E as fraudes em licitações dos coronéis do Kassab ? 29

Fraudes em licitações da PM usavam até a assinatura de motorista

REYNALDO TUROLLO JR.
ROGÉRIO PAGNAN
DE SÃO PAULO

14/07/2015 02h00

O esquema de fraudes em licitações no Comando-Geral da Polícia Militar de São Paulo, com desvios que envolveram ao menos R$ 10 milhões, segundo apuração inicial da própria polícia, utilizou até assinaturas de um motorista.

Foi o próprio motorista, o soldado Gerri Dener Zeferino, que informou aos superiores ter participado, em “duas ou três oportunidades”, da formalização de contratos que ele não sabia o que eram.

Zeferino foi ouvido em sindicância que apurou irregularidades no departamento de compras do Comando-Geral em 2009 e 2010.

No depoimento, o soldado disse que seu nome constava da lista de policiais que atuavam no departamento de compras porque, à época, era motorista do tenente-coronel Kooki Taguti, o chefe do setor.

Como ficava no quartel à espera de ordens, afirmou, ele era chamado algumas vezes para assinar papéis dos quais desconhecia o teor.

A sindicância da PM não apontou quais foram as licitações assinadas pelo motorista nem o montante envolvido.

Na documentação da sindicância, entretanto, não há nenhum registro de que Zeferino tenha sido questionado sobre quem pediu a ele que assinasse tais papéis.

Procurado pela Folha, o soldado não quis comentar o caso (leia texto nesta página).

Como a Folha revelou em junho, uma apuração da própria PM confirmou um esquema de fraudes em licitações da cúpula da corporação, que envolviam de papel higiênico e peças de carro até obras e serviços no quartel. Os pagamentos eram feitos sem a comprovação de entrega.

O então responsável pelos contratos do setor, o tenente-coronel José Afonso Adriano Filho, admitiu parte das fraudes e afirmou que tinha autorização de seus superiores.

Disse ainda que o dinheiro desviado era utilizado para quitar dívidas da própria PM.

A sindicância concentrou-se em 2009 e 2010, mas, como mostraram as reportagens, as mesmas empresas de fachada venceram licitações desde 2005, envolvendo mais de
R$ 21,5 milhões. O governo, então, determinou a reabertura das investigações, ampliando o período em análise.

‘PARA REGULARIZAR’

Outros oficiais do departamento de compras do Comando-Geral disseram, na sindicância, que parte dos processos licitatórios vinha pronta do setor chefiado por Adriano Filho. Assim, esses oficiais apenas assinavam os papéis.

Um deles, o capitão Gilberto Monteiro Freire, disse que, nas vésperas de auditorias, “os oficiais eram chamados para assinarem documentações em licitações que estavam tramitando, […] sem a devida documentação de origem, […] tudo para se regularizar os processos”.

Freire disse ainda que não havia uma comissão para receber os produtos –como é comum no serviço público– e que, em alguns casos, até soldados temporários eram usados para atestar o recebimento. Soldados temporários são jovens contratados por tempo determinado para funções administrativas.

OUTRO LADO

A Secretaria da Segurança Pública de São Paulo informou em nota que foi instaurado um IPM (Inquérito Policial Militar), por determinação do secretário Alexandre de Moraes, para apurar mais detalhadamente o esquema de fraudes em compras.

A nova apuração terá como foco “todos os fatos relacionados às contratações que não foram objeto da sindicância realizada pela PM.”

O IPM é presidido pelo coronel Levi Anastácio Felix, corregedor da Polícia Militar.

Ainda segundo a secretaria, todos os indícios de irregularidade foram encaminhados para outros órgãos, como Ministério Público e Tribunal de Contas do Estado.

“Este mesmo material fará parte da instrução de processo no Conselho de Justificação da Polícia Militar, que definirá se o tenente-coronel [Adriano Filho, já aposentado] perderá a patente”, diz a nota. A perda de patente leva à perda dos benefícios.

O motorista Gerri Dener Zeferino não quis comentar o assunto. “Eu não lembro e não posso falar sobre isso”, disse.

A reportagem não conseguiu localizar o tenente-coronel Kooki Taguti, chefe de Zeferino à época, nos telefones registrados em seu nome.

*

A fraude
Dinheiro destinado à aquisição de produtos –muitos não eram entregues– e à contratações de serviço para o Comando-Geral da PM era desviado por meio de licitações fraudulentas

Período
Entre 2009 e 2010, no mínimo, mas operador do esquema atuava no departamento desde 2000

Comando-geral
Formado pelo comandante-geral (indicado pelo governador), subcomandante e oficiais do Estado-Maior; fica na região da Luz (centro de SP)

O operador
Tenente-coronel José Afonso Adriano Filho é apontado como operador. Ele era o responsável pelas finanças do Departamento de Suporte Administrativo do Comando-Geral

O que ele diz
Confirma parte doesquema, mas alega que o dinheiro era desviado para pagar dívidas da própria PM R$ 10 milhões é o montante envolvido nas licitações irregulares; não se sabe o destino exato do dinheiro.

Transcrito da Folha de São Paulo ; nos termos do artigo 46 da Lei nº 9.610, de 19 de Fevereiro de 1998.

  1. Vejam só que ironia do destino:
    Passados 07(sete) anos do fatídico 2008, somente os delegados estão bem, os demais policiais apenas brigando entre si, e não têm força para reivindicar nem ao menos um auxílio alimentação, tamanho o descaso com a instituição policial civil.

    Como dizia a personagem do desenho Vira-lata, a cadelinha Doce Poly: Quem poderá nos defender?

  2. CADE A RESTRUTURAÇÃO QUE TANTO FALAVAM POR AQUI?????????????

    FUDERAM ESSES CARCEREIROS E ELES CONTINUAM TRABALHANDO COMO SE NADA TIVESSE ACONTECIDO COM ELES.

    TENHAM VERGONHA NA CARA CARCEREIROS QUE TRABALHAM QUE NEM DOIDOS EM DISTRITOS, FERRARAM COM VOCêS E AINDA ESTÃO TRABALHANDO CONTENTE?????

  3. Eita Zeferino cala boca se não vai se fuder vão te arrumar uma demissão rapidinho(bota sem engraxar,colarinho torto,cabelos fora do padrão,etc a PM é especialista nisso.A Major Silvia Martinez foi demitida e rapinho arrumaram pro soldado que fez a denuncia!!Cala-te boca!

  4. Os bovinos assinam documentos e nao é que não querem saber do quase trata, não podem nem perguntar do que se trata. Na inquirição “esqueceram” de perguntar-lhe a mando de quem ele teria assinado e o bovino não pode nem dizer quem foi espontaneamente, não que ele não o quisesse. É o fim da pseudo reserva moral do estado. No fim se locupletam todos.

  5. PESSOAL !, COM RELAÇÃO AO DESVIO CONTUMAZ DE FUNÇÃO NA P.C. CONHECI E TIVE O PRAZER DE TRABALHAR POR DIVERSOS ANOS COM UM CARCEREIRO, O QUAL DURANTE MAIS DE VINTE ANOS ATUOU ESPLENDIDAMENTE COMO ESCRIVÃO DE POLÍCIA. PIETRO ! UM CONSELHO DE AMIGO, INGRESSE COM A COMPETENTE AÇÃO POIS, S.M.J., MUITOS COLEGAS ESTÃO OBTENDO ÊXITO.

  6. PEC pilotada pelo PT quer transformar Promotoria em “Promotira”: poder total aos delegados da PF, em juizado de instrução tropicanalhado
    Por Claudio Tognolli | Claudio Tognolli – seg, 13 de jul de 2015
    Compartilhar1641
    Imprimir

    Quando a juíza Denise Frossard ficou famosa, nos anos 80/90, por atocaiar, sem medo, os barões do jogo do bicho carioca, o país se curvava ante ela como se curva hoje ao juiz Sergio Moro. Cada época, afinal, produz o juiz de que necessita. E olha que necessitamos: como nunca.
    Denise Frossard defendia cegamente, depois de famosa, o chamado Juizado de Instrução – sistema pelo qual, superficialmente falando, a promotoria e o juiz comandam a investigação – deixando de lado os delegados de polícia.
    É por isso que em filme norte-americano e europeu você vê tanto promotor barra procurador à frente das investigações: é o juizado de instrução em sua plenitude.
    Mas como, desde a Lava Jato, a PF não perdoa o governo, era necessário que se inventasse algo para agradar os delegados – como Dilma vem fazendo desde o ano passado, ao obstar os sonhos de carreira dos agentes da PF.
    Eis que agora, a 9 de julho, veio outra pernada de anão: o governo pediu que o deputado Hugo Leal, do Pros (que apoiou Dilma nas eleições) apresentasse a PEC 89/2015.
    Ela propõe a criação de um juizado de instrução tropical, e tropicanalhado, em que a figura principal não vem do Ministério Público: tal figura é o delegado de Polícia Federal!
    O governo do PT tem feito o que pode para adular os que tem algemado os seus sicários, não?
    Hugo Leal nem fala de promotoria nessa PEC. Ali, a promotoria é apenas “promotira”: viva os tiras!!!
    Contei: no texto da PEC o vocábulo delegado aparece 83 vezes.
    Num trecho, Hugo Leal se justifica assim:
    “Nesse sentido cabe observar que a presente proposta em nada viola o princípio do concurso público, uma vez que as funções de natureza jurídica exercidas pelo Delegado de Polícia, na direção e presidência das investigações criminais, apenas serão transportadas para um novo cargo, que é criado por esta PEC a partir da transformação do cargo de delegado de polícia, em nada se confundindo com o cargo de juiz de direito, a quem compete exclusivamente o julgamento de ações penais.
    Com a presente PEC será possível a reforma nos órgãos policiais em busca de maior celeridade nas investigações e de uma melhor acomodação entre os cargos existentes, impondo a exclusão das funções de natureza jurídica exercidas pelos Delegados de Polícia dos órgãos policiais, as quais serão transferidas ao Juiz de Instrução e Garantias”.
    Entenderam a pegada? PT quer transformar promotoria em “promotira”
    Leia aqui o texto da PEC do “Promotira”.
    Leia também uma crônica recente das adulações de Dilma a delegados federais, um post sobre uma negociação de Dilma com os delegados e a MP que Dilma propôs.

  7. FIM DA VIOLÊNCIA POLICIAL! A SOLUÇÃO É ACABAR COM O PRESÍDIO MILITAR ROMÃO GOMES. disse:

    VALEU DR. GUERRA, OBRIGADO.

  8. FIM DA VIOLÊNCIA POLICIAL! A SOLUÇÃO É ACABAR COM O PRESÍDIO MILITAR ROMÃO GOMES. disse:

    DA PM VEM UMA ATRÁS DA OUTRA,

    FAZ APENAS CINCO DIAS QUE ASSASSINOS DA ROTA DISPARAM CONTRA PMS NA CIDADE DE PAULÍNIA, ESTAVAM COM FUZIL, ESCOPETA E COM UM CELTINHA MIL EM FUGA E AINDA COM AS PLACAS ADULTERADAS.

    FAZ APROXIMADAMENTE DOIS MESES QUE FOI DIVULGADO O INÍCIO DESSE ESCÂNDALO ENVOLVENDO ESSES CORONEIS QUE DESVIARAM DINHEIRO PARA MONTAR UMA SUPER VIATURA DO FUTURO E DEIXARAM ATÉ DE COMPRAR PAPEL HIGIÊNICO PARA LIMPAR O RABO SUJO.

    HÁ POUCOS DIAS ATRÁS ACOMPANHAMOS UM OFICIAL PADRE DA POLÍCIA MILITAR DE SÃO PAULO SENDO PRESO POR GOSTAR DE UMA MOEDINHA EXTRA.

    HÁ POUCOS DIAS ATRÁS OS CORONEIS DEPUTADOS TELHADA E CAMILO FORAM ATÉ A SEDE DO DHPP PRESIONAREM A DIRETORA PARA QUE AGILIZASSE AS INVESTIGAÇÕES PARA ESCLARECER OS AUTORES DA CHACINA DO “PAVILHÃO NOVE” E TUDO, SEGUNDO A PRÓPRIA POLÍCIA MILITAR, INDICAVA QUE OS AUTORES SERIAM INTEGRANTES DO PCC E NA VERDADE ESSA MALDITA FACÇÃO CRIMINOSA (PCC) É INOCENTE E QUEM ESTÁ PRESO É UM INTEGRANTE DE UMA OUTRA FACÇÃO CRIMINOSA, A PMESP.

    AGORA O SOLDADO QUE ASSINAVA AS NOTAS JÁ NÃO LEMBRA DE NADA.

    SERÁ QUE TEM MAIS AINDA?

    CADEIA NELES JUSTIÇA.

  9. Esta é para os colegas que, frequentemente, tem cobrado o famigerado bônus!

    Lógica do “Bônus”:

    Paga-se quando quiser, do jeito que quiser e o quanto quiser.

    E ainda tem policial que chegou ao cúmulo de elogiar essa merda!

  10. Cara, do muita risada do povo brigando aqui… Careceiro bravo (pq são os “coitadinhos” que trabalham e não ganham), carcereiro zueiro (pq os tonto dos Tira e Escriba acharam que ia ganhar que nem delegado e ganharam um pepino), PC metendo o pau na PM, PM metendo o pau na PC… Gente que fala que não tá nem aí e se f*** o serviço… Gente que se dedica pro serviço e mete o pau em que não tá nem aí…
    Povo, quando vocês vão aprender que o problema tá na gente? Não tá na Polícia essa ou Polícia essa, no PT ou no PSDB… O problema tá no POVOOOOOOOO… A população brasileira é corrupta… O “jeitinho brasileiro” é cultuado aos quatro cantos do Brasil e nada mais é que um eufemismo pra falcatrua, pra tirar proveito… Considerando este fato, infelizmente o que temos é um mero reflexo. Na Polícia Civil tem um percentual de vagabundo, na PM tem, no PSDB tem, no PT tem também… Na sua igreja tem também, na sua associação de bairro, na escola do seu filho… A vagabundagem é característica do brasileiro… Aposto que todo mundo aqui dá uma carteirada quando é pego fazendo cagada… Tá certo isso? Isso é corrupção nego veio… E não adianta falar que não faz pq faz sim. Eu sei que faz! Todo mundo faz!
    Então fi, sinto desapontar os esperançosos de plantão, mas se você quer viver numa sociedade mais justa e digna, infelizmente você nasceu no país errado… E nem adianta esperar mudanças, pq entra governo e sai governo, a porcaria é a mesma…
    Beijos

  11. Não concordo em generalizar nada, muito menos “todo o povo é…..” “todo o policial é…..” Tem policial honesto e pobre, embora NU de verdade, com diploma em Direito e tudo mais. O salário é que é de fome e os Sindicatos, segundo parece, estão paralisados, não vejo movimento algum….alguns policiais da ativa só procuram “lugares bons” para trabalhar . Com esse Governador é difícil conseguir aumento salarial, so mesmo com uma greve geral apoiada pelos Delegados, o que atualmente parece um pouco dificil, porque alguns deles, mormente os cardeais, demonstram contentamento com os atuais salários e esperam ascensão na vida pública, como fazem os coronéis da PM. Se houve possibilidade de se unirem PC e PM acho que o Governador abriria as pernas….,

  12. A Pm é uma caixinha lacrada e inviolável, o que será apurado não irá pro ´papel assim nao mancha mais a imagem da instituição e consequentemente do governo. Apuração essa feita por um coronel da própria instituição vai dar em que???? NADAAAAAAAAAAA…….manda pro Gaeco, MP ou qualquer outro lugar. O alto oficialato é inatingível e isso, que deveria terminar em cadeia pesada e restituição aos cofres públicos, infelizmente cairá no esquecimento ( como todas as outras tretas que alguém citou acima) e a pizza será servida no final. Aqui na PC em tempos idos teve até DG que foi prá rua mas ressarcir o que foi surrupiado não. A pena pior que cadeia prá quem faz isso em ambas as instituições, assim como na política, seria a IMEDIATA RESTITUIÇÃO DO QUE FOI SURRUPIADO AOS COFRES PÚBLICOS! Isso porque a cadeia será curta e ainda o indivíduo fica com o dindin guardado para desfrutar depois.

  13. Infelizmente eu não consigo localizar um comentário meu, aqui no flit paralisante, do mês passado, em que eu já afirmava que o comando geral da PM iria por a culpa no praça, praça este que cometeu o crime de levar os documentos, maculados, para os “coroné/ladrão” assinar.
    Escrito, dito e feito agora acharam um soldado, motorista, que assinou, sem saber o que assinava, e sem ler.
    Muito conveniente para os oficiais/larápios, esta descoberta!
    Para ficar redondinho, redondinho…. bem ao “melhor” estilo dos IPMs e sindicâncias conduzidas pelos mesmos larápios só falta acharem alguma assinatura, de algum oficial superior que tenha morrido, e com esta única assinatura, mesmo que de mero expediente, do tipo encaminhado para analise, e pimpa e pronto todos os culpados já estão devida e definitivamente o soldado PM, bobo, que assinou sem ler, por temor de perder a escala joinha que desfrutava dirigindo para os “coroné”.
    E o oficial morto, terá o seu nome será jogado na lama, mas a velinha vai continuar a receber a pensão integral, é assim que a PM “investiga” os crimes cometidos pelos seus oficiais superiores, simples assim.

    E finalmente eu posso dizer EU JÁ SABIAAAAAAAAAAA.

  14. JACARÉ SEM DENTES,

    Sobre essa PEC, é o desdobramento natural do entendimento covarde do STF que promotor pode investigar. Se o promotor pode investigar, faz jus ao título de “promotira”.

    Não existe uma única lei que diga que promotor pode investigar, mas mesmo assim, como aprendeu com a PM, a lei é para os outros e o MP investiga e chegou-se a um ponto onde o STF foi posto contra a parede e não tinha mais volta, pois, se dissesse que o MP não tinha poder investigatório, simplesmente teria que anular centenas ou milhares de ações penais. Fez-se o mais cômodo.

    A investigação feita pela polícia tem controle judicial e do próprio MP e a investigação do MP tem controle de quem? De ninguém, mas os promotores, assim como seus oficiais da PM são seres divinos, não se submetem ao controle de ninguém, a lei é para os outros.

    Não queriam tanto investigar, investiguem. Um dos principios básicos do processo penal é o da paridade de armas entre acusação e defesa. Tudo quer for permitido ao promotor deve ser permitido ao advogado do réu, caso contrário a defesa fica prejudicada.

    O MP parece aquele cachorro que corre atrás do carro, quando o carro para ele não sabe o que fazer. Queriam tanto investigar agora o STF disse que podem e não sabem o que fazer.

    Quanto ao juizado de instrução e garantias não vejo com bons olhos, pois, eu nunca quis ser juiz e se essa hipótese se concretizar eu fico como delegado. O cargo de delegado de polícia sempre foi mais próximo do Poder Judiciário, veja o nome de nossa instituição Polícia Judiciária. A Polícia Judiciária começou a ser negligenciada com o golpe militar e fusão promovida por eles da força pública com a guarda civil.

    O promotor funciona como um advogado do Estado incumbido de oferecer denúncia nas ações penais, só isso, não é um ser divino, nem tem sangue azul como seus oficiais PMs costumam se autodenominar. A denúncia do MP, nada mais é do que uma petição inicial. Se o promotor investiga para fundamentar a petição inicial dele, coitado do réu, pois, seu advogado não pode fazer o mesmo.

    Todos pedem mudança no modelo de segurança pública, mas na verdade, não querem mudar nada.

  15. Se o MP realmente quisesse investigar com isenção iriam descobrir muito mais podres da PM. Mesmo com as notícias até agora não apreceu nehum promotor estrela para dar entrevista e investigar a PM. Se fosse a Civil já estariam dizendo que a corró não iria chegar nos autores.
    O MP é tão cagão e covarde para investigar a PM que quando recebe denúcnia comtrsa a PM manda o PC instaurar inquérito, pois sabe que o governador não vai deixar o caso ir pra frente.

    se tiverem interesse de uma olhada nos pocessos do tribnal de contas TC-41911/026/11 e TC-6459/026/12, o MP mandou a civil investigar fraudes milionárias da PM e não quis aparecer. Estão com medo né …

  16. Bom dia!

    Senhoras e Senhores.

    Todo mundo sabe que a existência dos Coronéis da PM nas Subprefeituras de São Paulo era por pura conveniência.

    É mais fácil administrativamente falando.

    Naquela época a administração do prefeito não era a mesma do governador, partidos diferentes e, para que se tivesse apoio incondicional de uma força policial rápida e sem burocracia, arquitetaram este caminho rápido. E, para calar a boca da tropa criaram a Operação Delegada remunerada.

    Assim todos ganhavam e ninguém contestava. Afinal de contas estavam recebendo alguma coisa em troca.

    Diferentemente é claro da Operação Verão.

    Pois naquele caso somente alguns ganhavam. E diga-se de passagem, era uma vergonha.

    Agora percebemos que a coisa é diferente.

    Alguns usam a Polícia para obter vantagens escabrosas em cima do Estado e da administração pública.

    Caronte.

  17. 1- o motorista foi muito besta em assinar papeis que não sabia o que éra…
    2- agora para ele ser inteligente, é bom ele falar que não lembra de nada…..
    3- não viu nada. não tava lá…não foi ele que assinou porra nenhuma….
    4- é a única saida deste burrão……

    ele tá na ponta do abismo..

  18. sera que nestes desvios de verbas , somente os oficiais sabiam ?

  19. Mais do mesmo,agora e sempre!! disse:
    14/07/2015 ÀS 9:21
    Eita Zeferino cala boca se não vai se fuder vão te arrumar uma demissão rapidinho(bota sem engraxar,colarinho torto,cabelos fora do padrão,etc a PM é especialista nisso.A Major Silvia Martinez foi demitida e rapinho arrumaram pro soldado que fez a denuncia!!Cala-te boca!

    ////////////////////////////////////////////

    EI AMIGÃO !!! SE ESQUECEU DE MENCIONAR O BIGODE CUMPRIDO = FORA DO PADRÃO.

  20. O APURO QUE O MOTORISTA ZEFERINO ESTA PASSANDO AGORA …
    PODE SE REPETIR COM OS RECOLHAS DA CIVIL= NÃO PASSA NEM AGULHA…..

  21. Nossa, acontecendo essas coisas na reserva “moral” do estado? não acredito….

  22. Tenente-coronel Taguti: sem-vergonha, lixo, safado, pilantra! Fugindo da imprensa! Aparece, covarde!! Diga que estava naquele antro de BANDIDOS, o TJM, juntamente com os seus comparas, a me julgar (Processo 53.872/2009).

  23. escri13;

    Veja como a “reserva moral” é irremediavelmente cínica: no mesmo ano da roubalheira no “Cocomando-geral” (faz cagada até nas fraudes “Zeferinadas”), aparecem no TJM, por “sorteio”, o PILANTRA FARDADO acima qualificado, bem como, o outro, da mesma laia, Tenente-coronel JOSÉ ARMANDO ALENCAR, do balcão de negócios (Batalhão de Santo André), com “muita” moral para me julgarem pelo “crime” de “injúria”, no Processo decorrente do “trâmite” do documento que protocolei noutro antro (quartel do CRPM) em 24/04/09. O PATIFE, então Major Daniel César Simões Teixeira, me prendeu em “flagrante delito”, à vista das farsas que registrei no aludido expediente.

  24. ZEFERINO NÃO É INOCENTE. MOTORISTA DE CORONEL GERALMENTE É BABA OVO, PUXA SACO, CAGUETA E TUDO O QUE NÃO PRESTA.
    DEVE TER LEVADO ALGUM, POR ISSO NÃO LEMBRA DE NADA, ESTA DOENTE COM AMNÉSIA PROFUNDA.
    DAQUI A POUCO VIRA MAIS UMA “VITÍMA DO PCC”, AO SAIR DE CASA, ACABA SENDO EXECUTADO A TIROS POR BANDIDOS QUE CAÇAM NOSSO “HERÓIS”.
    COMO MORTO NÃO FALA, VAI ACABAR VIRANDO O LIDER DO ESQUEMA DO DESVIO DE VERBAS.
    COMO SERÁ A EXECUÇÃO A TIROS DE FUZIL OU PISTOLAS ?
    AI UM GRUPO DA MESMA QUADRILHA DOS ESTRELAS E GEMADAS IRÁ PROTESTAR CONTRA A MORTE DE MAIS UM “HERÓI”, VITÍMA DO CRIME ORGANIZADO QUE ATERRORIZA O POVO DE SÃO PAULO.
    CAI NO ESQUECIMENTO E COM A “MORTE” DO AUTOR DAS FALCATRUAS DA-SE A EXTINÇÃO DE PUNIBILIDADE.
    E TODOS OS OFICIAIS VIVERÃO FELIZES PARA SEMPRE COM SEU DINHEIRO OBTIDO COM MUITA HONESTIDAE E TRABALHO.

Os comentários estão desativados.