Razões contra o Ciclo Completo da Polícia Militar: Por um modelo de Polícia unificada e desmilitarizada 149

comunicado

Está em plena execução um movimento que busca instituir no Brasil o denominado Ciclo Completo da Polícia Militar.

A proposta é capitaneada especialmente pelos oficiais das Polícias Militares, os quais entendem que a Polícia Militar deve realizar as funções das Polícias Civis, ou seja, presidirem investigações criminais de civis, por crime comum, e ainda realizarem a lavratura de autos de prisão em flagrante e de termos circunstanciados.

Essa pretensão encontra-se em gestação em Propostas de Emenda à Constituição, notadamente nas PECs 423/2014, 431/2014 e 127/2015.
Essas propostas tramitam em conjunto com outras que tratam da desmilitarização das Polícias Militares e da criação de uma polícia única estadual, de natureza civil, a partir da unificação das Polícias Civil e Militar (PEC 430/2009, 432/2009).

As propostas que tratam de polícia estadual unificada e desmilitarizada não são de interesse dos oficiais das Polícias Militares, pois acabariam com sistema que apenas privilegia o oficialato em detrimento das praças e da sociedade.

O relator de todas as propostas é o Deputado Raul Jungmann, do Partido Popular Socialista de Pernambuco (PPS/PE), o qual, mesmo indo contra os ideais de seu partido, já demonstrou o claro intuito de atender exclusivamente as propostas de conceder às Polícias Militares todo o poder de investigação criminal, mesmo de civis, e não admitir as demais PECs.

Assim, a fim de esclarecer e rechaçar os argumentos que vêm sendo implantados na sociedade e junto aos formadores de opinião em geral, passamos a expor alguns argumentos que comprovam o risco e a inconveniência de se dotar a Polícia Militar de poderes investigatórios plenos para presidir inquéritos policiais e para proceder à lavratura de Autos de Prisão em Flagrante.

Em primeiro lugar, é assombroso o número de crimes no Brasil, situação provocada em grande parte por graves falhas na prevenção. A atividade de policiamento preventivo no Brasil ainda encontra-se em patamares provincianos, semelhantes àqueles que se vê em países como Honduras, onde estão os maiores índices de homicídios do mundo.

Isso provoca uma sobrecarga nas Polícias Civis, que ficam inviabilizadas de dar cabo do elevado número de infrações penais provocadas por falha na prevenção.

Diante da falência do sistema de prevenção e de sua incapacidade em dar conta de sua própria tarefa, a Polícia Militar passa agora a avançar sobre as funções de investigação criminal, de incumbência das Polícias Judiciárias.

Ainda que tivéssemos policias ostensivas que cumprissem com seu dever de prevenir e evitar o número assombroso de crimes que assola o país, ainda assim não seria razoável ou constitucionalmente viável impor à sociedade um modelo de investigação militar de civis por várias outras razões.

Autorizar a Polícia Militar a fazer investigações criminais, fora dos casos de crimes militares, representa um retrocesso de décadas em matéria de direitos humanos, que vai de encontro aos princípios da cidadania e da dignidade da pessoa humana, insculpidos no art. 1º da Constituição Federal.

Não por acaso, a ONU já se pronunciou a favor da desmilitarização das Polícias Militares brasileiras, e pesquisa da Secretaria Nacional de Segurança Pública demonstra que mais de 70% (setenta por cento) dos policiais, incluindo militares, são a favor da desmilitarização das Polícias Militares.

Nesse diapasão, vale destacar que entidades representativas de classes das praças são contra o Ciclo Completo da PM e a favor da desmilitarização, pois entendem que são propostas que fortalecem apenas a classe dos oficiais, que em regra não estão nas ruas exercendo as atividades própria de policiamento ostensivo e preventivo.

Por exemplo, vale mencionar a Associação das Praças Policiais Militares da Ativa e Reformados do Estado de São Paulo – APPMARESP, que possui várias manifestações nesse sentido disponíveis no site: http://www.appmaresp.com/news/ciclo-completo-de-policia-a-quem-interessa/
Ainda que fosse possível superar tais incongruências, a investigação de civis por militares implica dizer que cidadãos, em pleno exercício de seus direitos civis e políticos, serão levados para quartéis e batalhões, onde serão autuados e permanecerão detidos.
Vale lembrar que as unidades militares não são locais propensos ao exercício de direitos, haja vista serem aquarteladas e se submeterem a regramentos castrenses, em que se cerceia até o acesso às suas instalações, que dizer então em exercer direitos constitucionalmente assegurados no interior dessas estruturas.

Para elucidar, estima-se que 71% (setenta e um por cento) dos conduzidos por policiais militares até as delegacias de polícia de todo país correspondem a detenções ilegais ou desnecessárias.

Isso demonstra a importância do delegado de polícia no controle de legalidade das prisões realizadas pela Polícia Militar, evitando um considerável número de prisões ilegais e arbitrárias.

Afinal, não é sem razão que desde o Código Processual Penal do Império que toda pessoa presa deveria ser levada perante o juiz de paz ou Chefe de Polícia e seus delegados, pois a garantia do cidadão deve vir antes de mirabolantes “métodos de policiamento completos”.
Aliás, caso o modelo militarizado fosse o mais adequado, a Polícia Federal adotaria esse modelo altamente criticado e de questionável legitimidade. Contudo, a Polícia Federal é civil.

Não se olvida que a Polícia Federal foi dirigida por militares no passado, porém evoluiu consideravelmente, tornando-se um referencial em termos de eficiência e também de respeito à cidadania, sendo importante registar que hoje a lei impõe a direção da instituição por delegados de polícia federal, de natureza civil.

Na medida em que se avança no aperfeiçoamento das estruturas sociais, vem se demonstrando que o regime democrático somente deve se valer de estruturas militares em situações restritas e excepcionais, o que se sobreleva em importância quando se trata de instituição policial.
A militarização da segurança pública, notadamente das investigações criminais, criará uma duplicidade de regime jurídico, em que alguns serão investigados por órgãos civis, enquanto outros serão submetidos a processo de investigação diferenciado, trazendo insegurança jurídica e limitações ao pleno exercício do direito de defesa.

Por isso, não se pode admitir a submissão de um cidadão a uma investigação militar em razão de crime comum, visto que isso limita até mesmo o exercício do direito de se contrapor a eventuais atos ilegais praticados pelo policial militar, que não se sujeitará ao mesmo regime jurídico aplicável aos demais cidadãos e servidores da segurança pública.

Por outro lado, não se olvida que, para a Polícia Militar realizar investigações criminais, ela terá que retirar policiais das ruas para que passem a exercer essa outra atividade.

Para contrapor esta constatação, terão que criar mais cargos de policiais militares, contratar mais pessoas e inchar as já robustas fileiras militares, instituindo um novo modelo de federalismo militarizado.

Não se olvida ainda que terão que criar cartórios e estruturas para realização de investigações criminais, onerando ainda mais os Estados, para o exercício de uma atividade para a qual já existe um órgão específico e qualificado, que historicamente foi esquecido em razão de políticas de segurança pública equivocadas e eleitoreiras.

Ademais, não são apenas essas as razões que desaconselham a institucionalização de um sistema militar de investigação de civis.
Quando se fala de ciclo completo, não se pode perder de vista que a União e os Estados já exercem ciclo completo de policiamento. No caso da União, a Polícia Federal, que é de natureza civil, exercem funções preventivas e repressivas.

Os Estados, por sua vez, por concentrarem o maior número de infrações penais, especializam as funções de prevenção e repressão. Todavia, bom repetir, todas as funções são de titularidade do Estado, cujo chefe maior na hierarquia das instituições policiais é o Governador.
Por essa razão, não procedem as alegações de que se tratam de duas polícias incompletas, visto que se trata de especialização de funções, cujo titular é o mesmo – o Estado, que detém o ciclo completo de policiamento no âmbito de seu território.

Da mesma forma, não se sustenta a alegação de que seria necessário o ciclo completo pela Polícia Militar porque não existem delegacias de polícia em todos os municípios brasileiros.

De fato, não existem delegacias em todos os Municípios, bem como não existem juízes e promotores, o que não autoriza a usurpação das funções constitucionais de outros órgãos pela Polícia Militar.

Dessa forma, o que se nota é o oportunismo diante de uma situação provocada pelo equívoco e pela omissão de muitos governantes que decidiram, como política de segurança pública, investir em grandes efetivos militares nas ruas como forma de gerar uma falsa sensação de segurança para somar votos, a despeito de investir nas polícias investigativas.

Não resta dúvida de que essa política de segurança se mostrou falida, pois foi incapaz de prevenir os crimes, razão pela qual não nos surpreende a intenção da Polícia Militar de avançar sobre a atividade que pode fazer a diferença em matéria de segurança pública – a polícia judiciária.

Aproveita-se da omissão, do descaso e do desrespeito para com a Polícia Civil para tentar retirar-lhe o que restou de ar para viver, com a pretensão de retirar-lhe as funções.

Não resta dúvida de que a proposta de Ciclo Completo da PM não trará benefício algum à sociedade, havendo medidas mais urgentes e importantes, como a proposta de desmilitarização das Polícias Militares, bem como a destinação obrigatória e vinculada de recursos para melhoria de condições das Polícias Judiciárias Civil e Federal, não se admitindo a usurpação de suas funções.

Por fim, a única discussão possível no que tange à reforma dos órgãos de segurança pública – mesmo sabendo que as causas da violência e insegurança são outras – passa pela desmilitarização e unificação em polícias únicas estaduais, de natureza civil, sendo esta a única possibilidade de se falar em ciclo completo.

Aos que resistem à ideia de uma polícia unificada de natureza civil, bom saber que conceder o ciclo completo para a Polícia Militar será pior, pois instituirá uma polícia única estadual militar, pois não há dúvida de que a necessidade de aumentar o efetivo militar para dar conta das novas atribuições representará a aniquilação das Polícias Civis e a instituição de um novo modelo de “estado federado militarizado”, colocando sobre a cabeça de cada Governador uma verdadeira espada de Dâmocles.

A propósito, é intrigante o fato de a palavra mais utilizada por muitos gestores da segurança pública ser “integração”, quando a prática e os movimentos políticos tendem à maximização das divergências e do isolamento entre as instituições, como parece ficar claro por parte dos defensores de uma Polícia Militar com superpoderes.

Afinal, não existe melhor forma de integrar que unir.

Forte nessas razões, não temos dúvida que o caminho da segurança pública passa pela civilização das polícias.

FÓRUM NACIONAL DAS ENTIDADES DE DELEGADOS DE POLÍCIA – FONAED

  1. Isso significaria nota 10 a quem não fez nem a primeira lição de casa: prevenção primária! Nunca a PM passaria na prova do ciclo completo: é aluna vagabunda, pior que quenga de estação ferroviária!

  2. Vai chorar na cama que é lugar quente…pode vir com as argumentações falaciosas que quiser… O CICLO.COMPLETO ACONTECERÁ.
    Não creio que será o fim da Polícia Civil…mas que concursos para Delegado irão diminuir, isso é certo…TORNAR-SE-ÃO INÚTEIS.

  3. Tem dois tipos de pessoa fazendo campanha contra o tal ciclo completo: em 1º os Delegados de Polícia e em 2º, os delegados de pelúcia. Os dois tipos são os culpados pelas mazelas da polícia civil de São Paulo. Sempre cuidaram só dos próprios interesses e a polícia civil ficou em terceiro ou quarto plano. Sempre disseram amém para qualquer bobagem imposta nos últimos 20 anos pelo desgoverno tucano. Agora é tarde. Nem que se quisesse melhorar a PC seria possível. Não há efetivo nem pra tocar as toneladas diárias de papel e mais papel inútil que se produz. Não há liderança, não há delimitações de função, não há produtividade. Só há enganação e teatro para a população. Maquiagem nos boletins de ocorrência e nas estatísticas pra tentar justificar os índices de criminalidade. Enquanto isso, a outra polícia, que também não é grande coisa, porém tem chefes de verdade, vem fazendo um grande trabalho nos bastidores e garantindo seu espaço. Se não conseguirem o ciclo completo, certamente, vão ganhar alguma outra coisa bastante positiva. Na PC, a única campanha que os Delegados de Polícia e os delegados de pelúcia encabeçaram foi para garantir o tal ADPJ que melhorou os salários deles em R$3.000,00, enquanto que as demais carreiras se fud……Na atualidade os grandes dirigentes da PC só querem saber que se comece logo a funcionar o tal Necrim. Provavelmente isso dará mais algum dinheiro para eles. Certamente para as outras carreiras não dará mais nenhum centavo. Diante de tudo isso, quero mais é que venha logo o tal ciclo completo e quem quiser abraçar os meus (muitos) inquéritos, que o faça logo.
    E tem mais, o futuro da segurança passa longe das polícias estaduais. O futuro da segurança pública é a polícia municipal. E nesse caminho as Guardas Municipais estão bem adiantadas. Parabéns.

  4. ESTAMOS VOLTANDO AOS TEMPOS DA DITADURA MILITAR ONDE O INDIVIDUO ERA PRESO E MANTIDO EM QUARTÉIS, AO INVÉS DE SER APRESENTADO À AUTORIDADE POLICIAL. IMAGINA O NÚMEROS DE ARBITRARIEDADES, DE MORTES, DE DESAPARECIMENTO QUE PASSARÃO A ACONTECER. A POLICIA MILITAR PRECISA SE INCORPORADA A POLICIA CIVIL PARA QUE AMBAS SE “FUNDAM” NUMA OUTRA POLICIA ESTADUAL. QUEM FOR ORIUNDO DA PM TORNAR-SE POLICIA NOS MOLDES DA PRF. OS ORIUNDOS DA POLICIA CIVIL SEGUIRIA O MOLDE DA PF, COM EXTINÇÃO DE CARGOS E EQUIPARAÇÃO SALARIAL. CONCURSOS INTERNOS SERIAM INTERESSANTES DENTRE OS SERVIDORES PARA QUE GALGASSEM CARGOS MELHORES. SERIA MERITOCRACIA. FIM DA ESTABILIDADE DOS SERVIDORES. FUNDO DE GARANTIA(COISA QUE O ESTATUTÁRIO NÃO GOZA). APOSENTADORIA DIFERENCIADA PELOS MOTIVOS QUE NÃO PRECISA SER ELENCADOS AQUI(SÓ A INSALUBRIDADE E PERICULOSIDADE JÁ BASTARIAM, SEM CONTAR COM HORÁRIOS DIFERENCIADOS E DESGASTES EMOCIONAIS). LOGICO QUE ISSO É UMA OPINIÃO RASA. PRECISARIA DE UM MELHOR ESBOÇO ANTES DE SE DEFINIR O MELHOR MODELO. O PROBLEMA DO BRASIL É FAZER AS COISA A TOQUE DE CAIXA E DEPOIS DESCOBRIR QUE A COISA NÃO FUNCIONA.

  5. Só espero que aqueles majuras que batem continência pra soldado raso, aceitando sem qualquer questionamento suas versões mentirosas, que já foram até padronizadas, leiam o artigo acima e mudem de postura, pois, com certeza, a frouxidão de muitos policiais civis ajuda a incentivar iniciativas absurdas como essa.

  6. ESTE CICLO É UMA BESTEIRA COMPLETA, NADA VAI SER FEITO NADA VAI MUDAR
    Isso já esta virando palhaçada, a Administração não fez nem a Reestruturação da Polícia Civil de SP quem dirá o Reenquadramento do Cargo Vago de carcereiro que esta previsto em lei sobre cargos vagos.

    Agora ficam com bla, bla, bla, e nada é feito de bom na Polícia Civil de SP.

    A Polícia Militar tem um contingente em torno de 140.000 e as maldades que são feita pela minoria não pode ser generalizada, quando houve o militarismo eu nem tinha nascido, mas sei que os bandidos respeitavam a lei, a polícia… Hoje vemos Pancadão, Menores drogados desafiando a lei.

    Em Minas Gerais a Policia Militar leva o Bandido direto ao Juiz e em seguida para o Presidio, aqui em SP esta uma bagunça nas Delegacias.

    Delegacias que foram feitas para Apurar e Investigar Crimes, no entanto, há uns imbecis que querem presos nas delegacia pra que? pra investigador ficar fazendo escolta e guarda de preso no hospital ou entrar nas carceragens para fazer vistorias. A propósito conheço Investigadores que nunca Investigaram. Investigadores que tem medo de se infiltrar na favela, prender… Ainda enchem a boca em falar Sou Investigador, investigador do que???
    Hoje em dia não há necessidade de alguns cargos:
    CARGOS DESNECESSÁRIOS NA POLICIA CIVIL HOJE:

    AGENTE DE TELECOMUNICAÇÕES: HOJE COM A TECNOLOGIA QUALQUER POLICIAL ENTRA NA VIATURA E COM UM TABLET ABRE TALÃO COM ID- IDENTIFICAÇÃO E CONSULTA PLACAS E PESSOAS, NÃO PRECISA DO RÁDIO OU DO CEPOL. NENHUM ESTADO TEM ESTA CARREIRA HOJE EM DIA

    AUX. DE PAPILOSCOPISTA: NENHUM ESTADO TEM ESTA CARREIRA HOJE EM DIA

    AGENTE/MOTORISTA POLICIAL: NENHUM ESTADO TEM ESTA CARREIRA HOJE EM DIA.

    CARCEREIRO POLICIAL: NENHUM ESTADO TEM ESTA CARREIRA HOJE EM DIA. CARCEREIROS VÃO PARA OUTROS ESTADOS E SÃO CONFUNDIDOS COM AGENTE PENITENCIÁRIO.

    OBS.EM TODOS ESTADO HOUVE REESTRUTURAÇÃO SÓ TEM O CARGO DE DELEGADO, ESCRIVÃO E INVESTIGADOR. DEVÍAMOS SEGUIR A POLICIA FEDERAL NESTE MOMENTO.

    A POLÍCIA CIENTIFICA DE SÃO PAULO É A PIOR DO BRASIL.
    E TEM TECNOLOGIA PARA DESVENDAR QUALQUER CRIME O QUE ACONTECE, UM MONTE DE CARGOS DESNECESSÁRIOS COM CABRESTO :
    ATENDENTE DE NECROTÉRIO,
    FOTOGRAFO,
    DESENHISTA,

    NOS OUTROS ESTADOS A POLICIA CIENTIFICA SÓ TEM:
    MÉDICO LEGISTA,
    PERITO,
    AUX. DE NECROTÉRIO,

    MODELOS QUE DEVERÍAMOS SEGUIR:

    https://pt.wikipedia.org/w/index.php?title=Pol%C3%ADcia_Civil_do_Estado_de_Minas_Gerais&oldid=18017974

    OU

    http://alerjln1.alerj.rj.gov.br/CONTLEI.NSF/e9589b9aabd9cac8032564fe0065abb4/407a5c1b832573fe03256a76005cbf1c?OpenDocument

  7. Dr Guerra, essa Vale a Pena Ver de Novo.
    Falando nisso será que alguém respondeu essa bronca ou mais uma vez limparam a cagada ?
    Pelo menos tiraram o caralho da boca do torturador ?

    https://flitparalisante.wordpress.com/2015/02/13/circo-completo-da-pm-para-mostrar-servico-policiais-militares-da-baixada-santista-com-o-conhecimento-do-comando-torturam-e-extorquem-confissao-de-inocente/

    13/02/2015
    Circo completo da PM – Para mostrar serviço, policiais militares da Baixada Santista – com o conhecimento do comando – torturam e extorquem confissão de inocente 54
    por Flit Paralisante • Sem-categoria
    Universitário morto
    Homem detido como suspeito pede apuração da conduta de policiais

    Eduardo Velozo Fuccia
    N/A
    Universitário foi morto no último dia 3

    Sem algemas, caminhando livremente e fora do alcance das câmeras e microfones da imprensa, André Rodrigues de Barros Freire, de 22 anos, passou despercebido ao ingressar ontem no Palácio da Polícia.

    A cena destoou da véspera, quando o rapaz chegou ao mesmo local algemado e conduzido por policiais militares. Apontado pelos PMs como autor de um homicídio a tiro que confessara, ele tinha à sua espera diversos jornalistas.

    O rapaz procurou a polícia ontem (13) espontaneamente e na condição de vítima. Ele se dirigiu até a Delegacia de Investigações Gerais (DIG), e conversou com o delegado titular Luiz Ricardo de Lara Dias Júnior.

    André levou recibo de exame de corpo de delito ao qual se submeteu no Instituto Médico-Legal (IML) de Santos. O laudo ainda não ficou pronto e será remetido ao delegado.

    André quer que seja apurado supostos abusos cometidos por policiais do 39º BPM/I que o detiveram no início da manhã de quarta-feira, no Jardim Rio Branco, na Área Continental de São Vicente.

    Segundo os policiais militares, a detenção para averiguação ocorreu após informação anônima revelar que André estaria envolvido no assassinato do universitário Matheus Demétrio Soares, de 19 anos.

    Mas a reclamação de André não é quanto à detenção em si, mas dos procedimentos adotados pelos PMs, que ingressaram em sua casa sem permissão e sem o respaldo de mandado de busca e apreensão.

    Ainda conforme o jovem, os policiais o “pressionaram” para confessar a morte do segundanista de Sistemas da Informação da Universidade Santa Cecília (Unisanta), na terça-feira da semana passada, na Rua Oswaldo Cruz, no Boqueirão, quase na frente da instituição de ensino.

    A confissão de André foi gravada e o vídeo, compartilhado com jornalistas, antes mesmo de o suspeito ser apresentado à DIG, por onde tramita o inquérito. Na gravação, ele está sem camisa, com as mãos algemadas para trás e no chiqueirinho (compartimento de presos da viatura).

    Até que fosse levado à delegacia, André ficou cerca de cinco horas em poder dos policiais. O comando da PM na região tinha ciência da detenção e, inclusive, encaminhou “nota à imprensa” anunciando a apresentação do preso na DIG ao meio-dia.

    Destacando que o averiguado, “no momento da prisão, disse ter matado o Matheus”, o comunicado oficial da corporação tornou-se uma das principal pautas do dia dos veículos de imprensa da Baixada Santista, mas nada do que fora previamente divulgado se confirmou.

    Três testemunhas oculares do assassinato do estudante não reconheceram André. “Elas foram categóricas e decisivas no sentido de que ele não participou da morte do universitário”.

    Sobre a confissão prestada aos PMs, o suspeito justificou ao delegado que só confirmou falsamente participação no crime, porque foi “pressionado” e queria ser logo levado à delegacia, onde poderia esclarecer toda a verdade.

    Lara afirmou que o relato prestado pelo até então suspeito dentro da viatura aos policiais militares diverge do relato das testemunhas e das demais provas do inquérito, entre elas o laudo necroscópico.

    Matheus foi morto com um único disparo e mais nenhum outro foi efetuado. No vídeo dos PMs, André diz que deu “uma pá” de tiros na vítima. Para o delegado, a gravação tem características “evidentes e cristalinas de uma história fantasiosa”.

    circocompleto

    —————————————————————————–

    Como é que funciona o circo completo da PM:

    1 – Inventa-se uma denúncia anônima contra uma pessoa com alguma semelhança ao retrato falado ( meio de identificação auxiliar da investigação , cuja fragilidade é notória ) :

    2. Arromba-se o barraco do suspeito; obviamente um mulatinho pobre morador da quebrada;

    3. Praticam tortura física e moral durante as cinco horas seguintes à “prisão para averiguação” ;

    4. Filmam o suspeito confessando a prática do homicídio ;

    5. Levam o suspeito para o Comandante do Policiamento Ostensivo da Baixada Santista e Vale do Ribeira;

    6. O Comando divulga a filmagem e agenda uma coletiva para logo após a apresentação do suspeito à delegacia encarregada das investigações: DIG de Santos;

    7. Quando da chegada do “elemento” ao Palácio da Polícia de Santos o circo já estava preparado com toda a imprensa nacional a espera do flagrante;

    8. As testemunhas não reconhecem o suspeito;

    9. O suspeito disse que confessou para não sofrer maiores agressões e para ser apresentado imediatamente à delegacia;

    10. O delegado – após as necessárias providências – libera o suspeito;

    11. Os PMs fazem aquela cara de BUNDA e convocam o Secretário de Segurança; falando merda da Polícia Civil que não prestigia o trabalho da PM;

    12. Comparecem ao MP reclamando do delegado e levando a filmagem da confissão espontânea como prova da lisura de seus trabalhos;

    13 – É a sexta-feira de carnaval de fevereiro de 2015.

    Olha só a cara do Cumando da PM

  8. Podem chorar, argumentar, retaliar evocar os fantasmas da ditadura (ditadura nem sei o que é isso, nenhum parente meu teve problemas naquela época, vai ver estavam trabalhando). Mas se não for agora, um dia o ciclo será completo sim, qual polícia encabeçará, eu ainda não sei. O que vejo é a PM cada vez maior e mais forte nesta questão, enquanto a PC está cada vez mais encolhida e sem representação política.

  9. Razões contra o Ciclo Completo da Polícia Militar: Por um modelo de Polícia unificada e desmilitarizada 6
    comunicado

    Está em plena execução um movimento que busca instituir no Brasil o denominado Ciclo Completo da Polícia Militar.

    A proposta é capitaneada especialmente pelos oficiais das Polícias Militares, os quais entendem que a Polícia Militar deve realizar as funções das Polícias Civis, ou seja, presidirem investigações criminais de civis, por crime comum, e ainda realizarem a lavratura de autos de prisão em flagrante e de termos circunstanciados.

    Essa pretensão encontra-se em gestação em Propostas de Emenda à Constituição, notadamente nas PECs 423/2014, 431/2014 e 127/2015.
    Essas propostas tramitam em conjunto com outras que tratam da desmilitarização das Polícias Militares e da criação de uma polícia única estadual, de natureza civil, a partir da unificação das Polícias Civil e Militar (PEC 430/2009, 432/2009).

    As propostas que tratam de polícia estadual unificada e desmilitarizada não são de interesse dos oficiais das Polícias Militares, pois acabariam com sistema que apenas privilegia o oficialato em detrimento das praças e da sociedade.

    O relator de todas as propostas é o Deputado Raul Jungmann, do Partido Popular Socialista de Pernambuco (PPS/PE), o qual, mesmo indo contra os ideais de seu partido, já demonstrou o claro intuito de atender exclusivamente as propostas de conceder às Polícias Militares todo o poder de investigação criminal, mesmo de civis, e não admitir as demais PECs.

    Assim, a fim de esclarecer e rechaçar os argumentos que vêm sendo implantados na sociedade e junto aos formadores de opinião em geral, passamos a expor alguns argumentos que comprovam o risco e a inconveniência de se dotar a Polícia Militar de poderes investigatórios plenos para presidir inquéritos policiais e para proceder à lavratura de Autos de Prisão em Flagrante.

    Em primeiro lugar, é assombroso o número de crimes no Brasil, situação provocada em grande parte por graves falhas na prevenção. A atividade de policiamento preventivo no Brasil ainda encontra-se em patamares provincianos, semelhantes àqueles que se vê em países como Honduras, onde estão os maiores índices de homicídios do mundo.

    Isso provoca uma sobrecarga nas Polícias Civis, que ficam inviabilizadas de dar cabo do elevado número de infrações penais provocadas por falha na prevenção.

    Diante da falência do sistema de prevenção e de sua incapacidade em dar conta de sua própria tarefa, a Polícia Militar passa agora a avançar sobre as funções de investigação criminal, de incumbência das Polícias Judiciárias.

    Ainda que tivéssemos policias ostensivas que cumprissem com seu dever de prevenir e evitar o número assombroso de crimes que assola o país, ainda assim não seria razoável ou constitucionalmente viável impor à sociedade um modelo de investigação militar de civis por várias outras razões.

    Autorizar a Polícia Militar a fazer investigações criminais, fora dos casos de crimes militares, representa um retrocesso de décadas em matéria de direitos humanos, que vai de encontro aos princípios da cidadania e da dignidade da pessoa humana, insculpidos no art. 1º da Constituição Federal.

    Não por acaso, a ONU já se pronunciou a favor da desmilitarização das Polícias Militares brasileiras, e pesquisa da Secretaria Nacional de Segurança Pública demonstra que mais de 70% (setenta por cento) dos policiais, incluindo militares, são a favor da desmilitarização das Polícias Militares.

    Nesse diapasão, vale destacar que entidades representativas de classes das praças são contra o Ciclo Completo da PM e a favor da desmilitarização, pois entendem que são propostas que fortalecem apenas a classe dos oficiais, que em regra não estão nas ruas exercendo as atividades própria de policiamento ostensivo e preventivo.

    Por exemplo, vale mencionar a Associação das Praças Policiais Militares da Ativa e Reformados do Estado de São Paulo – APPMARESP, que possui várias manifestações nesse sentido disponíveis no site: http://www.appmaresp.com/news/ciclo-completo-de-policia-a-quem-interessa/
    Ainda que fosse possível superar tais incongruências, a investigação de civis por militares implica dizer que cidadãos, em pleno exercício de seus direitos civis e políticos, serão levados para quartéis e batalhões, onde serão autuados e permanecerão detidos.
    Vale lembrar que as unidades militares não são locais propensos ao exercício de direitos, haja vista serem aquarteladas e se submeterem a regramentos castrenses, em que se cerceia até o acesso às suas instalações, que dizer então em exercer direitos constitucionalmente assegurados no interior dessas estruturas.

    Para elucidar, estima-se que 71% (setenta e um por cento) dos conduzidos por policiais militares até as delegacias de polícia de todo país correspondem a detenções ilegais ou desnecessárias.

    Isso demonstra a importância do delegado de polícia no controle de legalidade das prisões realizadas pela Polícia Militar, evitando um considerável número de prisões ilegais e arbitrárias.

    Afinal, não é sem razão que desde o Código Processual Penal do Império que toda pessoa presa deveria ser levada perante o juiz de paz ou Chefe de Polícia e seus delegados, pois a garantia do cidadão deve vir antes de mirabolantes “métodos de policiamento completos”.
    Aliás, caso o modelo militarizado fosse o mais adequado, a Polícia Federal adotaria esse modelo altamente criticado e de questionável legitimidade. Contudo, a Polícia Federal é civil.

    Não se olvida que a Polícia Federal foi dirigida por militares no passado, porém evoluiu consideravelmente, tornando-se um referencial em termos de eficiência e também de respeito à cidadania, sendo importante registar que hoje a lei impõe a direção da instituição por delegados de polícia federal, de natureza civil.

    Na medida em que se avança no aperfeiçoamento das estruturas sociais, vem se demonstrando que o regime democrático somente deve se valer de estruturas militares em situações restritas e excepcionais, o que se sobreleva em importância quando se trata de instituição policial.
    A militarização da segurança pública, notadamente das investigações criminais, criará uma duplicidade de regime jurídico, em que alguns serão investigados por órgãos civis, enquanto outros serão submetidos a processo de investigação diferenciado, trazendo insegurança jurídica e limitações ao pleno exercício do direito de defesa.

    Por isso, não se pode admitir a submissão de um cidadão a uma investigação militar em razão de crime comum, visto que isso limita até mesmo o exercício do direito de se contrapor a eventuais atos ilegais praticados pelo policial militar, que não se sujeitará ao mesmo regime jurídico aplicável aos demais cidadãos e servidores da segurança pública.

    Por outro lado, não se olvida que, para a Polícia Militar realizar investigações criminais, ela terá que retirar policiais das ruas para que passem a exercer essa outra atividade.

    Para contrapor esta constatação, terão que criar mais cargos de policiais militares, contratar mais pessoas e inchar as já robustas fileiras militares, instituindo um novo modelo de federalismo militarizado.

    Não se olvida ainda que terão que criar cartórios e estruturas para realização de investigações criminais, onerando ainda mais os Estados, para o exercício de uma atividade para a qual já existe um órgão específico e qualificado, que historicamente foi esquecido em razão de políticas de segurança pública equivocadas e eleitoreiras.

    Ademais, não são apenas essas as razões que desaconselham a institucionalização de um sistema militar de investigação de civis.
    Quando se fala de ciclo completo, não se pode perder de vista que a União e os Estados já exercem ciclo completo de policiamento. No caso da União, a Polícia Federal, que é de natureza civil, exercem funções preventivas e repressivas.

    Os Estados, por sua vez, por concentrarem o maior número de infrações penais, especializam as funções de prevenção e repressão. Todavia, bom repetir, todas as funções são de titularidade do Estado, cujo chefe maior na hierarquia das instituições policiais é o Governador.
    Por essa razão, não procedem as alegações de que se tratam de duas polícias incompletas, visto que se trata de especialização de funções, cujo titular é o mesmo – o Estado, que detém o ciclo completo de policiamento no âmbito de seu território.

    Da mesma forma, não se sustenta a alegação de que seria necessário o ciclo completo pela Polícia Militar porque não existem delegacias de polícia em todos os municípios brasileiros.

    De fato, não existem delegacias em todos os Municípios, bem como não existem juízes e promotores, o que não autoriza a usurpação das funções constitucionais de outros órgãos pela Polícia Militar.

    Dessa forma, o que se nota é o oportunismo diante de uma situação provocada pelo equívoco e pela omissão de muitos governantes que decidiram, como política de segurança pública, investir em grandes efetivos militares nas ruas como forma de gerar uma falsa sensação de segurança para somar votos, a despeito de investir nas polícias investigativas.

    Não resta dúvida de que essa política de segurança se mostrou falida, pois foi incapaz de prevenir os crimes, razão pela qual não nos surpreende a intenção da Polícia Militar de avançar sobre a atividade que pode fazer a diferença em matéria de segurança pública – a polícia judiciária.

    Aproveita-se da omissão, do descaso e do desrespeito para com a Polícia Civil para tentar retirar-lhe o que restou de ar para viver, com a pretensão de retirar-lhe as funções.

    Não resta dúvida de que a proposta de Ciclo Completo da PM não trará benefício algum à sociedade, havendo medidas mais urgentes e importantes, como a proposta de desmilitarização das Polícias Militares, bem como a destinação obrigatória e vinculada de recursos para melhoria de condições das Polícias Judiciárias Civil e Federal, não se admitindo a usurpação de suas funções.

    Por fim, a única discussão possível no que tange à reforma dos órgãos de segurança pública – mesmo sabendo que as causas da violência e insegurança são outras – passa pela desmilitarização e unificação em polícias únicas estaduais, de natureza civil, sendo esta a única possibilidade de se falar em ciclo completo.

    Aos que resistem à ideia de uma polícia unificada de natureza civil, bom saber que conceder o ciclo completo para a Polícia Militar será pior, pois instituirá uma polícia única estadual militar, pois não há dúvida de que a necessidade de aumentar o efetivo militar para dar conta das novas atribuições representará a aniquilação das Polícias Civis e a instituição de um novo modelo de “estado federado militarizado”, colocando sobre a cabeça de cada Governador uma verdadeira espada de Dâmocles.

    A propósito, é intrigante o fato de a palavra mais utilizada por muitos gestores da segurança pública ser “integração”, quando a prática e os movimentos políticos tendem à maximização das divergências e do isolamento entre as instituições, como parece ficar claro por parte dos defensores de uma Polícia Militar com superpoderes.

    Afinal, não existe melhor forma de integrar que unir.

    Forte nessas razões, não temos dúvida que o caminho da segurança pública passa pela civilização das polícias.

    FÓRUM NACIONAL DAS ENTIDADES DE DELEGADOS DE POLÍCIA – FONAED

    Share this:
    Twitter1EmailFacebook20ImprimirPublique Isso LinkedInGoogle

    Relacionado
    Modelo‘Ciclo completo’ eliminaria atritos entre corporações e traria eficiência…(Por que não unificar as polícias estaduais?)
    Em “Sem-categoria”
    A PATACOAGEM MILITAR CLASSIFICA ATO DO SECRETÁRIO COMO “TRESLOUCADO”…É SEMPRE ASSIM COM QUEM BUSCA COLOCAR ORDEM NAS COISAS: CHAMAM DE BICHA, LADRÃO OU DOIDÃO…
    Em “Sem-categoria”
    UNIFICAÇÃO DAS POLÍCIAS MILITARES E CIVIS EM TODO O BRASIL CRIANDO A POLÍCIA ESTADUAL COM CICLO COMPLETO
    Em “Sem-categoria”
    Navegação de Posts
    PEC DA CHACINA – Quem apóia o Ciclo Completo da PM quer assassinar a Constituição Federal

    Carceloco disse:
    07/10/2015 ÀS 19:43
    E’ isso caralhoo….

    Valdir de Souza disse:
    07/10/2015 ÀS 19:48
    Isso significaria nota 10 a quem não fez nem a primeira lição de casa: prevenção primária! Nunca a PM passaria na prova do ciclo completo: é aluna vagabunda, pior que quenga de estação ferroviária!

    Bruno disse:
    07/10/2015 ÀS 20:01
    Vai chorar na cama que é lugar quente…pode vir com as argumentações falaciosas que quiser… O CICLO.COMPLETO ACONTECERÁ.
    Não creio que será o fim da Polícia Civil…mas que concursos para Delegado irão diminuir, isso é certo…TORNAR-SE-ÃO INÚTEIS.

    escribasempreatento disse:
    07/10/2015 ÀS 20:15
    Tem dois tipos de pessoa fazendo campanha contra o tal ciclo completo: em 1º os Delegados de Polícia e em 2º, os delegados de pelúcia. Os dois tipos são os culpados pelas mazelas da polícia civil de São Paulo. Sempre cuidaram só dos próprios interesses e a polícia civil ficou em terceiro ou quarto plano. Sempre disseram amém para qualquer bobagem imposta nos últimos 20 anos pelo desgoverno tucano. Agora é tarde. Nem que se quisesse melhorar a PC seria possível. Não há efetivo nem pra tocar as toneladas diárias de papel e mais papel inútil que se produz. Não há liderança, não há delimitações de função, não há produtividade. Só há enganação e teatro para a população. Maquiagem nos boletins de ocorrência e nas estatísticas pra tentar justificar os índices de criminalidade. Enquanto isso, a outra polícia, que também não é grande coisa, porém tem chefes de verdade, vem fazendo um grande trabalho nos bastidores e garantindo seu espaço. Se não conseguirem o ciclo completo, certamente, vão ganhar alguma outra coisa bastante positiva. Na PC, a única campanha que os Delegados de Polícia e os delegados de pelúcia encabeçaram foi para garantir o tal ADPJ que melhorou os salários deles em R$3.000,00, enquanto que as demais carreiras se fud……Na atualidade os grandes dirigentes da PC só querem saber que se comece logo a funcionar o tal Necrim. Provavelmente isso dará mais algum dinheiro para eles. Certamente para as outras carreiras não dará mais nenhum centavo. Diante de tudo isso, quero mais é que venha logo o tal ciclo completo e quem quiser abraçar os meus (muitos) inquéritos, que o faça logo.
    E tem mais, o futuro da segurança passa longe das polícias estaduais. O futuro da segurança pública é a polícia municipal. E nesse caminho as Guardas Municipais estão bem adiantadas. Parabéns.

    VAI DAR MERDA!!! disse:
    07/10/2015 ÀS 20:23
    ESTAMOS VOLTANDO AOS TEMPOS DA DITADURA MILITAR ONDE O INDIVIDUO ERA PRESO E MANTIDO EM QUARTÉIS, AO INVÉS DE SER APRESENTADO À AUTORIDADE POLICIAL. IMAGINA O NÚMEROS DE ARBITRARIEDADES, DE MORTES, DE DESAPARECIMENTO QUE PASSARÃO A ACONTECER. A POLICIA MILITAR PRECISA SE INCORPORADA A POLICIA CIVIL PARA QUE AMBAS SE “FUNDAM” NUMA OUTRA POLICIA ESTADUAL. QUEM FOR ORIUNDO DA PM TORNAR-SE POLICIA NOS MOLDES DA PRF. OS ORIUNDOS DA POLICIA CIVIL SEGUIRIA O MOLDE DA PF, COM EXTINÇÃO DE CARGOS E EQUIPARAÇÃO SALARIAL. CONCURSOS INTERNOS SERIAM INTERESSANTES DENTRE OS SERVIDORES PARA QUE GALGASSEM CARGOS MELHORES. SERIA MERITOCRACIA. FIM DA ESTABILIDADE DOS SERVIDORES. FUNDO DE GARANTIA(COISA QUE O ESTATUTÁRIO NÃO GOZA). APOSENTADORIA DIFERENCIADA PELOS MOTIVOS QUE NÃO PRECISA SER ELENCADOS AQUI(SÓ A INSALUBRIDADE E PERICULOSIDADE JÁ BASTARIAM, SEM CONTAR COM HORÁRIOS DIFERENCIADOS E DESGASTES EMOCIONAIS). LOGICO QUE ISSO É UMA OPINIÃO RASA. PRECISARIA DE UM MELHOR ESBOÇO ANTES DE SE DEFINIR O MELHOR MODELO. O PROBLEMA DO BRASIL É FAZER AS COISA A TOQUE DE CAIXA E DEPOIS DESCOBRIR QUE A COISA NÃO FUNCIONA.

    Mensagem do Além disse:
    07/10/2015 ÀS 20:40
    Só espero que aqueles majuras que batem continência pra soldado raso, aceitando sem qualquer questionamento suas versões mentirosas, que já foram até padronizadas, leiam o artigo acima e mudem de postura, pois, com certeza, a frouxidão de muitos policiais civis ajuda a incentivar iniciativas absurdas como essa.

    SHERLOCK GOMES disse:
    07/10/2015 ÀS 21:05
    ESTE CICLO É UMA BESTEIRA COMPLETA, NADA VAI SER FEITO NADA VAI MUDAR
    Isso já esta virando palhaçada, a Administração não fez nem a Reestruturação da Polícia Civil de SP quem dirá o Reenquadramento do Cargo Vago de carcereiro que esta previsto em lei sobre cargos vagos.

    Agora ficam com bla, bla, bla, e nada é feito de bom na Polícia Civil de SP.

    A Polícia Militar tem um contingente em torno de 140.000 e as maldades que são feita pela minoria não pode ser generalizada, quando houve o militarismo eu nem tinha nascido, mas sei que os bandidos respeitavam a lei, a polícia… Hoje vemos Pancadão, Menores drogados desafiando a lei.

    Em Minas Gerais a Policia Militar leva o Bandido direto ao Juiz e em seguida para o Presidio, aqui em SP esta uma bagunça nas Delegacias.

    Delegacias que foram feitas para Apurar e Investigar Crimes, no entanto, há uns imbecis que querem presos nas delegacia pra que? pra investigador ficar fazendo escolta e guarda de preso no hospital ou entrar nas carceragens para fazer vistorias. A propósito conheço Investigadores que nunca Investigaram. Investigadores que tem medo de se infiltrar na favela, prender… Ainda enchem a boca em falar Sou Investigador, investigador do que???
    Hoje em dia não há necessidade de alguns cargos:
    CARGOS DESNECESSÁRIOS NA POLICIA CIVIL HOJE:

    AGENTE DE TELECOMUNICAÇÕES: HOJE COM A TECNOLOGIA QUALQUER POLICIAL ENTRA NA VIATURA E COM UM TABLET ABRE TALÃO COM ID- IDENTIFICAÇÃO E CONSULTA PLACAS E PESSOAS, NÃO PRECISA DO RÁDIO OU DO CEPOL. NENHUM ESTADO TEM ESTA CARREIRA HOJE EM DIA

    AUX. DE PAPILOSCOPISTA: NENHUM ESTADO TEM ESTA CARREIRA HOJE EM DIA

    AGENTE/MOTORISTA POLICIAL: NENHUM ESTADO TEM ESTA CARREIRA HOJE EM DIA.

    CARCEREIRO POLICIAL: NENHUM ESTADO TEM ESTA CARREIRA HOJE EM DIA. CARCEREIROS VÃO PARA OUTROS ESTADOS E SÃO CONFUNDIDOS COM AGENTE PENITENCIÁRIO.

    OBS.EM TODOS ESTADO HOUVE REESTRUTURAÇÃO SÓ TEM O CARGO DE DELEGADO, ESCRIVÃO E INVESTIGADOR. DEVÍAMOS SEGUIR A POLICIA FEDERAL NESTE MOMENTO.

    A POLÍCIA CIENTIFICA DE SÃO PAULO É A PIOR DO BRASIL.
    E TEM TECNOLOGIA PARA DESVENDAR QUALQUER CRIME O QUE ACONTECE, UM MONTE DE CARGOS DESNECESSÁRIOS COM CABRESTO :
    ATENDENTE DE NECROTÉRIO,
    FOTOGRAFO,
    DESENHISTA,

    NOS OUTROS ESTADOS A POLICIA CIENTIFICA SÓ TEM:
    MÉDICO LEGISTA,
    PERITO,
    AUX. DE NECROTÉRIO,

    MODELOS QUE DEVERÍAMOS SEGUIR:

    https://pt.wikipedia.org/w/index.php?title=Pol%C3%ADcia_Civil_do_Estado_de_Minas_Gerais&oldid=18017974

    OU

    http://alerjln1.alerj.rj.gov.br/CONTLEI.NSF/e9589b9aabd9cac8032564fe0065abb4/407a5c1b832573fe03256a76005cbf1c?OpenDocument

    O seu comentário aguarda moderação.

    O QUE SERÁ QUE EU FALEI DEMAIS.

  10. SHERLOCK GOMES disse:
    07/10/2015 ÀS 21:05
    ESTE CICLO É UMA BESTEIRA COMPLETA, NADA VAI SER FEITO NADA VAI MUDAR
    Isso já esta virando palhaçada, a Administração não fez nem a Reestruturação da Polícia Civil de SP quem dirá o Reenquadramento do Cargo Vago de carcereiro que esta previsto em lei sobre cargos vagos.

    Agora ficam com bla, bla, bla, e nada é feito de bom na Polícia Civil de SP.

    A Polícia Militar tem um contingente em torno de 140.000 e as maldades que são feita pela minoria não pode ser generalizada, quando houve o militarismo eu nem tinha nascido, mas sei que os bandidos respeitavam a lei, a polícia… Hoje vemos Pancadão, Menores drogados desafiando a lei.

    Em Minas Gerais a Policia Militar leva o Bandido direto ao Juiz e em seguida para o Presidio, aqui em SP esta uma bagunça nas Delegacias.

    Delegacias que foram feitas para Apurar e Investigar Crimes, no entanto, há uns imbecis que querem presos nas delegacia pra que? pra investigador ficar fazendo escolta e guarda de preso no hospital ou entrar nas carceragens para fazer vistorias. A propósito conheço Investigadores que nunca Investigaram. Investigadores que tem medo de se infiltrar na favela, prender… Ainda enchem a boca em falar Sou Investigador, investigador do que???
    Hoje em dia não há necessidade de alguns cargos:
    CARGOS DESNECESSÁRIOS NA POLICIA CIVIL HOJE:

    AGENTE DE TELECOMUNICAÇÕES: HOJE COM A TECNOLOGIA QUALQUER POLICIAL ENTRA NA VIATURA E COM UM TABLET ABRE TALÃO COM ID- IDENTIFICAÇÃO E CONSULTA PLACAS E PESSOAS, NÃO PRECISA DO RÁDIO OU DO CEPOL. NENHUM ESTADO TEM ESTA CARREIRA HOJE EM DIA

    AUX. DE PAPILOSCOPISTA: NENHUM ESTADO TEM ESTA CARREIRA HOJE EM DIA

    AGENTE/MOTORISTA POLICIAL: NENHUM ESTADO TEM ESTA CARREIRA HOJE EM DIA.

    CARCEREIRO POLICIAL: NENHUM ESTADO TEM ESTA CARREIRA HOJE EM DIA. CARCEREIROS VÃO PARA OUTROS ESTADOS E SÃO CONFUNDIDOS COM AGENTE PENITENCIÁRIO.

    OBS.EM TODOS ESTADO HOUVE REESTRUTURAÇÃO SÓ TEM O CARGO DE DELEGADO, ESCRIVÃO E INVESTIGADOR. DEVÍAMOS SEGUIR A POLICIA FEDERAL NESTE MOMENTO.

    A POLÍCIA CIENTIFICA DE SÃO PAULO É A PIOR DO BRASIL.
    E TEM TECNOLOGIA PARA DESVENDAR QUALQUER CRIME O QUE ACONTECE, UM MONTE DE CARGOS DESNECESSÁRIOS COM CABRESTO :
    ATENDENTE DE NECROTÉRIO,
    FOTOGRAFO,
    DESENHISTA,

    NOS OUTROS ESTADOS A POLICIA CIENTIFICA SÓ TEM:
    MÉDICO LEGISTA,
    PERITO,
    AUX. DE NECROTÉRIO,

    MODELOS QUE DEVERÍAMOS SEGUIR:

    https://pt.wikipedia.org/w/index.php?title=Pol%C3%ADcia_Civil_do_Estado_de_Minas_Gerais&oldid=18017974

    OU

    http://alerjln1.alerj.rj.gov.br/CONTLEI.NSF/e9589b9aabd9cac8032564fe0065abb4/407a5c1b832573fe03256a76005cbf1c?OpenDocument

    O seu comentário aguarda moderação.
    O QUE SERÁ QUE EU FALEI DEMAIS?

  11. Delegados da Polícia Federal presenciam assalto e não fazem nada! (e ainda não querem ciclo completo)

  12. Assistam o vídeo acima e ouçam o discurso do delegado geral, ele mesmo já admite uma “conversa” ou “diálogo”, ou seja, já sabem que a casa caiu e estão tentando salvar o lado deles novamente.

    Outro detalhe reparem na feição da Marilda, parece que está em um velório.

    Ciclo Completo sim, pior que não fica!!

    Pelo menos para os “restopol” vai ficar melhor!!!

  13. Eu já escrevi contra o Ciclo.

    Mas aí eu lembro do caso da escrivã estuprada dentro da delegacia…

    E penso: A carreira de Delegado deveria ser extinta.

    Como terminou esse caso mostrou que não existe nenhuma razão para continuar existindo a carreira de Delegado.

    Minha opinião. Infelizmente tenho mais apreço pelo Soldado, Cabo que ao ligar na Cia eles encostam de madrugada e nos dão uma força no Dp, do que Delegados.

  14. O FLIT deve receber uma verba muito boa do PSDB e da Associação dos Delegados… Já estão falando em 0% de aumento de salário, mesmo com a inflação só aumentando, e o FLIT quer enfiar em nossas cabeças que o grande inimigo da PC é a PM, e ainda tem RESTPOL que embarca nessa conversa…Entro nos sites das associações da PM e não vejo nenhuma preocupação deles com o ciclo completo, vejo o contrário, eles estão marcando reuniões com SSP, marcando mobilização da categoria contra o 0%…Depois os caras ganham alguma coisa, vide ano passado, o RESTPOL chora e os EXMOS.SR.DR.Delegados enfiando no nosso…Vamos acordar gente!!!!

  15. Excelentíssimos Doutores Delegados de Polícia!!! É hora de dar o troco, concordando com o ciclo completo, porém exigindo o fim das PMs. Ciclo completo sim: A polícia civil faz todo o trabalho, como nos países civilizados.

  16. Delegados nunca fizeram nada para tornar a PC competente, agora que a água tá batendo na bhunda querem se mexer, kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk circo completo já,pois as polícias já são um circo. Graças aos delegados e oficiais.

  17. Hora de Inverter o Jogo disse:
    07/10/2015 ÀS 22:24
    Excelentíssimos Doutores Delegados de Polícia!!! É hora de dar o troco, concordando com o ciclo completo, porém exigindo o fim das PMs. Ciclo completo sim: A polícia civil faz todo o trabalho, como nos países civilizados.
    —————————————————————————————————————————-

    A PC faz todo o trabalho sim, quando você estiver de folga e se ver em um QRU, disque 197 pra pedir apoio e verás que não é bem assim…

  18. Senhores, não sejam massa de manobra !!!

    Não sejam trouxas novamente….

    Quem realmente ganhou aumento substancial na PC de 2008 para cá ????

    Se vier ou não ciclo completo da PM não to nem aí.

    Seria bom ficar em casa recebendo sem trabalhar.

  19. aumento zero e 120 pra comer!!! disse:
    07/10/2015 ÀS 22:11
    O FLIT deve receber uma verba muito boa do PSDB e da Associação dos Delegados… Já estão falando em 0% de aumento de salário, mesmo com a inflação só aumentando, e o FLIT quer enfiar em nossas cabeças que o grande inimigo da PC é a PM, e ainda tem RESTPOL que embarca nessa conversa…Entro nos sites das associações da PM e não vejo nenhuma preocupação deles com o ciclo completo, vejo o contrário, eles estão marcando reuniões com SSP, marcando mobilização da categoria contra o 0%…Depois os caras ganham alguma coisa, vide ano passado, o RESTPOL chora e os EXMOS.SR.DR.Delegados enfiando no nosso…Vamos acordar gente!!!!
    ____________________________________________________________________________________________

    É isso ai…………ciclo completo é ter seus direitos respeitados:

    Aposentadoria especial;
    Reposição salarial no mês de março (vide Lei);
    Diária alimentação decente;
    Melhores condições de trabalho; etc.

    Ou se preferirem:

    O Policial recebe subsídio…..é constantemente treinado…….tem sua aposentadoria especial prevista em Lei……..assim como outros direitos previstos em Leis……………irá produzir mais e melhor……..e o crime encolhe……

    Agora se este governo não quer combater o crime……..fica tudo como está.

  20. aumento zero e 120 pra comer!!!……………..e presta atenção que, quando o assunto vai para o nosso lado………o tópico some rapidinho…………

    nada de acordar a boiada…………….e dá certo…………mesmo com reajuste 0%……..temos fôlego para debater o que não se pode ver……..só se ouviu dizer..

  21. Eeeeeeee gente, essa mer….. Vai ser aprovada, e o fim dos delegadinhos e mais um montão de gente mandando em nós.
    Isso para quem ficar, é claro.

  22. Sherlok Gomes falou tudo, ou melhor, escreveu tudo.
    Tem uma porrada de carreiras na PC paulista que sequer ainda deveriam existir:

    AGENTE DE TELECOMUNICAÇÕES POLICIAL (enviar mensagens, abrir e encerrar talão, qualquer policial pode fazer, não é coisa de outro mundo, e por isso todas as demais pc’s no país já a extinguiram)

    AGENTE POLICIAL/MOTORISTA (dirigir é dever inerente a qualquer policial, imaginem um cidadão pedindo socorro e o policial falar que não saber dirigir,kkkkk, piada mesmo né);

    AUXILIAR DE PAPILOSCOPISTA POLICIAL (fazer coleta de impressões datiloscópicas até a minha filha de 5 anos faz);

    CARCEREIRO POLICIAL (o Estado de São Paulo é o único em todo o país que ainda não extinguiu por completo tal carreira, extinguir somente os cargos vagos não é coisa descente que um estado possa fazer por uma carreira policial);

    ATENDENTE DE NECROTÉRIO POLICIAL (o que um atendente de necro pol faz que um agente administrativo não possa fazer? preparar um policial civil para fazer exclusivamente funções atinentes a esta carreira é um acinto a inteligência dos contribuintes do Estado);

    FOTÓGRAFO POL (nossa! Como é difícil fazer uma foto, mesmo que técnica. Um cursinho técnico na acadepol seria o suficiente para preparar qualquer policial para cumprir este ofício);

    1- Delegado de Polícia;
    2- Médico Legista;
    3- Perito Criminal, bacharel na área específica de atuação;
    4- Investigador de Polícia, nível superior em qualquer área;
    5- Escrivão de Polícia, nível superior em qualquer área;
    6- Papiloscopista Policial, nível superior em qualquer área;
    7- Agente de Polícia (agente de telecomunicações policial, agente policial, auxiliar de papiloscopista policial, carcereiro policial), carreira apoio ao investigador e escrivão de polícia;
    8- Agente de Perícia Policial (fotógrafo pol, desenhista pol, aux de necropsia pol, atendente de necro pol), nível médio, curso técnico ministrado pela própria acadepol ou escola credenciada na área específica de atuação dos inscritos.

  23. Sherlok Gomes falou tudo, ou melhor, escreveu tudo.
    Tem uma porrada de carreiras na PC paulista que sequer ainda deveriam existir:

    AGENTE DE TELECOMUNICAÇÕES POLICIAL (enviar mensagens, abrir e encerrar talão, qualquer policial pode fazer, não é coisa de outro mundo, e por isso todas as demais pc’s no país já a extinguiram)

    AGENTE POLICIAL/MOTORISTA (dirigir é dever inerente a qualquer policial, imaginem um cidadão pedindo socorro e o policial falar que não saber dirigir,kkkkk, piada mesmo né);

    AUXILIAR DE PAPILOSCOPISTA POLICIAL (fazer coleta de impressões datiloscópicas até a minha filha de 5 anos faz);

    CARCEREIRO POLICIAL (o Estado de São Paulo é o único em todo o país que ainda não extinguiu por completo tal carreira, extinguir somente os cargos vagos não é coisa descente que um estado possa fazer por uma carreira policial);

    ATENDENTE DE NECROTÉRIO POLICIAL (o que um atendente de necro pol faz que um agente administrativo não possa fazer? preparar um policial civil para fazer exclusivamente funções atinentes a esta carreira é um acinto a inteligência dos contribuintes do Estado);

    FOTÓGRAFO POL (nossa! Como é difícil fazer uma foto, mesmo que técnica. Um cursinho técnico na acadepol seria o suficiente para preparar qualquer policial para cumprir este ofício);

    1- Delegado de Polícia;
    2- Médico Legista;
    3- Perito Criminal, bacharel na área específica de atuação;
    4- Investigador de Polícia, nível superior em qualquer área;
    5- Escrivão de Polícia, nível superior em qualquer área;
    6- Papiloscopista Policial, nível superior em qualquer área;
    7- Agente de Polícia (agente de telecomunicações policial, agente policial, auxiliar de papiloscopista policial, carcereiro policial), nível médio, carreira apoio ao investigador e escrivão de polícia;
    8- Agente de Perícia Policial (fotógrafo pol, desenhista pol, aux de necropsia pol, atendente de necro pol), nível médio, curso técnico ministrado pela própria acadepol ou escola credenciada na área específica de atuação dos inscritos.

  24. No mínimo do mínimo do mínimo, deveriam unificar as carreiras do Agente Policial, Auxiliar de Papiloscopista Policial e Carcereiro Policial numa nova carreira de nome AGENTE DE POLÍCIA, pois as mesma possuem composição salarial idênticas, o que não representaria ao Estado qualquer ônus financeiro, ou seja, não haveria qualquer aumento nas despesas do Estado.

    Será que isso a administração conseguiria fazer, ou é demais?

  25. Blá, blá, blá o ciclo completo vai vinga. Realmente os oficiais da PM são uma bosta, conseguem o mesmo reajuste para toda corporação, e as praças realmente se fodem, aposentam com trinta anos de serviço, com paridade e integralidade, são promovidos a no mínimo 3 Sgt com salário hoje entre 5000 a 6000 paus, vide o portal transparência, as praças contam ainda com 613,00 de diárias alimentação, e a dejem já de longa data, pois a Adm da PM , realiza escalas de modo a permitir que todos os policiais trabalhem nas dejem/delegada. Realmente ser praça da PM não compensa, o que vale a pena é ser policial cívil, tendo os delegados como chefes, olhem os pobres carcereiros, o que são hoje??, os investigadores nível superior, quanto ganham?? Suas diárias alimentação, quanto é?? Contém sempre com os delegados.

  26. Qua, 07/10/15 – 14h03
    Diária Especial da PM vai reforçar a segurança de fóruns paulistas
    Por meio de parceria com o Poder Judiciário, Governo do Estado vai ampliar a Dejem, passando para 3.237 policias a mais nas ruas paulistas

    Download Foto: A2img / Gilberto Marques
    Todas as regiões do interior paulista terão reforço no patrulhamento em áreas da Justiça
    Todas as regiões do interior paulista terão reforço no patrulhamento em áreas da Justiça

    Download Foto: A2img / Gilberto Marques
    Foi assinado nesta quarta-feira (7) pelo governador Geraldo Alckmin um termo de cooperação com o Tribunal de Justiça
    Foi assinado nesta quarta-feira (7) pelo governador Geraldo Alckmin um termo de cooperação com o Tribunal de Justiça

    Download Foto: A2img / Gilberto Marques
    Governo do Estado vai ampliar a Dejem, passando para 3.237 policias a mais nas ruas paulistas
    Governo do Estado vai ampliar a Dejem, passando para 3.237 policias a mais nas ruas paulistas

    Download Foto: A2img / Gilberto Marques
    O termo anunciado por Alckmin permite que policiais de folga reforcem a segurança do entorno de fóruns de todo o Estado de São Paulo
    O termo anunciado por Alckmin permite que policiais de folga reforcem a segurança do entorno de fóruns de todo o Estado de São Paulo

    Download Foto: A2img / Gilberto Marques
    A Secretaria de Segurança Pública disponibilizará mais 400 vagas diárias para que policiais apoiem o Poder Judiciário
    A Secretaria de Segurança Pública disponibilizará mais 400 vagas diárias para que policiais apoiem o Poder Judiciário

    Download Foto: A2img / Gilberto Marques
    A Diária Especial foi criada pelo governador Geraldo Alckmin em dezembro de 2013
    A Diária Especial foi criada pelo governador Geraldo Alckmin em dezembro de 2013

    Download Foto: A2img / Gilberto Marques
    Todas as regiões do interior paulista terão reforço no patrulhamento em áreas da Justiça
    Todas as regiões do interior paulista terão reforço no patrulhamento em áreas da Justiça

    Download Foto: A2img / Gilberto Marques
    Foi assinado nesta quarta-feira (7) pelo governador Geraldo Alckmin um termo de cooperação com o Tribunal de Justiça
    Foi assinado nesta quarta-feira (7) pelo governador Geraldo Alckmin um termo de cooperação com o Tribunal de Justiça

    Previous
    Next
    Foi assinado nesta quarta-feira (7) pelo governador Geraldo Alckmin um termo de cooperação com o Tribunal de Justiça que permite que policiais de folga reforcem a segurança do entorno de fóruns de todo o Estado de São Paulo, por meio de uma ampliação da Diária Especial por Jornada Extraordinária de Trabalho Policial Militar (Dejem).

    Siga o Governo no Twitter, Facebook e veja fotos no Flickr

    “É um ganha ganha, porque ganha o Tribunal, com os policiais qualificados, ganha a população que frequenta o Tribunal, e ganha os policiais que com essa jornada extraordinária tem um “plus”, ou seja, uma melhora salarial”, disse o governador Geraldo Alckmin.

    A Secretaria de Segurança Pública disponibilizará mais 400 vagas diárias para que policiais apoiem o Poder Judiciário. Cada policial poderá trabalhar até oito horas por dia (fora da jornada normal), por até 10 dias no mês, ou seja, num máximo de 80 horas, para que o serviço extraordinário não prejudique o descanso.

    Com a medida, os fóruns da Capital e da Grande São Paulo terão um reforço de 101 e 78 policiais militares, respectivamente. Todas as regiões do interior paulista terão reforço no patrulhamento em áreas da Justiça.

    A remuneração diária para os policiais que se inscrevem na Dejem é, atualmente, de R$ 204 para oficiais e de R$ 170 para praças, se realizadas as oito horas de trabalho. O valor é calculado e reajustado automaticamente com base na Unidade Fiscal do Estado (Ufesp).

    “Além de todas as vantagens já anunciadas pelo governador Geraldo Alckmin, nós vamos ter uma economia de 378 mil reais por mês, o que é bastante considerável em um período de cotingenciamento que nós estamos enfrentando”, complementou o presidente do Tribunal de Justiça de São Paulo, José Renato Nalini.

    A Diária Especial foi criada pelo governador Geraldo Alckmin em dezembro de 2013 e conta hoje com 2.837 vagas para todo o Estado. Com a ampliação, haverá 3.237 vagas para trabalho extraordinário da PM paulista. A parceria com o TJ deve entrar em vigor no próximo mês.

    Além dos batalhões de policiamento de todo o Estado, são beneficiados com a Dejem os comandos de trânsito e radiopatrulha aérea, a Cavalaria, o policiamento ambiental e o rodoviário, as Rondas Ostensivas Tobias de Aguiar (Rota), a Corregedoria da Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros.

    Diária Especial da Polícia Civil
    O governador Geraldo Alckmin e o secretário da Segurança Pública, Alexandre de Moraes, enviaram no final de setembro à Assembleia Legislativa um projeto de lei complementar para a criação da Diária Especial por Jornada Extraordinária de Trabalho Policial Civil (Dejec).

    Como acontece com a PM, a medida permitirá aos policiais civis trabalharem voluntariamente em suas folgas, com direito a uma remuneração adicional. As atividades e critérios a que serão submetidos os policiais serão estabelecidos por portaria do Delegado-Geral de Polícia, após a aprovação do projeto.

    Do Portal do Governo do Estado

  27. NÃO CHORE, NÃO LAMENTE, APENAS APRENDA ! disse:
    08/10/2015 ÀS 0:24
    o motorola é polícia?o carcepa é polícia? aux de papi, aux de necrópsia , fotógrafos e desenhistas são polícia? perito é polícia? é o caráio kkkkkkk

    COLEGA EU DISCORDO DE VC APENAS NO TOCANTE QUE ESSES QUE VC RELACIONOU CONSTA DENTRO DO QUADRO DA PC, ENTÃO QUER VC QUIRE OU NÃO SÃO POLICIAIS SIM, MAS POR OUTRO LADO, VC CITOU UMA CARREIRA QUE PARA MIM É DENTRE TODAS O VERDADEIRO E LEGÍTIMO POLICIAL INDISCUTIVELMENTE, SÃO OS CARCEREIROS, SÃO ELES QUEM TEM CULHÃO DE ENFRENTAREM DE FRENTE COM PEITO ABERTO E DESARMADO DENTRO DE UM PRESÍDIO ONDE TEM CENTENAS OU ATE TRÊS DÍGITOS O NÚMERO DE BANDIDO, AOS DEMAIS EU REALMENTE CONCORDO, MAS EU TIRARIA COM CERTEZA DA SUA LISTA COLEGA E ACRESCENTARIA NELA NO LUGAR DO CARCEREIRO, O ESCRIVÃO QUE NADA TEM RELACIONADO COM O SERVIÇO POLICIAL, ELE É APENAS UM DIGITADOR, AQUELA PESSOA QUE DESCREVE TUDO QUE O DOUTOR DELEGADO DITA, ESSE É O MENOR DOS FUNCIONÁRIOS DA PC COM MÉRITO POLICIAL.MINHA OPINIÃO A RESPEITO DA RESTRUTURAÇÃO DA PC:

    DELEGADO DE POLICIA

    PERITO CRIMINAL

    AGENTE DE POLICIA ( NESTE CARGO INCLUI TODAS AS CARREIRAS EXISTENTES NO QUADRO DA PC)

    AUXILIAR ADMINISTRATIVO ( DESVINCULADO DO PODER DE POLICIA) SIMPLES COMO UM ESCRITURÁRIO DE ESCOLA ESTADUAL, E NESTE INCLUI OS ATUAIS ESCRIVÃES.

    PASSA OS SERVIÇOS DE MÉDICOS LEGISTAS PARA A SECRETARIA DA SAÚDE .

    OBS: POR QUE ESSE MODELO NÃO DARIA CERTO, APENAS TRÊS CARREIRAS, E OLHA QUE A DE PERITO AINDA PODERIA SER UNIFICADA COM AS DE PERITO TÁ, SE TORNANDO APENAS DUAS CARREIRAS, COMO NA PM, A DOS PRAÇAS, E DOS OFICIAIS.

  28. DIGO, AS DE PERITO ATE QUE PODERIA SER UNIFICADA COM AS DE DELEGADOS

  29. Como sempre o nosso país fica tentando criar soluções paliativas pro problema de segurança pública, que carrega em sua essência a falta de investimentos em educação, saúde , distribuição de renda, combate a corrupção e gestão de recursos!
    Como se a PM fazer flagrantes fosse a solução do problema!
    Digamos que passe essa PEC. A PM vai fazer graça e vai mandar seus subalternos realizarem flagrantes todos os dias, dando folgas e o caralho pra estimular a produção. O flagrantes serão daquele jeito PM de ser, tortura, forjado, tudo feito errado, mas nem vou entrar nesse merito. Com o passar do tempo, teremos outro problema, o aumento da população carcerária. Um preso custa muito dinheiro ao contribuinte,ou seja, a todos nós! Não seria mais sensato, os políticos tomarem vergonha na cara e tentarem prevenir o problema? Porque não criam uma PEC destinando mais verbas para educação de jovens que residem em locais criticos? Porque não criam uma PEC estimulando uma melhor distribuição de renda? Porque não criam leis severas a indivíduos que dilaceram o erário público? O que se perde de dinheiro no nosso país, não só com corrupção, mas por pura má gestão de recursos. Levar presos a cidades a 300 km, tendo video conferencia, é um dos exemplos de má gestao, nosso país todo é mal gerido!
    Só sei que prender todos não é a solução! Quem estuda ou estudou criminologia sabe que crime nunca irá acabar em uma sociedade, ele nunca sera extirpado da sociedade, mas podemos reduzi-lo a limites aceitáveis. E acredito que o caminho para essa redução passa necessariamente por investimentos pesados em educação, saúde ,distribuição de renda, combate a corrupção e gestão de recursos!
    A PM fazer flagrantes, COM CERTEZA, não é a solução pro problema de segurança publica, e na minha opinião caminha na direção contrária dos interesses do país!

  30. NÃO CHORE, NÃO LAMENTE, APENAS APRENDA ! disse:
    08/10/2015 ÀS 0:24
    o motorola é polícia?o carcepa é polícia? aux de papi, aux de necrópsia , fotógrafos e desenhistas são polícia? perito é polícia? é o caráio kkkkkkk

    =================================================================================
    APREENDA ISSO:

    NA POLÍCIA CIVIL NINGUÉM É POLICIA JÁ FAZ MUITO TEMPO

  31. JACARÉ SEM DENTE disse:
    08/10/2015 ÀS 1:39

    DELEGADO DE POLICIA

    PERITO CRIMINAL

    AGENTE DE POLICIA ( NESTE CARGO INCLUI TODAS AS CARREIRAS EXISTENTES NO QUADRO DA PC)

    AUXILIAR ADMINISTRATIVO ( DESVINCULADO DO PODER DE POLICIA) SIMPLES COMO UM ESCRITURÁRIO DE ESCOLA ESTADUAL, E NESTE INCLUI OS ATUAIS ESCRIVÃES.

    PASSA OS SERVIÇOS DE MÉDICOS LEGISTAS PARA A SECRETARIA DA SAÚDE .

    ==================================================================================================

    Não acredito que estou concordando com o JACARÉ!

    A PC só precisa disso.

    Delegado
    Perito
    Agente/Investigador/Detetive (qualquer que seja a denominação que satisfaça o ego)

    Basta olhar a restruturação que a PF está fazendo.
    Irão acabar com o cargo de escrivão e papiloscopista concentrando TODOS como AGENTE/ANALISTA DA PF ( ainda não decidiram o nome).
    Eles já têm um cargo administrativo de nível médio (sem poder de polícia) para cuidar da papelada.

    Já que falamos de reestruturação que seja para a vanguarda em termos de estrutura e não copiando o já ultrapassado modelo dos outros estados (Delegado, Perito, Agente e Escrivão).

    A figura (função) do escrivão é obsoleta. Você restringir um policial a uma determinada tarefa burocrática é burrice.
    Nas polícias “de fora” só existe a figura do policial, aquele que “pega” a ocorrência é o que faz a investigação e consequentemente o seu relatório. Quem melhor para “escrever” a situação do que aquele que a está vivenciando?

    Dessa forma ainda podemos analisar e mensurar REALMENTE o desempenho de cada policial. Determinado policial resolveu “X” ocorrências. Não irá existir a velha história de: “ah, mais eu fiz minha parte… agora está dependendo de fulano.”

  32. Carcepol disse:
    08/10/2015 ÀS 9:17
    NÃO CHORE, NÃO LAMENTE, APENAS APRENDA ! disse:
    08/10/2015 ÀS 0:24
    o motorola é polícia?o carcepa é polícia? aux de papi, aux de necrópsia , fotógrafos e desenhistas são polícia? perito é polícia? é o caráio kkkkkkk

    =================================================================================
    APRENDA ISSO:

    NA POLÍCIA CIVIL NINGUÉM É POLICIA JÁ FAZ MUITO TEMPO !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    PERGUNTE AO ZÉ POVINHO: O QUE É UM INVESTIGADOR DE POLICIA, UM ESCRIVÃO, UM CARCEREIRO, AS DEMAIS CARREIRAS ENTÃO, NEM OS CALÇAS BRANCAS DA PC CONHECE, O POVO SOMENTE IDENTIFICA UMA POLÍCIA, A POLICIA MILITAR, HOJE EM DIA, ATÉ A GCM TEM MAIS AUTORIDADE POLICIAL QUE QUAL POLICIAL CIVIL.

  33. Justiça disse:
    08/10/2015 ÀS 0:16
    Blá, blá, blá o ciclo completo vai vinga. Realmente os oficiais da PM são uma bosta, conseguem o mesmo reajuste para toda corporação, e as praças realmente se fodem, aposentam com trinta anos de serviço, com paridade e integralidade, são promovidos a no mínimo 3 Sgt com salário hoje entre 5000 a 6000 paus, vide o portal transparência, as praças contam ainda com 613,00 de diárias alimentação, e a dejem já de longa data, pois a Adm da PM , realiza escalas de modo a permitir que todos os policiais trabalhem nas dejem/delegada. Realmente ser praça da PM não compensa, o que vale a pena é ser policial cívil, tendo os delegados como chefes, olhem os pobres carcereiros, o que são hoje??, os investigadores nível superior, quanto ganham?? Suas diárias alimentação, quanto é?? Contém sempre com os delegados.
    _______________________________________________________________________________________________

    É isso mesmo colega. Muitos negarão, pelo orgulho ferido, mas o bolso vazio.

    Os dirigentes da PC pensam que TODOS os Policiais Civis tem que se virarem para sustentar suas famílias, e que não precisam que o governo cumpram as Leis.
    Pensam também que são mais espertos que todos, então, o resto que se phoda……

  34. SR. Carcepol !, MEUS PARABÉNS PELO EXPOSTO. E ACRESCENTO MAIS, O “ZÉ POVÃO” TAMBÉM ESTÁ NO MUNDO DA LUA, POIS QUANDO ME PERGUNTAM A MINHA PROFISSÃO, RESPONDO ESCRIVÃO DE POLÍCIA APOSENTADO E, ATO CONTÍNUO VEM A NOVA PERGUNTA ” E ESCRIVÃO É POLÍCIA ! SÓ ME RESTA PEDIR : ME AJUDEM AÍ Ó !…

  35. SR. ” CRITICAR É FÁCIL, AJUDAR NÃO “, CONHECI E CONHEÇO CERTOS “MAJURAS” QUE SE PUDESSEM AO FORMALIZAR A LISTA DE INDICAÇÃO PARA ESSA FAMIGERADA DEJEC, SÓ CONSTARIA OS NOMES DELES E O RESTO QUE SE “F”. E, ME AJUDEM AÍ Ó !…

  36. “”Data de publicação: 7 de outubro de 2015 às 21h01

    Texto: Jornalismo Cabos e Soldados

    Diretoria e associados da Associação dos Cabos e Soldados (ACS) estarão de plantão todas as terças-feiras, às 16h, no Plenário da Assembleia Legislativa para reivindicar reajuste à categoria Policial Militar este ano.

    Esta decisão é muito importante para enfatizar aos deputados da Casa o descontentamento dos policiais militares com o anúncio do “reajuste 0%” que o secretário de Segurança Pública, Alexandre de Moraes, fez no dia 29 de setembro em reunião com as entidades.

    Vamos pedir apoio aos deputados para ajudar a interceder junto ao Governo e desfazer essa injustiça!

    Participe e convoque amigos e familiares para lutar por nossa causa!

    Na terça-feira, 6 de outubro, foi o primeiro plantão com a presença da diretoria e associados da ACS!

    Continuaremos na luta pelo reajuste, toda terça-feira, na Assembleia!”

    E AS ASSOCIAÇÕES DA PC, O QUE ESTÃO FAZENDO?

  37. Ciclo completo. Simples, muito simples. Desmilitariza a PM. Passa todos para a Polícia Civil sob a supervisão e direção dos Delegados de Polícia.
    Os antigos oficiais teriam a denominação de Comissários e ficariam com a direção da parte administrativa e ostensiva.
    Os Delegados de Polícia cuidariam unicamente das atividades de Polícia Judiciária.
    Os antigos praças teriam a denominação de subcomissários e auxiliariam os Investigadores e Escrivães nas atividades de Polícia Judiciária, além das atividades de Policiamento Ostensivo.

    Os ex-PM´s teriam as seguintes “vantagens”:
    Deixariam de lado o RD arcaico e ditatorial que afeta a dignidade humana;
    Sendo eleito em cargo político não iriam mais para a reserva, acumulando as funções, porém escolhendo apenas um dos salários ;
    Poderiam trabalhar até os 65 anos para homens e 60 para mulheres;
    Pedágio de cinco anos na classe;
    Paridade e Integralidade apenas com o fator 95 ou 90;
    Aposenta na classe, caso tenha passado cinco anos, sem promoção;
    Trabalhariam de 2a. a 6a. e ainda com escala de plantão nos fds e feriados, além de sobreaviso;
    Entre outras coisas que no momento eu não me lembro.

    Já que querem ciclo completo, adquiram também o ônus e o bônus.

    Será que eles topariam.

  38. kkkkkkkkk……..essas vantagens são boas……..só neste Estado mesmo…

  39. JOÃO BREJEIRO. disse:
    08/10/2015 ÀS 9:43
    SR. ” CRITICAR É FÁCIL, AJUDAR NÃO “, CONHECI E CONHEÇO CERTOS “MAJURAS” QUE SE PUDESSEM AO FORMALIZAR A LISTA DE INDICAÇÃO PARA ESSA FAMIGERADA DEJEC, SÓ CONSTARIA OS NOMES DELES E O RESTO QUE SE “F”. E, ME AJUDEM AÍ Ó !…

    ACREDITO…..KKKK

  40. A policia Militar hoje em São Paulo, se resume em um grupo de extermínio e especialistas em explosões de caixas eletrônicos, utilizando os próprios equipamentos citados por o colega ai de cima, para saber em tempo real, onde se encontram as viaturas de área, como aconteceu em nossa cidade onde prendemos um integrante da “ROTA”, armado de fuzil AR15, chefiando uma quadrilha de ladrões.

  41. Bom agepol furioso, pra VC resumir que toda a PM é bandida com tanta certeza,vvc devecesta se referindo as seguintes pessoas: O corno do seu pai, remetendo-se a vaca da sua mãe juntamente com a prostituta da sua esposa, seu viado de gabinete.

  42. O governador Geraldo Alckmin (PSDB) decidiu esconder da população as falhas do transporte público metropolitano de São Paulo. Um carimbo de ultrassecreto em 157 conjuntos de documentos vai garantir o sigilo absoluto de informações sobre atrasos em obras de estações e linhas da CPTM por 25 anos.

    No entanto, no que depender do deputado estadual João Paulo Rillo (PT-SP), os dados sobre o metrô de São Paulo não serão colocados em um ‘cofre’. A notícia, publicada nesta terça-feira (6) pelo jornal ‘Folha de S. Paulo’, estarreceu os deputados estaduais petistas, que preparam uma representação contra o governo. Dados sobre ônibus intermunicipais da EMTU também foram transformados em sigilosos pelo governo do tucano.

    O deputado informou, em entrevista à Agência PT de Notícias, que vai entrar com uma representação contra a medida na Procuradoria Geral do Estado de São Paulo. Segundo a reportagem, a restrição do acesso aos documentos ocorreu de maneira discreta, em publicação de uma resolução em 2014.

    “A menos de quatro meses da eleição que reelegeria Alckmin e em meio às investigações sobre um cartel para fornecer obras e equipamentos ao Metrô e à CPTM em gestões tucanas”, detalha a matéria.

    A classificação de documentos sobre obras como ultrassecretos descumpre a lei do estado que regulamenta a Lei de Acesso à Informação. Pela norma regulamentadora, o sigilo se restringe a “imprescindibilidade à segurança da sociedade e do Estado ou à proteção da intimidade, da vida privada, da honra e imagem das pessoas”. Ainda assim, é preciso haver caso concreto que motive a utilização.

    “O objetivo é esconder o roubo, a quadrilha que eles (PSDB) montaram para, durante 20 anos, assaltar o estado de São Paulo”, criticou Rillo.

    De acordo com o jornal, “quase todas as obras do governo Alckmin estão atrasadas”. Entre as promessas não cumpridas, está a ampliação da rede de metrô com 100 quilômetros até 2014.

    O compromisso foi firmado com os eleitores no fim do mandato anterior de Alckmin, mas só deve ser cumprido no final da atual gestão. Hoje, são 78 quilômetros de rede.

    Em dez anos, a malha metroviária foi ampliada 36%, enquanto o número de usuários aumentou 92%. A ampliação da linha 4, conhecida como linha amarela, teve a conclusão adiada em dois anos. A linha cinco, lilás, deve ser entregue apenas em 2018.

    O sigilo também foi argumento para o governo negar dados de relatórios de medição de obras do monotrilho da linha 17-ouro, que passa por Congonhas. A obra deveria estar prona para a Copa de 2014.

    Com os atrasos, 31 trens novos adquiridos pelo governo tucano estão parados. Eles têm tecnologia para Controle de Trens Baseado em Comunicação (CBTC), que vai diminuir o intervalo entre os trens e ajudar a diminuir a superlotação.

    Trensalão

    As obras do metrô de São Paulo são alvo de investigações há muitos anos. O caso mais simbólico é o cartel de trens, também conhecido como ‘trensalão tucano’. O esquema de corrupção e cartel no metrô de São Paulo funcionou por 10 anos, entre 1998 e 2008, nos governos de Mário Covas, Geraldo Alckmin e José Serra.

    Em 2015, o Ministério Público de São Paulo solicitou à Justiça a dissolução de nove grupos de empresas do setor metroviário por suspeita de formação de cartel em contratos de manutenção de 88 trens da CPTM, entre 2007 e 2012, durante governos do PSDB.

    No pedido, o MP solicita ainda a restituição de R$ 1 bilhão pelas multinacionais Siemens, Alston, CAF do Brasil e Bombardier.

  43. Ricardo disse:
    08/10/2015 ÀS 10:25

    MEU CARO RICARDO, EU ATE POSSO TE ENTENDER, PORÉM VC ESTÁ SENDO UM POUCO VULGAR PUXANDO SARDINHA PARA O SEU LADO COLEGA, ENTÃO VEJAMOS: PARA SEREM JUSTOS E NÃO PUXAR SARDINHA PARA NENHUM DOS LADOS, O MAIS JUSTO E ACEITÁVEL, SERIA UMA UNIFICAÇÃO GERAL, INCLUSIVE COM MUDANÇAS DE NOME, E FAZEREM TODOS OS AJUSTES E EQUIPARAÇÕES.PÕEM A SUA CACHOLA PARA FUNCIONAR APENAS UM POUQUINHO!, QUANTOS POLICIAIS MILITARES EXISTEM HOJE NO SERVIÇO ATIVO DA PM, EU ACHO QUE GIRA EM TORNO DE 140.000 E QUANTOS EXISTEM NA PC NO SERVIÇO ATIVO QUE AINDA NÃO TEM TEMPO PAR5A SE APOSENTAR, 20 E POUCOS MIL, POIS SÃO 34.000, MAS 1/3 JÁ CONTA COM TEMPO PARA IR EMBORA, ENTÃO COLEGA, COMO PODE UMA INSTITUIÇÃO COM 20.000 PROFISSIONAIS PODEM ENGLOBAR UMA OUTRA COM 140.000 E AINDA CITAR AS REGRAS, ISSO SERIA IMPOSSÍVEL, SEMPRE O MAIOR COME O MENOR, E NUNCA AO CONTRÁRIO, QUAL SERIA O NÚMERO DE OFICIAIS DA PM SP HOJE EM ATIVIDADE, E QUAL É O NÚMERO DE DELEGADO DE POLICIA, VC ACREDITA MESMO QUE OS OFICIAIS SENDO QUASE 10 VEZES O NÚMEROS DE DELEGADOS OU MAIS, ELES VÃO ACEITAREM DA FORMA QUE VC DESCREVEU, OU SENDO COMANDADO POR DELEGADOS, CARA É BEM LÓGICO QUE NUMA POSSÍVEL UNIFICAÇÃO, OS OFICIAIS E DELEGADOS DE POLICIA VÃO SE UNIFICAREM TAMBÉM OS SEUS CARGOS, TORNADO-SE NUM CARGO SÓ COM AS MESMAS PRERROGATIVAS E PODERES, ISSO É ÓBVIO COLEGA, CASO CONTRÁRIO JAMAIS ACONTECERÁ TAL UNIFICAÇÃO, POR ESSA POSSIBILIDADE SER QUASE IMPOSSÍVEL POR PARTE DOS DELEGADOS DE POLICIA, É QUE OS OFICIAIS ESTÃO LUTANDO COM UNHAS E DENTES PARA QUE A PM OBTENHA O DIREITO DO CICLO COMPLETO, NÃO DEPENDENDO DE NADA DA PC, E CONSEQUENTEMENTE ATE A VACÂNCIA DELA.

    OBS: NÓS OS PEÕES QUE ESTÃO EM BAIXO E QUE CARREGA AS DUAS POLICIAS NAS COSTAS, DEVEMOS NOS UNIREM PARA UM ÚNICO OBJETIVO, ACONTEÇA O QUE ACONTECER, SEMPRE AS CARREIRAS DE OFICIAIS E DELEGADOS SEMPRE ESTARÃO NO TOPO, ENTÃO COLEGA, O MELHOR PARA TODOS SERIA UMA UNIFICAÇÃO GERAL, E SE POSSÍVEL TORNAR-SE UMA POLICIA ESTADUAL NOS MOLDES DA POLICIA FEDERAL E PRONTO, DÁ FORMA QUE ESTÁ, TODOS OS POLICIAIS DAS DUAS POLICIAS ESTÃO SE FU.

  44. 0 busílis são as cidades, no interior de muito Estado, nas quais a civil não se faz presente, como deveria. É tudo a PM que faz.Na prática o ciclo completo já é feito há muito tempo, nessas localidades. O correto seria, onde não houver Delegado de Polícia de carreira, aí sim outra autoridade pública, lhe supriria a falta.

  45. DR. GUERRA POR FAVOR COMUNICAR O FALECIMENTO DO SR. NILTON ROBERTO COSTA, AGENTE POLICIAL NA CIDADE DE SOROCABA, O CORPO ESTÁ SENDO VELADO NA OFEBAS, SITO À RUA BRAZ CUBAS 61, SEPULTAMENTO ÀS 16H00 NO JARDIM CEMITÉRIO PAX.

  46. Convocaram mais de 300 Policiais Civis para prender suspeitos de querer colocar um pouco de ordem no bairro.

    Quantos policiais civis os nobres Delegados de Polícia do Dhpp convocaram nas mortes dos Delegados de Polícia : Dr. Euclides e Dr. Magano????

    Entendeu Dr. Guerra e fliteiros pq até tento ser contra o Ciclo Completo, mas não posso defender uma carreira que aceita ter seus próprios irmãos assassinados e foda-se. Morreu, enterra!

    Agora quando morre “as vítimas da Sociedade” é empenho total.

    Joguem seus distintivos no lixo.

  47. Dr. Guerra, gentileza informar se o Flit possui whatsap para envio de vídeos interessantíssimos da MEGAnha em Minas Gerais..

  48. Exatamente (desmilitarização e posteriormente após uns 8 anos a unificação).

  49. Caso não houvesse a proposta do ciclo completo, estaria sendo discutida a desmilitarização. Então talvez o ciclo completo sirva como pressão para as mudanças necessárias.

  50. chorando de rir com esse desespero dos majuras.. o restopol compartilha desse desespero ? lógico que não !! ciclo completo vai ser um beneficio para o restopol .. e disso os majuras tem um medo desgramado de falar, o medo dos majuras é na questão salarial e só! todo o resto é marketing…. para o restopol o que muda ? além de dividir o trabalho que abarrota os dps ? .. quem tem que se preocupar com possíveis abusos é a corregedoria, o MP a secretaria de segurança esse papo batido dos delegados é marketing puro, preocupação de vir a prejudicar no futuro para novas reivindicações.dos delegados e com certeza vai mesmo!! ..agora para o restopol é sempre mais do mesmo e nada muda… e não me venha com o papo que vi um Delegado aqui colocando em mensagem que todos devem se preocupar porque vai afetar a sociedade haaaaa sei como os delegados são preocupados com a sociedade a começar com a preocupação que eles tem com as outras classes da policia civil …..so estão fazendo esse barulho porque a agua bateu na bunda… e se for falar sobre abuso tem que relatar as cagadas de alguns delegados indiciando jornalistas e muitos outros casos que não são poucos diga-se de passagem

  51. A mais de hum ano que não posto nada neste blog, mas essa do JACARÉ SEM DENTE foi a coisa mais sensata que já ouvi neste BLOG nos últimos tempos.
    Com relação a este; NÃO CHORE, NÃO LAMENTE, APENAS APRENDA ! disse: NUNCA ALGEMOU NINGUÉM, UM COMENTÁRIO DESRESPEITOSO COM OS COLEGAS, UM CAGÃO EM ALGUM GABINETE PINDURADO.

    COLEGA EU DISCORDO DE VC APENAS NO TOCANTE QUE ESSES QUE VC RELACIONOU CONSTA DENTRO DO QUADRO DA PC, ENTÃO QUER VC QUIRE OU NÃO SÃO POLICIAIS SIM, MAS POR OUTRO LADO, VC CITOU UMA CARREIRA QUE PARA MIM É DENTRE TODAS O VERDADEIRO E LEGÍTIMO POLICIAL INDISCUTIVELMENTE, SÃO OS CARCEREIROS, SÃO ELES QUEM TEM CULHÃO DE ENFRENTAREM DE FRENTE COM PEITO ABERTO E DESARMADO DENTRO DE UM PRESÍDIO ONDE TEM CENTENAS OU ATE TRÊS DÍGITOS O NÚMERO DE BANDIDO, AOS DEMAIS EU REALMENTE CONCORDO, MAS EU TIRARIA COM CERTEZA DA SUA LISTA COLEGA E ACRESCENTARIA NELA NO LUGAR DO CARCEREIRO, O ESCRIVÃO QUE NADA TEM RELACIONADO COM O SERVIÇO POLICIAL, ELE É APENAS UM DIGITADOR, AQUELA PESSOA QUE DESCREVE TUDO QUE O DOUTOR DELEGADO DITA, ESSE É O MENOR DOS FUNCIONÁRIOS DA PC COM MÉRITO POLICIAL.MINHA OPINIÃO A RESPEITO DA RESTRUTURAÇÃO DA PC:

    DELEGADO DE POLICIA

    PERITO CRIMINAL

    AGENTE DE POLICIA ( NESTE CARGO INCLUI TODAS AS CARREIRAS EXISTENTES NO QUADRO DA PC)

    AUXILIAR ADMINISTRATIVO ( DESVINCULADO DO PODER DE POLICIA) SIMPLES COMO UM ESCRITURÁRIO DE ESCOLA ESTADUAL, E NESTE INCLUI OS ATUAIS ESCRIVÃES.

  52. Resumindo o que disse o FÓRUM NACIONAL DAS ENTIDADES DE DELEGADOS DE POLÍCIA – FONAED:

    Lutou-se para jogar a PM e o Restopol para fora do barco da polícia, assim desvincularam salários e conseguiram a Carreira Jurídica.

    A PM sempre foi forte e agora está querendo assumir a segurança pública na totalidade, ciclo completo, mesmo sem ter condições.

    Agora que o barco da esquecida PC está se afundando de vez, resta aos delegados quererem se juntar novamente à PM, suplicando a DESMILITARIZAÇÃO e UNIFICAÇÃO DAS POLÍCIAS!!!

    Apertou para os delegados e essa é a última opção, mesmo que seus vencimentos e administração venham a ser atrelados novamente com a PM, agora sem farda.

  53. PESSOAL !, DESCONHEÇO, MAIS QUANDO EU ESTAVA NA ATIVA DIUTURNAMENTE OUVIA COMENTÁRIOS DE QUE CERTOS “MAJURAS”, QUANDO DOS “ACERTOS” SEMPRE SE ESCONDIAM, MAIS QUANDO O “J” PINTAVA, AÍ SAI DA FRENTE, POIS ELES SEMPRE QUEIRAM A “PARTE DO LEÃO”. E, ME AJUDEM AÍ Ó !….

  54. MEU SONHO A POLICIA MILITAR - FAÇA TUDO - ESTOU CAGANDO E ANDANDO!!! ASS:- ESCRIVÃO, !!! disse:

    EU QUERO QUE O MAR VERMELHO SE FECHE !!!!!!!!!!!!!! KKKK
    ..
    SOU ESCRIVÃO DE POLÍCIA – DECAP, QUERO QUE Á POLÍCIA MILITAR FAÇA TUDO.
    ….
    QUERO QUE A PM, PRENDA! FAÇA O FLAGRANTE! LEVO OS PRESOS PARA O CDP ! CUIDE DE TUDO!!!!

    EU NÃO QUERO FAZER NADA!!!!!! QUERO SABER DO MEU BICO E ESPERAR O SALÁRIO FOME NO QUINTO DIA!!!

    QUERO SABER DE NADA……
    ….
    TÔ NEM AI!!!! KKKKKK

    ESTOU AMANDO!!!!
    ….
    PM TOQUE OS INQUÉRITOS E COTAS!!!
    ….

  55. Estou procurando um ADVOGADO/A para entrar com recurso STJ/STF.

    Alguém pode indicar um/a que seja confiável, conheça as cortes superiores e, de preferência, que aceite pagamento feito pela indenização pretendida?

  56. PELO QUE ANDEI VERIFICANDO O CICLO COMPLETO DE POLICIA JÁ É PRATICAMENTE UMA REALIDADE

  57. PESSOAL !, S.M.J., EU ACHO QUE ESTOU SONHANDO. VEJAM SÓ : HOJE O GRANDE “DAPENA” EM REDE NACIONAL ENTREVISTOU A CÚPULA DE NOSSAS EGRÉGIAS POLICIA E, DENTRE OS PARTICIPANTES, TOMEI UM SUSTO, LÁ ESTAVA O NOSSO EXCELENTE D.G, MAIS SÓ COM UM DETALHE, “MUDINHO”. FALARAM TODOS INCLUSIVE O “DAPENA”, MAIS O NOSSO EGRÉGIO REPRESENTANDO NÃO EXISTIU. E MUDANDO DE ALHOS PARA BUGALHOS, COM RELAÇÃO À NOSSA PÁTRIA AMADA BRASIL, COMO É QUE PODE UM “CARA” DO PARTIDO COMUNISTA DO BRASIL SER MINISTRO DA DEFESA. MAIS UMA VEZ DIGO E AFIRMO O “O POSTE DIUTURNAMENTE ESTÁ MIJANDO NO CACHORRO”. E, ME AJUDEM AÍ Ó !…

  58. Estou com o colega aí em cima…..

    Que venha….

    Que venha o CIRCO COMPLETO…..

    Deixa tudo nas mãos da gloriosa – co-irmã – fardada……. joga tudo nas mãos da MIKE…..

    Deixa Eles fazem inquérito, flagrantes, bo, tc., abraçar as cotas absurdas…… deixa tudo com eles….

    Somos a PULIÇA totalmente FALIDA e COMBALIDA…..

    MORTA e MORIBUNDA……

    Joga a última pá de cal……

  59. Parece que não são os oficiais da Pm os únicos que estão querendo o ciclo…e exatamente o contrário…os delegados são os únicos que não querem…

  60. UNIFICAÇÃO DAS POLÍCIAS:

    DELEGADO / INVESTIGADOR / ESCRIVÃO 3ª CLASSE = TENENTE

    DELEGADO / INVESTIGADOR / ESCRIVÃO 2ª CLASSE = CAPITÃO

    DELEGADO / INVESTIGADOR / ESCRIVÃO 1ª CLASSE = MAJOR

    DELEGADO / INVESTIGADOR / ESCRIVÃO ESPECIAL = CORONEL

  61. Como esse espaço é democrático posso expor minha opinião:
    Em primeiro lugar Sr. ” Escrivão sempre atento” o ADPJ dos delegados não é no valor de R$ 3.000,00. Posso te garantir pq sou casado com uma Delegada.
    Em segundo lugar Sr. “Jacaré sem Dente” você deve ser um grande babaca e frustrado.
    Tenho muito orgulho de ser ESCRIVÃO e ser o cérebro da ora de formalizar os atos de polícia judiciária. Nenhuma outra carreira operacional tem capacidade ortográfica e jurídica para materializar os documentos oficiais. Sou a favor dos delegados, com algumas poucas exceções, pois sempre fui tratado com muita educação e respeito por eles. Não quero ser mandado por nenhum militar e retroagir no tempo da ditadura.

  62. Escribapol, meu caro é lógico que todas as corujas do planeta tem que adorar o pau que senta, é óbvio que um escrivão jamais vai aceitar que a sua função passa despercebida, uma vez que qualquer pessoa pode fazer, digo qualquer pessoa mesmo, prova disso são os atuais estagiários de vários cursos fazendo um brilhante trabalho numa delegacia, pondo muitos escrivães antigos e experientes debaixo dos braços, ou estou mentindo senhor ( ESCRIBAPOL), sem contar os inúmeros funcionários de prefeituras que são destinados para prestarem serviços relevantes nas delegacias de policia de todo o interior paulista, suprindo assim a falta de funcionários da pc, e olha que quase na sua totalidade são escrivães ( Ad hoc), tocam inclusive inquéritos, e como não se bastasse colega, veja vc mesmo o belo trabalho que os renegados da policia, bem como do governo a carreira de carcereiros tem sido benéficos e fazem um trabalho brilhante em todas as repartições de uma delegacia, em especial as de investigadores e de escrivães, então meu caro, o que posso afirmar é que felizmente a sua carreira está com os dias contados, uma vez que qualquer pessoa que domina um teclado de um computador possa tranquilamente desempenhar a sua que continua sendo a de um simples digitador, aquele que escreve tudo que o excelência Doutor Delegado dita, se duvida, faça vc mesmo uma pesquisa aqui neste blog aos seus companheiros da policia civil, bom dia.

  63. Escribapol disse:
    08/10/2015 às 23:24

    Como esse espaço é democrático posso expor minha opinião:
    Em primeiro lugar Sr. ” Escrivão sempre atento” o ADPJ dos delegados não é no valor de R$ 3.000,00. Posso te garantir pq sou casado com uma Delegada.
    Em segundo lugar Sr. “Jacaré sem Dente” você deve ser um grande babaca e frustrado.
    Tenho muito orgulho de ser ESCRIVÃO e ser o cérebro da ora de formalizar os atos de polícia judiciária. Nenhuma outra carreira operacional tem capacidade ortográfica e jurídica para materializar os documentos oficiais. Sou a favor dos delegados, com algumas poucas exceções, pois sempre fui tratado com muita educação e respeito por eles. Não quero ser mandado por nenhum militar e retroagir no tempo da ditadura.

    como é que é ESCRIBAPOL ? ser o cérebro na hora de formalizar os atos ? kkkkkkkkk ta de brincadeira ? Nenhuma outra carreira operacional tem capacidade ortográfica ? hã cuma ? e essa pérola ( só o escrivão tem capacidade de materializar os documentos oficiais ? hãn como é que é ? não sabia!! então acabamos de descobrir quem são os príncipes .. os Reis já sabemos quem são mas agora temos os príncipes os escribas, será que serão os próximos na carreira jurídica ? e o escrivão AD-HOC ? como é que fica ? a verdade é que a função de escrivão a qual admiro muito é uma das funções que qualquer um do povo pode exercer desde que designado pela autoridade .. ou seja se o semideus quiser colocar o carcepol como escriba ele faz , se ele quiser ele coloca o faxineiro .. para com esse papo de maluco

  64. Ao assistir o vídeo acima postado pelo colega cheguei a seguinte conclusão, o que precisamos é contratar mais médicos geriátras para atender no ambulatório do prédio da DGP.
    Outra coisa a dona Marilda faz muito pela ADPESP e nada pela polícia, trabalha aonde, faz ocorrências, IPs, porque pelo que sei a legislação só afasta presidentes de sindicatos e não associações e outra coisa ela não me representa ou qualquer restopol e sempre fez questão de repetir isso e se afastar das demais classes , só usa os operacionais quando lhes interessa.
    Agora o que falou o semi crocodilo Benguelo é de doer, experimente pegar três escrivães de polícia homens com 15 anos de carreira e tocar um plantão, um sozinho toca o DP e até faz flagrante e os outros dois saem cumprem mandado e trazem o preso sem dar merda, isso sem delegado, agora experimente fazer esse mesmo trabalho com outros três funcionários que não sejam escrivães e vejam o que dá. Mal sabem redigir um BO, e não sãopromovidos culpados, a culpa é dos delegados que nunca os treinou direito ou nunca exigiu que o fizessem antes da Portaria DGP 32, três delegados plantonistas até podem fazer boa parte do serviço mas nunca vi nenhum conseguir transferir os presos ou montar os prontuários sem fazer merda, já vi muito escrivão dar cana melhor que muitas outras carreiras, e esse jacarézinho pra mim enão comédia, se não sabe diferenciar escrivão de escriturário nem policial deve ser , se bobear nem ganso nunca foi, talvez seja apenas um paga pau de polícia, agora se quiser confirmar suas credenciais é só colocar o número do seu RG ou RE para conferir seu prego.
    Hoje quem ainda carrega nas costas essa policia semi falida são os escravoes que abrem mão de suas vidas e saúde, fazem de graça o serviço dos delegados sem receber o que GAT e são culpados sim pela preguiça das outras carreiras por terem as deixado acomodadas no bem bao e se tornaram obsoletos como todas as demais carreiras , inclusive a de delegado caso venha o ciclo único, mas garanto um escrivão faz qualquer serviço na polícia , qualquer um mesmo, ensinou ele aprende, diferente de algumas que mesmo ensinando a capacidade intelectual não permite, seria a carreira que mais se adaptaria a novas funções escrivães e investigadores, agora delegado , salvo exceções, a soberba não permitiria, agentes policiais são maleáveis , agentes de telecomunicações , salvo exceções também, quase não tem contato com o publico e com a rua, agora carcepol, me desculpe tenho vários bons amigos, mas muitos não sabem juntar duas palavras e formar uma frase, são bons de cana, conhecem de longe o mala, possuem visão de raio X para mala , mas a policia ,.principalmente a civil não vive só de ronda, isso por enquanto ainda é função de PM. , e pior muitos sequer são 100% confiáveis por envolvimento direto com o crime organizado. ou seja já passaram os dois pés para o outro lado.Sem escrivão, hoje a policia para, amanhã quem sabe.

  65. Todos discutem, mas a realidade é que as duas polícias são uma merda só.

  66. SR. JACARÉ SEM DENTES !, CONCORDO EM PARTE COM O SEU EXPOSTO ACIMA, POIS S.M.J., HÁ DÉCADAS EU OUÇO A SEGUINTE FRASE ” SEM ESCRIVÃO A POLÍCIA JUDICIÁRIA PÁRA TERMINANTEMENTE”, E EU CONCORDO, POIS VEJA SÓ, ESTA SEMANA ESTIVE NUMA DELEGACIA DA SECCIONAL CENTRO, PARA MEU ESPANTO, EM DIÁLOGO COM UM COLEGA ESCRIVÃO, O MESMO ME DISSE QUE ATUALMENTE SECRETARIA MAIS DE 1.000 INQUÉRITOS. SABE QUANTOS “AD HOC ” SERIAM NECESSÁRIO PARA “TOCAR” ESSES FEITOS, NO MÍNIMO UNS 100, POIS COMO VOCÊ BEM SABE, O CARGO DE ESCRIVÃO NÃO É APENAS DIGITAR OU MESMO ESCREVER NAQUELA VELHA MÁQUINA O QUE O MAJURA DITA. POR DERRADEIRO, EM QUASE QUATRO DÉCADAS DE ESCRIVANATO JAMAIS SOLICITEI PARA QUE DELEGADO DITASSE QUALQUER PEÇA DO I.P., LÓGICO QUE MUITOS SOLICITAVAM PARA QUE ELE PRÓPRIO DITASSE CERTAS OITIVAS. MEU AMIGO EU QUANDO NA ATIVA, ÀS MADRUGADAS, ISTO AINDA NAQUELA ÉPOCA DAS MÁQUINAS DE ESCREVER, ME ESBORRACHAVA DE “BATER PIANO”, ENQUANTO QUE O “TIRA” SE ALOJAVA NA CHEFIA DOS INVESTIGADORES, O CARCEREIRO NA SALINHA DA CARCERAGEM E O “MAJURA” ROCAVA NAQUELA OUTRA SALINHA, ENQUANTO QUE ESTE NOBRE ESCRAVÃO SE FUDIA DE TANTO TRABALHAR. E, ME AJUDEM AÍ Ó !…

  67. Viu já deu…DESESPERO DE DELEGADO…
    O CICLO COMPLETO VAI PASSAR.
    Agora os IDIOTAS querem a unificação…vão lamber sabão.
    Pra quê alguma praça vai querer aposentar sem paridade, sem integralidade, com 60 anos, se com 47 já estão aposentados e com um mínimo de esforço, indo a tenente na reserva ganhando 10 mil por mês… ahhh vão sonhando
    E outra, CORONÉIS TÊM MUITO, MAS MUITO MAIS PODER QUE delegadozinhos…se acostumem…Inês é Morta…

  68. Jacaré, vc não tem arcabouço jurídico para perceber a importância do escrivão. Tenta tirar essa função da Polícia Civil e vai ver o que os majuras irão fazer. No mínimo vc deve ser carcepol ou agente, pois até os tiras sabem da importância do escrivão e quanto nós trabalhamos. Sem comentários do seu comentário, pois é totalmente descabível, merecendo apenas o desprezo. Quanto ao “stive de pijama”, dá para perceber que vc é um “stive”, talvez não saiba nem fazer o “o” sentado na areia e ainda quer tirar sarro da função do escrivão. Oh coitado…

  69. GENTE !, PELO QUE UM COLEGA ACESSOU ACIMA, SERÁ QUE SEREI LOGO MAIS UM CEL, ESPERO QUE SIM !, POIS PELO MENOS PARA MINHAS “NEGRINHAS”. E, ME AJUDEM AÍ Ó !….

  70. Bruno disse:
    08/10/2015 ÀS 22:25
    http://www.cabosesoldados.com.br/arquivo/5499
    _________________________________________________________________________________________________

    Bruno, pena que Leis Federais não alcançam o Estado de SP, que vive sob a ditadura do Rei Alkolimim….e seus capatazes dirigentes das Polícias.

  71. Tem solução para a policia, cria-se uma terceira policia com ciclo completo, com carreira unica e meritocracia, sem oficial e delegado e e as duas pc e pm serão extintas na vacancia.
    Fica uma policial estadual e uma municipal.

  72. Esta conversa de ciclo completo e muito bla bla bla, esquecemos do reajuste, porque o ciclo completo nao vai ocorrer sem mudança na constituição e tem uma clausula petrea em qualquer democracia, que cidadão civil não se subordina a militar em tempo de paz.
    Segundo com o ciclo completo as policias poderão fazer tudo, portanto a policia civil poderia ser obrigada assumir o policiamento ostensivo tambem, ou seja combate a criminalidade policial civil e atendimento do 190 com a pm.
    Eu acredito que o medo delegados sejam isto, ter que assumir todo policiamento, ficando a responsabilidade sobre os delpols.

  73. PESSOAL !, JÁ PENSOU SE SE CONCRETIZAR O EXPOSTO ER QUESTIONADO ACIMA , TEM “MAJURA” QUE O “C” NÃO PASSARÁ NEM UM CABELO. OS OMISSOS QUE ESPEREM E SE CUIDEM . E, ME AJUDEM AÍ Ó !…

  74. Cadê o reajuste da inflação que o governador disse a um sindicato recentemente que daria?

    Na atual situação com a água batendo no pescoço não quero nem saber de discutir ciclo completo ou incompleto, as contas só aumentam e a grana tá muito curta, parece que o pessoal tá contente ou desistiu de reivindicar.

    Convênio médico, escola, combustível, remédio, supermercado, luz, água, telefone, internet, gás … tudo aumentou!!!

  75. A PM já detém civis, ou seja, se quiser torturar, já possui oportunidade, assim, o argumento de que civis passarão a ser torturados em quartéis da PM torna-se muito fraco kkkk. Existem as penitenciárias e Centros de Detenção Provisória para o encaminhamento dos presos, ou seja, o preso permanecerá em quartéis por tempo ínfimo, o que faz cair por terra o mesmo argumento fraco apresentados por delegados, ex-PM e ex-delegado kkkk.
    A segurança pública só piora a cada dia devido a leniência/ineficiência de dos órgãos policiais, já que, como ciclo é dividido ao duas partes, uma instituição fica culpando a outra pelos problemas na segurança pública, por exemplo, a PC fala que a PM não faz o preventivo corretamente e a PM fala que a PC não investiga, ai fica um jogo de empurra-empurra. Atualmente, sem o ciclo completo, não vejo outra saída para a segurança pública no Brasil.
    O ciclo completo é o primeiro passo para a carreira única, situação que possibilitará que policiais com experiência assumam os postos de direção das policiais civis e militares e não os muitos “boyzinhos”, “filhinhos de papai” que ficam bebendo e “fumando” durante o bacharelado em direito e depois fazem cursinho e entram nas Instituições policiais em cargos de direção, sem experiência, visando uma cadeira, uma mesa, um ar-condicionado e status.

  76. A Polícia Rodoviária Federal é um exemplo, tem ciclo completo para crimes de trânsito, fato já aceito há muito tempo pelo judiciário federal, bem como, possuem carreira única e são “autoridades de trânsito pelo CTB”, ganham bem, etc. Assim, argumentos desfavoráveis ao ciclo completo e a carreira única não me convencem, só passam de tentativas frustradas de “corporativistas” de evitar o inevitável.

  77. As “cousas” COMEÇAM mudar aos poucos….

    Os mais arraigados são resistentes às mudanças….. MAS…. Elas virão…..

    – JÁ se instalou as chamadas “audiências de custódia”…… NÃO eram para existir, mas chegaram e parece que vão permanecer…..

    – Oras, qualquer prisão em flagrante – o preso – é imediatamente levado ao MAGISTRADO que decide ou não pela manutenção da prisão…..

    – CIRCO completo….. ou como queiram….. o Ciclo completo….. parece que está se avizinhando…. está chegando….

    CICLO COMPLETO + AUDIÊNCIA DE CUSTÓDIA = PARA QUE DELEGADO…….?????

    – Oras, CICLO completo…… o “Mike” prende o coitadinho do Ladrão larápio…..

    o FRAGRANTE vai para as mãos do homem da capa preta……..

    SE
    SE a prisão for ilegal, arbitrária, abusiva ou seja lá que porcaria que for…..

    o MAGISTRADO manda soltar…… pronto…… acabou…..

    CIRCO COMPLETO……

    Resolvido……

  78. SE LIGUEM SEUS ILUDIDOS!!!

    INVESTIGADOR NUNCA SERÁ UM CARGO ELITE, SERÁ SEMPRE O PAU MANDADO DO SENHOR DELEGADO.
    E TEM INVESTIGADOR QUE ACHA QUE VAI VIRAR OFICIAL PM NUMA POSSIVEL UNIFICAÇÃO DA PM-PC.

    KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK
    EU NUNCA VI TANTO DOENTE MENTAL NESSA CARREIRA DE INVESTIGADOR HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAH………

  79. Concordo, tem também muito doende mental querendo ser igual e outros ainda mais doentes, que se importam com ela!

    C.A.

  80. A sociedade através das atitudes do Presidente do Tribunal de Justiça-SP , De Alguns Promotores Públicos, Oficiais da Polícia Militar e alguns mal informados irão sofrer as consequências desse tal Ciclo Completo.

    O povo prefere o extermínio através da Investigação por parte da Polícia Judiciária, pois bem :

    ” Quero ver quando for um ente querido seu, que apoiou essa loucura “.

  81. MILITARES INVESTIGANDO CIVIS???

    ISSO SIM É QUE SERIA UM ENORME RETROCESSO HISTÓRICO.

    TEMOS QUE APOIAR UM CICLO COMPLETO, MAS CIVIL.

  82. COM O CICLO COMPLETO , SEM BÓ… SEM FLAGRANTE … SEM INQUERITOS…
    O QUE O ESCRIVÃO VAI FAZER ?

    JA SEI !!! VAI SER O MOTORISTA DO CARCEPOL ANTIGÃO.

  83. UM AGENTEL QUE DEIXA QUALQUER TIRA NO CHINELO disse:
    09/10/2015 ÀS 14:51
    SE LIGUEM SEUS ILUDIDOS!!!

    INVESTIGADOR NUNCA SERÁ UM CARGO ELITE, SERÁ SEMPRE O PAU MANDADO DO SENHOR DELEGADO.
    E TEM INVESTIGADOR QUE ACHA QUE VAI VIRAR OFICIAL PM NUMA POSSIVEL UNIFICAÇÃO DA PM-PC.

    KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK
    EU NUNCA VI TANTO DOENTE MENTAL NESSA CARREIRA DE INVESTIGADOR HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAH………

    C.A, disse:
    09/10/2015 ÀS 17:02
    Concordo, tem também muito doende mental querendo ser igual e outros ainda mais doentes, que se importam com ela!

    C.A.
    _____________________________________________________________________

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk muito bom C.A.

    KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

    Mais um que não conseguiu passar no concurso de tira e passou no de “telefonista policial”

  84. SR. CARCEPOL/CPMPLETO, PRAZER !, VOCÊ PERGUNTOU E O VERDADEIRO VAI RESPONDÊ-LO : ELE IRÁ FICAR SOZINHO COM A DONA DE VOSSA PENSÃO, ISTO SE EVENTUALMENTE EXISTIR, POIS, CONSOANTE SEU INFORME ELE, SERÁ UM FUTURO “RICARDÃO” NÃO TERÁ OUTRAS ATRIBUIÇÕES !. E, ME AJUDEM AÍ Ó !;;;

  85. GENTE !, NÃO MENOSPREZANDO QUALQUER CLASSE POLICIAL, POIS QUANDO NA ATIVA TODOS, SEM EXCEÇÃO PARA MIM ERAM COLEGAS NO VERDADEIRO TRABALHO. AGORA CERTOS “ESQUISITOS” QUERER QUESTIONAR E FAZER POUCO CASO DA VERDADEIRA CLASSE QUE AINDA EXISTE NESSA COMBALIDA P.C. OU SEJAM OS ÚNICOS QUE EFETIVAMENTE TRABALHAM. ESTE LIXÃO, S.M.J., TEM MAIS É QUE IR CATAR COQUINHO….

  86. Um país que não tem ciclo completo policial hoje é um país que parou no tempo, e deveríamos seguir o padrão da polícia americana. Deveria sim unificar a policia militar e a polícia civil e ser polícia única nos Estados.

    Nos Estados Unidos para ingressar na polícia é exigido apenas o 2º grau completo.

    Não existe delegados nos EUA, e sim existe a figura do xerife (secretario de segurança publica) que delega autoridade a policiais para atuar em nome do xerife. Precisa ter experiência policial, e depois, se aprovado no cargo se tornará uma autoridade (xerife-delegado).

    Nos Estados Unidos não é necessário ser bacharel em direito. Já no Brasil não precisa ser policial e é necessário ter o curso de direito, ou seja, totalmente diferente do que é exigido pela polícia americana. Portanto, ser bacharel em direito lá não quer dizer nada, e eles tem uma taxa de resolução de crimes entre 70-80% e o Brasil não passa da casa dos 5%.

    Nos Estados Unidos, a vítima não vai a delegacia, e sim os policiais que vão até a casa das vítimas. Dessa maneira, os policiais continuam dentro de sua região de patrulha.

    Portanto, quem não quer ciclo completo e uma polícia única é porque está parado no tempo. É hora da unificação das polícias.

  87. JOÃO BREJEIRO. disse:
    09/10/2015 ÀS 20:24
    SR. CARCEPOL/CPMPLETO, PRAZER !, VOCÊ PERGUNTOU E O VERDADEIRO VAI RESPONDÊ-LO : ELE IRÁ FICAR SOZINHO COM A DONA DE VOSSA PENSÃO, ISTO SE EVENTUALMENTE EXISTIR, POIS, CONSOANTE SEU INFORME ELE, SERÁ UM FUTURO “RICARDÃO” NÃO TERÁ OUTRAS ATRIBUIÇÕES !. E, ME AJUDEM AÍ Ó !;;;

    ——————————

    isso não vai me atingir. kikikikikikikikikikikiki…. sou solteiro kikikikiki…..

  88. JACARÉ SEM DENTE disse:
    09/10/2015 ÀS 1:25
    Escribapol, meu caro é lógico que todas as corujas do planeta tem que adorar o pau que senta, é óbvio que um escrivão jamais vai aceitar que a sua função passa despercebida, uma vez que qualquer pessoa pode fazer, digo qualquer pessoa mesmo, prova disso são os atuais estagiários de vários cursos fazendo um brilhante trabalho numa delegacia, pondo muitos escrivães antigos e experientes debaixo dos braços, ou estou mentindo senhor ( ESCRIBAPOL), sem contar os inúmeros funcionários de prefeituras que são destinados para prestarem serviços relevantes nas delegacias de policia de todo o interior paulista, suprindo assim a falta de funcionários da pc, e olha que quase na sua totalidade são escrivães ( Ad hoc), tocam inclusive inquéritos, e como não se bastasse colega, veja vc mesmo o belo trabalho que os renegados da policia, bem como do governo a carreira de carcereiros tem sido benéficos e fazem um trabalho brilhante em todas as repartições de uma delegacia, em especial as de investigadores e de escrivães, então meu caro, o que posso afirmar é que felizmente a sua carreira está com os dias contados, uma vez que qualquer pessoa que domina um teclado de um computador possa tranquilamente desempenhar a sua que continua sendo a de um simples digitador, aquele que escreve tudo que o excelência Doutor Delegado dita, se duvida, faça vc mesmo uma pesquisa aqui neste blog aos seus companheiros da policia civil, bom dia.

    //////

    É ISSO MESMO JACARÉ ! sou carcereiro com mais de 22 anos na carreira , em 2006 com o fechamento das cadeias, fui designado para fazer bó… em atendimento ao público , depois de 03 meses eu segurava o plantão sozinho , fazendo flagrante e o caramba a quatro…. trabalhei por mais de 02 anos nesta função, cheguei até a tocar inquéritos na chefia.. posteriormente fui para a chefia dos investigadores , compor uma equipe da chefia.
    onde permaneço até hoje…

    —- não venham os escrivães darem uma de insubstituiveis , porque NÃO SÃO :

  89. Quem não quer o ciclo completo é de esquerda, quer manter a baixa resolução de crimes, alimentando a sensação de impunidade, o que gera o conflito de classes, com alto índice de crimes patrimoniais, mas também recorde mundial de assassinatos por 100.000 habitantes. É isso ai, BRASIL

  90. Quero apenas meu reajuste salarial referente o exercício de 2015, é justo e de direito, mais nada ! Parece que os Sindicatos estão coniventes com a trairagem do Governador para com os Policiais Civis; Sinceramente, eu nunca havia visto tanta conivência, omissão, prevaricação dos respectivos Presidentes sindicais como vejo hoje.

  91. Rodrigo PC disse:
    09/10/2015 ÀS 20:35
    .
    Disse tudo.
    É isso mesmo: eu acho que tem que haver DESMILITARIZAÇÃO E UNIFICAÇÃO PRÁ ONTEM.
    .

  92. O QUE O ADMINISTRADOR DO BLOG TEM A DIZER SOBRE ISSO??? SEM MAZELAS OU CUNHO POLÍTICO, POR FAVOR.

  93. Primeiro o Brasil não é EUA são mundos diferentes e culturas diferentes, além de realidades economicas diversas totalmente . Lá e confederação aqui federação formas estruturais diversas .Nos EUA policial perde emprego , la´Juiz Promotor perde emprego aqui não . Lá o Estado paga aqui não nos o Policial, bonbeiro e etc.. e valorizdo pela população aqui não . Depois, de tais mudanças poderemos pensar em crico completo

  94. CADA POLICIAL DA DELEGACIA ELETRÔNICA FAZ 150 B.O POR DIA.

    VAMOS FAZER ASSIM

    NÓS DA D.E SEREMOS UMA POLICIA E VOCÊS TODOS O RESTO JUNTO COM OS MIKE SERÃO OUTRA.

    QUE TAL?

    “EU TRABALHO MUITO, NÃO TENHO DEJET NEM BÔNUS, SÓ FAÇO BICO PARA PODER GASTAR”

  95. Uma denúncia de improbidade administrativa feita à Justiça pelo Ministério Público do Rio contra o secretário estadual de Segurança, José Mariano Beltrame, foi aceita pelo juízo da 7ª Vara de Fazenda Pública do Rio de Janeiro. A decisão foi anunciada na tarde desta sexta-feira, 9. Beltrame será citado para apresentar contestação.

    O secretário é acusado de firmar dois contratos supostamente superfaturados com a empresa Júlio Simões para compra e manutenção de viaturas da Polícia Militar, firmados em 2007 e 2008.

    O primeiro contrato envolveu gasto de R$ 28,4 milhões para a compra de viaturas e R$ 56,7 milhões para a manutenção dos carros. Pelo segundo contrato a secretaria pagou R$ 107,6 milhões pelo carros e R$ 78 milhões pela revisão de 779 veículos.

    Além de Beltrame, mais quatro réus são acusados na ação civil pública: o governo do Rio de Janeiro, a ex-secretária de gestão de estratégia da Secretaria de Segurança, Suzy Avellar, e as empresas Júlio Simões Transportes e Logística e CS Brasil.

    O juiz indeferiu o pedido do Ministério Público para declarar indisponíveis os bens dos acusados.

    A ação solicitava a concessão de liminar para promover a indisponibilidade de bens dos acusados no valor de R$ 134.801.360,00, além do cancelamento desses dois contratos e o ressarcimento desse valor ao erário público.

    Em nota, Beltrame afirmou que “está à disposição para total esclarecimento dos fatos e aguarda notificação da decisão judicial”.

    OBS.: COISAS QUE SÓ ACONTECEM NO RIO DE JANEIRO, ASSIM COMO A CORRUPÇÃO SÓ EXISTE EM BRASÍLIA

    AH…COMO É BOM MORAR NO TUCANISTÃO, ONDE A PROBIDADE ADMINISTRATIVA É FATO, OS DIREITOS DOS

    POLICIAIS SÃO RESPEITADOS, A POPULAÇÃO É RESPEITOSA, INTELIGENTE E O GOVERNO NÃO MENTE !

  96. P/ pior
    Dei o exemplo da Polícia americana mostrando que la é ciclo completo e o trabalho da policia é bem mais eficiente do que no Brasil, mas hj no mundo em qualquer país é ciclo completo. Só aqui no Brasil que existe essa divisão de polícias nos Estados. Polícia Militar não existe mais.

    O certo é unificar, polícia unica: PM+PC e criar um Departamento de Policia do Estado de Sao Paulo.

    Delegados e oficiais PM passariam a ser autoridades policiais aptos a coordenar e realizar os trabalhos de Policia.

    Para entrar na policia ter 2 grau completo.

    Para ser autoridade policial, teria que ja ser policial ha pelo menos 5 anos, ter curso superior em qualquer area (não precisa ser bacharel em direito), ser aprovado em concurso interno dentro da policia e fazer curso de formação.

    Existir apenas autoridades policiais e o restante seria denominado policiais, e todos seriam aptos a fazer todas as funções dentro da policia (ostensiva, investigativa e atos de Policia judiciaria).

    Delegacias e bases da PM seriam transformados em postos policiais, e cada um atuaria apenas em uma região da cidade (cada posto responsável por uma area) e atuaria em qualquer tipo de crime.

    Todos os policiais aptos a exercerem todas as atividades policiais, num mês trabalha na parte ostensiva, outro mes na parte investigativa, outro mes no atendimento do posto policial (atendimento ao publico, registro de ocorrências, oitivas e etc). Assim, todos fariam a mesma função.

    Ciclo completo ja!

  97. Excelente matéria parabéns!!
    De fato a PM não tem e nem terá essa competência legal do ciclo completo de polícia.
    Acredito que essa emenda constitucional não será aprovada, pois a PM não preenche os requisitos de polícia judiciária e ainda mais sendo militarizada.
    Totalmente inconsistente.

  98. Tenho acompanhado essa historia do ciclo completo atentamente, pelos comentários temos alas pró ciclo completo e alas contra o tal ciclo.
    Todos ao seu modo tem suas razões e não quero entrar nesse mérito, todos tem o direito de opinião.
    Mas dias desses recebi um vídeo, onde o Delegado Geral discursava na ALESP, dizendo ser aberto ao dialogo sobre o ciclo completo.
    Ele fala que em países de primeiro, as policias são de estado e civis e que aceitaria discutir o ciclo completo desde que o formato de policia fosse esse, ok.
    Aí eu pergunto o Delegado Geral esta querendo elevar a instituição aos níveis internacionais, ótimo, parabéns.
    Mas num estado que não são garantidos os direitos dos policiais, quanto a remuneração, aposentadoria, reposição de policiais, equipamentos, folga de escalas de plantão, onde não se tem concursos a tempos, escrivães com setecentos, oitocentos inquéritos em cartório, me parece falácia.
    Acredito que o Delegado Geral deveria primeiramente, arrumar a casa, fazer a policia ser realmente Policia, cobrar os deputados, o secretario, o governador, aí sim eu começaria a acreditar em mudanças, mas como todos nós já sabemos é retórica, jogo de cena.
    Vinte e cinco anos atrás, quando comecei, já se falava em unificação, grandes mudanças e um tira antigão as portas da aposentadoria me falou, ouço essas historias a trinta anos e não vi mudança alguma acontecer, vai aí o recado.

  99. SÓ NO RIO ??? disse:
    10/10/2015 ÀS 6:36
    .
    A corrupção acontece em todo o Brasil, do uiapoque ao chuí, mas isso não é desculpa para achar que os erros (de brasilia) se justificam pelos erros (dos demais locais do Brasil).

  100. SR. TIRA VÉIO, ME DESCULPE PELA PERGUNTA !, MAIS EXISTE DELEGADO GERAL ?. MEU AMIGO NA ÚLTIMA QUINTA FEIRA QUANDO DA REUNIÃO DA CÚPULA DAS POLÍCIAS, ESSE CIDADÃO PERMANECEU O TEMPO TODO AO LADO DO “KOJAK” , mudinho, mudinho,,,mudinho. QUANDO DA ENTREVISTA FALARAM ATÉ AS MOSCAS, ENQUANTO QUE O HOMEM PERMANECEU INERTE E mudinho…mudinho…mudinho. AGORA PERGUNTO MAIS UMA VEZ ! DIANTE DE UMA SITUAÇÃO DESSA O QUE ESSE D.G. IRÁ REIVINDICAR ?. ANTES DE SUA RESPOSTA, RESPONDO EU, nadinha…nadinha…nadinha. E, ME AJUDEM AÍ Ó !….

  101. ROGÉRIO PAGNAN
    DE SÃO PAULO
    10/10/2015 02h00

    Os ânimos estavam exaltados. Os dois lados não economizavam caras feias, vaias e insultos. Apenas uma faixa vermelha os separava.

    A dúvida era quem deveria ser chamado caso decidissem partir para a briga, já que a corda instalada no plenário Franco Montoro, na Assembleia Legislativa paulista, separava de um lado os policiais civis e, do outro, os militares. Todos armados.

    O motivo da animosidade atende pelo nome de PEC 431, uma proposta de emenda constitucional que tramita no Congresso e que pretende dar à PM poderes semelhantes aos das polícias Civil e Federal, como investigar e levar casos diretamente à Justiça.

    Embora seja assunto de competência federal, esse tema está sendo levado por uma comissão da Câmara aos Estados como forma de promover ampla discussão nacional.
    São Paulo é a sexta unidade da Federação a receber tal debate e, também, onde está instalada a maior associação de delegados de Polícia Civil do país –que tem pesadelos só em pensar em ceder espaço aos oficiais da PM.

    Uma clara demonstração disso estava estacionada do lado de fora da Assembleia pouco depois das 5h desta sexta-feira (9). Um ônibus com mais de 30 delegados da região de Marília (a 435 km de SP) trazia os primeiros participantes civis do evento previsto para começar às 9h.

    Queriam os melhores lugares e não tolerariam que a PM tomasse todos os espaços. Não sabiam que a fita seria colocada para que cada grupo tivesse 120 vagas no plenário.

    Polícia X Polícia
    CHACINA

    Por volta das 6h30, já eram cerca de cem homens e mulheres de terno –que foram para lá em sete ônibus, quatro microônibus e três vans, além de carros particulares.

    Os PMs não demoraram a chegar, alguns com carro oficial e motorista particular.

    Policiais militares e civis se trombavam na entrada como se não existissem uns para os outros –não trocavam nem olhares entre si, embora muitos sejam obrigados a trabalhar juntos diariamente.

    Às 9h, havia tantos policiais (cerca de mil) que a segurança da Assembleia abriu outros três auditórios com transmissão simultânea para abrigá-los –sempre separando delegados de PMs.

    No plenário, o delegado Antonio Assunção de Olim, deputado estadual pelo PP, expôs a posição dos colegas, contrários à ampliação do poder da Polícia Militar.

    “As delegacias estão muito cheias porque, às vezes, a PM também não faz o seu trabalho de evitar os roubos que acontecem em São Paulo. Se todos fizerem a sua parte, não teria essa fila”, afirmou.

    Foi aplaudido efusivamente pelos de terno, que levaram para seu lado da plateia movimentos sociais com faixas críticas à maior chacina do ano na Grande SP, com ataques que deixaram 19 mortos em Osasco e Barueri –segundo a investigação, realizados por PMs em vingança à morte de um colega.

    “Quem matou os 19 de Osasco?” e “Muito sangue inocente escondido por entre as fardas” eram alguns dos cartazes levados à disputa.

    DITADURA

    O delegado Olim recebeu resposta imediata do deputado federal Capitão Augusto (PR-SP), que se disse aberto ao diálogo, mas “não da forma como está sendo feito” “presenciando essas faixas aí” –que também vinculavam a PM à ditadura militar.

    “Se quiser, nós podemos entrar nesse campo também e falar do DOI-Codi”, atacou ele, aplaudido pelo lado da plateia de farda por fazer referência ao grupo da Polícia Civil associado a ações violentas no regime militar.

    Comemorações de um lado, vaias do outro, e a troca de “gentilezas” entre as partes se estendeu pelo encontro até o fim da tarde.

    Um dos momentos mais tensos foi quando o mesmo deputado Capitão Augusto ameaçou retirar os representantes da sociedade civil que vaiavam os militares.

    Os delegados reagiram dizendo que não permitiriam a expulsão de seus convidados. “Aqui não é quartel, não. Aqui não é soldado, não”, gritaram.

    Entre as provocações, PMs riram de um erro de português de um delegado. Do outro, os civis tiraram sarro da apresentação de um coronel.

    “Há uma faixa que, infelizmente, nos separa. Eu tenho certeza que, se fossemos pessoas realmente sérias naquilo que amamos, na defesa da sociedade, as faixas não seriam um impeditivo, uma barreira para que a gente se unisse num debate sério”, disse o coronel Azor L. da Silva Junior.

    O deputado federal major Olímpio Gomes (PDT) resumiu, ao seu ver, a briga que presenciava na Assembleia Legislativa.

    “Não adianta ficarmos nos digladiando enquanto 58 mil pessoas morrem por ano no país. Quando as polícias brigam, são dois carecas brigando por um pente. Não leva a nada”, afirmou.

  102. Está rolando no YouTube o vídeo do presidente do TJ SP, Dr. Nalini, “fechando” com a PM no ciclo completo de polícia, dizendo ainda que todo o TJ está simpático com a causa. É o fim da carreira dos delegados de polícia ou até mesmo gloriosa polícia civil. Também, esperar o que de uma instituição que o cara, sem vocação nenhuma, presta um concurso público e, da noite para o dia, se torna chefe de policiais experientes, com anos e anos nas costas. Kkkkkk só neste Brasil mesmo.

  103. (((((FNM – fudido na merda disse:
    10/10/2015 ÀS 12:27
    Está rolando no YouTube o vídeo do presidente do TJ SP, Dr. Nalini, “fechando” com a PM no ciclo completo de polícia, dizendo ainda que todo o TJ está simpático com a causa. É o fim da carreira dos delegados de polícia ou até mesmo gloriosa polícia civil. Também, esperar o que de uma instituição que o cara, sem vocação nenhuma, presta um concurso público e, da noite para o dia, se torna chefe de policiais experientes, com anos e anos nas costas. Kkkkkk só neste Brasil mesmo.)))))

    Concordo com o “fudido na merda”
    A Polícia Civil está na merda única e exclusivamente por culpa dos Deltas.
    Talvez para os calças brancas eu tivesse que explicar, mas os mais antigos sabem do que estou falando.

  104. EM MINHA OPINIÃO O CICLO COMPLETO SERÁ BENÉFICO PARA AS DUAS CORPORAÇÕES E PARA O CIDADÃO, HAJA VISTA QUE O POLICIAL MILITAR AO DEPARAR COM UMA OCORRÊNCIA DE FLAGRANTE, POR EXEMPLO DARIA SEQUENCIA A OCORRÊNCIA, SEM NECESSIDADE DE PASSAR PELO DISTRITO POLICIAL, AGILIZANDO, PORTANTO O ATENDIMENTO. POR EXEMPLO UMA OCORRÊNCIA QUE DEMANDE INVESTIGAÇÃO CONTINUARIA A CARGO DA POLICIA CIVIL, A CONSEQUÊNCIA É QUE NÃO SOBRECARREGARIA NENHUMA DAS PARTES. ACUMULO DE OCORRÊNCIA EM DP É SINÔNIMO DE CANSEIRA PRA TODO MUNDO (EXPERIENCIA PRÓPRIA). REFLITAM DE FORMA RACIONAL SEM RIXAS SENTIMENTAIS E VERÃO QUE É O MELHOR CAMINHO.

  105. EM MINHA OPINIÃO O CICLO COMPLETO SERÁ BENÉFICO PARA AS DUAS CORPORAÇÕES E PARA O CIDADÃO, HAJA VISTA QUE O POLICIAL MILITAR AO DEPARAR COM UMA OCORRÊNCIA DE FLAGRANTE, POR EXEMPLO DARIA SEQUENCIA A OCORRÊNCIA, SEM NECESSIDADE DE PASSAR PELO DISTRITO POLICIAL, AGILIZANDO, PORTANTO O ATENDIMENTO. POR EXEMPLO UMA OCORRÊNCIA QUE DEMANDE INVESTIGAÇÃO CONTINUARIA A CARGO DA POLICIA CIVIL, A CONSEQUÊNCIA É QUE NÃO SOBRECARREGARIA NENHUMA DAS PARTES. ACUMULO DE OCORRÊNCIA EM DP É SINÔNIMO DE CANSEIRA PRA TODO MUNDO (EXPERIENCIA PRÓPRIA). REFLITAM DE FORMA RACIONAL SEM RIXAS SENTIMENTAIS E VERÃO QUE É O MELHOR CAMINHO. ABS ATODOS

  106. eu resolvo o problema passo todo o policiamento para as guardas, a pm para o exercito e mando todos os oficiais para a amazonia e os da policia civil para outros orgãos de estado e fica tudo resolvido.

  107. Optel doente mental disse:
    10/10/2015 ÀS 1:14
    CADA POLICIAL DA DELEGACIA ELETRÔNICA FAZ 150 B.O POR DIA.

    VAMOS FAZER ASSIM

    NÓS DA D.E SEREMOS UMA POLICIA E VOCÊS TODOS O RESTO JUNTO COM OS MIKE SERÃO OUTRA.

    QUE TAL?

    “EU TRABALHO MUITO, NÃO TENHO DEJET NEM BÔNUS, SÓ FAÇO BICO PARA PODER GASTAR”

    /////////////////////

    DELEGACIA ELETRONICA !! É POLICIA ? USAM ARMAS ??? SE USAM , PRA QUE SERVE ???? KIKIKIKIKI..
    ??? KIKIKI …. QUALQUER OF. ADMINISTRATIVO SABE DIGITAR , E SEM ARMAS NA CINTURA.

  108. fala sério meu :

    estamos em um pais que os políticos dizem que vivemos uma DEMOCRACIA …..

    então como é que pode um POLÍTICO de um partido COMUNISTA ser o novo MINISTRO DA DEFESA ?

    —- será que os Estados Unidos não estão acompanhando esta aberração ??
    —- isto é impossível.
    —- será que estão substimando o grande líder dos vermelhos ? ( o sapo barbudo ).

  109. ALGUEM TEM QUE CHAMAR O SAPÃO BARBUDÃO la na sala secreta… , e em uma reunião fechada , dar uma dura neste irresponsável comunista…..tem PMDBistas aos montes pra se escolher… até o MALUF eu aceito…

    mas por um comunistas pra cuidar da segurança DO MEU PAIS, EU NUNCA IREI ACEITAR…

    não queremos ser comparados a cuba, bolivia e muito menos a uma venezuela….

  110. No vídeo acima
    DG fala
    5:49 Investigador – investigar
    5:50 Escrivão – Secretariar o Delegado
    5:57 Agente Policiais enfim ???????????????????????

  111. BEM QUE O AÉCIO NEVES , OU O ALCKIMIM QUE SÃO AUTOCANDIDATOS A UMA FUTURA ELEIÇÃO,AO PLANALTO PODE IR AO CONGRESSO E RECLAMAR ESTA ABERRAÇÃO QUE O SAPÃO BARBUDO ESTA IMPONDO AO NOSSO BRASIL….

    PRA SER UM MINISTRO DA DEFESA , O CARA TEM QUE SER UM DEFENSOR DA DEMOCRACIA.

    E PONTO FINAL.. ISSO É UM ATO DIGNO PRA DERRUBAR ESTA PRESIDENTE ATUAL….

  112. Será que é vantajoso para os PMs , se transformarem em policiais civis ?

    1- hoje eles se aposentam com 30 anos de contribuição com paridade e integralidade.
    2- se aposentam ganhando uma promoção automática.

    RESULTADOS :::.

    1- se eles virarem civis , essa vantagem sairá instantaneamente.

  113. REFLITAM
    – BRIGARAM PENSANDO SÓ EM VOCÊS.

    Estratégia de guerra “Sun Tzu”.

    4. Apenas gostar ou usar muito de palavras não basta, é preciso saber transformá-las em Atos e Ação.

    Alguns vendedores ainda insistem que o ato de falar é melhor do que ouvir. Negociadores e líderes que têm discursos excepcionais, mas não conseguem entregar o que está no discurso perdem credibilidade com muita rapidez. A melhor maneira de ganhar credibilidade como negociador ou como líder é cumprir com aquilo que se promete.

    6. Quando os emissários do inimigo são lisonjeiros, desejam uma trégua; quando, sem prévio acordo, pedem trégua, estão arquitetando alguma coisa. Quando o inimigo vê vantagens e não avança, está cansado. Quando há desordem nas tropas, o general perdeu prestígio. Quando, em pequenos grupos, os combatentes cochicham, o general não merece mais confiança.
    Outra forma de estratégia para evitar o confronto em áreas de desvantagem é gerar desordem e conflitos internos no adversário. Se a companhia tem produtos comoditizados, sua força está no capital humano e não mais no produto.
    Então, um processo de atração de talentos, como boa política de remuneração, desenvolvimento da carreira e benefícios oferecidos, pode fazer com que haja uma evasão de recursos humanos alheios para sua companhia, enfraquecendo, assim, a maior força do adversário.

  114. Assistam o que o Senhor Marco Ferreira da APPMARESP estava pronto a dizer porém os representantes da mesa não autorizaram….

  115. todos discutindo entretanto combinaram com o poder judiciario que vai aumentar o servico deles? porque estao discutindo a eficiencia, de como vao atualizar o controle remoto de suas salas com ar condicionado. alguem acredita que capitao vai atender de madruga, fins de semana, feriados ou seja vai ser o sargetao em 600 municipios que vai fazer tudo, o xerifao destes municipios vai decifir o destino do povo civil

  116. Quem quer ciclo completo são escrivães e oficias da PM, ora ambos nem polícia são, vcs escrivães arrombados, prestaram concurso pra isso parem de chorar, cumpra a porra do seu trampo ou prestem outro concurso e saia fora. Deviam acabar com essa carreira de escrivão de polícia e agetel e colocar oficiais administrativos que sairia mais barato, não precisam de armas nem de porra nenhuma que um policia de verdade precisa. Sabemos que a PC está super carregada, cheia de velhos inúteis, velhas incompetentes e muito papel mentiroso mas remar contra a maré tem dó…
    Nenhum sargento vai querer fazer o trampo de vcs acordem, mas é bom que está acontecendo toda essa movimentação (mesmo que não vai virar nada) pra acordar os delegas.
    O máximo que vai acontecer é a unificação, porque os políticos assim querem e já não é de hoje, segurança pública pra eles é um balde furado, imagina 2.

  117. Sou a favor do ciclo completo, pois tem muitas cidades pelo interior que nem delegado tem. Se anotem é porque não faz falta, ouverture errado?

  118. É tem mais, com essa história de GAT, tem um monte, mas um monte mesmo de delegados sendo lotados em Seccionais e respondendo por outras cidades só pra acrescentar 3000 ou 6000 ao salário todos os meses. Isso com anuência de Seccionais e Diretores, numa clara situação de improbidade administrativa. Enquanto isso, com o salário deles estando bom, os operacionais ficam sem aumento. Alguém precisa levar isso ao MP com urgência!

  119. Ciclomotor:
    .
    Você é o que? tira?…
    .
    Prá você polícia é só aquele que porta e usa arma animal?
    .
    Para um vagabundo como deve ser você o ótimo é que continue como está, os outros trabalham e você olha né?
    .
    Que venha a unificação mesmo e escrotos como você tenham que começar a trabalhar.
    .
    E.t.: quando algo está errado prá você tem que prestar outro concurso e a atual carreira não vai mudar nunca e assim dane-se quem vier atrás e entrar na referida carreira?.
    .
    OGRO-BURROPOL.

  120. Já passou da hora de desmilitarizar a PM, uma não presta e a outra não vale nada, essa é a verdade ! Necessário é uma reestruturação geral; Polícia única, dividida por departamentos, onde a Polícia uniformizada faça o policiamento preventivo e demais que for necessário e, a não uniformizada faça os trabalhos investigativos e judiciários como a lei necessita para que seja bom para a sociedade. Essa briguinha entre PM e Civil só interessa para os Delegados e Oficiais que querem manter os status e mais nada, não tem nada de bom para o cidadão. Porque não copiarmos o modelo de polícia dos EUA ?

  121. Os Delegados estão felizes do jeito que ai está, ganham quase dois salários com os acúmulos de titularidades, basta olhar o diário oficial que lá está as páginas noticiando a infinidade de doutores(as) quem cobre quem em férias ou licença prêmio, é uma verdadeira festança bem distribuída para não haver brigas entre eles(as), já os demais policiais civis que se explodam e ficam peregrinando para achar a digna autoridade para assinar o expediente ! Esta ótimo para os Delegados, eles não querem nem melzinho na chupeta desse jeito, querem é mais e mais $$$$ no fim do mês !

    Aqui no interior é praxe a presença de servidores das prefeituras fazendo os trabalhos de Polícia Civil, mas agora ficou mais requintado com a presença de grandes quantidades de universitários que são contratados na condição de estagiários e eles fazem de tudo nas delegacias dando a falsa impressão de que o quadro de servidores estadual é ótimo, mas é só enganação e os delegados apoiam integralmente essa degradação na instituição. O ciclo completo da PM é uma das respostas aos desleixos que á anos se perpetua na Polícia Civil, agora a água vai bater na bundha !

  122. Bom dia!

    Senhoras e Senhores.

    Há muito venho falando sobre determinados fatos e feitos. Mas como sempre certos iluminados nunca enxergam um palmo diante de seus narizes, temo que a vaca possa se atolar nesta empreitada.

    Certos homens têm sede de poder. Mas como sempre digo, o poder não é e tampouco poderá ser de todos.

    Se estamos ruins hoje, amanhã poderemos estar piores, por isso não se iludam com falsas promessas, principalmente daqueles que adoram se vestir de bons samaritanos.

    Caronte.

  123. nossa, com a quantidade de especialistas que temos aqui nem precisamos mais de carreira policial nenhuma. Parabéns senhores. Aposto que devem ser a nata da polícia…opa, tenho que voltar pro plantão….abraços

  124. Pra mim sociedade pouco importa quem investiga se é pc, se é pm, se é mp ou gcm, desde que investiguem e prendam, façam o.
    Pra mim esses pcs choroes sao um bando de croancas mimadas e egoistas que nao fazem seus atributos e nao querem que outros os facam.

  125. A POLÍCIA CIVIL TEM MEDO que a PM elabore o CICLO COMPLETO porque VAI ACABAR COM A CORRUPÇÃO e as negociatas dos Inquéritos policiais. ACABAR COM A CORRUPÇÃO não vai ser fácil, MAS, com certeza vai DIMINIUIR muito, e isso, vai causar prejuízo aos CORRUPTOS de ambas as corporações. A POLÍCIA CIVIL, aliás, apenas os DELEGADOS queria impedir que os PROMOTORES realizassem investigação PARA evitar que descubram e PRENDEM os corruptos da polícia civil. Quanto mais corporações INVESTIGANDO, PATRULHANDO E PRENDENDO será MELÇHOR. vai acabar com os conchavos e as negociatas, coação de testemunhas e manipulação na tomada de depoimentos. QUE SEJA TODO GRAVADO E FILMADO para EVITAR A gatunagem tanto de uma como de outra corporação, e que seja obrigatoriamente DADO oportunidade para os acusados, vitimas e partes de io DEPOIMENTO GRAVADO E FILMADO. Só assim vai DIMINUIR A CORRUPÇÃO NA POLÍCIA CIVIL, OSSO MUNDO ESTÁ PODRE, É SÓ PESQAUISAR NO GOOGLE: A corrupção impede a justiça no Brasil, e depois: Pr Dr Claudio Antonio Guerra. VOCÊS VÃO DESCOBRIR PORQUE existe tanta corrupção e total impunidade.
    aLÉM É claro DE QUE aqueles MEDROSOS e COVARDES que ficam atrás das ,esas IRÃO ter que tirar a BUNDA da cadeira e sair do ar5 condicionado Npara correr atrás de bandido, e já estão cagando nas calças.

O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do comentarista que venha a ofender, perturbar a tranquilidade alheia, perseguir, ameaçar ou, de qualquer outra forma, violar direitos de terceiros.O autor do comentário deve ter um comentário aprovado anteriormente. Em caso de abuso o IP do comentarista poderá ser fornecido ao ofendido!...Comentários impertinentes ou FORA DO CONTEXTO SERÃO EXCLUÍDOS. Contato: dipolflitparalisante@gmail.com

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s