São Vicente – Prefeitura corrupta não paga aluguel do 3º DP 6

Prefeitura dá calote e policiais podem ser ‘despejados’ de DP no litoral de SP

Segundo ele, administração pública não paga o aluguel há dez meses.
Prefeitura diz que não foi notificada e não falou sobre a falta de pagamento.

Mariane RossiDo G1 Santos

3º Distrito Policial de São Vicente, no Jardim Rio Branco (Foto: Claudinei Caldas/Arquivo Pessoal)3º Distrito Policial de São Vicente, no Jardim Rio Branco (Foto: Claudinei Caldas/Arquivo Pessoal)

O proprietário do imóvel que abriga o 3º Distrito Policial de São Vicente, no litoral de São Paulo, entrou com uma ação de despejo contra a Prefeitura. Segundo o dono da casa, a administração pública não paga o aluguel do local há quase um ano.

O operador portuário Claudinei Siqueira Caldas conta que o imóvel, que fica na Av. Ulisses Guimarães, no Jardim Rio Branco, é da família dele há mais de 20 anos. A Prefeitura de São Vicente paga R$ 4.200 de aluguel por mês para que o 3º DP fique instalado no local. Mas, há 10 meses, o proprietário não recebe o dinheiro.

“Sempre tive problema. Às vezes atrasava dois ou três meses, mas nunca foi tanto tempo. Mas, agora, na gestão do prefeito atual, está pior. Estou sem receber há quase um ano. Já liguei várias vezes lá, eles falam que vão pagar, mas não pagam. São Vicente está um caos. Entrei com uma ordem de despejo para que eles saíam do imóvel”, falou.

Protocolo do processo de despejo por falta de pagamento (Foto: Richardson de Souza/Arquivo Pessoal)Protocolo do processo de despejo
(Foto: Richardson de Souza/Arquivo Pessoal)

Além disso, ele diz que não autorizou que parte do imóvel fosse utilizado por uma agência bancária. Atualmente, o banco também está operando e obtendo lucro no local sem nenhum pagamento pelo uso.

Richardson de Souza, advogado de Caldas, diz que o proprietário notificou extrajudicialmente a prefeitura em 22 de abril deste ano, informando que não desejavam mais dar prosseguimento à locação. Depois, tentou diversos acordos, mas nada deu certo.

“Eles estão atrasados desde janeiro desse ano. Dei entrada com uma ação de despejo contra a Prefeitura no Fórum, no dia 20 de setembro. O juiz despachou em 24 de setembro. Está para sair o mandado de citação, que é uma espécie de intimação”, falou.

Segundo o advogado, a Prefeitura de São Vicente tem 15 dias para pagar tudo o que deve para o dono do imóvel. Se isso não acontecer, o caso será julgado e a administração pública pode apresentar uma defesa. Se o juiz não aceitar os argumentos da prefeitura, será decretada a desocupação do imóvel e o distrito policial terá que sair do local.  “Imagina o 3º DP sair do Rio Branco. Vai causar um transtorno para a população”, disse o advogado.

O G1 entrou em contato com a Prefeitura de São Vicente que, por meio da Secretaria de Assuntos Jurídicos, informou que até o momento não foi notificada. Em relação a falta de pagamento do aluguel e ao possível fechamento do 3º DP, o G1 aguardou uma resposta durante dois dias e, até a publicação desta reportagem, a Prefeitura de São Vicente não se posicionou sobre o assunto.

  1. Vejamos a lógica: você paga aluguel pra outra pessoa usufruir de imóvel e em caso de calote você é o vilão. Se a polícia quer imóvel, ela que alugue ou compre. R$ 4.200,00 por mês? Como sempre a polícia vive pedindo esmola, isto é Brasil.

  2. Saiu de São Paulo é tudo estranho. Prefeitura larga aluguel de imóvel pra servir de delegacia, funcionários municipais integrantes de equipes de policia. Está tudo errado. E se surgir um crime cometido por pessoas ligadas ao poder municipal? Onde está a independência ?

  3. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    é a mesma PULIÇA….

    Falida e Combalida…..

    Morta e Moribunda……

    AGORA – SEM TETO………

    DESPEJO POR FALTA DE PAGAMENTO DE ALUGUEL………

    É só jogar a última pá de cal…….

  4. é a nossa PULIÇA

    totalmente FALIDA e COMBALIDA……

    MORTA e MORIBUNDA……..

    Agora SEM TETO………

    DESPEJO POR FALTA DE PAGAMENTO DE ALUGUEL…….

    – vai bater BO na rua……..

    É só jogar a última pá de cal……..

Os comentários estão desativados.