Favelado tem que morrer – Mãe de rapaz morto acusa BAEP de assassinato com fraude processual e delegada de prevaricação: “será chamada outra hora”. 12

‘Não tem jeito, favelado tem que morrer’, diz mãe de rapaz morto pelo Baep

Eletricista Douglas Cardoso da Cruz, de 22 anos, foi atingido por dois disparos; ela diz que ele era inocente

DE A TRIBUNA ON-LINE
Douglas tinha 22 anos e, segundo a mãe, não tinha
envolvimento com o mundo do crime (Foto: Arquivo Pessoal)

A dona de casa Janice Vieira Cardoso, de 42 anos, garante que o filho dela, Douglas Cardoso da Cruz, de 22 anos, não era criminoso. Ele foi morto por soldados do Batalhão de Ações Especiais (Baep) durante operação da Vila Caíque, em Cubatão.

Ela questiona toda a versão apresentada pelos policiais à Polícia Civil na noite do crime. Segundo o Boletim de Ocorrência, o rapaz, um eletricista demitido após os recentes cortes da Usiminas e que não tem outras passagens, estava armado e com drogas.

“Meu filho só foi levar a namorada à escola, como sempre fazia. Quando ele voltou, havia uma troca de tiros na minha rua. Era muito tiro. Ele correu para casa. Os policiais entraram e o arrastaram para fora. Meu filho foi levado para o mato, próximo ao mangue”, diz.

Janice conta que ela e a família tentaram ir junto, mas os policiais não teriam deixado. Momentos depois, Douglas apareceu baleado e morto. Segundo ela, mesmo assim, a ambulância que foi acionada pelo Baep o levou até o Hospital Municipal de Cubatão.

Não tem jeito, favelado tem que morrer. É assim que eles pensam, é assim que eles fazem. Para nós foi uma grande decepção, pois a gente acreditava na polícia. Meu filho foi morto sem qualquer motivo, porque eles tinham que matar alguém. Meu Deus”.

Janice tem cinco filhos e todos, segundo ela, estudaram, trabalham e mantém a vida longe do crime. Se não bastasse toda a situação, quando foi tentar dar a versão dela na Delegacia Sede de Cubatão, ouviu da delegada que seria “chamada outra hora”.

“O nosso único problema é que nós somos pobres. Entraram, pegaram ele e mataram com um tiro no queixo. Ele também levou uma bala no peito. Ninguém fez perícia, não perguntaram nada, tanto é que ele entrou no hospital como indigente”.

A mãe de Douglas também acusa a polícia de “plantar provas”. No dia seguinte, nesta sexta-feira (3), ela encontrou o casaco que ele usava com um projétil e, ao lado da roupa, o guarda-chuva que ele utilizou para acompanhar a namorada à escola.

“Agora eu só estou esperando o corpo ser liberado. Vamos fazer o velório e enterrá-lo aqui em Cubatão. Mas eu garanto: vamos buscar Justiça e quem o matou vai ter que pagar por isso. Infelizmente meu filho se foi. Acabaram com ele”.

Douglas Cardoso da Cruz tinha uma tatuagem de Nossa Senhora na barriga. Ele completaria mais um ano no próximo mês. O corpo foi levado ao Instituto Médico Legal (IML) de Santos e a polícia afirma que ele trocou tiros com os soldados.

  1. Se as circunstâncias da morte são as narradas pela mãe, lamentável.

    É um ciclo vicioso de violência, e jogando gasolina os programas de tragédia dizendo que tem gente morta na sua cidade, no seu bairro, na sua rua. E depois dos comercias tem mais, se você não morrer no intervalo.

    Infelizmente a falta de cultura, ou empatia mesmo, gera essa massa de bárbaros e sanguinários que não cobra do governo remuneração e condições decentes para quem se arrisca por eles, e ao mesmo tempo “apóia” e comemora toda morte pelas mãos da polícia como se absolutamente necessária e justificada fosse. Não se perde 1 minuto para considerar se a mãe do rapaz tem razão, nem 1 segundo para refletir e lamentar como um pivete de 10 anos foi condenado a ser bandido de carreira junto com os pais.

    Senhores, o mesmo pessoal que não se preocupa com favelado, não se preocupa com policial. Encarem a realidade, somos todos peões. Essas porcarias de paginas no facebook de admiradores disso e daquilo, instagram de policia que gosta de aparecer armado e de uniforme são uma babaquice sem tamanho. Parem de alimentar esse monstro.

  2. KKKK policial bandido é fogo… é a pior raça que existe…

    Policial bandido é assim… quando pratica algum crime e é flagrado… trata de executar ou intimar as testemunhas… exatamente como os bandidos sem funcionam fazem… afinal.. ele é bandido.
    A grande diferença.. .é que o bandido sem funcional precisa se esconder… já o bandido com funcional está por aí… rodando e intimidando quem quer que seja.

    Não é de hoje que os policiais bandidos intimidam quem quer que seja para perpetuar os seus crimes.

  3. Se as circunstâncias da morte são as narradas pela mãe, lamentável.

    É um ciclo vicioso de violência, e jogando gasolina os programas de tragédia dizendo que tem gente morta na sua cidade, no seu bairro, na sua rua. E depois dos comercias tem mais, se você não morrer no intervalo.

    Infelizmente a falta de cultura, ou empatia mesmo, gera essa massa de bárbaros e sanguinários que não cobra do governo remuneração e condições decentes para quem se arrisca por eles, e ao mesmo tempo “apóia” e comemora toda morte pelas mãos da polícia como se absolutamente necessária e justificada fosse. Não se perde 1 minuto para considerar se a mãe do rapaz tem razão, nem 1 segundo para refletir e lamentar como um pivete de 10 anos foi condenado a ser bandido de carreira junto com os pais.

    Senhores, o mesmo pessoal que não se preocupa com favelado, não se preocupa com policia. Encarem a realidade, somos todos peões. Essas porcarias de paginas no facebook de admiradores disso e daquilo, instagram de policia que gosta de aparecer armado e de uniforme são uma babaquice sem tamanho. Parem de alimentar esse fogo.

  4. Hoje todo mundo é “inocente”…a menina estuprada no Rio (das imundícies) também era virgem, puritana e inocente…rss!!

  5. mais uma mãe defendendo o filho morto pela policia./

    eu nunca vi uma mãe dizer ou concordar que o seu filho era um ladrão.
    para elas ladrões são os fllhos de outras mães.

    mas dela !!!! NUNCA.

  6. sera que este monte de ladrão que andam aprontando por ai NENHUM DELES TEM MÃE ?

  7. sera que os malas são órfãos de mãe ???????????????????????????????

  8. TATUAGEM DE N S APARECIDA NA BARRIGA / QUALQUER POLICIAL SABE O SIGNIFICADO.
    sera que a mãe dele nunca viu a tatuagem.???

  9. Essa porra tem que ser enterrado de cabeça para baixo, pois se brotar, ate chegar no Japão vai demorar muito, ou queimar e joga a cinza no bosteiro para ser tratado de possíveis infectocontagioso.

  10. Gostaria muito de saber quanto aos dois anos de salario (dissidio, ou como a reposição inflacionaria seja chamada) atrasado? Esta na CONSTITUIÇÃO GENTE!!! Não é possivel que ninguém consiga fazer com que ao menos isso seja cumprido, ninguem esta pedindo aumento, queremos a REPOSIÇÃO

Os comentários estão desativados.