impertinentes ou FORA DO CONTEXTO SERÃO EXCLUÍDOS. Contato: dipolflitparalisante@gmail.com

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s