Delegados da PF sobre o japonês: “vexatório, tragédia, patético” 45

Marcelo Auler

Na página do Facebook do MF sobre as dez Medidas Contra corrupção, a imagem que representa a Polícia Federal é a do japonês Ishii que sequer faz parte da Força Tarefa. Isso irrita os delegados - reprodução

Alheio à folia momesca, me valho do noticiário de alguns jornais e da internet para concluir que o Japonês da Federal não fez muito sucesso na folia de rua. Pelo menos no Rio de Janeiro. Por aqui, máscaras reproduzindo seu rosto parecem não ter agradado. Poucas foram vistas. Menos mal.

O japonês da federal, na verdade, só ganhou notoriedade por conta de o Departamento de Polícia Federal (DPF), através da Superintendência Regional do Paraná (SR/DPF/PR) ou da própria direção geral em Brasília, ter permitido sua excessiva aparição nas operações da Lava Jato. Foi uma estratégia – e aí vem a dúvida de qual o objetivo – ou um simples e repetido erro?

O fato de um agente condenado por corrupção, cuja expulsão do DPF foi revertida por uma questão técnica e não pela prova de sua inocência, tornar-se o rosto dos federais nas operações gerou desconforto interno entre seus colegas.

De tanto aparecer nas fotos das 22 fases da Operação Lava Jato escoltando presos, Newton Hidenori Ishii, 60 anos, virou o retrato do Departamento de Polícia Federal (DPF) na Operação Lava Jato para a população. Mais curioso ainda é a propaganda que aparece no Facebook relacionando o Ministério Público Federal e o juiz  Sérgio Moro (acima) com a campanha do abaixo-assinado para propor ao Congresso um projeto de iniciativa popular com mudanças nas leis de combate à corrupção.  Ali, junto ao juiz Moro e ao procurador Deltan Dallagnol – apontados como os dois principais paladinos da moralidade e honestidade no país – quem aparece ao lado não é nenhum delegado da Força Tarefa, mas o agente Ishii, que apenas escolta presos. Pior ainda, um condenado por corrupção. Ao que parece, falta coerência.

Essa excessiva exposição vem irritando seus colegas do DPF, inclusive e notoriamente, delegados. Entre estes, os que participam diretamente da Força Tarefa (FT) no Paraná. Uma delas*, no Facebook, comentou sobre o fato de serem representados por alguém que não compõe a FT:

“Por isso eu desisto…. Chega de virar noite (…) Ao menos se fosse um dos colegas que trabalham de fato”.

As críticas nas páginas dos delegados nas redes sociais, repetiram-se em diversos momentos. Eles consideram não ser o agente a pessoa adequada para representá-los junto à população. Criticaram, de forma um tanto quanto preconceituosa, até o fato dele provavelmente não ser articulado como deveria: “talvez não formule um frase com correção, é surreal” (sic).  Acham que faltou à instituição escalar alguém gabaritado para representá-la:

 “A ausência de um rosto nosso (seja qual razão for), fez a imprensa dar à PF o rosto de um “escoltador”. É patético…”,

resumiu um delegado do norte do país, um dos mais indignados com a situação e que mais comentários postou. Outro colega seu, lotado em Brasília, foi mais direto ao relembrar o passado do Ishii que Luis Fernando Veríssimo, em artigo irônico, intitulou de “Japonês Bonzinho”;

“Na verdade, o agente deveria era ter ido pra rua (…) Ter como rosto da PF alguém que foi demitido por praticar crime é uma tragédia”.

 

CORREÇÃO DO BLOG: Erroneamente, na legenda da ilustração acima, afirmávamos se tratava de uma página do MPF no Facebook. Erramos. O MPF do Paraná não tem página no Facebook. Trata-se de páginas de apoio à campanha, sem responsabilidade da instituição propriamente dita. Pedimos desculpas a todos os membros do MPF e ao leitores de um modo em geral.

Ishii, de férias a partir de quinta-feira (11/02) aguarda aposentadoria em maio

O passado de Ishii, policial federal desde 1974 quando passou no concurso e que conta os dias para aposentar-se em maio, tem  manchas. O processo que responde por corrupção, formação de quadrilha e facilitação de contrabando e descaminho, ainda não transitou em julgado. O Recurso Extraordinário que tanto o Ministério Público Federal como os réus condenados ingressaram no Superior Tribunal de Justiça (STJ), dormita no gabinete do ministro Félix Fischer, desde abril de 2015, a espera do julgamento.

Como Odebrecht, dúvida nas transcrições – O japonês ainda responde a uma Ação Civil Pública iniciada em junho de 2008. Com muitos réus entre policiais federais e auditores da Receita Federal, atravessadores e contrabandistas – eram mais de 40 inicialmente – o processo está em um ritmo lento, ainda na fase do depoimento de testemunhas. que a se encontra no interrogatório das testemunhas. Mas, curiosamente, nela, o agente Ishii e sua defesa levantaram a mesma dúvida dos advogados de Marcelo Odebrecht na ação que este responde na Operação Lava Jato:  a transcrição das gravações não foi fiel.

Sua expulsão pelo Processo Administrativo Disciplinar (PAD), e, 2009, acabou anulada por decisão do STJ, em 2014. Àquela altura, delitos administrativos já tinham prescrito, inviabilizando um novo procedimento. Ishii  briga na Justiça para reaver os valores que deixou de receber após ser demitido.

Disputado por partidos políticos – Mesmo sem condenação transitada em julgado, o agente japonês, teoricamente, não pode ser considerado um “ficha limpa”. Afinal, seu processo já passou pela segunda instância. O Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) ao julgar a Apelação Criminal impetrada pelos réus, reduziu sua pena. Mas, manteve a condenação.

Tal situação poderá prejudicar os planos que alguns políticos nutrem de lança-lo candidato. Como comentou uma delegada de São Paulo. Ao defender maior participação dos delegados na mídia, revelou sua conversa com um deputado federal:

“Vocês tem toda razão …. ! Precisamos reforçar o papel do Delegado na mídia. Falei com um deputado federal conhecido e ele me contou que vários partidos disputam a tapa o japonês da federal para candidatura em seus partidos. Fiquei chocada!!!”

Prontamente seu colega respondeu:

Um agente que agora é disputado a tapa pelos partidos.

E foi complementado pela colega da Força Tarefa:

“E ganha até para senador no Paraná.”

O colega do norte do pais ironizou:

“O azar dele é que as eleições, agora, são municipais, rs (…) 

Mas, ao comentar o posicionamento da colega de São Paulo, ele assumiu a parcela de responsabilidade, só não ficou claro se com relação ao papel dos delegados ou com relação à candidatura do agente:

“Não tenho dúvidas. Este é o nosso país. E, acredite, não somos inocentes nisso tudo. Temos culpa. Todos nós.

Passando o carnaval em casa, cuidando da filha que contraiu uma virose,  o agente japonês garante que não está nos seus planos ingressar na carreira política. “Não tem nada a ver. Não sei porque ficam falando estas coisas. Na realidade eu estou entrando em férias“. Mas, não será o primeiro se depois de negar se deixar morder pela mosca azul. Hoje, insiste, uma candidatura não faz parte dos seus planos: “Nem penso nisso. Não é minha pretensão. Vou trabalhar, me aposentar e vou para casa”.

Ishii passou a ser propagado por Kobayashi, após encontro  na  festa da  Rádio Educativa E- Paraná

Tucanos se apropriando – Ishi pode estar até sendo sincero ao dizer que não tem pretensões políticas, mas já está fazendo o jogo político. e sendo aproveitado politicamente. Basta ver as páginas do Facebook do jornalista e marqueteiro cibernético Sérgio Kobayashi. Tucano assumido, com passagens pelo governo de José Serra, na prefeitura de São Paulo, de Geraldo Alckimil, no governo do estado paulista e com Gilberto Kassab na prefeitura paulistana, hoje preside a RTVE – Rádio e TV Educativa do Paraná.

Com Alckimin, ocupou a Fundação do Desenvolvimento Escolar (FDE) e a verba que deveria ser prioritariamente usada na construção de escolas, pagava assinatura de jornais e revistas.

Bastou encontrar-se com Ishii nos 60 anos da E-TV do Paraná, em dezembro, para registrar o fato em um selfie e em seguida badalar o japonês em sua página do Facebook, sempre com críticas ao PT, Dilma e Lula, como tornou-se habitual em se tratando de Kobayashi. Desde então, sua página é alimentada por fotos e charges em que o agente federal do Paraná sempre aparece prendendo ou ameaçando algum petista.

Comunicação Social na berlinda – O japonês da federal diz desconhecer as críticas dos delegado – “nem tenho Facebook, como vou ficar sabendo”  – e garante que não foi transferido de posto, como noticiado recentemente. “Não sei de onde retiraram isso. Continuo na mesma função, só estou saindo de férias. A gente riu para caramba dessa notícia, de que eu tinha saído. O meu chefe, o superintendente também não sabia, o direto-geral também não sabia e tampouco eu“.

Sua colega do Paraná responsabilizou a imprensa e o próprio DPF pelo fato de Ishii tornar-se hoje simbolo da instituição:”Não há uma política institucional de valorização do nosso trabalho, a mídia pega aquilo que aparece, e  quem é escolhido pra as escoltas de presos famosos certamente aparece, a opção é da Administração” (…)

Nisso, o delegado do norte do país, complementou:

“A ADPF precisa sepultar a IN (Instrução Normativa) da mordaça, ainda que seja na justiça. Embora precisemos ter critérios, ela inibe a atuação junto à imprensa. Precisa ser reformuladas”

No comentário dos delegados, a crítica à Comunicação Social do DPF.

A crítica acabou caindo em um setor do DPF que sempre teve dificuldades internas: a Comunicação Social. Normalmente, seus responsáveis, ficam entre o mar e o rochedo e, não raro, apanham dos dois lados, pois nem sempre a política da direção do órgão é de transparência. Em governos passados, era bem pior, quando a Comunicação Social só divulgava o que interessava e escondia os erros encontrados. Bons tempos da dupla François Renne e Bruno Craesmeyer, que não brigavam com notícia e nem desprezavam jornalistas.

Hoje, as sindicâncias abertas a partir da Lava Jato para investigar vazamentos, escutas clandestinas e outras irregularidades, são um exemplo direto. À imprensa não se repassa o que realmente ocorre. Daí surgem as informações em off (sem a fonte aparecer). A crítica à Comunicação Social, também surgiu no Facebook dos delegados, no texto que reproduzimos ao lado.

A questão é que os delegados, no relacionamento com a imprensa trabalham de forma dissimulada. Seja pelas proibições internas – a Instrução Normativa que, oficialmente, impede o contato com jornalistas sem autorização superior -, mas também por um jogo de interesse. Quando vazam informações, principalmente para detonar suspeitos, transformando-os em réus antes mesmo de concluírem as investigações, na verdade fazem um jogo político. Em alguns casos, como na Lava Jato, nitidamente partidário, contra o governo e o PT. Em outros, pesam os interesses internos na corporação ou a vontade de aparecer e ficar bem com os jornalistas,.

Não raro, no dia-a-dia, há uma gama grande de delegados que sequer acompanham as investigações par e passo. São agentes, mais experientes e traquejados, que por estarem à frente dos caso, colhendo informações na rua ou mesmo no cruzamento de dados, detêm as informações relevantes e se tornam alvo dos jornalistas. Nestes casos, os vazamentos sempre serão em segredo, pois os APFs não podem se pronunciar, salvo em raras exceções.

O que fica nítido é que a figura do Japonês da Federal na Lava Jato criou mal estar até mesmo fora do DPF, como narraram alguns delegados:

  “Colegas, sem emitir juízo de valor, informo que recebi, inclusive de fora da PF, mensagens demonstrando preocupação com a exposição excessiva na mídia do APF da SR/PR, conhecido como “JAPONÊS DA FEDERAL”, e que poderia, em tese, criar transtornos para ele próprio, para a PF, e para a investigação realizada no IPL da Lava Jato”,

advertiu um deles, do Rio de Janeiro, sendo complementado por outro de Brasília:

“Um colega da PC/RJ (Polícia Civil do Rio) trouxe a seguinte novidade, que aponta para a necessidade de providências urgentes; Ele (o japonês) precisa urgentemente ser removido dos holofotes. Não se trata de fazer nada contra ele.  Apenas de retirá-lo das prisões importantes, promovendo um rodízio entre os agentes que a executam para evitar que sejam criadas celebridades que surfarão na onda da Lava Jato.”

Dentro e fora da Polícia Federal já há quem perceba que a super exposição do agente que já foi condenado pode trazer problemas à instituição e à própria Operação Lava Jato, no minimo suscitando desconfianças. Resta saber o que a Direção Geral do DPF busca atingir  mantendo-o na linha de frente. Só pode ser o descrédito de todo o trabalho, afinal, o simbolo da Polícia Federal na operação que se propõe a acabar com a corrupção no país é alguém condenado justamente por corrupção. Falta coerência.

 

 

*Como o interesse do blog é apenas noticiar fatos, sem gerar problema aos servidores federais que, ao fazerem suas crítica à administração do DPF, exercem um direito, deixamos de identificá-los publicamente. Situação diversa de quando atacaram autoridades, inclusive, a presidente Dilma Rousseff, o que fere a legislação que regulamenta o deveres dos Policiais Federais.

  1. Oras bolas! Essa é a polícia brasileira, antro de inveja pura; o policial operacional deve ser a sombra de seus chefes invejosos e sangue-sugas. Se os DELPOL da DPF querem aparecer, simples: vão trabalhar na linha de frente, abracem os presos famosos na frente da Globo.
    Aqui em São Paulo temos os Drs. Nico e Olim(deputado) sempre na TV de blá-blá-blá.
    Independente dos seus erros, o Agente Ishii está de parabéns.

  2. Sempre achei estranho o “todo-conectado-japonês”. Se soltar alguns daqueles fios, ele para de funcionar…
    Cada instituição tem o seu Mico.

  3. Lembro me quando o vi na terceira vez e pensei esse japonês deve ser fudido está em todas, mas não simplesmente colocaram no para uma função menos prestigiada. Kkkkkkk

  4. ALGUNS CHAMAM DE EGO, OUTROS DE INVEJA, ALGUNS DE DOR DE COTOVELO. O COMENTÁRIO DE ALGUNS DELEGADOS É ESCANCARADAMENTE PRECONCEITUO COM REFERENCIA A UM “SIMPLES” AGENTE DA PF. PERCEBEMOS QUE NO BRASIL ALGUNS CARGOS SÃO SIMPLESMENTE OCUPADOS PARA QUE GEREM STATUS AOS SEUS OCUPANTES. NADA MAIS DO QUE ISSO. NÃO HA QUALQUER COMPROMETIMENTO COM O TRABALHO. OUTRA COISA QUE PERCEBEMOS, NÃO SEI SE POR CAUSA DO CONSCIENTE COLETIVO, MAS QUE A FIGURA DE UM “JAPONÊS” COMO AQUELE QUE LEVA OS MALFEITORES PARA A CADEIA, ACABA AJUDANDO A DAR UM AR DE SERIEDADE E HONESTIDADE ÀS AÇÕES DA LAVA-JATO. DIGA-SE DE PASSAGEM QUE FOI MERO ACASO UM JAPONÊS SER LEMBRADO COMO O “PALADINO” DA JUSTIÇA. RESUMINDO, OS DELEGADOS E PROMOTORES DEVEM ESTAR PENSANDO O SEGUINTE: NA PRÓXIMA LEVA DE PRISÕES VOU DEIXAR MEU GABINETE ACARPETADO E COM AR CONDICIONADO E VOU PESSOALMENTE PEGAR OS PRESOS PELO BRAÇO COMO FEZ O PEQUENO GAFANHOTO E AÍ, QUEM SABE SOU RECONHECIDO NA RUA. BRASILEIRO É MESMO UM POVO IDIOTA.INDEPENDENTE DE SEU CARGO, CONTINUA COM SUA ALTO ESTIMA BAIXA. ACHO QUE É AQUELA FAMOSA SÍNDROME DO VIRA-LATA.

  5. Esse japonês é a maior prova de que delegado não faz absolutamente nada.
    Certamente todos delegados tem medo de aparecer na mídia como ele fez e acabarem perseguidos.
    E ainda assim morrem de inveja da fama que deram ao operacional.
    Delegados de verdade, se é que ainda existem, deveriam criar um movimento para acabar com a carreira jurídica que não tem lugar na polícia e dessa maneira, fortalecer não só a eles e a polícia como um todo, coisa que nunca fizeram.
    Antes que o ciclo completo venha e acabe com essa palhaçada.

  6. UÉ …. SE O JAPONÊS FEZ AS ESCOLTAS DOS PRESOS, É PORQUE ESTA APTO PARA TRABALHAR NA FEDERAL.

    se estão com inveja dele , !!!!!! então que escoltem os proximos presos. pronto ………………………………..

    mas se o japones da federal se candidatar ,,,, O MEU VOTO IRÁ PARA ELE…….

  7. CONCORDEM OU NÃO…… o japones da federal esta sendo um símbolo de , que quem aprontar sera escoltado por ele…..

    CUIDADO HEIM BARBUDÃO…..PELO JEITO O JAPONES ESTA ESPERANDO A ORDEM PRA PRÓXIMA ESCOLTA…………………………………..

  8. Esse é o famoso “tiro no pé”

    Ninguém quer escoltar preso, menos ainda um delegado, famoso “semi-deus”,

    Já havia ouvido boatos acerca de acusações contra o japonês, levando assim a crer que o colocaram ali para escoltar o preso como uma função desprezada, sem importância… belo tiro no pé…

    O cara passou a aparecer na mídia e virou meme do símbolo de combate a corrupção.
    Se ele é ou não é corrupto não tenho como dizer. Na realidade, se for, e como está no texto, se foi condenado, me espanta saber que não foi demitido. Oras, se foi e a justiça o reintegrou, creio que a demissão foi injusta.

    Então, por ter “ficado famoso” e apagado o brilho dos semi-deuses, passou a ser difamado, como se tivesse culpa por estar escoltando preso.

    É uma piada.

    Espero que ele tenha acesso a “reclamação” dos semi-deuses e procure a justiça para que esses “incorruptíveis” respondam pelo que resolveram postar.

    É uma pena que a polícia ainda hoje seja dividida em castas… delegados e o resto… mas isto só acontece pela omissão do “resto”…

    Não digo isto no mesmo sentido como alguns, que dizem que o delegado tem que dar a cara a tapa, tem que ir “pra linha de frente”… bem.. quem defende tais ideias ainda não conseguiu entender qual é a função do delegado… não conseguiu entender, também, qual é a função da polícia judiciária… tem ideia de patrulheiro… pensa que polícia é andar de VTR caracterizada pra lá e pra cá… usar uniforme… realizar “abordagens de rotina”… etc… enfim, é um patrulheiro na polícia errada.

    A vaidade a cada dia coloca a carreira de delegado mais no limbo… o delegado, via de regra, caga na cabeça dos subordinados, tratando-os como restos… e consequentemente… são assim tratados pelos promotores, pelos juízes… acabam sendo vítima de vaidades semelhantes…

    Quem sabe um dia as coisas mudem… só depende de cada um.

  9. Delta perdendo feio para operacional. Os caras estão se cagando de ciumes kkkkkkkkkkkkkkkk. Vai lá “dotô’ escolta o preso ué, não quer ser o fodão kkkkkkkkkkkk. Eita, lá como cá, tudo igual. Me fez lembrar de um Seccional, o “mardito’ só aparecia quando tinha câmeras e blá blá blá, de resto era um borra botas kkkkkkkkkkkkkk

  10. Sem essa de dizer que o “japonês da federal” já foi demitido e retornou, já foi criminalmente condenado, se encontra respondendo a processos etc. Ele é agente da polícia federal, está em plena atividade, caiu no gosto popular e, pelo visto, causa muita inveja entre os delegados.
    Da leitura das msgs postadas por supostos delegados da federal, fica nítida a inveja que nutrem do “japonês”, mormente porque o “povo”, fonte e destinatário do poder, gosta dele.
    Mas não se preocupem não!…
    Estudem, façam concurso para a magistratura federal, ou para agente federal, e aí sim receberão as palmas que gostariam de receber. Enquanto delegado, fiquem longe dos holofotes e cumpram seu dever.

  11. Será que o objetivo disso tudo não é demonstrar que a figura do delegado de Polícia não é importante.

  12. SE O JAPONES DA FEDERAL SE CANDIDATAR EM UM PARTIDO QUE SEJA CONTRARIO AOS PETRALHAS..

    MEU VOTO E DE MINHA FAMILIA SERA DELE.

    JAMAIS VOTAREI NA QUADRILHA DOS PETRALHAS.

  13. VOTO ATÉ NO JACARÉ SEM DENTE …..SE FOR PARA SER CONTRARIO AOS PETRALHAS.

  14. Esse japones nada mais é que um Carcereiro Federal.
    O problema é que o zé povinho é manipulado facilmente por Veja, Rede bobo etc

  15. Que babaquice hein… Delpol com inveja de APF???… Os caras ganham o dobro.. É o mesmo que dizer que juiz tem inveja de delpol pq este está aparecendo muito em alguma cana de repercussão… Vsf… Pode ter certeza que o japonês preferiria o dobro do salário aos holofotes da imprensa… O que percebi nos relatos é que indicam que o próprio japonês pode se ferrar pela exposição.. O que de fato está começando a ocorrer.. Estão levantando o passado dele pra dizer: “quem é esse japonês que está prendendo td mundo? Ah, ele é corrupto, já foi até demitido!!” Consequência: o japonês deve estar desesperado pra sair do foco e pararem de falar no processo dele. Fora que ainda diminui a lava jato como um todo, pq ficam falando q o japonês é corrupto e acaba respingando em toda PF. Além do mais, quem tá falando que o cara é operacional deve ser bem comédia mesmo… Buscar ladrão de colarinho branco em mansão qualquer Zé ruela busca, até eu… E pior ainda, o trampo nem é dele. É só apoio que vai segurar no braço e levar. Se ele já foi operacional mesmo deve estar fazendo este trampo despretenciosamente, pq sabe que só está lá pra levar e buscar, o que não é demérito algum, apenas não é o operacional neste caso. Ah, e detalhe, quem costuma aparecer na imprensa nunca é quem efetivamente levantou o trampo e deu a verdadeira cana… Esses não precisam disso… E papagaio de pirata não tem jeito, esses tem em td lugar…

  16. Os delegados ficam com inveja… Hahaha… Só eles querem aparecer. Tem que fazer igual o Dr. Nico, apareceu algo parecido com câmera vai empurrando todo mundo prá sair da frente e vai dando entrevista.

  17. A máquina difamatória dos petralhas é cruel e não perdoa ninguém! Junte-se a isso a inveja dos “sangues-azuis” da Polícia Federal e pronto!

  18. Delegado é sempre delegado e não consegue se aguentar. Tem que dar chilique. Disse assim o pobre, quero dizer, nobre delegado: “chega de virar noite… Se ao menos fosse um dos que compõem a força tarefa…”. Ora caro chorão, continue com seu bom trabalho na força tarefa, afinal vc deve ser voluntário nessa equipe não é? Tá se doendo por que o japa, que não é delega, ta aparecendo muito? Não esquenta não que em qualquer policia é sempre a mesma coisa……quem fica aparecendo demais, vira vidraça e vai tomar pedrada. Ou vocês se esqueceram do Protogenes?

  19. O japa parece PC, os PMs prendem, depois aparece a pczada escoltando o ladrão algemado como se fosse eles que prenderam.

  20. Eu com um holerite daquele queria mais é ficar escondido, dane-se quem aparece mais ou menos!!!!

  21. Bom dia Dr Guerra, peço desculpas pela indagação, que vai causar desconforto a muitos, porém, quem escalou o APF Ishii para TODOS as escoltas de presos? Afinal, aqui na PCSP trabalhar em TODAS as remoções soa como castigo. Quem o fez na PF pensou em uma coisa e acabou criando um problema de imagem.

  22. “VIGI MARIA”, RAPAZ, ATÉ O ISHII ERA CONTUMAZ “TRUTA” !. ELES NÃO ME DEIXAM ESQUECER DAQUELA FAMOSÍSSIMA MÚSICA, OU SEJA ” SE GRITAR PEGA LADRÃO, NÃO FICA UM MEU IRMÃO E SE GRITAR PEGA LADRÃO NÃO FICA UM “. RAPAZ !, AINDA BEM QUE NÃO COMPREI A MÁSCARA DESSE “CARA DE PAU “. E, ME AJUDEM AÍ Ó !….

  23. Aaaiii!
    Se inveja matasse, vários DPF’s teriam passado desta para a pior,… Ah, ah, ah

  24. Isto mostra que a policia federal esta cheio de serviço, agora que vai escoltar os presos inclusive abraçar o presos, vai ser delegado, portanto senhores carcereiros daqui para frente os senhores estao extintos.

  25. Vem Brimo, nos brivatiza, financia 60% juro baixinho, brimo coloca pedágio e bovo brasileiro arca com diferença de juro!
    Vem brimo!

  26. FUZILEIRO disse:
    14/02/2016 ÀS 0:02
    O japa parece PC, os PMs prendem, depois aparece a pczada escoltando o ladrão algemado como se fosse eles que prenderam.

    ============================================================

    Bem… a PM, via de regra, só prende comédia… em raríssimos casos, quando recebem alguma informação da PF ou através dos seus grampos ilegais, acaba prendendo “peixe graúdo”… mas… como a PM é polícia ostensiva, ou seja, tem por obrigação patrulhar, não investigar e realizar efetivamente prisões, precisa levar os “detidos” até a presença da autoridade policial… simples assim…

    Então, goste ou não, a cara da PM é deter o “suspeito” e levar até a presença da autoridade para que o indivíduo seja preso ou não. Quer algo diferente? preste outro concurso, deixe de ser patrulheiro e passe para o próximo estágio… que é fazer parte da polícia investigativa…

    Em todos os países é assim…. e em todos o patrulheiro nutre imenso ciúmes da polícia investigativa…

    O grande problema do Brasil é que a polícia investigativa está deixando a desejar… assim que criarem vergonha na cara… aí as coisas mudam.

    Nada contra os patrulheiros, precisam existir… são essenciais para a segurança pública… porém, todos sabemos que patrulhar é a base da segurança… o progresso do serviço é passar a investigar e daí por diante…

    Policiai Civil nenhum deveria escoltar presos… deveria existir apenas uma polícia estadual.. e o preso deveria ser escoltado pelos patrulheiros… mas isto, ao menos por enquanto, é utopia… uma polícia só… início carreira única… por enquanto é só sonho…

  27. Alguém assistindo o Fantástico???
    Chefe da DOP dando uma de valentão na abertura do programa…

  28. Querendo ou não a presença do japonês ficou marcada, talvez pelos seus traços nipônicos e seu inseparável ray-ban. Se isso foi bom ou ruim só ele sabe.
    Mas a dor de cotovelo dos delegados só vai aumentar a exposição do Japonês da Federal. E ser acusado não significa ser culpado pois tem muito canalha dando sorte por ai, então não adianta tentar diminuir uma pessoa dessa forma.
    A velha receita da melancia no pescoço seria uma boa forma para os super delegados recuperarem a exposição perdida.

  29. Muitos policiais são até engraçados, para não dizer retardados…

    Reclama do insulto dos nóias em consumir drogas em via pública, inclusive, nos arredores de delegacias, mas, fica puto quando um nóia é conduzido para o DP.

    Reclama do cidadão ultrapassando o sinal vermelho na frente do DP… um insulto a polícia… mass… além de não fazer nada a respeito, faz exatamente a mesma coisa… afinal.. é policial… pode fazer o que quiser…

    Reclama da falta de respeito do governo, que não reajusta o salário, não dá meios materiais para o trabalho, mas trata o cidadão como lixo no DP.

    Reclama do salário de merda que tem, mas se recusa a trabalhar, jogando o serviço nas costas de algum policial trouxe que abraça tudo.

    Reclama da falta de respeito dos “cidadãos”… mas quando algum policial é desrespeitado… e cagam na cabeça dele na mídia.. bate palmas.. apoiando a mesma mídia medíocre que outrora havia falado mal…

    Enfim… a mesma sociedade de merda que vemos no Brasil… existe nas instituições, inclusive na polícia… ou seja, as instituições policiais estão repletas de cidadãos de merda… que só fazem merda, só pensam merda… simples assim…

    Hoje poucos policiais se mantém na linha tênue que divide o policial do criminoso… muitos, a maioria alias, já ultrapassaram a linha e fazem parte do mundo do crime…

  30. Pera aí, o Japonês da Federal é Agente carcereiro, Agente de escolta ou Agente de investigação?
    Já ouvi tantas coisas e nada é resolvido e/ou feito…
    1. O Japonês, nem função certa esses repórteres sabem.
    2. O Japonês nem se candidatou.
    3. Os delegados não se conformam com um agente aparecendo mais do que eles.
    4. Eu acho que o preço do dólar vai subir.
    5. Nem vou dormir.
    6. Nem vou comer.
    7. Não te interessa.
    8. Não é da sua conta.
    9. Blá

  31. MANIA DE DELEGADO DE POLICIA ,..POLICIA DEVERIA SER DE CARREIRA ,ASSIM ACABARIA ESTA FRUSTRAÇAO DE INVEJOSOS COM ARRECADADORES PRORIOS

  32. COM A EXTINÇAO DE CARCEREIROS PROPONHO QUE ESCOLTA DE PRESOS SEJA FEITA POR DELEGADOS DE POLICIA….

  33. Extraído do Blog do Jornalista Lauro Jardim – O Globo – 18 fevereiro 2016 –
    .

    Margrit Dutra Schmidt, a irmã de Mirian Dutra Schmidt — a ex-amante de FH —, é funcionária fantasma no gabinete de José Serra, no Senado.

    Serra diz que ela trabalha como consultora, em casa.

    Mas o Senado proíbe os servidores de fazerem isso.

  34. é muito delegadinho e polícia pra pouca autoridade policial.
    E no fim das contas, tem ladrão pra tudo que é lado que se olhe….o melhor símbolo da moralidade que a pf tem.kkkkk.Causa inveja na própria pf….será que não tem exame psicoténico pra entrar nesta instituição…varios seriam diagnosticados com sociopatia, baixa auto estima, demência crônica

  35. Esta ai mais uma prova de que escoltar presos é castigo para os policiais tantos civis quanto federais, porem no caso do japonês da federal, o tiro saiu pela culatra.

  36. O Japonês caiu pra cima! kkkkk… O cara é “lixo”, botaram ele pro serviço “lixo”… E o cara estourou… Se ele se candidatar a qualquer cargo, à exceção de Governador e Presidente ele leva! kkkkkk… E os DELEGA cheio de mimimi pq queriam aparecer! kkkkkk… To rindo alto aqui! KKKKKKK Se f******… Não duvido que logo logo aparece Delega de braço dado com o MALA almofadinha só pra aparece na mídia tbm…
    Ta na hora de tomar vergonha na cara rapaiz… Se delegado tivesse se preocupando em ver policia forte eles tavam cagando pra um “simples APF” aparecendo na mídia… Eles iam aproveitar pra fortalecer a POLÍCIA e não denegrir o cara e ferrar a polícia. Pq é isso que eles conseguem… Sei lá, delegado pode mandar bem nos inquérito, mas a maioria é completamente INCOMPETENTE pra administração. O dia que isso mudar a polícia melhora.
    kkkkkkkk

  37. acordem policiais….inacreditável que tem colegas policiais que acreditam nessa farsa chamada “Dr” Moro? sabiam que a esposa desse “juiz” é advogada e acessora o PSDB do PR ? sabiam que o Pai de “Dr”Moro foi fundador do PSDB-Maringá-PR e apoiou a ditadura militar ? sabiam que CRIME DO BANESTADO cuja autoria era A QUADRILHA PSDB foi julgada e totalmente abafada/absolvida pelo “Dr” Moro ?(520 bilhões roubados do Estado)….políticos do PSDB (CERRA, FHC, Aécio Pó das Neves, Aloysio Nunes, TODOS CITADÍSSIMOS VÁRIAS VEZES EM DELAÇÕES E TOTALMENTE IGNORADOS PELO JUÍZ TUCANO….ACORDEM POLICIAIS…….(OBS…durante a semana o PSDB rouba a merenda das crianças e no domingo vai protestar contra a corrupção) ….opa…sabiam que o tal “japones da PF” já foi pego com a boca na botija ?

O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do comentarista que venha a ofender, perturbar a tranquilidade alheia, perseguir, ameaçar ou, de qualquer outra forma, violar direitos de terceiros.O autor do comentário deve ter um comentário aprovado anteriormente. Em caso de abuso o IP do comentarista poderá ser fornecido ao ofendido!...Comentários impertinentes ou FORA DO CONTEXTO SERÃO EXCLUÍDOS. Contato: dipolflitparalisante@gmail.com

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s