60% dos paulistanos têm medo da PM, aponta Datafolha 133

LUCAS FERRAZ
ROGÉRIO PAGNAN
DE SÃO PAULO

06/11/2015 02h00

As polícias Civil e Militar despertam mais medo do que confiança na maioria dos paulistanos, segundo pesquisa Datafolha.

A desconfiança com os policiais, registrada em levantamento da semana passada na capital, representa uma piora em relação à pesquisa anterior, de junho de 2013.

Os números do Datafolha evidenciam o atual momento de desgaste na imagem das polícias, sobretudo a PM, que tem alguns de seus integrantes sob suspeita de participação em crimes como a chacina que, em agosto, deixou pelo menos 23 mortos em cidades da Grande São Paulo.

Atualmente, 60% dos paulistanos têm mais medo do que confiança na PM –eram 50% na pesquisa anterior, há dois anos, em meio às manifestações que tomaram as ruas de São Paulo pela redução da tarifa do transporte público e acabaram em confronto com policiais militares.

Infográfico: Medo x confiança na PMhttp://arte.folha.uol.com.br/graficos/P5Udt/?

Além das chacinas, crimes como o assassinato à queima roupa por PMs de dois jovens que já estavam rendidos na zona oeste da capital, em setembro, podem ter contribuído na piora da avaliação.

O atual índice, contudo, é menor do que a desaprovação histórica (74%) verificada pelo Datafolha no primeiro semestre de 1997, quando o caso da Favela Naval, em Diadema (SP), ganhou repercussão nacional com imagens de policiais militares espancando, extorquindo e assassinando moradores do local.

Em relação à Polícia Civil, a imagem não é muito melhor: 55% dos entrevistados disseram temer os integrantes da corporação, o pior índice em 20 anos.

Infográfico: Medo x confiança na Polícia Civilhttp://arte.folha.uol.com.br/graficos/7qrry/?

O temor às polícias Civil e Militar é generalizado entre os paulistanos, não importando a região da cidade onde eles vivem, o sexo e a faixa de renda. O quadro de desconfiança se mantém entre os mais escolarizados.

Quanto mais velho o entrevistado é, contudo, maior a confiança nos policiais.

Para quase um terço dos paulistanos, o medo provocado pelos policiais é igual ao dos bandidos. Entre os entrevistados, 49% disseram temer mais os bandidos, enquanto 21% responderam sentir mais medo dos policiais. Esse índice tem se mostrado estável desde o final da década de 1990.

Infográfico: Medo da polícia x dos bandidoshttp://arte.folha.uol.com.br/graficos/2h3Q8/?

Para especialistas, levará tempo para que a população mude sua percepção em relação às polícias. O principal caminho, dizem, é investir na formação de quadros mais qualificados nas corporações.

Segundo o sociólogo Álvaro Gullo, da USP (Universidade de São Paulo), a má imagem das polícias vem desde o final dos anos 1980, após a redemocratização do país.

“O problema básico é que falta treinamento adequado e preparação psicológica. A Polícia Militar é vista como violenta, a Polícia Civil, como corrupta”, disse.

O deputado Delegado Olim (PP), presidente da comissão de Segurança da Assembleia Legislativa de São Paulo, diz que, como delegado há 23 anos, vê com tristeza os números sobre desconfiança e medo da população.

Para ele, esse quadro só poderia ser revertido com muito trabalho.

“Mas está difícil isso, porque até as polícias estão brigando. Como vão mostrar um belo trabalho se as duas estão se matando?, indaga.

O deputado se refere a uma proposta em discussão na Câmara dos Deputados que pretende dar à PM a atribuição de investigar crimes, hoje exclusividade das polícias civis e federal. Os delegados são contrários a essa mudança.

  1. Já dizia Maquiavel, melhor ser temido que amado

    No mais, pega esses que dizem ter mais medo da polícia que do bandido e puxa a capivara pra ver, será que o problema é a polícia ou a sociedade? Se a sociedade não fosse formada em grande parte por vagabundos, bandidos e lixos metidos a bandidos, isso seria preocupante, agora, como isso aqui não é uma Inglaterra, e nosso povo infelizmente é o que é, esse dado é animador, não preocupante

  2. Na Delegacia onde trabalho não tem déficit de funcionários, graças ao nosso Delpol. Legal mesmo porque temos vários funcionários novinhos e novinhas, são universitários fazendo estágios, eles fazem os trabalhos como ninguém . Temos funcionários da Prefeitura também, verdadeiros servidores vocacionados como policiais. Esse é o retrato de nossa delegacia aqui numa bela cidade do interior de são paulo, somos poucos e velhos policiais de carreira, mas aqui a peteca ainda não caiu, pelo menos aos olhos da sociedade. Quer dizer, tudo esta maquiado com o novo modelo itinerante, é assim que nosso governador gosta, assim ele não precisa abrir novos concursos e assim vai enterrando a Polícia Civil do Estado de São Paulo. Parabéns senhores Delegados, os senhores são os responsáveis pelo fim da gloriosa de outrora . Parabéns a Polícia Militar pelo ciclo completo, vocês sim souberam valorizar a corporação centenária !

  3. Putz.
    Maquiavel disse “melhor ser temido, a odiado”. Mas se um dia a polícia for amada, admirada, será muita mais fácil trabalhar e como consequências, conseguir conquistas, desde condições de trabalho até salariais.
    Mas antes será preciso vencer o ego das polícias e trabalhar em conjunto além de conquistar a população mais humilde, essa é a que dá o bônus político.
    Os ricos e outros órgãos só querem ter a polícia a sua disposição, no fundo, desprezam e nos enxergam, como subclasse, tanto profissional quanto social.

  4. País tem 2,6 milhões de usuários de crack e cocaína ...ENTÃO ????? ...DROGADO gosta de POLÍCIA ???? disse:

    País tem 2,6 milhões de usuários de crack e cocaína

    VAI DESCONTANDO DESSA PORCENTAGEM AEEE kkk

    Metade deles é dependente e substância inalada é a principal forma de consumo, segundo estudo do Inpad

    “Não há no mundo país que venda cocaína de forma tão barata. Em média, o preço da venda aqui é U$ 2 nos Estados Unidos custa 10 vezes mais”, completa o psiquiatra Ronaldo Laranjeira, também autor do estudo da Unifesp e que investiga o padrão de uso de drogas em todas as nações, sendo consultor de muitas delas.

    “Além disso, os governos não fizeram a lição de casa nos últimos anos. Não há um combate efetivo do tráfico drogas e, ao mesmo tempo, não foi ampliada a rede de prevenção dos novos usuários e nem o aumento da oferta de tratamento para os já dependentes.”

    Primeiro do mundo

    Marcelo Ribeiro, um dos primeiros pesquisadores de álcool e drogas do País a estudar o comportamento de usuários de crack, avalia que o potencial de consumidores destas drogas existentes no Brasil fez com que, nas últimas duas décadas, o país mudasse de papel na rota dos tráficos de drogas.

    “Por ser muito populoso, o Brasil deixou de ser só local de passagem das drogas para virar destino final de consumo.”

    Pelos dados da Unifesp, 2% da população brasileira usaram cocaína ou crack no último ano. Apesar de proporcionalmente parecer pouco, em números absolutos é muita coisa, diz a especialista em álcool e drogas, Ilana Pinsky.

    “Isso sem contar que quando o assunto é sensível, como o caso da dependência química, as pessoas tendem a não ser totalmente verdadeiras nas respostas. Com quase toda certeza, a população usuária de drogas é maior do que a identificada na pesquisa”, avalia Ilana.

    Mesmo que subestimada, os 2,6 milhões de brasileiros que se declaram, sendo 1 milhão deles consumidor de crack, já somam 20% do total de consumidores mundiais de cocaína, segundo dados da Organização Mundial de Saúde (OMS) utilizados pela Unifesp. “Em números absolutos, nos mostram os dados da OMS, o Brasil é o segundo mercado de cocaína do mundo, atrás apenas dos Estados Unidos, e provavelmente o primeiro do mundo de crack, já que os outros países não separam a forma de consumo, aspirada ou fumada”, ressaltou a psicóloga Clarice Madruga.

    Mais letal

    Apesar da cocaína em forma de pó ser a mais prevalente entre os dependentes, os especialistas ressaltam que quando consumido na versão crack os efeitos são mais rápidos na degradação do cérebro.

    Veja os efeitos do crack no corpo

    “O crack está mais associado à mortalidade e ao envolvimento com a criminalidade”, afirma Laranjeira. “O uso da cocaína é mais escondido, embaixo do pano, mas nos números mostram que eles são muito altos e prevalentes. Na Europa toda há um declínio da utilização. No Brasil, percorremos caminho inverso”, lamenta.

  5. E qual é o percentual de Policiais que confiam nesses paulistanos.

  6. O Brasil é o maior consumidor de cocaína no mundo. O número de encarcerados bate recorde a cada ano. Só o número de mulheres presas cresceu quase 600% nos últimos anos. Os índices criminais (roubo/ furto) em SP estão nas alturas. Esses dados, em qualquer País sério, por si só destruiriam a carreira de qualquer governador. Então 60% dos entrevistados ter medo da PM é pouco, o DATAFOLHA e esses jornalistas deveriam aumentar esses seus números. Era só continuar a pesquisa nas bocas de fumo, pois segundo o próprio DATAFOLHA quando o entrevistado é uma pessoa mais madura a coisa se inverte. DATAFOLHA abra os olhos nóia não lê jornal.

  7. quem tem medo da policia, é bandido, ou fez conduta criminosa e ainda não foi descoberto.
    o povão quer o que cinquienta por cento é bandido ou possui antecedentes criminais .
    ora a pesquisa deveria ser se a policia confia na população Brasileira, se apolicia confia nos politicos brasileiros se é confiavel e sema policia tm medo da politica de segurança publica imposta a esta por politicos tecnocratas isso sim veras o resultado assustador

  8. Só uma pergunta: de onde o sociólogo tirou o dado de que a PC é tida como corrupta e a PM violenta? De fato o cara é desinformado, pois a meganha é mais do que corrupta, mas tem bom bom marketing e tenta a qualquer custo transmitir a idéia de que é composta de santos..

  9. E quem não teme sujeitos totalmente despreparados, que andam armados 24hrs por dia.

  10. a pergunta deveria ter sido feito, embora separando o ( joio do trigo) aí deveria perguntar a estes pilantras, os que entrevistaram e aos entrevistados, que tenha vergonha na cara, quando precisar de auxílio policial, que chame os comunistas de plantão, ou ainda os protetores dos direitos dos desumanos.. veja as reportagens diária, quem atende todos ocorrência, de assalto, de sequestro de incêndios e tantas outras de gravidade, ass. Pedro Baiano,

  11. Bom dia!

    Senhoras e Senhores.

    Estatísticas mostram de tudo:

    Deficiência nas administrações públicas e uma roubalheira desenfreada aos cofres públicos; falta de respeito com o patrimônio público; com o trabalhador; com o idoso; com o aposentado; e, o pior de todos, falta de patriotismo.

    Estamos vivenciando falta de tino com tudo e mais, falsa esperança à todos.

    Surrupiam tudo e todos em nome da bestial ambição humana. Ambição destes insólitos e incapazes de produzir bons frutos. Destes oriundos de terras indesejáveis e inférteis.

    Destes que se julgam os maiorais.

    Maiorais em sacanagens e desatinos.

    Maiorais em desarranjos generalizados.

    Verdadeiros leviatãs fugitivos do limbo, acobertados por este insano meio de comunicação que se vende por bem menos que vale.

    E o povo como sempre vitimas destes improdutivos e infrutíferos que sugam tudo e que não querem caminhar com as próprias pernas.

    A massa sendo levada ao caos enquanto os “massas” sendo conduzidos aos pedestais.

    É pura sandice! É o fim!

    Caronte.

  12. Aqui o sistema é bruto…

    Após troca de tiros, 3 criminosos morreram. Dois criminosos foram baleados e socorridos em estado grave ao PS de Itupeva. João Luiz Albino, 49 anos, morador do Parque das Hortênsias, foi atingido por um tiro de fuzil e também morreu. Um policial foi ferido com um estilhaço de projétil no joelho. O helicóptero Águia da Polícia foi alvejado por tiros de fuzis M4 e M16.

    Em plena luz do dia, a agência da Caixa Econômica Federal de Itupeva foi alvo de bandidos na manhã desta sexta-feira, dia 6 de novembro. Fortemente armados com pistolas, fuzis e outras armas longas, cerca de 12 elementos invadiram a agência e fizeram várias pessoas reféns. Uma ‘parede humana’ foi feita com os clientes da agência enquanto o bando instalava explosivos no cofre central da agência. Com a explosão do artefato, a agência ficou destruída.

    A Polícia Militar e Guarda Municipal foram acionadas e chegaram a cruzar com os criminosos. Centenas de tiros foram disparados pelos criminosos. No momento, muitas pessoas estavam na região Central de Itupeva. Além da troca de tiros, houve corre-corre e perseguição pela cidade. Aterrorizados, os comerciantes da região Central baixaram as portas e se esconderam no interior dos estabelecimentos. Segundo informações, o carro forte havia acabado de abastecer os caixas quando a agência foi invadida.

    Na hora da fuga (segundo informações com os malotes dos caixas) três vítimas foram usadas como escudo, sendo uma colocada sob o capô e outras duas no porta-malas de um Ônix, de cor branca. Um I30 e outros veículos não identificados também foram usados na ação criminosa. Entre as vítimas feitas como refém estava um segurança da agência, que com armas apontadas na cabeça foi levado e abandonado no caminho. Um taxi foi atingido por tiros.

    Um micro ônibus da empresa Rápido Luxo Campinas, que passava pelo local com destino a Cabreúva, foi abordado e parado pelos criminosos. Segundo E. I., um dos passageiros, os criminosos entraram no coletivo armados com fuzis M4 e pediram a chaves do veículo. O ônibus foi abandonado no local com objetivo de obstruir a via.

    O antigo Paço Municipal, o Centro de Especialidades da Mulher e outros prédios públicos e comerciais foram atingidos por inúmeros tiros, disparados pela quadrilha. Pelo que foi apurado, os criminosos fugiram atirando a esmo, em qualquer alvo que surgia pela frente.

    Segundo informações preliminares, policiais militares do BAEP – Batalhão de Ações Especiais de Polícia – de Campinas, chegaram a interceptar ligações dos criminosos e com várias viaturas e equipes especializadas fizeram diligências à Itupeva, tendo cruzado com a quadrilha nas proximidades da agência, quando os criminosos se preparavam para fugir. Houve intensa troca de tiros.

    Fuga e mais tiros

    Os carros seguiram em fuga pela Estrada Nilson Maron, sentido bairro da Mina até a rotatória do Parque das Hortênsias, onde encontraram com um caminhão de coleta de lixo, momento em que obrigaram o veículo a parar o caminhão atravessado na pista, no intuito de bloquear a passagem dos policiais que seguiam no encalço, porém, mantendo certa distância uma vez que eram alvos de muitos tiros de fuzil.

    Após cruzarem o Parque das Hortênsias, os criminosos pararam no bairro da Chave, sempre com muitos disparos de fuzil. O intuito era fazer novas vítimas para trocar de veículos. O Ônix e o I30 foram abandonados e os elementos fugiram em um Corolla, roubado de um motorista que passava pelo local. Em alta velocidade os ladrões fugiram pela Rodovia Akzo Nobel, de onde vinha seguindo outros bandidos que sem saber da troca dos carros acabaram disparando contra os próprios comparsas, atingindo um dos elementos do Corolla, onde permanecia o proprietário, mantido com refém.

    Ao chegarem no bairro Bom Jardim, os bandidos do Corolla seguiram pela rua de acesso ao Serra Azul quando foram surpreendidos por viaturas do Choque, do Batalhão de Campinas, e também da 2ª Cia de Jundiaí. Eles pararam o carro, tentaram fugir de marcha ré e atiraram contra os policiais que revidaram. Todos os criminosos estavam utilizando coletes a prova de bala e capuz.

    Aterrorizada, a vítima contou à reportagem do Jornal de Itupeva que se abaixou durante os tiros.

    “Foram muitos tiros. O que eu fiz foi abaixar e pedir a Deus que me protegesse. A sorte minha é que eu estava no banco de atrás, mas do lado direito da porta, onde os tiros não pegaram. A porta estava destravada e eu consegui abrir e colocar as duas mãos no chão, momento que um policial me viu e gritou para os colegas que eu era o refém”.

    Na troca de tiros, um dos criminosos morreu no local e dois ficaram gravemente feridos. O quarto integrante correu e chegou a fazer uma família refém, no bairro Bom Jardim. Ele obrigou as vítimas a entregarem o carro para a fuga, momento em que chegaram mais viaturas. Houve nova troca de tiros, sendo o elemento baleado e morto.

    Diante os tiros, o carro acabou pegando fogo. No interior do carro, os policiais localizaram um fuzil, que ficou carbonizado com o fogo. A ocorrência está sendo registrada neste momento e novas informações em breve.

    Itupevense é baleado e morto

    João Luiz Albino, 49 anos, morador do Parque das Hortênsias, foi morto com um tiro de fuzil. Informações indicam que ele foi rendido no interior da agência, quando pagaria um boleto no terminal eletrônico, e levado como refém. Ele foi encontrado às margens da Estrada da Mina, com um tiro no peito e socorrido pelo resgatista “Vermelho” até o Hospital Municipal onde chegou sem vida.

    Uma funcionária do setor de limpeza da agência foi agredida e também foi atendida no Pronto Socorro, porém, sem ferimentos graves

  13. Após troca de tiros, 3 criminosos morreram. Dois criminosos foram baleados e socorridos em estado grave ao PS de Itupeva. João Luiz Albino, 49 anos, morador do Parque das Hortênsias, foi atingido por um tiro de fuzil e também morreu. Um policial foi ferido com um estilhaço de projétil no joelho. O helicóptero Águia da Polícia foi alvejado por tiros de fuzis M4 e M16.

    Em plena luz do dia, a agência da Caixa Econômica Federal de Itupeva foi alvo de bandidos na manhã desta sexta-feira, dia 6 de novembro. Fortemente armados com pistolas, fuzis e outras armas longas, cerca de 12 elementos invadiram a agência e fizeram várias pessoas reféns. Uma ‘parede humana’ foi feita com os clientes da agência enquanto o bando instalava explosivos no cofre central da agência. Com a explosão do artefato, a agência ficou destruída.

    A Polícia Militar e Guarda Municipal foram acionadas e chegaram a cruzar com os criminosos. Centenas de tiros foram disparados pelos criminosos. No momento, muitas pessoas estavam na região Central de Itupeva. Além da troca de tiros, houve corre-corre e perseguição pela cidade. Aterrorizados, os comerciantes da região Central baixaram as portas e se esconderam no interior dos estabelecimentos. Segundo informações, o carro forte havia acabado de abastecer os caixas quando a agência foi invadida.

    Na hora da fuga (segundo informações com os malotes dos caixas) três vítimas foram usadas como escudo, sendo uma colocada sob o capô e outras duas no porta-malas de um Ônix, de cor branca. Um I30 e outros veículos não identificados também foram usados na ação criminosa. Entre as vítimas feitas como refém estava um segurança da agência, que com armas apontadas na cabeça foi levado e abandonado no caminho. Um taxi foi atingido por tiros.

    Um micro ônibus da empresa Rápido Luxo Campinas, que passava pelo local com destino a Cabreúva, foi abordado e parado pelos criminosos. Segundo E. I., um dos passageiros, os criminosos entraram no coletivo armados com fuzis M4 e pediram a chaves do veículo. O ônibus foi abandonado no local com objetivo de obstruir a via.

    O antigo Paço Municipal, o Centro de Especialidades da Mulher e outros prédios públicos e comerciais foram atingidos por inúmeros tiros, disparados pela quadrilha. Pelo que foi apurado, os criminosos fugiram atirando a esmo, em qualquer alvo que surgia pela frente.

    Segundo informações preliminares, policiais militares do BAEP – Batalhão de Ações Especiais de Polícia – de Campinas, chegaram a interceptar ligações dos criminosos e com várias viaturas e equipes especializadas fizeram diligências à Itupeva, tendo cruzado com a quadrilha nas proximidades da agência, quando os criminosos se preparavam para fugir. Houve intensa troca de tiros.

    Fuga e mais tiros

    Os carros seguiram em fuga pela Estrada Nilson Maron, sentido bairro da Mina até a rotatória do Parque das Hortênsias, onde encontraram com um caminhão de coleta de lixo, momento em que obrigaram o veículo a parar o caminhão atravessado na pista, no intuito de bloquear a passagem dos policiais que seguiam no encalço, porém, mantendo certa distância uma vez que eram alvos de muitos tiros de fuzil.

    Após cruzarem o Parque das Hortênsias, os criminosos pararam no bairro da Chave, sempre com muitos disparos de fuzil. O intuito era fazer novas vítimas para trocar de veículos. O Ônix e o I30 foram abandonados e os elementos fugiram em um Corolla, roubado de um motorista que passava pelo local. Em alta velocidade os ladrões fugiram pela Rodovia Akzo Nobel, de onde vinha seguindo outros bandidos que sem saber da troca dos carros acabaram disparando contra os próprios comparsas, atingindo um dos elementos do Corolla, onde permanecia o proprietário, mantido com refém.

    Ao chegarem no bairro Bom Jardim, os bandidos do Corolla seguiram pela rua de acesso ao Serra Azul quando foram surpreendidos por viaturas do Choque, do Batalhão de Campinas, e também da 2ª Cia de Jundiaí. Eles pararam o carro, tentaram fugir de marcha ré e atiraram contra os policiais que revidaram. Todos os criminosos estavam utilizando coletes a prova de bala e capuz.

    Aterrorizada, a vítima contou à reportagem do Jornal de Itupeva que se abaixou durante os tiros.

    “Foram muitos tiros. O que eu fiz foi abaixar e pedir a Deus que me protegesse. A sorte minha é que eu estava no banco de atrás, mas do lado direito da porta, onde os tiros não pegaram. A porta estava destravada e eu consegui abrir e colocar as duas mãos no chão, momento que um policial me viu e gritou para os colegas que eu era o refém”.

    Na troca de tiros, um dos criminosos morreu no local e dois ficaram gravemente feridos. O quarto integrante correu e chegou a fazer uma família refém, no bairro Bom Jardim. Ele obrigou as vítimas a entregarem o carro para a fuga, momento em que chegaram mais viaturas. Houve nova troca de tiros, sendo o elemento baleado e morto.

    Diante os tiros, o carro acabou pegando fogo. No interior do carro, os policiais localizaram um fuzil, que ficou carbonizado com o fogo. A ocorrência está sendo registrada neste momento e novas informações em breve.

    Itupevense é baleado e morto

    João Luiz Albino, 49 anos, morador do Parque das Hortênsias, foi morto com um tiro de fuzil. Informações indicam que ele foi rendido no interior da agência, quando pagaria um boleto no terminal eletrônico, e levado como refém. Ele foi encontrado às margens da Estrada da Mina, com um tiro no peito e socorrido pelo resgatista “Vermelho” até o Hospital Municipal onde chegou sem vida.

    Uma funcionária do setor de limpeza da agência foi agredida e também foi atendida no Pronto Socorro, porém, sem ferimentos graves

  14. Unidos(Civis e Militares) e prestando serviços de boa qualidade, teremos o apoio da população, bem como, reconhecimento de direitos, tais como: (RONDÔNIA)… “§ 1º. O Policial Civil do Estado de Rondônia passará para a inatividade, voluntariamente, independente de idade mínima, com proventos integrais e paritários ao da remuneração ou subsídio em que se der a aposentadoria, aos 30 (trinta) anos de contribuição, desde que conte com 20 (vinte) anos de tempo efetivo de serviço público de natureza estritamente policial”. UNAMO-NOS.

  15. ISSO É UMA VERGONHA.

    esta estatistica tem que ser vista como uma vergonha para o nosso pais…
    ISSO É UMA PROVA QUE a nossa sociedade esta infectada de maus cidadãos, a grande maioria esta envolvida em
    atos ilicitos,pois cidadães do bem não tem medo de policia. seja qual for…

    familiares de drogados tem medo de policia…
    drogados tem medo de policia.
    funqueiros tem medo de policia.

    esqueceram que ja estamos em 1º lugar no mundo em usuarios de cocaina ?
    esqueceram que estamos em 1º em usuarios de CRACK ?

    o motivo é de que os familiares tem medo da policia zicar com os seus queridinhos drogadinhos .

    TO DE SACO CHEIO.

  16. OS COMENTÁRIOS AQUI NO FLIT SE SUPERAM DIA A DIA. UNS ALEGANDO QUE A MAIORIA DETESTA A POLICIA PORQUE SÃO “VAGABUNDO OU LADRÕES” E MANDA PUXAR A “CAPIVARA”. OUTRO COMENTÁRIO DIZ QUE ISSO ACONTECE PORQUE HÁ 2,6 MILHÕES DE USUÁRIO DE CRACK…SERÁ QUE A PESQUISA FOI FEITA NA CRACOLÂNDIA? OU EM ALGUM CDP DA VIDA? A POPULAÇÃO NÃO GOSTA DA POLICIA PORQUE ESSA É INCOMPETENTE E ASSASSINA. SIMPLES ASSIM. O ÚNICO VICIADO NESTA HISTÓRIA TODA É A ADMINISTRAÇÃO ESTADUAL QUE SUCATEOU A POLICIA INVESTIGATIVA EM DETRIMENTO DE UMA POLICIA “VITRINE” QUE APARECE O TEMPO TODO À POPULAÇÃO, MAS QUE NÃO CONSEGUE COMBATER O CRIME EFETIVAMENTE PORQUE SIMPLESMENTE NÃO PODE COBRIR O TERRITÓRIO OU FAZER O PATRULHAMENTO EM TODOS OS LUGARES. AS VEZES ACHO QUE TEMOS MESMO O GOVERNO QUE MERECEMOS. SOMOS MUITO BURROS ATÉ PRA DISCERNIR NOSSAS PRÓPRIAS MAZELAS.

  17. ISSO É UMA PALHAÇADA.

    to de saco cheio de ouvir na delegacia , aqueles bostas sendo conduzidos pelos PMs, ( e olhem que não é estado de flagrante de furto ou roubo ) e quando eu pergunto se o fulano usa drogas !!!!!!!!!!!!!!!!!, eles dizem que usam somente um baseadinho … como sendo uma coisa natural ….

    se bobear estes estatistiqueiros tambem adoram um baseadinho ……. vão tomar nos tóbas…

  18. se fizerem essa pesquisa no rio de janeiro… terão 90 % da população temedores dos policiais….

    o lugarzinho de bandidos la´ …… eu hein >>………………….

    la é a famosa gomorra…………….

  19. enquanto aqui no brasil tratarem estes usuarios de drogas como doentes, seremos uma nação assim….
    cairemos a escuridão a cada dia que se passar……

    somos os promeiros em cocaina e ckack. logo seremos em estelionatarios- atropeladores bebados.- pedofilos-
    prostituição- prostituição infantil – …

    se fizerem a estatistica de quantidades de CORNOS .
    acho que ja somos o primeiro mundialmente tambem…….

  20. UM GOVERNO QUE DÁ REAJUSTE SALARIAL A DIVERSAS CATEGORIAS DO FUNCIONALISMO PÚBLICO………..

    E CONGELA OS SALÁRIOS DOS POLICIAIS…………

    ESTÁ DO LADO DE QUEM ?????????????

    DO CRIME OU DO CIDADÃO DE BEM ??????

  21. MANTER AS BRIGAS ENTRE AS POLÍCIAS………..FAZ PARTE DO SHOW DO PSDB……..

    ENQUANTO OS BOÇAIS BRIGAM………….ELES VÃO PHODENDO….

  22. EU TENHO MEDO DO PSDB, QUE A MAIS DE 20 ANOS……..ISSO MESMO, BRASILEIRO SEM MEMÓRIA………..MAIS DE

    20 ANOS NO PODER DO ESTADO DE SP………………….VEM INVESTINDO ROL… NOS POLICIAIS E POPULAÇÃO….

    ENQUANTO INCITAM A DISCÓRDIA ENTRE AS POLÍCIAS………A CARAVANA PASSA…..PASSA MOLEQUE EM TODOS..

  23. E ESSAS ONGS NESTE PAÍS………..SÓ SÃO MAIS UMA TETA PARA OS “GERSONS” MAMAREM……..

  24. O ÚLTIMO DESEJO”
    Um recluso condenado à pena de morte a aguardar pela execução, pediu como último desejo um papel e um lápis. Após escrever por vários minutos, o condenado chamou o guarda prisional e pediu que esta carta fosse entregue a sua mãe biológica.
    A CARTA DIZIA…
    Mãe, se houvesse mais justiça neste mundo seríamos os dois executados e não apenas eu.
    És tão culpada quanto eu sou pela vida que tenho levado.
    Lembras-te quando eu roubei e levei para casa a bicicleta de um menino como eu?
    Tu me ajudaste a escondê-la para que o meu pai não descobrisse. Lembras-te quando roubei o dinheiro da carteira do nosso vizinho? Tu foste comigo gastá-lo ao centro comercial que havia mais perto.
    Lembras-te quando discutiste com o meu pai e ele se foi embora? Ele só queria corrigir-me por ter roubado o exame final do curso em que acabei por ser expulso.
    Mãe, eu era só uma criança, pouco tempo depois tornei-me num adolescente problemático e agora sou um homem bastante mal formado.
    Mãe, eu era apenas uma criança que precisava de correcção e não de aprovação. Mas mesmo assim perdoou-te mãe.
    Só peço que faças esta carta chegar à todos os pais do mundo, para eles saberem que o que faz todos os homens se tornarem pessoas de bem ou criminosos é a educação.
    Obrigado mãe, por me teres dado a vida e por me ajudares a perdê-la.
    O teu filho, delinquente.
    PARA REFLEXÃO:
    “Quem se nega a castigar seu filho não o ama; quem o ama não hesita em discipliná-lo”
    (Provérbios 13:24)
    “A verdadeira educação consiste em pôr a descoberto ou fazer actualizar o melhor de uma pessoa. Que livro melhor que o livro da humanidade?”
    (Mahatma Gandhi)
    “A educação é a arma mais poderosa que tu podes usar para mudar o mundo.”
    (Nelson Mandela)
    “Educação e repreensão começam nos primeiros anos da infância e duram até o último dia de vida.”
    (Pitágoras)
    “Educai as crianças, para que não seja necessário punir os adultos.”
    (Pitágoras).

  25. O ÚLTIMO DESEJO”

    Um recluso condenado à pena de morte a aguardar pela execução, pediu como último desejo um papel e um lápis. Após escrever por vários minutos, o condenado chamou o guarda prisional e pediu que esta carta fosse entregue a sua mãe biológica.

    A CARTA DIZIA…
    Mãe, se houvesse mais justiça neste mundo seríamos os dois executados e não apenas eu.
    És tão culpada quanto eu sou pela vida que tenho levado.
    Lembras-te quando eu roubei e levei para casa a bicicleta de um menino como eu?
    Tu me ajudaste a escondê-la para que o meu pai não descobrisse. Lembras-te quando roubei o dinheiro da carteira do nosso vizinho? Tu foste comigo gastá-lo ao centro comercial que havia mais perto.
    Lembras-te quando discutiste com o meu pai e ele se foi embora? Ele só queria corrigir-me por ter roubado o exame final do curso em que acabei por ser expulso.
    Mãe, eu era só uma criança, pouco tempo depois tornei-me num adolescente problemático e agora sou um homem bastante mal formado.
    Mãe, eu era apenas uma criança que precisava de correcção e não de aprovação. Mas mesmo assim perdoou-te mãe.
    Só peço que faças esta carta chegar à todos os pais do mundo, para eles saberem que o que faz todos os homens se tornarem pessoas de bem ou criminosos é a educação.
    Obrigado mãe, por me teres dado a vida e por me ajudares a perdê-la.

    O teu filho, delinquente.

    PARA REFLEXÃO:
    “Quem se nega a castigar seu filho não o ama; quem o ama não hesita em discipliná-lo”
    (Provérbios 13:24)

    “A verdadeira educação consiste em pôr a descoberto ou fazer actualizar o melhor de uma pessoa. Que livro melhor que o livro da humanidade?”
    (Mahatma Gandhi)

  26. Esse medo vem desde a Força Pública, criada sob os auspícios enebriantes do positivismo da República (campanha francesa, onde vieram oficiais franceses mercenários da legião francesa, pagos a peso de ouro pelos contribuintes desde àquela época. Vem uma pergunta: o que o Beato Antonio Conselheiro (em Canudos) fez contra a República?

  27. esse governo do PSDBosta é uma verdadeira fabula de falcatruas
    tudo enganado pela imprenssa que acoberta os crimes do OPOUS DEI
    alkimin, vai se tornar um a lenda. e esse lixo corre o risco de ser presidente
    AI ACABA O BRASIL E COMEÇA O INFERNO

  28. PESSOAL !, SE UM FUNCIONÁRIO DE UMA CLASSE COMETE UM DESLIZE, JAMAIS DEVEMOS GENERALIZAR O OCORRIDO PARA OS COMPONENTES DA REFERIDA CLASSE. EU NA CONDIÇÃO DE “ESCRAVÃO” POR APROXIMADAMENTE QUATRO DÉCADAS, TIVE E TENHO INÚMEROS COLEGAS E AMIGOS NA POLÍCIA MILITAR, INCLUSIVE MEU FILHO MAIS VELHO,HOJE FALECIDO, ERA POLICIAL MILITAR. E, ME AJUDEM AÍ Ó !.

  29. Os oficiais franceses mercenários, foram contratados para doutrinar a Força Pública que é atualmente a PM. Nessa doutrina criaram o sistema de casta na hierarquia, onde a elite era oficial e os pobres e negros eram os praças, esses últimos sofriam todo tipo de humilhação e desrespeito na caserna miliciana pelos oficiais franceses e braseiros, que exerciam e exercem poder ilimitado dentro dos quartéis. Logo, esse medo da população é um resultado da doutrina de opressão que os praças sofrem nos quartéis. Para se ter uma idéia, muitos praças sofreram corretivos de desde chibatadas, cerceamento de comunicação verbal, prisões disciplinares em xadrez arbitrárias só com direito a pão e água. Em São Vicente, uma guarrnição de oito milicianos, foram enforcados, porque não receberam os soldos que estavam atrasados, sendo que o não recebimento do soldo significava rebeldia, traição e motim em face do poder, e na condenação para o corretivo disciplinar exarado por um oficial, na punição eram para serem trazidos a Força, contudo foi escrito trazidos a Forca, então todos foram enforcados. A História dos Boletins Gerais de punições das décadas antigas do século passado registram esses mau feitos.

  30. SR. “ta brincando”. SE EVENTUALMENTE PUSEREM NUMA CONTENDA, ESSA TURMA QUE QUE DIUTURNAMENTE ESTÁ ESPOLIANDO O NOSSO ERÁRIO CONTRA UM JUMENTO, SEM SOMBRA DE DÚVIDAS QUE VOTAREI NO NOSSO EXCELENTE JEGUE. E, ME AJUDEM AÍ Ó !….r

  31. Sr. Editor do PAINEL DO LEITOR,

    Por ser de interesse público, peço a gentileza de publicar a carta que abaixo segue:

    Há três meses, a Folha publicou matéria com dados do Datafolha, sobre o alegado medo da Polícia por parte da população. Na ocasião escrevemos a este Painel, dizendo, entre outras coisas, que custava-nos muito acreditar que a maioria da população tivesse medo justamente de quem é formado e pago para protegê-la. Agora, quando novamente o jornal estampa que: “60% dos paulistanos têm medo da PM” -incluindo os policiais civis que levam a pecha de corruptos- (Cotidiano, 6/11), fazemos os mesmos questionamentos: qual a metodologia aplicada, que segmentos foram pesquisados, como se fez a abordagem? Sabemos que muita coisa precisa mudar nas polícias, a começar pelo tratamento que o Governo lhes dá, mas sem querer atingir a credibilidade do Datafolha e a do jornalista Rogério Pagnan, a quem admiramos pelo profissionalismo, ousamos lembrar: “estatística é a arte de enganar através dos números”.

    JARIM LOPES ROSEIRA, presidente da International Police Association – IPA, (São Paulo, SP)

    Jarim Lopes Roseira, R.G. 3.408.048-x, CPF 303.872.488-20, Av. Cásper Líbero, 390, 5º andar, Luz, São Paulo – SP, CEP 01033-000, Tel. (11) 3313.5077 / 9.7280.3937

  32. O povo paulista que adora votar no PSDB mantendo eles no poder há mais de 20 anos tem a polícia que merece.

  33. Dizem os evangélicos que devemos TEMER A DEUS.

    Eu digo: Para controlar uma população indisciplinada e uma grande massa de marginais dentro e fora das prisões, nada mais justo e necessário é que todos, população e marginais TEMAM ÀS POLÍCIAS.

    Na minha época, a população não respeitava às Polícias, TEMIAM-NAS, e mais ainda, as temiam eram os malas.

    À população não sabe o que TEMOR, muito menos hoje sabem os marginais o significa este verbo. Por isto, há o desrespeito às leis, às instituições policiais e a seus agentes, independentes se da PM ou da PC.

    Não precisamos sermos respeitados, e muito menos aguardar que a educação que nunca chega e sai dos bancos escolares, ensinem os cidadãos a respeitar seus policiais .

    O ideal no exercício da atividade policial, é que todos TEMAM os policiais.

    O temor recua o ousado, desacatador, resistente e o criminoso que se diz ser intrépido, pois eles sabem que do lado de lá conhecerão o TEMOR, e ai saberão o significado deste verbo.

  34. Precisa avisar tais paulistanos, avaliados por essa tal de Datafolha, que eles devem ter medo de bandido, aquele que invade tua casa, te agride, te rouba e quando não te mata. Quem tem educação, quem sabe respeitar o próximo e NÃO DEVE NADA, não teme as Polícias!!!!

  35. Promotor pede liberdade a PM apurado por chacina, mas Justiça nega

    DE SÃO PAULO
    07/11/2015 02h00

    Compartilhar474

    Ouvir o texto

    Mais opções

    Publicidade

    A Justiça Militar negou nesta semana um pedido de liberdade solicitado pelo Ministério Público para o soldado da Rota Fabrício Emmanuel Eleutério, um dos PMs detidos pela suspeita de participar da chacina na Grande São Paulo, em agosto, que deixou pelo menos 23 mortos.

    Eleutério foi o primeiro policial militar preso pela suspeita de participar dos ataques, ainda em agosto. Ele é suspeito também de atuar em chacinas que ocorrem na região em 2013.
    Seus advogados afirmam que ele é inocente.

    “Anoto, estarrecido, que o soldado encontra-se preso há mais de 70 dias sem que tenha sido oferecido denúncia”, diz no pedido o promotor Edson Batista.

    Segundo ele, manter o PM preso, sem denunciá-lo, leva a uma situação “ilegal e temerária”.

    “Se há elementos para mantê-lo preso, por que não foi possível, até o momento, atribuir-lhe a exata nota de culpa? Quanto tempo mais deverá permanecer preso, sem que, contra ele, seja formalizada uma acusação”, indagou o promotor.

    A Justiça Militar negou o pedido. Desde o início da investigação da chacina, o argumento do tribunal é que seu entendimento jurídico difere do da Justiça Comum, que não aceitou o pedido de prisão do PM.

    Conforme a Folha revelou, quebra de sigilo telefônico e rastreador do veículo de Eleutério mostraram que ele não estava no local onde ocorreram os ataques em agosto.

    ???????

  36. este negocio esta começando intrigar, e o caso dos pms em campinas que foram matar um sujeito e dispararam contra a viatura da própria pm…..????

  37. KAISER disse:
    07/11/2015 ÀS 12:06
    Dizem os evangélicos que devemos TEMER A DEUS.

    Eu digo: Para controlar uma população indisciplinada e uma grande massa de marginais dentro e fora das prisões, nada mais justo e necessário é que todos, população e marginais TEMAM ÀS POLÍCIAS.

    Na minha época, a população não respeitava às Polícias, TEMIAM-NAS, e mais ainda, as temiam eram os malas.

    À população não sabe o que TEMOR, muito menos hoje sabem os marginais o significa este verbo. Por isto, há o desrespeito às leis, às instituições policiais e a seus agentes, independentes se da PM ou da PC.

    Não precisamos sermos respeitados, e muito menos aguardar que a educação que nunca chega e sai dos bancos escolares, ensinem os cidadãos a respeitar seus policiais .

    O ideal no exercício da atividade policial, é que todos TEMAM os policiais.

    O temor recua o ousado, desacatador, resistente e o criminoso que se diz ser intrépido, pois eles sabem que do lado de lá conhecerão o TEMOR, e ai saberão o significado deste verbo.

    A POPULAÇÃO JÁ TEME A POLICIA. SERÁ QUE VOCE NÃO ENTENDEU A REPORTAGEM? QUEM NÃO TEME A POLICIA É O LADRÃO. A POPULAÇÃO ORDEIRA NÃO DEVERIA TEMER A POLICIA JUSTAMENTE POR SER “A POPULAÇÃO ORDEIRA”.
    JÁ DISSE E REPITO: O PIOR INIMIGO DA POLICIA NÃO É O GOVERNO, OU O ESTADO OU OS POLITICOS. O MAIOR INIMIGO É A PRÓPRIA POLICIA.

  38. Parabéns a PM por conseguir ainda fazer impor medo. Hoje em dia do jeito que as coisas estão uma Polícia conseguir ser temida está de PARABÉNS! Trabalho em plantões exaustivos e no atendimento já me mandaram tomar no c… já me apontaram o dedo no nariz, já me encararam feio, já chutaram as cadeiras do plantão, já esmurraram portas, e muitas outras coisas mais. Cada uma que temos que aguentar! Então, Gloriosa PM, Parabéns a vocês, onde nos dias atuais, conseguem fazer essa população LIXO temer vocês, população que não respeita placas de sinalização, que não respeita fila, que não respeita o direito do ir e vir (em alguns lugares de São Paulo se você entrar numa rua errada com seu carro está MORTO), que não respeita o trabalho policial fazendo filmagenzinhas e postando em sites de grande veiculação com ar de deboche e ameaça, enfim, continuem assim! Maquiavél já dizia: ou somos amados ou somos temidos, como ser amado não é fácil, então façamos pelo temor! Continuem assim! Abraços!

  39. “Irmãozinho” disse:
    07/11/2015 ÀS 14:01
    Parabéns a PM por conseguir ainda fazer impor medo. Hoje em dia do jeito que as coisas estão uma Polícia conseguir ser temida está de PARABÉNS! Trabalho em plantões exaustivos e no atendimento já me mandaram tomar no c… já me apontaram o dedo no nariz, já me encararam feio, já chutaram as cadeiras do plantão, já esmurraram portas, e muitas outras coisas mais. Cada uma que temos que aguentar! Então, Gloriosa PM, Parabéns a vocês, onde nos dias atuais, conseguem fazer essa população LIXO temer vocês, população que não respeita placas de sinalização, que não respeita fila, que não respeita o direito do ir e vir (em alguns lugares de São Paulo se você entrar numa rua errada com seu carro está MORTO), que não respeita o trabalho policial fazendo filmagenzinhas e postando em sites de grande veiculação com ar de deboche e ameaça, enfim, continuem assim! Maquiavél já dizia: ou somos amados ou somos temidos, como ser amado não é fácil, então façamos pelo temor! Continuem assim! Abraços!

    ESTRANHO. COMIGO NUNCA ACONTECEU ISSO. E OLHA QUE SÓ TRABALHEI NO FUNDÃO DA LESTE. ACHO QUE ISSO ACONTECE COM GENTE QUE TEM CARA DE OTÁRIO. PASSADO QUASE 15 ANOS NA LUTA, NUNCA FUI DESRESPEITADO. ACHO QUE É MINHA CARA FEIA. A POLICIA É UM MACACO COM UM 38 NA MÃO. A MAIORIA NÃO SE DÁ AO RESPEITO.

  40. 07/11/2015 ÀS 14:15
    “Irmãozinho” disse:
    07/11/2015 ÀS 14:01
    Parabéns a PM por conseguir ainda fazer impor medo. Hoje em dia do jeito que as coisas estão uma Polícia conseguir ser temida está de PARABÉNS! Trabalho em plantões exaustivos e no atendimento já me mandaram tomar no c… já me apontaram o dedo no nariz, já me encararam feio, já chutaram as cadeiras do plantão, já esmurraram portas, e muitas outras coisas mais. Cada uma que temos que aguentar! Então, Gloriosa PM, Parabéns a vocês, onde nos dias atuais, conseguem fazer essa população LIXO temer vocês, população que não respeita placas de sinalização, que não respeita fila, que não respeita o direito do ir e vir (em alguns lugares de São Paulo se você entrar numa rua errada com seu carro está MORTO), que não respeita o trabalho policial fazendo filmagenzinhas e postando em sites de grande veiculação com ar de deboche e ameaça, enfim, continuem assim! Maquiavél já dizia: ou somos amados ou somos temidos, como ser amado não é fácil, então façamos pelo temor! Continuem assim! Abraços!

    ESTRANHO. COMIGO NUNCA ACONTECEU ISSO. E OLHA QUE SÓ TRABALHEI NO FUNDÃO DA LESTE. ACHO QUE ISSO ACONTECE COM GENTE QUE TEM CARA DE OTÁRIO. PASSADO QUASE 15 ANOS NA LUTA, NUNCA FUI DESRESPEITADO. ACHO QUE É MINHA CARA FEIA. A POLICIA É UM MACACO COM UM 38 NA MÃO. A MAIORIA NÃO SE DÁ AO RESPEITO.
    __________________________________________________________________________

    Deve ter cara de fome e ser peidão, isso sim!! KKKKKK

  41. A começar pelo seu nick “Vai dar merda”..imagina o tipinho…Ficar quieto, sabe…

  42. É QUE VOCE TEM QUE ENTENDER QUE POLICIA COM CARA DE EMO SÓ FUNCIONA NA BALADA.

  43. Criticar é fácil, ajudar, não… disse:
    07/11/2015 ÀS 10:51
    EU TENHO MEDO DO PSDB, QUE A MAIS DE 20 ANOS……..ISSO MESMO, BRASILEIRO SEM MEMÓRIA………..MAIS DE

    20 ANOS NO PODER DO ESTADO DE SP………………….VEM INVESTINDO ROL… NOS POLICIAIS E POPULAÇÃO….

    ENQUANTO INCITAM A DISCÓRDIA ENTRE AS POLÍCIAS………A CARAVANA PASSA…..PASSA MOLEQUE EM TODOS..

  44. Criticar é fácil, ajudar, não… disse:
    07/11/2015 ÀS 10:44
    MANTER AS BRIGAS ENTRE AS POLÍCIAS………..FAZ PARTE DO SHOW DO PSDB……..

    ENQUANTO OS BOÇAIS BRIGAM………….ELES VÃO PHODENDO….

  45. Criticar é fácil, ajudar, não… disse:
    07/11/2015 ÀS 10:42
    UM GOVERNO QUE DÁ REAJUSTE SALARIAL A DIVERSAS CATEGORIAS DO FUNCIONALISMO PÚBLICO………..

    E CONGELA OS SALÁRIOS DOS POLICIAIS…………

    ESTÁ DO LADO DE QUEM ?????????????

    DO CRIME OU DO CIDADÃO DE BEM ??????

  46. “Irmãozinho”, longe de querer te criticar irmão, mas nego chegar no plantão metendo o dedo na cara do policia, chutando cadeira, gritando, comigo nunca aconteceu. Já estou nessa “pegada” a mais de 21 anos, e já botei muito folgado no seu devido lugar. Abraços.

  47. almeida disse:
    07/11/2015 ÀS 17:03
    “Irmãozinho”, longe de querer te criticar irmão, mas nego chegar no plantão metendo o dedo na cara do policia, chutando cadeira, gritando, comigo nunca aconteceu. Já estou nessa “pegada” a mais de 21 anos, e já botei muito folgado no seu devido lugar. Abraços.

    Nobilíssimo colega,

    Não disse que não faço nada, disse apenas que a população não respeita mais a Polícia, é isso que quis dizer, Ah! desculpe, estou falando com polícia, havia me esquecido…

  48. Falar com polícia tem que ser assim: Beeeeeeeeeeeeemm “expricadinhu” nos miííííííííniiiimooos detalhes.

  49. almeida disse:
    07/11/2015 ÀS 17:03
    “Irmãozinho”, longe de querer te criticar irmão, mas nego chegar no plantão metendo o dedo na cara do policia, chutando cadeira, gritando, comigo nunca aconteceu. Já estou nessa “pegada” a mais de 21 anos, e já botei muito folgado no seu devido lugar. Abraços.
    ISSO DEVE SER UM ZÉ ARRUELA. NEM PERDE TEMPO. DEVE SER DISCÍPULO DAQUELA OUTRA ZICA QUE POSTA AQUI. COMO É MESMO O NOME??? AHH! LEMBREI. LAGARTIXA BANGUELA, EU ACHO…

  50. Assistam esse video onde o jornalista Luiz Carlos Prates aborda a relacao imprensa x bandido

  51. Até eu tenho medo… pois a única coisa que escuto é: se não estiver certo a estatística será apurado pela corró…. se errar o preenchimento do livros será apurado rigorosamente….. e por ai vai… me borro mais de medo da puliça do que dos malas…

  52. 07/11/2015 12h28 – Atualizado em 07/11/2015 13h15
    Testemunha de chacinas envolvendo PMs é morta em Osasco
    Vítima era uma das principais testemunhas de chacinas de 2012 e 2013.
    Homem ajudou a identificar seis suspeitos, entre eles policiais militares.
    Do G1 São Paulo
    FACEBOOK
    Uma testemunha de chacinas com envolvimento de policiais militares de São Paulo entre 2012 e 2013 foi morta a tiros na manhã desta sexta-feira (6), em Osasco, na região metropolitana da capital paulista.
    De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP), o ex-segurança particular David Sabino de Oliveira Filho foi morto por volta das 11h, na frente do comércio que mantinha na Avenida João de Andrade, no Jardim Roberto. Uma mulher que estava próximo ao local na hora do assassinato disse que ouviu os disparos, mas não conseguiu ver quem atirou.
    A vítima era uma das principais testemunhas de uma série de assassinatos promovida na Grande São Paulo em 2012 e 2013. Com as informações que ele passou à Polícia Civil, a Justiça decretou a prisão preventiva de cinco pessoas, entre elas três policiais militares. Um ainda está preso. Um sexto suspeito também foi identificado, mas está foragido até hoje.
    Em nota, a SSP ressaltou que David foi “convidado diversas vezes para o Programa de Proteção à Testemunha, mas sempre negou”. Segundo o governo, desde o início do programa, em 1999, 2 mil pessoas foram atendidas e nenhuma delas sofreu represálias ou foi morta. Em alguns casos, é necessário que o protegido mude de endereço e até mesmo de identidade.
    O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), passou a manhã em José Bonifácio, que fica na região de São José do Rio Preto, para inaugurar um prédio do fórum da cidade. O SPTV perguntou sobre o assassinato do David e o governador não quis falar sobre o assunto. Ele disse que a Secretaria da Segurança Pública iria dar mais detalhes o caso.

  53. paulistanos são os nascidos no município de sun palu , , ,

    sim é isto mesmo sun palu , , , perfeito . . .

    quem nestes últimos 5 anos nasceu aqui ???

    quem nasceu, cresceu e se multiplicou aqui ???

    esta perfeito , , , por incrível que possa parecer . . mas os números estão corretos . . .

    60 % disto que hoje parasita, domina, destruiu e destrói a terra paulistana

    deve temer mesmo alguma coisa próxima a ordem ou traço de cultura…. . . .

    estes 60% são os mesmos que já foram identificados anteriormente como

    omissos, simpatizantes, cúmplices, partícipes, comparsas

    de tudo quanto é tipo de krymy . . .

    pq a surpresa ???

    ACABOU SRS . . ENTENDAM QUE ESTA TERRA

    ESTA DOMINADa PELO KRYMY

    E SÓ NÃO ESTA PIOR EXATAMENTE PQ ELES JÁ TEM O DOMÍNIO DO TERRITÓRIO

    E DE BOA PARTE DO ISTADU . . .E SEUS PHODERES . . . controle . . .aparência de legalidade,

    execução legal e a conta gotas . . .

    e vai ficar pior . . . respondam com sinceridade . .

    o que podemos esperar deste tipo de jenty

    que se contenta e se alegra da própria da desgraça

    em ser roubado, lobotomizado, deseducado, executado todos os dias de suas vidas ???

    e tem esperança que alguma coisa de outra dimensão ira trazer salvação ???

    e que o tal jeytynho brasileiro é qualidade ???

    todos vitimas, escravos, roubados, ludibriados e louvam a urna eletrônica ???

    e louvam a preguiça . .todas as preguiças . . a de pensar . . .

    e se arrogam em ser um povo manso, pacifico, acolhedor e outras ilusões qualquer ???

    território devastado . . .a espera do próximo imperador . . . o do krymy . . .

    fico feliz em ainda ser alguma coisa dentro dos 40 % que tem a exata noção do que é

    ser um ser humano policial, professor, um profissional da saúde . . .

    . . . democracia, os capazes são governados pelos não capazes . . .

    . . . ACABOU SRS ACABOU . . .

  54. Eu que tenho medo desse povo que aparece no Dp…aqui só vem 13, pingao e Zé povinho…tudo com sovaco vencido e bafo de cana.

    E cada um deles tem um celular de 1.000 conto que filma.

  55. EM RIO QUE TEM PIRANHA, JACARÉ NADA DE COSTAS. E MELHOR SER TEMIDO QUE EXCULACHADO. AQUI EM SÃO PAULO QUEM TRABALHA SABE COMO ANDA A BANDIDAGEM, TUUDO DE FURA NA MÃO. ENTÃO QUERO QUE SE DANE A FOLHA, SE TIVER QUE MATAR, ANTES ELES DO QUE EU. ESTAMOS EM UMA GUERRA, SÓ A FOLHA E QUE NÃO SABE.

  56. BANDIDO BOM = BANDIDO MORTO então PM BANDIDO = PM MORTO
    não seria a lógica correta ?
    PM fica preso, se fica, já sai logo, ainda mata testemunha ? o texto serve para bandido e PM bandido então os dois mortos seriam a solução para a limpeza da sociedade, ou não ?

  57. Papa Mike disse:

    07/11/2015 às 9:14

    Aqui o sistema é bruto…

    http://www.jornaldeitupeva.com.br/2015/11/06/tiroteio-em-itupeva-deixa-3-mortos-e-um-ferido/

    _______________________________________________________________________________________________

    ao semideus da PM

    não é que o sistema e bruto, é que os bandidos são burros, falam bosta no celular e a fictícia P2 escutando a conversa na maleta do notebook de interceptação já sabendo do roubo antes de acontecer, se os bandidos fossem inteligentes usavam carro blindado, a chance de fuga seria maior, tinham um plano B bem elaborado, mas são burros, pensam que vai dar tudo certo, que ninguém está escutando a conversa no Celular ou Rádios HT, que irão chegar no Banco e levar toda grana e sair sem ninguém interceder kkk…
    a sorte que o nível de QI do bandido é muito baixa, e pois pelo pouco QI dos PMS se o nível de inteligência da bandidagem fosse maior, a PM estava ferrada.

    crime organizado ?? só na Máfia Chinesa, Italiana, Russa etc…. aqui no Brasil é bem desorganizado ou nem existe.
    ainda falam que o PCC é crime organizado, eu acho que nem existe mais, com todas essas barbáries que a PM andou fazendo com bandidos executados, população trabalhadora executada tomando cerveja em Bares no começo da noite, já teria havido alguma represália a esses maus PMS.

    espero que eu esteja certo na minha ideologia pois se estiver errado quanto mais tempo o bumerangue torna a voltar com mais força virá, como não sou bandido e nem Policial estarei assistindo no sofá no programa do Datena o desespero dos PMS que tem culpa no cartório se esconderem até em bueiro de esgoto.
    e se houver um dia alguma retaliação, que não descontem nos bons Policias, mas nos Policias bandidos, pois Bandido com Bandido se entende !! e não interessa se um é fardado e o outro não.

    Policia inteligente ?? é a Policia que investiga no caso Policia Civil, DEIC, GOE, GER, GARRA, Policia Federal, raramente se houve falar em execuções de bandidos e cidadãos bebendo cerveja em Bar, e não venham falar os semideuses que estão na ostensiva, que a Civil com seus grupos de elite fazem grandes prisões, com grandes apreensões e com baixo índice de letalidade dos dois lados.

  58. Papa Mike disse:
    07/11/2015 às 9:14
    Aqui o sistema é bruto…
    _________________________________________________________________________

    ao semideus da PM

    não é que o sistema e bruto, é que os bandidos são burros, falam bosta no celular e a fictícia P2 escutando a conversa na maleta do notebook de interceptação já sabendo do roubo antes de acontecer, se os bandidos fossem inteligentes usavam carro blindado, a chance de fuga seria maior, tinham um plano B bem elaborado, mas são burros, pensam que vai dar tudo certo, que ninguém está escutando a conversa no Celular ou Rádios HT, que irão chegar no Banco e levar toda grana e sair sem ninguém interceder kkk…
    a sorte que o nível de QI do bandido é muito baixa, e pois pelo pouco QI dos PMS se o nível de inteligência da bandidagem fosse maior, a PM estava ferrada.

    crime organizado ?? só na Máfia Chinesa, Italiana, Russa etc…. aqui no Brasil é bem desorganizado ou nem existe.
    ainda falam que o PCC é crime organizado, eu acho que nem existe mais, com todas essas barbáries que a PM andou fazendo com bandidos executados, população trabalhadora executada tomando cerveja em Bares no começo da noite, já teria havido alguma represália a esses maus PMS.

    espero que eu esteja certo na minha ideologia pois se estiver errado quanto mais tempo o bumerangue torna a voltar com mais força virá, como não sou bandido e nem Policial estarei assistindo no sofá no programa do Datena o desespero dos PMS que tem culpa no cartório se esconderem até em bueiro de esgoto.
    e se houver um dia alguma retaliação, que não descontem nos bons Policias, mas nos Policias bandidos, pois Bandido com Bandido se entende !! e não interessa se um é fardado e o outro não.

    Policia inteligente ?? é a Policia que investiga no caso Policia Civil, DEIC, GOE, GER, GARRA, Policia Federal, raramente se houve falar em execuções de bandidos e cidadãos bebendo cerveja em Bar, e não venham falar os semideuses que estão na ostensiva, que a Civil com seus grupos de elite fazem grandes prisões, com grandes apreensões e com baixo índice de letalidade dos dois lados.

  59. Só vai piorar… cheio de “herois” que esquecem que somos se servidores públicos. Respeito se conquista e nesse rumo vamos empatar com os políticos logo logo.

  60. Promotor pede liberdade a PM apurado por chacina, mas Justiça nega

    DE SÃO PAULO

    07/11/2015 02h00

    A Justiça Militar negou nesta semana um pedido de liberdade solicitado pelo Ministério Público para o soldado da Rota Fabrício Emmanuel Eleutério, um dos PMs detidos pela suspeita de participar da chacina na Grande São Paulo, em agosto, que deixou pelo menos 23 mortos.

    Eleutério foi o primeiro policial militar preso pela suspeita de participar dos ataques, ainda em agosto. Ele é suspeito também de atuar em chacinas que ocorrem na região em 2013.
    Seus advogados afirmam que ele é inocente.

    “Anoto, estarrecido, que o soldado encontra-se preso há mais de 70 dias sem que tenha sido oferecido denúncia”, diz no pedido o promotor Edson Batista.

    Segundo ele, manter o PM preso, sem denunciá-lo, leva a uma situação “ilegal e temerária”.

    “Se há elementos para mantê-lo preso, por que não foi possível, até o momento, atribuir-lhe a exata nota de culpa? Quanto tempo mais deverá permanecer preso, sem que, contra ele, seja formalizada uma acusação”, indagou o promotor.

    A Justiça Militar negou o pedido. Desde o início da investigação da chacina, o argumento do tribunal é que seu entendimento jurídico difere do da Justiça Comum, que não aceitou o pedido de prisão do PM.

    Conforme a Folha revelou, quebra de sigilo telefônico e rastreador do veículo de Eleutério mostraram que ele não estava no local onde ocorreram os ataques em agosto.

  61. A Polícia Militar do Estado de São Paulo foi premiada em duas áreas de Inovação em Gestão Estadual, uma em Inovação em Serviços Públicos com o “Sistema Radar” e outra em Inovação em Processos Organizacionais com a “Avaliação de Vulnerabilidade Criminal nos Fóruns do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo”.

    O “Sistema Radar” consiste na concentração de informações de variadas fontes, permitindo agilidade na fiscalização do trânsito e na pesquisa de dados sobre os veículos, gerando alertas automáticos e em tempo real para todas as viaturas próximas do radar para a interceptação do veículo. Além da complexidade tecnológica, o projeto envolve a integração com outras instituições e níveis de governo, com destaque para os municípios e polícias rodoviárias. Futuramente, o sistema contará com 843 pontos de fiscalização e 2.000 câmeras.

    Já a “Avaliação de Vulnerabilidade Criminal nos Fóruns do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo”, trata-se de uma sistemática de aferição de vulnerabilidade em fóruns e uma “Fórmula Social”, com base em dados criminais e ambientais, que aperfeiçoaram a distribuição de vigilantes patrimoniais nos prédios das comarcas do Estado de São. O resultado foi uma economia de mais de R$ 60 milhões por ano e uma melhor distribuição desses profissionais, atendendo às demandas na área de segurança.

    A intenção do Prêmio Mário Covas é reconhecer ações inovadoras que gerem melhorias nos processos organizacionais, na prestação de serviços públicos e na política pública, e, consequentemente, valorizando os servidores públicos estaduais e municipais, gerando conhecimento para a Instituição em que os premiados estão inseridos, bem como a disseminação das práticas e idéias para outros órgãos por meio da troca de experiências.

  62. A Polícia Militar prendeu cinco integrantes de quadrilha envolvida em assaltos a residências na região do Morumbi, na Zona Oeste de São Paulo. Os cinco integrantes do bando, incluindo uma mulher, foram detidos na noite desta quarta-feira por PMs da ROCAM do Segundo Batalhão de Choque.

    As prisões ocorreram durante patrulhamento de rotina e na região do Jardim Jaqueline, próximo à Rodovia Raposo Tavares. Dois homens seguiam em uma motocicleta e levantaram as suspeitas dos PMs, que decidiram abordá-los.

    Nova faixa exclusiva de ônibus trava trânsito no centro de SPMorte de jovem de 21 anos revolta moradores de Extrema, que queimam lojaArrastões desvalorizam imóveis no MorumbiO esquema da quadrilha começou a ser desvendado a partir de um relógio de luxo encontrado com um dos suspeitos, como conta o Primeiro-tenente Marcos Vinícius Rodrigues, da ROCAM. “No bolso do condutor da moto havia um relógio da marca Technos de cor dourada. Levantou a suspeita da equipe aquele relógio não estar no braço, mas no bolso dele. No celular do condutor também havia algumas fotografias de alguns objetos que poderiam ser profutos de ilícitos”, relata.

    Eles confessaram que o objeto havia sido roubado em uma das ações do bando e deram aos policiais o endereço de uma casa, na mesma região, onde os comparsas poderiam ser encontrados.

    No local e em um bar nas proximidades foram detidos outros dois homens e uma mulher. Com eles, foram apreendidos dois revólveres caibre 38 e uma pistola 7,65, além de celulares, relógios, aparelhos de TV, videogames, roupas de grife e até caixas de ferramentas. No imóvel, também havia uma moto, produto de roubo, toda desmontada.

    Foram presos Carlos Correia Barbosa, de 42 anos, Manoel da Silva, de 31, Júlio César Cavalcante Jacintho, de 20, e André Luis de Oliveira, de 29 anos. A mulher, identificada como Bárbara Rádice Silva, de 30 anos, era a única que não apresentava antecedentes criminais.

    Todos foram levados para o 89º Distrito Policial, do Portal do Morumbi, onde foram reconhecidos por pelo menos três vítimas.

    Com informações do repórter JP Paulo Edson Fiore

  63. PESSOAL !, VEJAM A ARBITRARIEDADE QUE ESSE GOVERNO COMETE CONTRA OS SOFRIDOS APOSENTADOS E PENSIONISTA. PARA A MAIORIA DO PESSOAL DA ATIVA ELE CHEGOU A DÁ ATÉ 5.000,OO DE BÔNUS, ENQUANTO QUE PARA PENSIONISTAS E APOSENTADOS O %. CONHEÇO POLICIAIS APOSENTADOS QUE GANHAM UMA MERRECA E AINDA PAGAM ALUGUEL. S.M.J., NO MÊS DE DEZEMBRO COMPLETARÁ 14 MESES QUE ELE CONCEDEU AQUELAS MIXARIAS, OU SEJAM 6,0 % PARA A CIVIL E 8,0% PARA A MILITAR. ENQUANTO QUE A INFLAÇÃO DO PERÍODO ULTRAPASSOU E MUITO OS DOIS DÍGITOS. AGORA NÃO É QUE O PESSOAL DA ATIVA NÃO MEREÇA, O QUE ACONTECE É QUE AMANHÃ ELES TAMBÉM SERÃO APOSENTADOS. RESUMINDO TEMOS QUE BRIGAMOS POR AUMENTO SALARIAL E NÃO PENDURICALHOS. E, ME AJUDEM AÍ Ó !…

  64. Estranho. Sou PC e o que mais vejo aqui é papacharlie ofendendo PM de burro, incapaz, incompetente, dentre outras. Será que nasceram assim? Ou ficaram depois de passar num concurso como os nossos da PC? O duro que muitos destes polícias de facebook, nunca investigaram nada. Sequer sabem pesquisar um DVC. Prender, então, só nas conversas entre amigos não policiais.
    O incrível é que temos tanto problemas internos frutos da própria incompetência, mas preferem criticar e ofender os outros quem sabe pra elevar a auto-estima e se achar superior a alguém na vida.
    Ahhhh! Tem mais, viram o titulo desta matéria? ’60℅ tem medo da PM’. Nao sei se foi de propósito, mas a matéria também diz que 55℅ temem a PC. Por que não foi mencionado isso no título. Deve ser porque 5℅ é uma diferenca muito grande e nos fazem superiores a eles.

  65. O SIPOL VAI SE REUNIR COM O DGP SEMANA QUE VEM.

    Aproveito esse espaço (flit) para quem saiba alguém do SIPOL leia esse meu post, e observe minha sugestão:

    Faça apenas uma pergunta ao DGP –

    “Qual estímulo, vontade, determinação, do Policial Civil trabalhar, produzir, sabendo que o Governo atual não cumpre a Lei de Aposentadoria Especial do Polícia Civil (lei 144), fazendo que ao se aposentar o policial perca cerca de 30% do seu salário (não tendo um Fgts, e nenhum outro benefício), e caso queira ganhar o que a Lei lhe confere após trabalhar, e dar seu sangue 30 anos para a Sociedade, terá que ingressar com ações na Justiça que levam anos, e as vezes ganhando (quando ganha) o Spprev (Governo) simplesmente não cumpre ordem judicial???

    Qual estímulo? Sacerdócio? Trabalhar 30 anos, e saber que ao término disso ganhará “chibatadas” no lombo como forma de agradecimento?

    Apenas isso.

    Grato pela atenção.

  66. Pedro…se vc , digo, o Sr (ta bom assim) for PC então eu sou o Jacaré kkkk

  67. ESSA É A PERGUNTA “PRINCIPAL”……

    Se antes olhávamos no horizonte, e víamos a nossa aposentaria ESPECIAL como uma recompensa………

    HOJE O QUE IRÁ NOS MOTIVAR ???????????????

  68. O estímulo desse governo é……………..0% de reajuste………e desrespeito às Leis.

  69. O SIPOL não precisa ler colega………….todos sabem………só não vão resolver isso, porque o psdb não repôs o efetivo e se

    cumprir a Lei, boa parte da PC vai embora…..principalmente os honestos…

  70. Ao contrário do que nós queremos………….estão reunidos representantes desse governo e, num prazo de 60 dias terão novo parecer sobre as aposentadorias dos Policiais Civis………

    LÁ VEM OUTRA MALDADE……………..

  71. É SIMPLES………..O CHUCHU NÃO PODE SE REELEGER…….VAI SAIR MESMO………..ENTÃO NÃO VAI FAZER NADA……

    OU MELHOR………VAI FAZER SIM, ……EMPURRAR COM A BARIGA O QUE DER…

  72. Ao pessoal do SIPOL

    Não se esqueçam de pedir ao DGP para que interpele o SSP e o GOVERNADOR para que os policiais civis de SP tenham:

    1- aposentadoria especial com integralidade e paridade, nos moldes da LC 51/85 cc 144/14, aos 30 anos de serviço policial, contando também 20 anos de serviço policial e 10 anos fora, sem os proventos serem calculados pela lei 10887/04 conforme a spprev está fazendo, evitando as demandas judiciais sobre o tema. Para mulheres, 25 anos, em razão da dupla jornada delas, podendo contar 15 anos de serviço policial e 10 anos fora. Nada mais que justo.

    2- promoção ao policial civil a uma classe superior quando este se aposentar. O correto seria, o policial civil de classe especial ao se aposentar, receber o salário base de delegado de 3a. classe, exceto delegados e peritos. Subtenente da PM se aposenta como 2º tenente ou seja, carreira de segundo grau, aposentando com salário de nível superior. Nada mais que justo. PM se aposenta e é promovido. justíssimo. e o policial civil? Já está na hora de corrigir isto. Humilhante.

    3- O auxílio alimentação do policial civil é inferior aos recebidos pela PM. Isto está certo? Se fosse o contrário, a PM estaria esperneando.

    4- reestruturação, revendo os critérios de promoção pois do jeito que está, há muita demora nas promoções.

    Tem mais coisas, mas isso é o mínimo.

    Deus salve a consagrada Policia Civil de SP.

  73. SR. DG não resolve nada !. NÃO ESQUEÇAMOS QUE AQUELE VAMPIRO LÁ DA MOÓCA É O PRIMEIRO DA FILA PARA ASSUMIR O LUGAR DESSE DESGOVERNO QUE AÍ ESTÁ. ME AJUDEM AÍ Ó !

  74. 100 % dos rounds praticados hone ten o use de fuzis, e a glorious policies civil possui ape as um, me cadaver delegation especializada. São Paulo e umma comedia .

  75. Mais uma da mídia q bateu, bateu, bateu e olha o resultado. Q venha logo a nova lei da imprensa.
    ———————————————————-

    PMs do caso ‘highlanders’ são absolvidos em morte de deficiente.

  76. Brasília – O plenário do Senado aprovou na noite desta quarta-feira, 4, o projeto de lei que regulamenta o exercício do direito de resposta aos que se se sentirem ofendidos por matérias jornalísticas veiculadas nos meios de comunicação. O texto, que já havia sido aprovado pela Câmara, vai agora à sanção.

    O projeto, de autoria do senador Roberto Requião (PMDB-PR), prevê que o cidadão que se sentir ofendido em sua honra, reputação, imagem ou intimidade, pode exigir a retificação da informação em espaço proporcional à notícia divulgada. O projeto regulamenta o artigo 5º da Constituição e é o primeiro do gênero desde a revogação da Lei de Imprensa em 2009.

    “O projeto preenche um vazio na legislação brasileira. As pessoas são atacadas e a mídia não leva a sério qualquer acusação”, defendeu o relator do projeto no Senado, Antonio Carlos Valadares (PSB-SE). 

    Os senadores incluíram novamente a possibilidade de o ofendido exercer pessoalmente o direito de resposta, a chamada retificação pessoal, nos casos de conteúdo televisivo ou radiofônico. A emenda havia sido retirada do texto original na Câmara dos Deputados. 

    Para o líder do PT no Senado, Humberto Costa (PE), com a transformação do projeto em lei, os órgãos de imprensa serão mais cautelosos. “Os jornais terão cuidado maior em apurar a verdade e ouvir o outro lado”, justificou.

    O projeto dá ao ofendido a possibilidade de reivindicar o direito de resposta diretamente ao veículo de comunicação. A partir da data de publicação da notícia, o cidadão tem até 60 dias para exigir esse direito. O ofendido pode exigir que a resposta seja publicada em espaço semelhante ao conteúdo publicado contra ele, no mesmo horário e dia da semana.

    Mesmo havendo retratação espontânea do veículo, se o cidadão se sentir insatisfeito com o tratamento, poderá recorrer à Justiça. A empresa deve fazer a retratação em até sete dias. O projeto não se aplica aos comentários feitos por usuários de internet nas páginas eletrônicas dos veículos de comunicação.

  77. r$ 3.500,00 mês . . novembro 2015 . . .

    felizes ??? oxigenados ??? legalistas ??? crédulos ???

    olha o sorrizão deles . . . só faltou o anel dus buzão . . .

    se falamos a verdade somos o q ???

  78. Brasília – O plenário do Senado aprovou na noite desta quarta-feira, 4, o projeto de lei que regulamenta o exercício do direito de resposta aos que se se sentirem ofendidos por matérias jornalísticas veiculadas nos meios de comunicação. O texto, que já havia sido aprovado pela Câmara, vai agora à sanção.

    O projeto, de autoria do senador Roberto Requião (PMDB-PR), prevê que o cidadão que se sentir ofendido em sua honra, reputação, imagem ou intimidade, pode exigir a retificação da informação em espaço proporcional à notícia divulgada. O projeto regulamenta o artigo 5º da Constituição e é o primeiro do gênero desde a revogação da Lei de Imprensa em 2009.

    “O projeto preenche um vazio na legislação brasileira. As pessoas são atacadas e a mídia não leva a sério qualquer acusação”, defendeu o relator do projeto no Senado, Antonio Carlos Valadares (PSB-SE). 

    Os senadores incluíram novamente a possibilidade de o ofendido exercer pessoalmente o direito de resposta, a chamada retificação pessoal, nos casos de conteúdo televisivo ou radiofônico. A emenda havia sido retirada do texto original na Câmara dos Deputados. 

    Para o líder do PT no Senado, Humberto Costa (PE), com a transformação do projeto em lei, os órgãos de imprensa serão mais cautelosos. “Os jornais terão cuidado maior em apurar a verdade e ouvir o outro lado”, justificou.

    O projeto dá ao ofendido a possibilidade de reivindicar o direito de resposta diretamente ao veículo de comunicação. A partir da data de publicação da notícia, o cidadão tem até 60 dias para exigir esse direito. O ofendido pode exigir que a resposta seja publicada em espaço semelhante ao conteúdo publicado contra ele, no mesmo horário e dia da semana.

    Mesmo havendo retratação espontânea do veículo, se o cidadão se sentir insatisfeito com o tratamento, poderá recorrer à Justiça. A empresa deve fazer a retratação em até sete dias. O projeto não se aplica aos comentários feitos por usuários de internet nas páginas eletrônicas dos veículos imprensa.

  79. A população é um verdadeiro lixo (ignorante, omissa e patética); o político e um lixo, reflexo do povo; a polícia brasileira é um verdadeiro lixo, reflexo do povo e do governo! Tanto nos policiais civis, quanto os militares sabemos, que no fundo no fundo somos uma polícia de merda, um verdadeiro faz de conta (tecnologia zero, reciclagem zero, salário zero e consequentemente eficácia quase zero). enquanto a população brincar de votar e o governo brincar de administrar, isso continuará. talvez a polícia possa um dia melhorar e ser verdadeiramente, POLÍCIA, quando a população for séria, juntamente com o governo.

  80. JOÃO BREJEIRO. disse:
    08/11/2015 ÀS 15:03
    SR. DG não resolve nada !. NÃO ESQUEÇAMOS QUE AQUELE VAMPIRO LÁ DA MOÓCA É O PRIMEIRO DA FILA PARA ASSUMIR O LUGAR DESSE DESGOVERNO QUE AÍ ESTÁ. ME AJUDEM AÍ Ó !
    ________________________________________________________________________________________________

    E tem Policial que vota neles……

  81. Postagens no “Facebook” ameaçando policiais, denegrindo, com desenhos do tipo policial sem cabeça, fotos com pessoas empunhando armas, ARMAS!!! Dizeres do tipo “Polícia Civil é tudo ladrão”, ” PM – ratos cinza”, Funk, filmagens de policiais sendo escrachados nas redes sociais – sempre com tom pejorativo e debochado – a sociedade se diz “vítima”, todos vítimas, todos coitadinhos, SERÁ?!!!! Bagunça generalizada, falta de autoridade, baixos salários, etc.
    E viva o Brasiiiiiil Zil, Zil, Zil, Zil….o país da imoralidade, do desrespeito, da baderna, da desordem, da desonestidade, do toma lá da cá, enganando do modo populista tupiniquim (talvez) alguns gringos com os lemas – apenas lemas – Pátria “inducadora” e país rico é país sem pobreza…KKKKKK!!! Viva o Brasil Zil, Zil, Zil!!!

  82. DEPOSITÁRIO POLICIAL – UMA FRAUDE SEM PUNIÇÃO

    Trata-se de procedimento esdrúxulo, sem qualquer amparo legal, que tem como pano de fundo, a desculpa esfarrapada de impossibilidade espacial de custódia do objeto da apreensão e necessidade de conservação dos bens.
    Por conta disso, CARGAS DE CIGARROS CONTRABANDEADOS, DEZENAS,QUIÇA, CENTENAS DE MÁQUINAS CAÇA-NÍQUEIS, VEíCULOS OBJETOS DE INVESTIGAÇÃO OU IRREGULARIDADES ADMINISTRATIVAS e outros bens ilícitos ou de origem duvidosa, apreendidos pela polícia, ao longo dos últimos anos e até a presente data, sem qualquer amparo legal ou autorização judicial, vez que na maioria das vezes são bens vinculados a inquéritos policiais, foram e são objetos de auto de depósito a falsas pessoas jurídicas, proprietárias de pátios de recolhimento de veículos ou de galpões que, “graciosamente”, movidas pelo interesse público, aparecem para prestar essa ajuda a unidade policial da área.
    Quando requisitada pela autoridade judiciária ou pelo ministério público a destinação dos bens, todo mundo se faz de rogado, ninguém sabe, ninguém viu.
    Chegava-se ao absurdo da unidade apreender um veículo e, no dia seguinte, o guincheiro do suposto pátio já levá-lo para lá, de onde o proprietário só conseguiria reavê-lo mediante taxas extorsivas de guincho e estadia. A situação ganha contornos gravíssimos em relação às unidades policiais da região de São Mateus, onde se concentra a maior quantidade de desmanches da capital, quiça, do Estado e do Brasil.
    Pátios sem a menor infraestrutura, de terra batida, a céu aberto, cercado de arame farpado e mato por todos os lados, razão pelas quais vários veículos recolhidos em suposto depósito foram depenados ou furtados do local.
    Cargas inteiras com milhares de maços de cigarros contrabandeados desapareceram como num passe de mágica e, com certeza, foram reinseridos no mercado, assim como as cobiçadas máquinas caça níqueis.
    Urge que as autoridades constituídas deste Estado, entre elas, o Sr. Secretário da Segurança Pública, promotores de justiça do GAECO e juízes de direito, requisitem e acompanhem todos os inquéritos policiais e outros procedimentos porventura instaurados para apurar esse banditismo protagonizado pelo conluio de bandidos travestidos de policiais e empresários.
    Quem vai indenizar o cidadão de bem lesado por esses bandidos?

  83. QUEM TEM MEDO DE POLICIA É LADRÃO OU VAGABUNDO OU NOIA E TA SEMPRE FAZENDO COISA ERRADA.
    TEM QUE TER MEDO MESMO. A POLICIA TEM QUE SER RESPEITADA…

  84. Promoção automática a cada 5 anos já seria um bom negócio pra motivar os novatos e os antigos injustiçados. Com relação ao retorno à classe anterior na aposentação, essa aberração já deveria ter sido corrigida há muito tempo. Só prova que nossas associações e sindicatos não sabem reivindicar, já que não exigem o básico.

  85. 60% dos paulistanos têm medo da PM, aponta Datafolha, e os outros 40% tem pavor, até as próprias esposas e filhos tem medo deles.

  86. PORRA GUERRA, VC NÃO COLOCA UM POST QUE PRESTA HEM, ALGO QUE REALMENTE VALE A PENA LER E DAR OPINIÕES HEM COLEGA, MUDA O RUMO COLEGA, TENTA SEMEAR A UNIÃO ENTRE AS POLICIAS, JÁ TEMOS INIMIGOS DEMAIS, OLHA VC MESMO, O PESSOAL QUE ACOMPANHA AS SUAS IDÉIAS E SE COMPACTUA COM ELAS SÃO UNS 20 REVOLTADOS, PESSOAS DE ESQUERDA, PESSOAS QUE TEM IDÉIAS DISTORCIDAS, PELO AMOR DE DEUS, PROCURA TÓPICOS QUE A GRANDE MAIORIA PODE EMITIR SUAS OPINIÕES CONSTRUTIVAS, NÃO DA FORMA QUE VC ESTÁ FAZENDO ULTIMAMENTE, CARA, VC ACREDITA MESMO QUE MEIA DÚZIA DE BORRA-BOSTAS QUE TEM SEMPRE AS MESMAS IDÉIAS VÃO CONSEGUIR MUDAR O PAIS, OU ATE MESMO A PM, A FAÇA ME O FAVOR VAI, CRESCE CARA, EVOLUI VAI.

  87. MAIS UM DOS MILHARES DE “CASOS ISOLADOS ”

    O major PM Carlos Ludwig, subcomandante do 9º Batalhão da Polícia Militar do Rio, sediado em Rocha Miranda, na zona norte, foi afastado do cargo neste domingo, 8, horas após atirar contra um carro que havia fugido de uma blitz organizada pela PM na Praça Seca, bairro da zona oeste do Rio, na madrugada de domingo.

    Ele teria tentado atingir o pneu do carro, mas acertou as costas do bancário Marcos Antônio Pereira, de 51 anos, que estava no banco traseiro do veículo. Socorrida no Hospital Estadual Carlos Chagas, a vítima corria o risco de perder um rim, ontem. A Secretaria de Estado de Saúde informou no fim da tarde que Pereira foi transferido para instituição particular e não deu mais detalhes sobre o estado de saúde do paciente.

    Várias blitze foram montadas na Praça Seca para combater o tráfico de drogas e outros delitos, segundo a PM. Esse episódio ocorreu em um bloqueio feito na Rua Cândido Benício. Quando o carro em que Pereira estava se aproximou, os policiais deram sinal para que o motorista reduzisse a velocidade, mas, segundo a PM, ele acelerou e tentou fugir dos policiais.

    “Devido à atitude suspeita do condutor do veículo e em defesa da vida de um outro policial, que naquele momento se jogara no chão para não ser atropelado pelo motorista infrator, o policial efetuou um disparo contra a roda traseira do veículo suspeito”, mas acabou atingindo o carona, informou a PM em nota.

    O caso é investigado pela 29ª DP (Madureira), que já ouviu um dos ocupantes do veículo e os policiais que participavam da blitz. As armas dos PMs foram recolhidas para perícia e os agentes tentam localizar câmeras que tenham filmado a ação.

    A Polícia Militar abriu procedimento administrativo para investigar o caso. “A PM apura rigorosamente a ação do agente policial que cometeu a ação, (que) responderá perante a Justiça Comum e também à Militar”, afirmou a instituição. O PM será afastado de suas atividades até a conclusão das investigações, informa ainda a nota.

    – Extraído do site G-1 em 08/11/2015

  88. Terá o Delta TAMBÉM independência funcional para atuar, ainda que contra a PM?! Parece que o Exmo. Governador não pensa assim.... disse:

    Publicado em sábado, 7 de novembro de 2015 às 06:00 Histórico
    Governador ignora conselho e reconduz ouvidor da polícia
    Natália Fernandjes
    Do Diário do Grande ABC
    Embora o advogado e coordenador estadual do Movimento Nacional de Direitos Humanos Ariel de Castro Alves tenha sido o candidato ao cargo de ouvidor da polícia mais votado em eleição do Condepe-SP (Conselho Estadual dos Direitos da Pessoa Humana de São Paulo), o governador Geraldo Alckmin (PSDB) optou pela manutenção do atual ouvidor no cargo ontem. Julio Cesar Fernandes Neves terá novo mandato de dois anos a partir do dia 13 de dezembro, quando se encerra a primeira gestão, iniciada em 2013. O governador recebeu lista tríplice elaborada pelo Condepe ontem. O documento indicava que Alves teve quatro votos e Neves dois, assim como a assistente social Antonia Márcia Valdívia, integrante do Movimento Nacional de Direitos Humanos. Conforme explica o presidente do Condepe, Rildo Marques, esta foi a segunda eleição que teve indicação de três nomes pelo conselho para a escolha de Alckmin, que determinou a medida. “Antes, o Condepe fazia sua escolha, sem interferência do governo. O governador não ouviu a vontade da sociedade civil. Isso empobrece o debate diante de quadro crítico de violência instalado no Estado. Ainda precisamos avançar em relação à necessidade de aprimorar a abordagem dos reais problemas e não apenas questões técnicas”, considera.
    Para Alves, todos os indicados são comprometidos com a defesa dos direitos humanos e, por isso, qualquer escolha seria considerada boa. No entanto, o advogado destacou que “lamenta o fato de o governador não respeitar a ordem de votações nas listas tríplices e não escolher os mais votados. Isto tem ocorrido também com relação ao Ministério Público e às universidades estaduais.” Criada em 1995, a Ouvidoria de Polícia é o órgão de controle externo das atividades policiais e tem a função de receber denúncias, elogios e sugestões referentes à atuação de policiais civis e militares do Estado. Também compete à Ouvidoria requisitar investigações junto às Corregedorias, além de inquéritos policiais civis, com base nas denúncias que recebe sobre irregularidades e crimes praticados por policiais.

  89. Polícias de SP resistem à figura de delegado ‘pacificador’
    ROGÉRIO PAGNAN
    DE SÃO PAULO
    VENCESLAU BORLINA FILHO
    ENVIADO ESPECIAL A LIMEIRA
    07/11/2015 02h00
    Uma das práticas da Polícia Civil de São Paulo mais elogiadas pelo próprio governo, que coloca o delegado como pacificador de conflitos, se espalha por dezenas de cidades do Estado, e até fora dele, mas continua sem previsão de chegada à capital.
    O principal motivo disso não é um eventual litígio com o Ministério Público ou com o Poder Judiciário, mas, sim, pela resistência dos próprios policiais da região metropolitana em aderir ao modelo. A resistência já dura 11 anos.
    A ideia da polícia pacificadora surgiu da experiência de um delegado de Ribeirão Corrente (a 422 km São Paulo) que, em 2003, criou uma ferramenta para tentar suprir a deficiência de um município sem fórum local.
    Como quase todas as reclamações feitas pelos moradores ficavam sem uma análise do Judiciário ou chegavam tardiamente, o delegado Cloves Rodrigues da Costa resolveu tentar fazer conciliações.
    A primeira audiência se deu com dois moradores que, em razão de uma discussão banal, um deles acabou danificando o carro do outro.
    Os dois foram chamados dias depois à delegacia e, após breve conversa na presença do policial, uma parte aceitou a pagar as despesas do conserto do veículo. E, a outra, aceitou receber o dinheiro em parceladas.
    O histórico do ocorrido foi assinado e enviado ao juiz de Franca, Luiz Pinheiro Sampaio, que, apesar do ineditismo da medida, concordou haver previsão legal (com base na lei nº 9.099/95) e homologou o acordo.
    O sucesso dessa primeira conciliação rodou o Estado e, em 2010, foi criada na região de Bauru a primeira unidade para tratar exclusivamente de conciliações, o Necrim (Núcleo Especial Criminal).
    De lá para cá, apesar de críticas por parte de membros do Ministério Público, mais 35 cidades aderiram à ideia de conciliar e audiências ganharam força. A mais recente cidade a implantar o núcleo foi Santos, em agosto.
    A implementação oficial da modalidade de polícia se deu em 2010. Pelas contagens oficiais, em quatro anos foram mais de 50 mil audiências. Em 2014, por exemplo, foram mais de 19 mil acordos com 91% de sucesso. A cada 10 audiências, em 9 delas houve acordo entre as partes.
    ESPERA MENOR
    São discutidos crimes de pequeno potencial ofensivo como calúnia, difamação, injúria e crime de trânsito.
    A média de espera é de 40 dias e, após homologado pelo Judiciário, o acordo tem valor de uma sentença (para efeitos de execução cível).
    Além desafogar o moroso Judiciário, a intervenção da polícia em pequenos conflitos também busca evitar o agravamento do problema. Que uma simples briga de vizinhos acabe se tornando em um homicídio doloso.
    A presidente da Associação dos Delegados, Marilda Pansonato Pinheiro, afirma que pelo que tem conhecimento, os policiais da capital têm consciência da importância do Necrim e que a não implantação deve mais por uma questão da “administração”.
    “É uma resposta que eu não tenho. É uma questão de desejar fazer. De querer fazer. Porque é um trabalho extra para o delegado, mas tem custo zero para o Estado”, diz a delegada Marilda.
    A Folha questionou a Secretaria da Segurança Pública o porquê de a capital paulista ainda não ter uma unidade do Necrim e, também, se já havia alguma previsão de quando isso poderia ocorrer. na cidade O governo Geraldo Alckmin (PSDB) não quis responder.
    LIMEIRA
    Em junho, o montador Franquins Soares de Oliveira, 23, registrou uma ocorrência na polícia após uma discussão com o patrão, Marcelo Aparecido Monteiro, 40. “Ele [patrão] disse: ‘Você não sabe do que eu sou capaz'”, conta. Na sexta-feira (14), os dois, enfim, se entenderam.
    A conciliação foi possível graças ao Necrim (Núcleo Especial Criminal), órgão da Polícia Civil que busca evitar a judicialização de infrações de menor potencial ofensivo. A audiência ocorreu em Limeira, na região de Campinas, onde o serviço é oferecido desde março de 2013.
    Oliveira e Monteiro chegaram sozinhos, sem advogados ou testemunhas. O clima era amigável. Os dois foram recebidos pelo delegado Siddhartha Carneiro Leão, responsável pelo Necrim do município, e ficaram frente a frente numa sala semelhante à de um juiz. A audiência durou 15 minutos.
    O delegado, acompanhado de um estagiário do curso de direito, fez um histórico do caso e deu a palavra ao empregado, que confirmou a versão. Em seguida, foi a vez de o patrão falar.
    “Foi um mal-entendido. Ele queria ser mandado embora, estava fazendo corpo mole. Então me estressei e acabei falando algumas coisas”, disse Monteiro. “Eu não quis ameaçá-lo. Daria umas advertências e depois o mandaria embora”, completou.
    Oliveira disse que fez o boletim de ocorrência para se preservar. “Imaginava que seria chamado pela polícia, mas não para fazer um acordo. Estou contente com o resultado”, afirmou o montador.
    “Não precisava ter chegado aonde chegou. Já estamos bem”, emendou Monteiro.
    Ambos assinaram o acordo feito pelo delegado e se cumprimentaram. O patrão prometeu demitir o funcionário e pagar os direitos trabalhistas. O empregado, por sua vez, disse que já sabe o que fazer depois que for demitido. “Vou trabalhar com um amigo”, contou.
    No mesmo dia, a polícia facilitou o entendimento entre Eliana, 48, e Elisabeth, 32, que pediram para não ter os sobrenomes revelados.
    Elas se envolveram em um acidente de trânsito em Limeira, e a vítima, Elizabeth, ficou com o prejuízo de R$ 450, entre o reparo da moto e o atendimento médico.
    “Só fiz o boletim [de ocorrência] porque tratava-se de um acidente de trabalho”, disse a vítima. “Mas a senhora não quer que ela [Eliana] pague pelos danos na moto e os gastos com remédio?”, perguntou o delegado. “Não precisa. Já está tudo certo”, respondeu. “Agora somos amigas”, disse Eliana.
    Somente neste ano houve 666 conciliações em Limeira, o que corresponde a 98% do total de casos avaliados.
    Por dia, são cerca de 20 audiências, que não duram mais de 20 minutos. Quanto mais simples o caso, mais rápida a solução. “É bem mais rápido e menos burocrático do que se fosse para a Justiça”, disse Monteiro.

  90. 05/11/2015 às 17h49
    STF decide que polícia só pode invadir casas sem mandados em casos excepcionais
    Estadão Conteúdo
    Brasília – O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu nesta quinta-feira, 5, que a polícia só pode realizar buscas e apreensões em domicílios sem mandados judiciais em casos excepcionais e desde que, após a ocorrência, justifique o motivo da invasão. O recurso extraordinário foi motivado pelo caso de um réu que, pego em flagrante com drogas, acusou um suposto mandante, que teve a casa invadida pela polícia sem autorização judicial.
    O placar final foi de oito votos a um, com divergência apresentada pelo ministro Marco Aurélio Mello. O ministro baseou o voto no caso concreto. Segundo ele, a Polícia Militar não pode invadir residências sem mandados judiciais e baseando-se apenas na denúncia de um corréu.
    Os ministros Ricardo Lewandowski, Celso de Mello, Dias Toffoli, Rosa Weber, Luiz Fux, Edson Fachin e Teori Zavascki seguiram o voto do ministro relator, Gilmar Mendes. O relator defendeu a tese de que, embora sejam permitidas, as buscas em residências sem autorização judicial devem ser submetidas a “rigoroso escrutínio” após a invasão. “A entrada forçada em domicílio é legítima, mesmo à noite, desde que amparada em razões fundadas”, argumentou o ministro.
    Embora tenta acompanhado o voto de Mendes, o presidente do Supremo, Ricardo Lewandowski, afirmou que é preciso controlar o poder da polícia ao invadir propriedades privadas sem mandado judicial, “especialmente para os mais pobres”, para evitar eventuais abusos por parte polícia. “A polícia não pode invadir e depois simplesmente pedir desculpas. É preciso que nos cerquemos de todo o cuidado”, ressaltou.
    Por isso, o Supremo também determinou que a autoridade policial pode sofrer punição disciplinar, civil e penal se não conseguir justificar a invasão. Após a invasão sem mandado, caberá ao Judiciário, via audiência de custódia, avaliar as razões que justificam a ação.
    Ao votar contrário ao relator, o ministro Marco Aurélio alegou que a mera suposição da prática de crime não deveria permitir invasão de domicílio pela Polícia Militar. “Estaremos esvaziando uma garantia constitucional”, disse. Ele citou o artigo 5º da Constituição, inciso XI, que diz que “a casa é asilo inviolável do indivíduo, ninguém nela podendo penetrar sem consentimento do morador, salvo em caso de flagrante delito ou desastre, ou para prestar socorro, ou, durante o dia, por determinação judicial”. “A regra é a inviolabilidade da casa”, argumentou.

  91. Ahh...então é por isto que a PM quer investigar?! Pq a atividade de prevenção deles logo estará ultrapassada.... disse:

    07/11/2015 às 17:10
    Câmeras criam ‘muralha virtual’ e reduzem crimes no interior de SP
    O alarme dispara na central de monitoramento da Guarda Civil de Nova Odessa, município do interior de São Paulo. É o aviso de que um Gol roubado dois dias atrás em Campinas cruzou uma das 12 câmeras inteligentes instaladas na cidade.
    Em poucos segundos, Guarda Municipal e Polícia Militar são acionados. Começa-se, então, uma perseguição. Os suspeitos fogem, abandonam o veículo, roubam outro. Mas não vão adiante: um deles é preso, e os carros, recuperados.
    Com a ajuda da tecnologia de câmeras que “leem” placas (apresentam o raio-X do veículo em tempo real) e de um banco de dados criminal próprio e interligado, as Guardas de Nova Odessa e de outros 11 municípios da região de Campinas têm conseguido reduzir os índices de criminalidade locais. É o chamado “Detecta Caipira” –referência ao mesmo projeto do governo Geraldo Alckmin (PSDB) de integrar dados da polícia com câmeras inteligentes para combater a criminalidade, mas que, até agora, não saiu do papel conforme o prometido na campanha eleitoral passada.
    Já são cerca de 600 equipamentos desse tipo nas cidades. Eles leem placas de todo tipo de veículo: de carro, caminhão, moto, até veículo sobre caminhão guincho. Até o meio do próximo ano, a expectativa é que sejam mil, com adesão de mais cidades.
    ‘MURALHA VIRTUAL’
    A integração começou em 2012 por Indaiatuba, Itatiba e Vinhedo. Outros municípios, como Jundiaí, aderiram nos anos seguintes. A última a entrar para o grupo foi Campinas, terceira maior cidade do Estado, no mês passado.
    “É uma muralha virtual. Investimos nisso porque, apesar de a segurança pública ser um dever do Estado, o prefeito, na sua cidade, é que é cobrado pela população”, diz o comandante da Guarda de Jundiaí, José Roberto Ferraz.
    No município, de 401 mil habitantes, há cem câmeras fixas leitoras de placa, 56 com visão de 360º e mais 30 fixas para monitoramento. O investimento, somado a programas de computador e um centro de controle operacional, foi de R$ 30 milhões. Neste ano, de janeiro a setembro, os casos de roubo de veículo em Jundiaí caíram 24% (para 536) em relação ao mesmo período de 2014. Os casos de furto tiveram uma queda mais acentuada, de 33% (para 763).
    Em todo o ano de 2013, quando as câmeras foram instaladas e Jundiaí passou a compartilhar do banco de dados regional, os casos de roubo e furto de veículos somavam 2.350. No ano passado, houve a primeira queda, de 3% (para 2.281).
    “Os resultados estão sendo positivos, com queda gradativa nos índices de criminalidade e aumento nas ocorrências registradas pela Guarda. De 2013 para cá, triplicamos os atendimentos por mês. São mil, atualmente”, disse Ferraz, de Jundiaí.
    CÂMERAS INTELIGENTES
    Pioneira na implantação de câmeras inteligentes no interior paulista, Indaiatuba registrou queda de 8,2% (para 269) nas ocorrências de furto e roubo de veículos entre janeiro e agosto deste ano na comparação com o mesmo período de 2014.
    Ao longo de 2012, quando iniciou a integração com outros municípios, os casos de roubo e furto de veículos somavam 328. Foram investidos R$ 3 milhões nas 220 câmeras, sendo 99 delas de reconhecimento de placas veiculares.
    “A decisão de investir foi por necessidade. Tínhamos muitos casos de roubo e furto de veículos e encontramos essa alternativa. Os resultados têm sido bons”, disse Alexandre Guedes Pinto, secretário municipal da Segurança Pública da cidade.
    O próximo passo, segundo ele, é conseguir que o governo estadual permita a incorporação dos dados das polícias Civil e Militar ao sistema das Guardas Municipais.
    “Já solicitamos, por diversas vezes, a entrada no banco de dados criminal, no sentido de colaborar, mas ainda nada foi feito. Por enquanto, vamos trabalhando com o nosso ‘Detecta Caipira’, no melhor sentido da palavra.”
    Em nota, a Secretaria da Segurança Pública informou que o sistema de câmeras inteligentes dos municípios será “integrado futuramente ao Detecta”, sem dar o prazo.
    Em Nova Odessa, 12 câmeras de leitura de placas fazem o registro fotográfico de todos os veículos que entram e saem do município. Além delas, outras seis fazem o monitoramento. O investimento foi de quase R$ 1 milhão.
    Ainda participam da rede Artur Nogueira, Hortolândia, Jaguariúna, Limeira, Louveira e Santa Bárbara d´Oeste. Devem entrar nos próximos meses Holambra, Morungaba, Itupeva, Cosmópolis e Cordeirópolis.

  92. Caro colega Vai dar Merda!!!

    Cidadão de bem não afronta policiais, meu pai e meus avós nunca tiveram passagens pela Polícia.

    Maus cidadãos e os indisciplinados, desconhecedores das normas legais, e marginais, sim, da um do sua maneira afrontam os policiais.

    À polícia de hoje deveria ser como a GESTAPO, já ouviu falar?

    Todos temiam à GESTAPO, inclusive seus próprio integrantes.

    Na minha época, e neste Estado, tínhamos o DEPOS, Polícia temida.

    À PM quando tinha viaturas nas cores preta e vermelha, e uniforme marrom, e muitos daquele policiais dispunham de um laboratório.

    Quem não sabe o que é laboratório, não sou eu quem vai ensinar, e muito menos, com tantas câmeras de vigilância, nem pode haver mais.

    Os malas TEMIAM à Polícia.

    Me lembro como se fosse hoje, quando eu e um colega abordamos um mala, dava para ver o seu shorts tremer, na alma de mala estava havendo um abalo sísmico de medo, e que não era um terremoto, pois somente o abordamos e demos uma simples revista, e nada encontramos.

    Hoje com tantos direitos e sem quase nenhuma obrigação, olha onde a nossa sociedade conseguiu chegar.

  93. jacaré sem dente, verdade cara. Poderíamos ter postagem que unificassem as carreiras e as polícias em prol de melhores salários, melhores condições de serviço. Não vejo aqui nenhum tópico cobrando os sindicatos por uma atuação mais efetiva perante ao governo em defesa de todos os policiais. Não vejo nenhum tópico discutindo o BONUS, nenhum tópico discutindo REESTRUTURAÇÃO, nenhum tópico discutindo REPOSIÇÃO SALARIAL, nenhum tópico discutindo JORNADA DE TRABALHO, vemos somente tópicos de INTRIGAS entre corporações e outras coisas inúteis e infrutíferas para nossas carreiras. O flitparalisante (escrevo em minúsculo) virou mais um campo de batalha extensivo do fático dia 16 de out de 2008 do qualquer outra coisa.

  94. Colegas poderiam me ajudar em uma dúvida? seguinte, estou aprovado no concurso de Tira e gostaria de saber dos colegas que atuam nesse cargo, como é realmente a realidade do Tira no Interior. Sempre tive o sonho de ser Tira, porém daqui do lado de fora, estando aí na pele, não sei como realmente é, vemos muito aqui no blog o pessoal reclamando de trabalhos exaustivos, plantões, descaso etc, gostaria de saber se realmente vale a pena, na visão de quem é investigador. Prestei para o DEINTER 4, gostaria de saber se aqui no interior realmente os tiras são explorados com jornadas exaustivas, se dedicando integralmente sem folgas ao trabalho, ou se isso varia de DP para DP, como é a escala de folga, plantões, sobreaviso, etc, gostaria de saber sobre a remuneração, se alem do base + RTP + Insalubridade (total R$ 4.171,49) ainda existe mais alguma gratificação, como adicional de localidade ou outra coisa, e sobre o valor de vale alimentação. Gostaria de saber se acreditam que a situação possa melhorar com a finalização dos concursos que estão em andamentos e entrada desses novos escrivães e Investigadores na ativa, e se o salário tem prospecção de melhoria já que agora é exigido nível superior, sobre a aposentadoria, gostaria de saber se ao aposentar, o policial receberá todos os valores que recebe na ativa ,pois o que tenho visto é que tem a tal de paridade que impede que isso ocorra.
    Minha dúvida é pela seguinte situação, hoje sou funcionário publico, atuo como Administrador nos Correios, porém pelo regime CLT,ou seja, vou aposentar pelo INSS, corro o risco da empresa ser privatizada, etc, meu salário hoje é compatível com o de Tira,R$ 4.300,00, porém além disso, recebo anuênio (1%) e um vale alimentação de 1 mil reais, que sinceramente, para mim é muita coisa, pois costumo utilizar somente 600 reais p/ mês. Trabalho de segunda a sexta das 8h ás 17h, trabalho tranquilo, porém não gosto do que faço, por ser extremamente burocrático, pois trabalho com processos, licitações, etc, coisas chatas de mais e que não desenvolve o ser humano, pois não desenvolve a capacidade de raciocínio, é muito carimbo, folhas, assinaturas, cartas, coisas chatas demais.
    Tá aí minha dúvida, será que vale a pena deixar meu atual cargo para ingressar como tira? Lembrando que esse sempre foi o meu sonho, porém, tenho que levar em consideração que trocar o atual cargo para viver uma vida insalubre, no sentido de não ter folgas, lazer, em condições de semi-escravidão, como alguns relatam aqui no Blog, não é muito racional, por isso, peço a opinião dos Investigadores que realmente conhecem a realidade do cargo e conseguem enxergar lá na frente se é valido ou não, ingressar na carreira. Especialmente no DEINTER 4.
    Obrigado pela atenção colegas.

  95. Esse rato ai ta mais pra gato, fugiu rapidinho, precisa fazer reciclagem, pede pro seu delega mandar vc na PM fazer umas aulas de tiro ou então devolva a arma kkkkkkkkkk

  96. KAISER disse:
    09/11/2015 ÀS 7:53
    Caro colega Vai dar Merda!!!

    Cidadão de bem não afronta policiais, meu pai e meus avós nunca tiveram passagens pela Polícia.

    Maus cidadãos e os indisciplinados, desconhecedores das normas legais, e marginais, sim, da um do sua maneira afrontam os policiais.

    À polícia de hoje deveria ser como a GESTAPO, já ouviu falar?

    Todos temiam à GESTAPO, inclusive seus próprio integrantes.

    Na minha época, e neste Estado, tínhamos o DEPOS, Polícia temida.

    À PM quando tinha viaturas nas cores preta e vermelha, e uniforme marrom, e muitos daquele policiais dispunham de um laboratório.

    Quem não sabe o que é laboratório, não sou eu quem vai ensinar, e muito menos, com tantas câmeras de vigilância, nem pode haver mais.

    Os malas TEMIAM à Polícia.

    Me lembro como se fosse hoje, quando eu e um colega abordamos um mala, dava para ver o seu shorts tremer, na alma de mala estava havendo um abalo sísmico de medo, e que não era um terremoto, pois somente o abordamos e demos uma simples revista, e nada encontramos.

    Hoje com tantos direitos e sem quase nenhuma obrigação, olha onde a nossa sociedade conseguiu chegar.

    PARCEIRO, BOM DIA. EU NÃO QUERO SER TEMIDO. QUERO SER RESPEITADO. TANTO PELO GOVERNO, COMO PELA POPULAÇÃO. ESSE NEGOCIO QUE QUERER IMPOR MEDO É PAPO FURADO DE GENTE COVARDE. EU JÁ TROQUEI TIRO COM 4 VAGABUNDO E NÃO ABRI A BOCA. FIQUEI NA MINHA ATÉ O MOMENTO DA REAÇÃO. COM CALMA, SEM GRITARIA, SEM XINGAMENTO, NA BOA. TREINEI PARA ISSO. FINAL DA HISTORIA, UM FICOU ALEIJADO, DOIS BALEADOS E O QUARTO FUGIU.SEI QUE UMA HORA POSSO SER MORTO, MAS O QUE FAZER? SE NÃO QUER CAGAR, NÃO COME. A MAIORIA DOS POLICIAS SÃO COVARDE E GOSTAM DE IMPOR O MEDO COMO SE FOSSE UM BANDO DE BÁRBAROS. SÓ ESQUECE QUE NO CASO DA PC, NECESSITAMOS DE INFORMAÇÃO PARA DAR “CANA”. SE A POPULAÇÃO NÃO CONFIA NA POLICIA, ESQUECE INFORMAÇÃO. A MENTALIDADE PRECISA MUDAR. A PM GOSTA DE DAR TIRO. ALGUNS POLICIAIS DA PC APRENDERAM QUE É MAIS VANTAJOSO PRENDER OS MALAS SEM ESCÂNDALO, NA BOA, SEM TIROTEIO. SABE PORQUE? POR SE VOCÊ SE ENVOLVER NUM TIROTEIO E MATAR UM PAISANA, VAI SE FUDER NA CORRO. NÃO SOU PAGO PRA MATAR. SOU PAGO PRA PRENDER E LEVAR A JUSTIÇA. ESSE NEGOCIO DE MATANÇA É COISA DE PM. BOM DIA.

  97. RATO ATÉ NA COR A PM SE ENCAIXA: CINZA. RATOS DE CAIXAS ELETRÔNICOS, CARGAS, EXTORQUEM AS BIQUEIRAS DRIVE-TRU PRA NÃO PASSAREM NA RUA ETC. VOCÊ NÃO TÊM MAIS MORAL NENHUMA PRA CHAMAR POLICIAL CIVIL DE RATO, ISSO CABE A VOCÊS, QUE SÃO 157.

  98. VAI DAR MERDA!!!

    PARABÉNS, VOCÊ NÃO ENTENDEU NADA!

    MAS VIVE EM QUAL PAÍS: U.S,A?

    OS U.S.A. É PAÍS DE PRIMEIRO MUNDO E TEM A MAIOR POPULAÇÃO CARCERÁRIA, ACREDITO QUE O NÍVEL CULTURAL DEVA SER SUPERIOR AOS DA POPULAÇÃO BRASILEIRA, MESMO ASSIM POSSUEM SUAS DIFICULDADES.

    No ESTADO DE SÃO PAULO, VOCÊ TEM A TECNOLOGIA QUE SEUS COLEGAS NORTE-AMERICANOS DESFRUTAM?

    NEM CHEGA PERTO.

    QUANTOS CRIMES RESOLVEU DE FATO? – OU FOI O ESCRIVÃO NO CARTÓRIO DE DESVENDOU O CRIME E O AUTOR.

    O PM É A PRIMEIRA LINHA DO CONFLITO SOCIAL COM A MARGINALIDADE, TEM QUE TROCAR TIROS COM OS MALAS.

    POLICIAL CIVIL TÊM A OBRIGAÇÃO DE SABER TRABALHAR COM A INFORMAÇÃO E ENTÃO PRENDER A MALANDRAGEM.

    MUITAS DAS VEZES SOMENTE A INFORMAÇÃO NÃO RESULTA NA CANA DO MALA, E ELE NÃO CONFESSA O CRIME ESPONTANEAMENTE, É O POLICIAL CIVIL QUE DEVE PROVAR QUE TAL INDIVÍDUO PRATICOU AQUELE CRIME, PELOS MOTIVOS E PROVAS APRESENTADOS.

    TEM DOIS TIPOS DE MALANDRAGEM OS QUE TEM MEDO DA POLÍCIA E OS QUE AFRONTAM-NA.

    QUANTO A ESTE ÚLTIMO PARÁGRAFO, E QUANTO AO TEMA ESTUDADO, TENHO A REPETIR UMA FRASE DE UM COLEGA DO DEPOIS:
    QUANDO UM POLICIAL CIVIL SAI DE CASA LEVA UMA MOCHILA, QUE DEIXOU DO LADO DE FORA, E ANTES DE ENTRAR NA DELEGACIA DEIXA-A DO LADO DE FORA. E ASSIM VICE-VERSA.

    AO SAIR DE CASA O POLICIAL É UM POLICIAL, CASO NÃO AJA DESTA MANEIRA, A POPULAÇÃO INTERPRETARÁ DE OUTRA MANEIRA, ENTENDEU:

  99. Centurião disse:
    08/11/2015 ÀS 21:36
    60% dos paulistanos têm medo da PM, aponta Datafolha, e os outros 40% tem pavor, até as próprias esposas e filhos tem medo deles.
    ===============================================================================================

    Sua anta, responda por vc!
    Só tem medo da PM quem é correria, o que parece ser o seu caso.
    A Pesquisa foi feita onde, na cracolândia?
    Certos comentários de alguns, pseudos policiais, me causam estranheza, creio que não não tem só policiais comentando por aqui!

  100. Medo, os Contribuintes devem ter do Governador, pois vai fechas 97 escolas e vai ter que abrir 97 presídios pagos pelos Contribuintes. Esse País está de cabeça para baixo.

  101. PARABÉNS PELA ATITUDES DO GOVERNADOR EM CONTINUAR COM O MESMO OUVIDOR, AO MEU VER ELE NÃO É ÓTIMO, MAS OS OUTROS DOIS COM CERTEZA SERIA BEM PIORES, VAI PRO MEIO DOS INFERNOS CARA, COLOCAR PESSOAS DOS DIREITOS HUMANOS PARA SEREM OUVIDORES DAS POLICIAS, CARA TINHA QUE COLOCAREM JURISTAS BEM SUCEDIDO, PROMOTORES, JUÍZES, DELEGADOS FEDERAIS, OFICIAIS DAS FORÇAS ARMADAS.

    OBS; MAS QUEREM COLOCAREM ESSES VIADOS DO CARALHO QUE NÃO SERVE PARA NADA, NÃO AJUDA EM NADA AS VÍTIMAS DO SISTEMA ( POLICIAIS INJUSTIÇADOS, POLICIAIS PERSEGUIDOS, DENTRE OUTROS.

  102. É mais liso que quiabo e mais espertinho que flexa ! Mas a hora dele tá chegando em 15 de Novembro de 2015 quando as Forças Armadas acabarem com esta porca vergonha COMUNISTA ! ! !

  103. KAISER disse:
    09/11/2015 ÀS 13:14
    VAI DAR MERDA!!!

    PARABÉNS, VOCÊ NÃO ENTENDEU NADA!

    MAS VIVE EM QUAL PAÍS: U.S,A?

    OS U.S.A. É PAÍS DE PRIMEIRO MUNDO E TEM A MAIOR POPULAÇÃO CARCERÁRIA, ACREDITO QUE O NÍVEL CULTURAL DEVA SER SUPERIOR AOS DA POPULAÇÃO BRASILEIRA, MESMO ASSIM POSSUEM SUAS DIFICULDADES.

    No ESTADO DE SÃO PAULO, VOCÊ TEM A TECNOLOGIA QUE SEUS COLEGAS NORTE-AMERICANOS DESFRUTAM?

    NEM CHEGA PERTO.

    QUANTOS CRIMES RESOLVEU DE FATO? – OU FOI O ESCRIVÃO NO CARTÓRIO DE DESVENDOU O CRIME E O AUTOR.

    O PM É A PRIMEIRA LINHA DO CONFLITO SOCIAL COM A MARGINALIDADE, TEM QUE TROCAR TIROS COM OS MALAS.

    POLICIAL CIVIL TÊM A OBRIGAÇÃO DE SABER TRABALHAR COM A INFORMAÇÃO E ENTÃO PRENDER A MALANDRAGEM.

    MUITAS DAS VEZES SOMENTE A INFORMAÇÃO NÃO RESULTA NA CANA DO MALA, E ELE NÃO CONFESSA O CRIME ESPONTANEAMENTE, É O POLICIAL CIVIL QUE DEVE PROVAR QUE TAL INDIVÍDUO PRATICOU AQUELE CRIME, PELOS MOTIVOS E PROVAS APRESENTADOS.

    TEM DOIS TIPOS DE MALANDRAGEM OS QUE TEM MEDO DA POLÍCIA E OS QUE AFRONTAM-NA.

    QUANTO A ESTE ÚLTIMO PARÁGRAFO, E QUANTO AO TEMA ESTUDADO, TENHO A REPETIR UMA FRASE DE UM COLEGA DO DEPOIS:
    QUANDO UM POLICIAL CIVIL SAI DE CASA LEVA UMA MOCHILA, QUE DEIXOU DO LADO DE FORA, E ANTES DE ENTRAR NA DELEGACIA DEIXA-A DO LADO DE FORA. E ASSIM VICE-VERSA.

    AO SAIR DE CASA O POLICIAL É UM POLICIAL, CASO NÃO AJA DESTA MANEIRA, A POPULAÇÃO INTERPRETARÁ DE OUTRA MANEIRA, ENTENDEU:

    NÃO ENTENDI PORRA NENHUMA. DÁ PRA DESENHAR? VOCÊ ESTÁ MUITO METAFÓRICO. SE NÃO FOR POSSÍVEL FAÇA UM GRÁFICO PLANIFICANDO A METODOLOGIA EMPREGADA NA INVESTIGAÇÃO POLICIAL. É QUE COMO POLICIAL EU GOSTO DAS COISAS MUITTTTOOOOOO BEMMMMM EXPLICAAAADINHASSSSS.OBRIGADO.

  104. Fred Flintston ® disse:
    09/11/2015 ÀS 10:42
    Tem muito disso aqui no blog

    _____________________________________________________________

    O seu desenho explica bem….resume tudo!…rss

  105. Virgens de farda disse:

    07/11/2015 às 1:28

    Só uma pergunta: de onde o sociólogo tirou o dado de que a PC é tida como corrupta e a PM violenta? De fato o cara é desinformado, pois a meganha é mais do que corrupta, mas tem bom bom marketing e tenta a qualquer custo transmitir a idéia de que é composta de santos..
    —————————————————————————————————————————————————————–
    Só tem santos na pm?

    Ah é,
    Dimas também é considerado um santo!

  106. Inquérito Policial é um procedimento administrativo e dispensável, podendo ser suprido por outro meio mais eficiente e a cargo do MP, por exemplo. O auto de prisão de prisão em flagrante é uma atribuição do delegado que deve, obrigatoriamente, ser analisado no máximo em 24 horas por um juiz de direito, sendo um “poder” bem relativo, prerrogativas essas que diante do exposto, poderiam ser adotadas pelo próprio escrivão ou investigador, sem maiores transtornos. Assim, para que serve um delegado? Além do que, o Oficial da PM tem uma função similar ao Inspetor da PRF, Supervisor ou Cmte de Guarda Municipal, ou seja, sempre vai existir, independente do modelo adotado (municipal, civil, carreira única, etc), um nível de supervisão do órgão policial com atribuição preventiva, ou seja, quem é dispensável no contexto da segurança pública? Fica a reflexão.

  107. Um blog de policiais civis que só falam da PM, na mesma pesquisa está a polícia civil com 55%, proporcionalmente está pior, muito pior perante a sociedade paulista, vejamos: uma polícia que não se vê, não é linha de frente, com efetivo de 1/3 da PM, 55% é lastimável.

  108. 55% tem medo da polícia civil,

    Para seu conhecimento: ESTE BLOG NÃO É DE POLICIAIS CIVIS.

    Tampouco é patrocinado por policiais civis.

    Flit Paralisante – Polícia, Política, Justiça e a liberdade de expressão sem cerimonial – por rcguerra

    Ademais, o título da notícia corresponde á matéria original da Folha de São Paulo.

  109. A POPULAÇÃO SÓ VAI GOSTAR DE NÓS POLICIAIS QUANDO CRUZARMOS OS BRAÇOS POR 48H NO MINIMO ,,,,,,AI PODEM FAZER QUALQUER PESQUISA……QUERO VER NEGUINHO E BRANQUINHO PEDINDO MISERICÓRDIA,

O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do comentarista que venha a ofender, perturbar a tranquilidade alheia, perseguir, ameaçar ou, de qualquer outra forma, violar direitos de terceiros.O autor do comentário deve ter um comentário aprovado anteriormente. Em caso de abuso o IP do comentarista poderá ser fornecido ao ofendido!...Comentários impertinentes ou FORA DO CONTEXTO SERÃO EXCLUÍDOS. Contato: dipolflitparalisante@gmail.com

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s