Grande operação da Polícia Civil contra o PCC instalado na cracolândia; infelizmente – em razão do Antônio F.P. ter aniquilado os grupos especiais da PC – contou com o auxílio luxuoso da inimiga coirmã 107

Polícia faz operação contra tráfico na cracolândia e mira grupo de sem-teto

ROGÉRIO PAGNAN
ARTUR RODRIGUES
PAULO GOMES
FABIANO MAISONNAVE
DE SÃO PAULO

05/08/2016 09h17 – Atualizado às 15h48

A polícia de São Paulo realizou na manhã desta sexta-feira (5) uma grande operação de combate ao tráfico de drogas em dois pontos do centro de São Paulo, com a participação de 500 policiais civis e militares. A ação teve dois focos, um na cracolândia e outro no Cine Marrocos. Ao menos 32 pessoas foram detidas, segundo a polícia.

O prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT), afirmou que desconhecia a operação da polícia e fez duras críticas ao MSTS (Movimento Sem-Teto de São Paulo). Para ele, os líderes do movimento exploravam os moradores.

Entre os alvos da operação policial estavam lideranças do MSTS, grupo que ocupa o Cine Marrocos. Segundo investigação do Denarc (departamento de narcóticos), elas coordenavam a venda de crack e maconha, respectivamente, na cracolândia e na região da Galeria do Rock, também no centro. O MSTS, criado em 2012, é uma dissidência de outros grupos que lutam por moradia na cidade e já esteve envolvido em outras polêmicas como a cobrança de taxa de famílias –o que não é aceito por parte dos grupos de sem-teto.

OPERAÇÃO POLICIAL

Na cracolândia, pouco antes da ação desta sexta começar, os moradores perceberam a presença das tropas policiais montando a sua formação no entorno e começaram a recolher seus pertences. “Não corre! Não corre! É a polícia, sem correr”, gritavam alguns moradores. “Sem repressão”, disse um viciado, que levantava os braços para a tropa de choque em formação.

A operação policial começou por volta das 8h30, logo depois das equipes de limpeza da prefeitura realizarem a lavagem das ruas com jatos d’água na região da cracolândia. Policiais militares da Tropa de Choque cercaram todo o quarteirão.

Para dispersar os usuários de drogas, policiais da Tropa de Choque atiraram jatos d’água com um veículo blindado e dispararam balas de borracha e bombas de gás. Houve corre-corre e gritaria –alguns poucos usuários de drogas permaneceram dormindo no chão. Os moradores de rua se espalharam pelas ruas paralelas da cracolândia e alguns chegaram até a praça Princesa Isabel.

Depois, policiais civis passaram a arrombar hotéis e estabelecimentos comerciais na alameda Dino Bueno, onde fica o chamado fluxo da cracolândia. Ao menos seis estabelecimentos foram arrombados, com ajuda de aríetes para forçar as portas. “Prenderam uns irmãos do PCC [Primeiro Comando da Capital] lá na Dino e o negócio ficou feio”, dizia, às 10h, um usuário que se deslocou para a alameda Barão de Limeira. “Acho que eles querem acabar com aquele lugar.”

O repórter fotográfico da Folha acompanhou a incursão policial em um dos hotéis. No local, bastante escuro, várias portas foram arrombadas. Uma mulher com uma criança saiu de uma delas bastante assustada. Vários suspeitos e viciados eram retirados dos hotéis, alguns deles aparentando desorientação. Em seguida, eles eram colocados no chão algemados, e posteriormente levados para os carros da polícia. “Entra na viatura, entra”, disse um policial, que bateu o porta-malas do veículo sobre a perna de um dos detidos.

O principal ponto era um hotel na esquina com o largo Coração de Jesus, número 135. No local, além da sigla PCC pichada nas paredes, havia vários símbolos utilizados pela facção criminosa, como o yin-yang e o número 1533.

O delegado divisionário do Denarc, Alberto Pereira Matheus Junior, afirmou que o prédio era um quartel-general da facção criminosa. Ali, disse, operava um tribunal do crime onde eram decididas mortes de traficantes. “Ninguém vende uma droga aqui sem autorização [da facção criminosa]”, diz Pereira. Segundo o delegado, o tráfico na região movimenta R$ 4 milhões por mês.

Os agentes afirmam que aprenderam uma “quantidade muito grande” de crack e maconha –na região são comercializados de 10 a 15 kg de crack por dia, segundo a polícia. No hotel, foi encontrada também munição, além de duas armas de fogo rústicas. “Cadê o Jack Sparrow? É do Piratas do Caribe essa arma”, brincou um policial do GOE.

Pereira afirma que a operação tem mais de dez mil horas de interceptação telefônica. Segundo o delegado, as lideranças do tráfico na cracolândia foram presas durante a madrugada.

REPÓRTER DETIDA

Durante a operação, a jornalista Daniella Laso, da rádio CBN, foi temporariamente detida e teve seu celular apreendido por dois policiais. Em entrevista à rádio, Laso contou que estava filmando a operação quando foi abordada. As imagens feitas pela repórter foram apagadas.

Laso disse que começou a gravar imagens com o celular quando os PMs jogaram bombas de gás em moradores de rua que atiravam pedras contra os agentes. “Um policial chegou abordando o motorista e disse, com violência, para ele sair dali.”

A repórter afirmou que ela e o motorista que a acompanhava usavam crachás de identificação de imprensa, e que o carro da empresa também era sinalizado. “O policial pediu o meu celular e eu disse que eu não poderia entregar porque era meu instrumento de trabalho. Nesse momento o policial abriu a porta e puxou o Carlos, nosso motorista, para fora do carro. Outro policial abriu a minha porta e pegou o meu celular. O policial ficou muito nervoso e disse que ele iria me algemar e me jogar no chão, e que iria me retirar do carro para poder fazer uma abordagem.”

Após sair do carro, Laso teve seus documentos apreendidos, foi revistada por uma policial e avisada que seria levada à delegacia para ser enquadrada por desobediência. Após meia hora, os agentes a liberaram ainda no local e devolveram o aparelho celular, mas as imagens haviam sido apagadas.

Em nota, a CBN afirmou estar perplexa com a ação e que repudia veementemente qualquer tentativa de impedir o trabalho da imprensa. A Secretaria de Segurança Pública ainda não se manifestou sobre o ocorrido.

A Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão (ABERT) também divulgou uma nota de repúdio e solicitou às autoridades uma apuração rigorosa do ocorrido e a punição dos responsáveis.

“Qualquer tentativa de impedir que profissionais da imprensa exerçam seu trabalho deve ser condenada em respeito à liberdade de expressão e ao direito da sociedade à informação” diz a nota.

INVESTIGAÇÃO

A partir da investigação feita nos últimos meses, a suspeita da polícia é que pessoas alvo da operação atuem em sintonia com a facção criminosa PCC. O grupo alvo da operação, segundo investigadores do Denarc, é um dos quatro grandes mapeados na cracolândia, todos ligado ao PCC, e responsável pelo comércio de 100 kg a 150 kg de crack por mês na região.

Com base em interceptações telefônicas feitas com autorização da Justiça, a polícia suspeita da vinculação do MSTS no suporte logístico da facção e do comércio de drogas na cracolândia. O grupo, criado em 2012 a partir de um racha em grupos sem-teto, também é investigado sob suspeita de extorquir famílias sem moradia.

O movimento foi responsável pela invasão do antigo “Cine Marrocos” em 2013. A suspeita do Denarc é de que os últimos andares do imóvel serviria para realização de reuniões do crime organizado, assim com uma hospedaria da rua Dino Bueno, no chamado “fluxo” da cracolândia (onde os usuários de drogas se concentram).

Nos últimos dias, outras seis pessoas já haviam sido presas, e uma delas aceitou ajudar os policiais para apontar os chefes do tráfico e os códigos usados por eles nos telefonemas. Entre os alvos de mandado de prisão estão Robinson Nascimento dos Santos, coordenador-geral do MSTS, Lindalva Silva, vice-presidente do movimento, além do secretário-geral, Wladimir Ribeiro Brito, e da tesoureira, Elenice Tatiane Alves.

CINE MARROCOS

Dezenas de policiais do Choque e da Polícia Civil tomaram o antigo Cine Marrocos, na região central de São Paulo, por volta das 8h30 desta sexta-feira (5), em operação contra o tráfico de drogas.

Os dez primeiros andares do Cine Marrocos abrigam cerca de 300 famílias, que são obrigadas a pagar R$ 200 mensais ao grupo, como revelou a Folha em outubro de 2015. A investigação suspeita que esse dinheiro também era utilizado para compra de droga.

Procurados pela Folha, integrantes do MSTS não haviam se manifestado até a publicação desta reportagem.

Operações e tumultos na cracolândia

A cracolândia já foi alvo de uma série de operações das gestões Geraldo Alckmin (PSDB) e Fernando Haddad (PT) nos últimos anos, mas que não conseguiram impedir a concentração de usuários de crack e a presença dominante do tráfico.

Na região, Estado e prefeitura desenvolvem programas diferentes voltados aos dependentes. O programa Braços Abertos, criado em 2014 pela gestão Haddad, é baseado na redução de danos. O dependente é incentivado, pela oferta de emprego e renda, a diminuir o uso de drogas, sem necessidade de internação. O Recomeço, instituído por Alckmin em 2013, trabalha a saída do vício com tratamentos que incluem isolamento em hospitais e comunidades terapêuticas.

A última grande operação na região, em abril de 2015, transformou o centro em uma praça de guerra e deixou dois usuários e um PM ferido. Houve bombas de gás, barricadas de fogo, furtos a pedestres e depredação de ônibus.

A ação desastrosa foi resultado de uma desarticulação entre prefeitura e Estado. O então secretário estadual da Segurança Pública, Alexandre de Moraes, dizia não ter sido avisado da iniciativa da prefeitura para desmontar a “favelinha” e atribuía os problemas na região a uma questão social, e não policial.

Já Haddad falava que as ações estavam coordenadas e que cabia à polícia a repressão ao tráfico de drogas. À época, a prefeitura comemorou os resultados, dizendo que dependentes haviam deixado a região ou aderido ao programa Braços Abertos.

Dois dias depois, no entanto, a aglomeração de usuários migrou para a quadra ao lado. Na primeira semana, o fluxo chegou a mudar três vezes de lugar. Em agosto, a “favelinha” –desta vez com guarda-sóis além dos barracos com sacos pretos, para esconder o tráfico e o uso dos cachimbos– também voltou.

*

CRONOLOGIA

Jan.2012 PMs fazem operações nas ruas e desocupam imóveis abandonados que eram usados por usuários, usando inclusive bombas de gás. Dependentes que se concentravam na rua Helvétia dispersam para outros pontos da região central

15.jan.2014 Assistentes sociais e funcionários de limpeza da prefeitura retiram usuários de drogas e limpam a rua ocupada por usuários. Segundo a prefeitura, 300 pessoas foram cadastradas no programa Braços Abertos. O tráfico na região, porém, persistiu

23.jan.2014 Três policiais civis à paisana vão ao local para prender um traficante e usuários reagem com paus e pedras. A confusão aumentou com chegada de reforços e dois quarteirões foram isolados. O tumulto terminou com cerca de 30 detidos

11.mar.2014 Frequentadores da região jogam pedras contra guardas da GCM depois da prisão de duas mulheres flagradas por câmeras de monitoramento vendendo drogas na região

27.mar.2014 Depois de três pessoas serem presas por tráfico de drogas, segundo a PM, um grupo de usuários depreda quatro carros da polícia com pedras e paus. Polícia revida com bombas

18.set.2014 Policiais militares atiram bombas contra usuários de crack após dependentes jogarem pedras em guardas-civis e funcionários da prefeitura que faziam limpeza na região

6.dez.2014
Durante embate com usuários, pelo menos cinco veículos da GCM (Guarda Civil Metropolitana), segundo a prefeitura, são depredados por dependentes de crack

29.abr.2015 Uma operação desarticulada e desastrosa da prefeitura e do governo do Estado para desmontar a cracolândia transforma o centro em uma praça de guerra, com bombas de gás, barricadas de fogo, furtos a pedestres e depredação de ônibus. Dois dias depois, fluxo retornou à quadra ao ladoi

  1. Estamos acabando por culpa exclusiva dos nossos dirigentes ineptos, letárgicos e venais e não em razão do AFP.

  2. Pura perda de tempo. Depois o presidente do STF coloca-os todos na rua. Isso sem mencionar que ‘pequenos traficantes’ contam com a benevolência dos senhores magistrados.

  3. Isso já virou rotina na pc.
    Teve a cana do DEIC que a rota foi chamada.
    Cana do DENARC e a pm é chamada.

    E a culpa é dos operacionais. huahuahuahuahuahuahuahua
    Quem chama a pm não são os operacionais, tenha certeza disso.

  4. Acho que estão moderando o comentário, mas vai outra vez!!!!!
    Isso já virou rotina na PC.

    Cana do DEIC teve apoio da rota.
    CAna do DENARC apoio da pm.

    Pode ter certeza que não são os operacionais que acionam a pm.

    O ultimo que sair apague a luz. ou vão trabalhar no necrim (juiz no tapetão) kkkkk

  5. Nada como um ano de eleição! Tudo isso porque o Chuchu está se esforçando pra eleger o muitíssimo milionário João Dória Júnior (bagatela de R$ 180 milhões).

  6. Referente á repórter, esse tal repudio, não passa de uma desculpa para a imprensa atrapalhar o serviço policial, gostaria de ver um secretário de segurança pública, vir a público e informar a imprensa que ao acabar a operação toda as informações serão prestadas, esses repórteres se acham o tal, um bando de urubus na carniça torcendo pra qualquer assunto virar a fofoca que eles chamam de reportagem.

  7. viram as maquininhas de caça niquel nas fotos kkkkkk 77 se fudeu

  8. Essa Polícia só vai mudar quando acabar e começar de novo. disse:
    05/08/2016 ÀS 20:47
    Estamos acabando por culpa exclusiva dos nossos dirigentes ineptos, letárgicos e venais e não em razão do AFP.

    É isso mesmo, doa a quem doer……
    Escravidão acabou, vão continuar com leonismo , tudo para eles e nada para os outros….

    Quem senta à mesa com SSP e Gov. e dá satisfação sobre a PC, são nossos dirigentes, que abandonaram o barco….

    Essa conversa mole de chupim só serve para calça branca…..

  9. Sem aposentadoria especial, sem reajuste salarial, sem promoções justas, sem condições reais de trabalho, vão cobrar a pqp.

  10. PC tá nessa fossa pq Oficia PM tem muito mais moral e briga mais que delega, que quando faz algo faz pra si mesmo.

  11. Fazendo operação caça nóia em local lotado de caça níqueis e ninguém viu. Só o recolha da centro é que vê.

  12. Operação cidade limpa. Vamos expurgar do centro os abandonados pelo poder público. Afinal, é época de olimpíadas e como vivemos de aparências, vamos mostrar aos estrangeiros que tudo corre as mil maravilhas por aqui.
    Como a atuação da Polícia Civil, parece que estamos motivados para trabalhar, que temos efetivo suficiente para prestarmos um serviço de mínima qualidade para a população, que recebemos salários compatíveis com a responsabilidade e risco da profissão, tudo parece….

  13. mas e ai …………..

    e a prefeitura que paga hoteis para os nóias da cracolandia…..
    sera que eles tambem não sabem de nadinha ????????

    o pessoal da prefeitura são santinhos nesta história ai ??????????????

    sera que o pessoal da prefeitura paga hotel para os traficantes ??????????????

  14. é que caiu a casa dos sem tetos ..
    invasores da região central… tudo com parceria do pessoal da prefeitura ……………….

  15. A polícia nunca prestou serviço de mínima qualidade para a população . Responsabilidade? Risco? Duas grandes mentiras. Risco é ser cidadão produtivo.

  16. A grande verdade é que é muito bom ver as duas policias trabalhando juntas e foi um belo trabalho diga-se de passagem.
    Na PM temos a impressão contraria, na verdade nos pensamos que os Delegados tem muito mais moral, a grande verdade? Nenhuma policia tem moral é so olhar para os nossos salarios, estamos a e anos sem termos o reajuste da inflação, e aqui ainda tem sonhador que pensa que a PM ou a PC tem moral com o governador? O governador não está nem aí para ninguem!!!
    No mais senhores, essa operação vai trazer retaliações por parte do crime organizado, e também veremos acontecer mais roubos a bancos e empresas de valores para a facção fazer o fechamento do caixa.
    Olho vivo e pé ligeiro sempre, recuar nunca, mas agora que foi bater de frente de tem que redobrar a cautela!!!!

  17. Guerra, dessa vez discordo de você… Quem mais líquida a Polícia Civil é a própria população, que vota nesses politicos de sempre, sem usar um neurônio…

    E grande parcela de culpa tem a nossa direção, sim, porque ao invés de lutar por melhoras pra todos nós…

    Não vejo a Polícia Militar em melhores condições, estão num mato sem cachorro como nós estamos… Possuem umas vantagens a mais e mais nada.

  18. Garra, goe, ger e afins e tudo embusteiro; alguns parecem que vão para a guerra; mas mal produzem. Quando pegam alguns noias acham q fizeram o trabalho fenomenal. Ridiculo ver o goe patrulhando Brooklin, sendo que o Grajaú, angela, capão redondo estão as moscas. Saiu uma matéria que bairros periféricos tiveram uma explosão de crimes, como o roubo. Espero que agora os policiais destes grupos vá para os extremos. Policiais de verdade são do fundão, que entregam intimacao, cumprem mandado. E não esses playboys que só gostam f desfilar e fazer cara feia. Aliás, há alguns anos, o goe não vou roubado? Hahahhahahaa piada esses grupos

  19. Respeito o Goe e o Garra…quando precisei apoiaram….Ger nunca vi!!
    Mas verdade seja dita…
    Só fazem patrol e cavalete no Centro.
    As barcas do Garra e Goe saem lá do 65° de manhã sempre sentido Centro.
    Por que não saem sentido fundão ZL?
    Respeito é tal…mas no fundão nunca vi!

  20. Quando eu era garoto, trabalhei no centro e, de vez em quando, tinha uns trocados ia ao cinema, Marrocos, Marabá e Olido e Ritz . Mas depois cinema virou coisa de shopping e a a esquerda fez a multiplicação da miséria (indústria da miséria, como tinha a indústria da seca) e a degeneração da PC, aí veio a onda zumbi do crack nas ruas e a onda de invasões do MSTS (“roubar é um direito social”) e o resultado é esse centro que está empobrecendo a cada ano.

  21. O Goe poderia ficar restrito a realmente operações especiais e as delegacias deveriam ter equipes (um dupla de policiais e uma viatura) para começar a atender o 190. Ter duas polícias é algo só prejudica a segurança da sociedade, criando muita burocracia, alto custo, pouco eficiência.

  22. a verdade é que o centro ta cheio de feinho…..

    quem andar um pouquinho la …vai reparar , que nunca se ve tanta gente feinha…… ta doido……

    parece aquelas cidades abandonadas, com um monte de gente perambulando iguais a zumbis….a enorme maioria desocupados. de todos os cantos do brasil…..

    praça ??? nem pense em sentar em algum banco daqueles…. saira de la arrependido com certeza…..

    o bando de feios que ocupou o centro ……. meu deus …. só jesus mesmo……

    prefiro mil vezes andar no meu bairro … da zona leste ……………

    pasmem …… aqui tem muito menos feinho que nas ruas centrais………………………….

  23. até hoje eu nunca entendi … o porque de ter aquele monte de desocupados , ocupando a praça da sé……

    é nos canteiros… nas bocas do metrô …nas ruas proximas …

    a real é que a região central … esta ocupada por uma enorme quantidade de malandros e desocupados……..

  24. exescravão,

    Pare de colocar tudo na conta da esquerda.
    Meu caro, a degeneração da PC decorre dos milhares de vagabundos e incompetentes que tomaram a instituição de assalto.

  25. é verdade.

    a região central a cada dia que passa parece uma reunião de zumbis..

    ou cidade dos zumbis.

  26. ai ai ai:

    Vejamos, na seguinte reportagem, os MUITO OCUPADOS da republiqueta de banana brasilis!

    Santana e Mônica são soltos após pagarem fiança de R$ 31 mi

    Santa e Mônica: casal está proibido de atuar em campanhas eleitorais até uma nova decisão sobre o caso
    Da AGÊNCIA BRASIL
    O marqueteiro João Santana e a mulher dele, Mônica Moura, deixaram a carceragem da Polícia Federal (PF) em Curitiba por volta das 16h30, após serem libertados por uma decisão do juiz Sérgio Moro.

    Em troca da liberdade, Moro estabeleceu o cumprimento de medidas cautelares, como o pagamento de fiança de R$ 31,4 milhões e a proibição de atuarem em campanhas eleitorais até uma nova decisão sobre o caso. Os valores já estavam bloqueados. Eles estavam presos há cinco meses.

    Na decisão, Moro decidiu soltar o casal depois que eles admitiram, em depoimento na ação penal em que são réus, que receberam U$S 4,5 milhões no exterior referente a uma dívida de campanha de 2010 da presidenta Dilma Roussef.

    O juiz criticou “a naturalidade e a desfaçatez” com que Santana e Mônica admitiram o caixa 2 na campanha, mas entendeu que a prisão preventiva não é mais necessária porque a ação penal está próxima do fim. A próxima fase será a sentença.

    De acordo com o juiz, o uso de caixa 2 nas campanhas eleitorais “é trapaça” e afeta o processo político democrático.

    “O álibi ‘todos assim fazem’ não é provavelmente verdadeiro e ainda que o fosse não elimina a responsabilidade individual. Se um ladrão de bancos afirma ao juiz como álibi que outros também roubam bancos, isso não faz qualquer diferença em relação a sua culpa. O mesmo raciocínio é válido para corruptores, corruptos, lavadores de dinheiro e fraudadores de campanhas eleitorais”, argumentou Moro.

    Após o depoimento do casal, o PT declarou que todas as “operações do partido foram feitas dentro de legalidade”. O partido também ressaltou que as contas de campanha eleitoral de 2010 foram aprovadas pela Justiça Eleitoral.

    A presidenta Dilma Rousseff afirmou em seu Twitter que não autorizou pagamento de caixa 2 “a ninguém”. “Se houve pagamento, não foi com meu conhecimento”, afirmou Dilma.

    Fonte: EXAME.com
    Data: 01/08/2016.

    Percebestes, ai ai ai, onde estava (e continua) a MONTANHA DE DINHEIRO que poderia tirar milhões de brasileiros dessa miséria social?

    Qual o patrimônio de quem paga R$ 31.000.000,00 (TRINTA E UM MILHÕES DE REAIS) de fiança?

  27. A polícia civil está ótima, quem precisou de apoio foi a PM…sem os grupos de ELITE da PC a PM jamais entraria na crakolândia…e não esqueçam: PRODUÇÃO…PRODUÇÃO…PRODUÇÃO.

  28. FLIT PARALISANTE 06/08/2016 às 18:29

    exescravão,

    Pare de colocar tudo na conta da esquerda.
    Meu caro, a degeneração da PC decorre dos milhares de vagabundos e incompetentes que tomaram a instituição de assalto.

    ============================================

    Guerra,

    O problema é que quem vai trabalhar a sério sabendo que, mais cedo ou mais tarde, vai desagradar alguém na cadeia alimentar da corrupção e vai ser transferido (bonde) ou demitido. “VIA RÁPIDA” e não será reintegrado “RESÍDUO ADMINISTRATIVO”?

    A “Via Rápida” gera os vagabundos e os baixos salários atraem os incompetentes.

    E o governo sabe de tudo isso.

    A esquerda criou um ambiente negativo para o trabalho policial, afinal o caos social é o terreno fértil para revolução. E isso não apenas no Brasil.

  29. É….. Parece que o 15 / 30 da região central vai ser magrinho este mês. Se essas operações “estoura biqueira” se tornarem constantes a puliçada vai pedir transferência de unidade.

  30. Pare de colocar tudo na conta da esquerda.
    Meu caro, a degeneração da PC decorre dos milhares de vagabundos e incompetentes que tomaram a instituição de assalto.

    Comentário magnífico, Doctor.

  31. Freeman,

    Depois de 5 anos de demissão eu olho a polícia sem paixão e, especialmente, sem rancor
    Aqui fora tudo funciona. A única coisa que não funciona é a segurança pública. Digo mais, por culpa dos próprios policiais. Policial é prostituta barata. Nem ficar cheirosa sabe
    .

  32. Demoro tem mais é que trabalhar juntas nessas operações mesmo policia é policia tanto faz a militar como a civil cada um tem as suas atribuições um se faz presente por sua farda e viatura e a outra tem que ser descaracterizada onde para uma policia é local incompatível com a função a outra tem que estar presente.

  33. Onde vc viu algo de ruim acontecido entre as duas policiais nessa operação conjuntas Adm desse espaço, para justificar tamanha ignorância quanto ao seu tópico, ultimamente vc só está levando pau nos seus medíocre comentários hein, caramba, para que tanta maldades assim, porque semear tantas discórdias entre as policias, todos estão no mesmo barco se afundando, colega, vc é que está dando opinião num lugar errado tá, apesar de vc ser o Adm desse espaço, vc nem policia é, diante disso, deveria ficar apenas na administração com esse bico fechado, vc só está dando pazada ultimamente, se toca cara, olha no espelho, seja razoável, ninguém está concordando com as suas babaquices.

  34. Jacaré, partindo desse princípio, também não poderia comentar, porque também fui demitido e muitos discordam de mim, o que eu até acho interessante, porque acredito que somos milagres de Deus, mas só Deus é onisciente.

    De qualquer forma,

    I had to close down everything
    I had to close down my mind
    Too many things to cover me
    Too much can make me blind
    I’ve seen so much in so many places
    So many heartaches, so many faces
    So many dirty things
    You couldn’t even believe

    I would stand in line for this
    It’s always good in life for this

  35. JACARÉ SEM DENTE,

    Quem lhe disse que ninguém está concordando com o administrador? eu estou.

  36. Senhores

    Não vislumbro motivo para tamanha “celeuma”. QUEM TUDO FAZ, NADA QUE FAZ PRESTA!.
    Portanto, SERVIÇO OSTENSIVO, atribuição aos UNIFORMIZADOS e o INVESTIGATIVO a POLICIA JUDICIARIA, havendo necessidade, as duas em conjunto. A prática é indicada e seria por demais interessante se fosse observada sempre!

    é o que penso

    C.A.

  37. A PC só trabalha porque os delegados têm de segurar suas cadeiras.
    Este maldito psdebosta fez certinho. Deu dinheiro para o chefe, daí é o efeito cascata, digo, cascateiro. O delegado continua a mentira e manda os empregados trabalharem.
    Esta operação poderia ter dado merda, aí eu queria ver quem ira segurar a pica.
    Um advo para o juri não sai menos de 50 mil, para acompanhar o desgraçado do policial na corro, 5 mil.
    Senhores operacionais!, não façam nada que os senhores estarão fazendo muito.

  38. Boa noite,

    Eu acho que, o que foi feito esta certo; Polícia Cívil é investigativa, e Polícia Militar é ostensiva e repressiva. O que não está certo são os salários dos sofridos policiais, que muitos amam a profissão, mas são” prostituidos” pelos governos. Quanto aos Grupos Especiais da Polícia Cívil não deveriam existir porque nunca agem e nunca estão presentes quando precisamos, mesmo porque, quando há algum problema é o 190 (COPOM) que nos atende com presteza, claro que, do mesmo jeito que há canalhas na PM há canalhas na PC, o que é muito triste porque estamos no mesmo barco, e ver a desgraça do colega muitas vezes dão prazer a alguns. “Prazer na dor dos outro”, isso seria motivo de terapia para alguns, assim como motivo de buscar Deus no coração, quem sabe além desta vida há algo mais.
    Aproveitando o ensejo fico feliz que o velho senhor C. A esteja vivo, pois já estava com remorso das minhas discussões com ele. Seja bem vindo. 😉

  39. Não sinta remorsos, sou Investigador antigo, madeira de aroeira para amansar doido!

    C.A.

  40. Ae cambada de burro. Vcs acham que os maquineiros não sabiam da operação ??? Polícia não pode ser ingênuo , quiça trouxa, que pelos comentários é o que mais tem. Oooo saudades das veraneios c14 e dos opalões… Agora tem trailblazer, Hilux… Parece o pastel da dona nicinha aqui de perto: pusta pastelzão bonitão e tals, mas dentro, só vento. Mas vento de ar em movimento , não o outro ” vento” . Aliás essa ” new generation police” só tem polícia com ar em movimento dentro da cabeça . Saudades do Plaza.

  41. Celeção Holímpica disse:

    nao pudemos aprender as maquinas, seccional centro virou maquina de grana. os caras que recolhiam para aquele tal caipira estão la ainda uns no 1 dp e o resto tudo na sede, gosado é o delegado seccional nao ver o que esta acontecendo na rua rsrsrsrsrs

    NAO PODEMOS ACEITAR UM DELEGADO SECCIONAL SER CONIVENTE COM TUDO ISSO, QUEM PUDER PASSA PARA ELE QUE TEM UNS 3 RECOLHAS LA QUE ESTAO USANDO O NOME DELE UM DE CABELO BRANCO UM DE COR, E UM COM PELE MORENA KKKKK

    ACHO QUE O CHEFE DOS TIRAS E O SECCIONAL NAO SABIAM DESSA KKKK NEM DA PAJE NEM DAS MOTOS

    ME AJUDA AI OHHH

    AVISA LA ELES ALGUEM

  42. 4 de agosto de 2016 Publicações Sobre o Sindicato

    OU NOMEIA; OU FECHA DELEGACIAS; OU COLOCA UNS BONECOS PRA TOMAR CONTA…

    Por que os bonecos?

    1 – Fazem escala 24 horas por dia, 365 dias da semana sem se importar com família, saúde e dignidade; (os policiais de verdade também)

    2 – Não reclamam das condições de trabalho, estão sempre em riste, à postos, não temem fuzil, metralhadora, morteiros; (os policiais de verdade também)

    3 – Suportam numa boa reclamação e pedidos absurdos de ONGs, mídia, malas, advogados de porta de cadeia de malas; (os policiais de verdade também)

    4 – Seguram as pontas de TUDO. Suportam TUDO. Nunca deixam a peteca CAIR; (os policiais de verdade também)

    5 – Não são politizados. Não expõem a realidade para a população e o melhor de tudo: embora não votem a favor, também não votam contra. Aliás, nem título de eleitor têm. Portanto, não influenciam politicamente a população em geral, nem a mídia, nem a sociedade, a comunidade religiosa em que atuam, nem os CONSEGS, etc. Muito menos saem expondo a realidade nua e crua para todas as Entidades de Classe do Brasil, num click de zap, num click de face, num #. (já os policiais de verdade…)

  43. Negócio é o seguinte. Braço de amputado e olho de toupeira cega. Depois que cortei meus braços e olhei pro sol com lupa nunca mais nenhum mal caiu sobre mim. E continuo recebendo o mesmo dinheiro se Deus quiser até ficar bem velhinho. Dou mais valor ao mato que cresce na beira da estrada do que à polícia e à sociedade.

  44. alguem ja avisou o SECCIONAL CENTRO,, alertando que 4 tiras dele estao acabando com a area central? extorquindo comerciantes, e tudo da SECCIONAL mesmo, do lado dele e nao ve?

  45. Vai lá você é avisa o secc ,uai. A, já sei: não tem CU pra isso, né? Maria Fofoca do caralho!

  46. COLEGAS !, PRECISAMENTE NO ANO DE 1976, INGRESSEI NA FUNÇÃO DE ESCRAVÃO, ESTAGIANDO NO EMÉRITO 3º D.P., TENDO COMO CHEFE O MEU SAUDOSO E AMIGO GUERINO M. CURSI, DEPENDÊNCIA ESSA QUE SE SITUAVA NA RUA VITORINO CARMILO. ACONTECE QUE DAQUELA ÉPOCA,E MAIS PRECISAMENTE HÁ UNS VINTE E CINCO, ANOS, A NOSSA EGRÉGIA POLÍCIA CIVIL SÓ TEM E EXISTEM, LÓGICO COM RARÍSSIMA EXCEÇÕES, UM MONTE DE BUNDÕES MOLES, E PARA TANDO, OS ANTIGÕES QUE .OS DIGAM. NÃO EXISTIA NADA CONTRA OS VERDADEIROS POLICIAIS, TANTO CIVIS COMO MILITARES, MINTO,!. OBVIO QUE OS SEMPRE DESGOVERNOS, INCLUSIVE O ATUAL, QUE HÁ 24 (VINTE E QUATRO) MESES NÃO NOS CONCEDEU NENHUM CENTAVO DE AUMENTO. AMIGOS E COLEGAS DA GRANDE SAMPA, É POR ESTE E OUTRAS POUCAS VERGONHAS ENGENDRADAS POR ESSES DESGOVERNOS SAFADOS QUE, SEMPRE DISSE E CONTINUAREI A DIZER E, ME AJUDEM AÍ Ó !…

  47. C.A. disse:
    07/08/2016 ÀS 22:22
    Não sinta remorsos, sou Investigador antigo, madeira de aroeira para amansar doido!

    C.A.

    nnn—–

    essa foi boa kikikikikikikiki

  48. Boa tare,
    este é o senhor C.A Investigador aposentado e acho que advogado também;

  49. O que seria da Polícia Judiciária sem o senhor C.A: um ícone, o que seria sem ele na PCESP, é uma grande perda da PC, sentimos saudade de tão doce criatura, sua modéstia, sua simplicidade, sua candura, sua amizade, seu bom humor, nossa admiração é tanta que ele sem imagina. Abçs. 😭😂😉

  50. Senhores

    Ironias a parte, Froid explica muitos comportamentos adotados neste espaço virtual.

    C.A.

  51. As entidades que negociarem aumento até a aprovação do acordo sobre as dívidas entre estados e governo federal, terão o aumento pago. Agora nós da Polícia Civil, que possuímos entidade que nada fazem, ficaremos dois anos sem aumento salarial.

  52. Boa noite!
    Eu conheço o c.a., já trabalhamos juntos.
    Acho que é do ABC, mas trabalha na capital.
    Boa gente!!!! Antigao

  53. Decisão importante, acho que beneficia muita gente, principalmente policiais sindicalizados…

    EFEITO EXTENSIVO
    Associados de sindicato não precisam ser incluídos no polo passivo de ação

    8 de agosto de 2016, 17h35
    Se sindicato representa a categoria em um processo, não é preciso incluir todos os associados no polo passivo para que a decisão tenha efeitos em relação a eles. Esse foi o entendimento firmado pela 1ª Turma do Superior Tribunal de Justiça ao rejeitar pedido do Sindicato dos Trabalhadores Federais da Saúde, Trabalho e Previdência Social do Paraná (Sindiprevs-PR) para incluir individualmente todos os filiados como réus em uma Ação Rescisória.

    A demanda rescisória foi movida pelo Instituto Nacional do Seguro Social contra decisão que havia reconhecido o direito dos sindicalizados de incorporar no contracheque verba decorrente de reenquadramento em plano de carreira da autarquia federal.

    A rescisória foi julgada procedente, o que fez o sindicato recorrer ao STJ. Entre outros pontos, a entidade argumentou que os servidores deveriam integrar a ação, já que o que estava em discussão era a retirada de um direito pessoal.

    Segundo o ministro do STJ Benedito Gonçalves, o sindicato atuou como substituto processual dos associados na ação que conquistou os direitos, portanto tem legitimidade para ser réu em Ação Rescisória.
    Gilmar Ferreira
    Legitimidade processual
    Por maioria, os ministros da 1ª Turma rejeitaram o recurso. Para o relator do processo, ministro Benedito Gonçalves, o sindicato atuou como substituto processual dos associados na ação que conquistou os direitos, portanto tem legitimidade para ser réu em Ação Rescisória.

    “Não há litisconsórcio necessário no polo passivo da Ação Rescisória a ser formado entre sindicato e servidores, pois os servidores não foram parte no processo originário. Se o sindicato foi o único autor a figurar no processo originário, ainda que por força da legitimação extraordinária, será ele o réu na Ação Rescisória”, resumiu o ministro.

    Ele citou também uma súmula do Tribunal Superior do Trabalho, que embasa o posicionamento adotado em demandas dessa natureza (representação sindical nas ações coletivas).

    Economia processual
    Os ministros que acompanharam o relator aceitaram os argumentos do INSS de que tal mudança implicaria custas processuais elevadas, além de ser uma exigência descabida. Benedito lembrou que não há previsão em lei para a citação individual de cada um dos filiados e que a legitimidade da entidade serve para buscar direitos e defendê-los.

    O ministro Napoleão Nunes Maia Filho foi vencido na questão, tendo votado pela procedência do pedido do Sindiprevs-PR. Para ele, após adquirido, o direito passa a ser pessoal do filiado.

    “Os legitimados passivos da rescisória são somente os titulares do direito subjetivo, que a ação coletiva reconheceu ou que a sentença positiva dada na ação coletiva outorgou. Daí para diante, aquilo é direito da pessoa, direito individual, direito subjetivo, só o indivíduo é que pode, por exemplo, negociar aquele direito, abrir mão dele e defendê-lo”, argumentou Napoleão.

    Para ele, a legitimidade da entidade sindical é apenas para a conquista de direitos, não alcançando casos em que exista supressão ou perca de benefícios. Com informações da Assessoria de Imprensa do STJ.

    REsp 1.391.709

    Revista Consultor Jurídico, 8 de agosto de 2016, 17h35

  54. Polícia quebrada, Prodesp também, sistema fora do ar no estado inteiro sem previsão de retorno.

  55. Começou a campanha à prefeitura de SP, e mais uma vez com a cooperação do PCC, como na campanha para governador, lembram? São os tucanos blindados tentando a prefeitura.

  56. NOTICIAS DE POSSIVEIS ATAQUES CONTRA A POLICIA RODANDO NOS CDPS. CAUTELA AS CADEIAS VAO VIRAR TB.

  57. terceira corregedoria auxiliar do decap?
    só faltava essa mesmo, o decapastelaria se prestar a prender policiais aposentados…
    se a corró nao fez nada, pq o aspirante a nico precisa dar tanta entrevista?????

    PARA MELHORAR SOMENTE SE ACABAR. disse:
    08/08/2016 ÀS 0:30
    http://g1.globo.com/sao-paulo/noticia/2016/08/apos-detencao-em-sp-chefe-de-gabinete-de-marco-feliciano-e-liberado.html

    ESSES ERA UM DOS GEMEOS ,,,, CHEFES MAQUININHAS DO 73dp

    gente colocar deus no meio desses caras foram chefes dedelegacias recolhas mil

    REABRA O CASA ADVOGADO JAMIL KKKK CAI TUDO

    EITA CRENTAIADA CORRUPTA

  58. e ai pessoal !!!!!

    alguem sabe se o tal de grupo de estudos esta operante ?
    ou estão inoperantes ???????????????????? como sempre…..

  59. quando irão criar um novo grupo de estudos ??????????????????????

    porque este que existe … eu acho que ja expirou>>>> ou sera ..prescreveu ???????????????? evaporou .????

  60. Governo Temer recua e retira proposta que proíbe reajuste a servidor estadual

  61. A votação da PLP 257 está ocorrendo neste momento 01:00 horas, ao vivo na TV Câmara, pelo que entendi todos os artigos prejudiciais aos Funcionários Públicos foram retirados.

  62. ESCRIVÃ INTERIOR: isso mesmo. Tiraram, porque iam levar ferro, não seria aprovado. Absurdo, com preço de tudo subindo, nós iríamos ficar com vencimentos congelados e,a revisão anual dos vencimentos, seria de 0,1% a 1% no máximo, como já aconteceu com a Marta Teresa Suplicy na Prefeitura de São Paulo

  63. Dr. Guerra, solicito que o sr publique a informação abaixo extraída do site: http://www.sipol.com.br

    Grato.

    10/08/2016 – NOMEAÇÕES – REPOSIÇÃO SALARIAL

    AJUDA DE CUSTO ALIMENTAÇÃO – DEJEC

    09/08/2016 – Presidente da ADPESP e presidentes de SIPOLs visitam representatividades do Executivo

    comunicado

    A Presidente da ADPESP, Marilda Pansonato Pinheiro, e os presidentes do SIPOL de Bauru e do SIPOL de Presidente Prudente, Márcio Cunha e Fábio Morrone, reuniram-se hoje com o Delegado Geral de Polícia, Youssef Abou Chahin, com o Secretário da Segurança Pública, Mágino Alves Barbosa Filho e com o Secretário Chefe da Casa Civil de São Paulo, Samuel Moreira, no Palácio dos Bandeirantes.

    Os encontros apresentaram às lideranças o esforço da Associação e dos SIPOL’s em torno de uma pauta conjunta de reivindicações e sugestões para melhorias para a Polícia Civil como um todo.

    Para a Presidente da ADPESP, a iniciativa reúne a legitimidade do trabalho sindical e a pontualidade da articulação política. Ela ainda ressaltou a pluralidade da pauta e a importância de manter vivo o debate sobre a reestruturação da Polícia Civil, ainda que em tempos de crise política. Cunha e Morrone destacaram a aliança entre as entidades como fator indispensável para maior representatividade e posicionamento junto ao Poder Público.

    SIPOL PRUDENTE

    NOVAS NOMEAÇÕES.

    1 – O processo DGP para novas nomeações já está com o estudo de impacto financeiro pronto.

    Ainda estão sendo feitos vários ajustes para definir quantos aprovados de cada carreira serão nomeados.

    Todas as carreiras terão nomeações, porém, em quantidades diversas. O que está garantido por enquanto é:

    100% dos Escrivães aprovados serão nomeados;

    100% dos Delegados aprovados serão nomeados.

    Todas as outras carreiras ainda não tiveram a porcentagem definida para nomeação;

    2 – Quando ocorrerão as nomeações?

    Não se fala em data nem em prazo. A situação é complicadíssima. Pode ser que fique para o próximo ano.

    DEJEC.

    A DEJEC terá sua primeira experiência ao ser implantada na OPERAÇÃO VERÃO. Visa permitir que os servidores em férias ou licença possam participar da operação, sendo remunerados.

    AJUDA DE CUSTO ALIMENTAÇÃO de R$ 600,00

    Reivindicamos como urgente a correção da Ajuda de Custo Alimentação para 20 UFESPs. (R$ 800,00)

    Embora tenha havido a concessão do tal Nível Universitário a Escrivães, ele nem de longe foi o anunciado pelo Governador. No entanto, OS VALORES QUE NÃO FORAM EFETIVAMENTE PAGOS, foram usados pelos militares para justificar milhares de promoções, e o aumento de sua ajuda de custo alimentação com a conversão para 15 UFESPs. O que representa hoje R$ 600,00 e faz com que um SOLDADO com 1 ano na carreira receba mais que um Policial Civil na 3ª Classe com 5 ANOS NA CARREIRA.

    Essa situação foi PIORADA quando no ano seguinte a PM recebeu 8% de aumento linear e os Policiais Civis 6%.

    É fato que os delegados lutaram pela carreira jurídica e tiveram um aumento diferenciado. Mas no ano seguinte “receberam” 0% de aumento.

    Todas as demais carreiras não receberam nada diferenciado. Muito pelo contrário: “receberam” 2% a menos.

    Que pese tudo isso, os militares recebem 15 UFESPs há quase 4 anos.

    Não vamos transformar em números aqui neste espaço, pois é constrangedor. Mas basta navegar pelo site transparência e verificar as distorções para valorar os discursos dos colegas militares.

    Não gostamos de comparações. As evitamos ao máximo. Mas necessitamos nos desvincular de servidores que têm tantos, mas tantos benefícios que nos amarra até ao pedir pequenos acertos nas carreiras: posto imediato, aulas incorporadas, acesso ao oficialato, hospital, rancho, barbearia, dentista, psicólogo, pensões para filhas, Há segundo informações do próprio portal transparência, cerca de 30 coronéis aposentados para cara coronel na ativa. Sem falar em filhas pensionistas.

    Não somos militares, não temos esse regime específico. Não nos comparamos nem temos atribuições correlatas.

    Lembramos ainda que nunca pagaram previdência sobre o antigo ALE. Os Civis pagaram durante anos até que fosse incorporado. Isso eles não falam.

    Ou aceitem a desmilitarização, ou nos esqueçam.

    REPOSIÇÃO SALARIAL

    Deve haver uma reposição linear. Não deve chegar a dois dígitos. Não tem valor. Não tem data.

  64. E vai apoiar quem? Quem apoia o partido político que for já está no caminho errado. Não se salva um. Eis a duvida… Quem apoiar??? Tá difícil ver uma luz no fim do túnel. Já to pensando até em votar no Bolssonaro para ver se muda radicalmente algo. Onde vamos parar?

  65. enquato nao fizermos greve geral na pc e pm nada muda, e acabar com a recolha

  66. PROMETEU E NÃO CUMPRIU E ASSIM CONTINUA A GANHAR TEMPO …..

    25/09/2013 17h49 – Atualizado em 25/09/2013 19h46
    Governo de SP anuncia reajuste para delegados, investigadores e escrivães
    Aumento pode chegar a 25,7% e deve acontecer de forma gradual.
    Reajustes serão cumulativos a aumento de 7% em salários da polícia.
    Do G1 São Paulo
    FACEBOOK
    O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), anunciou nesta quarta-feira (25) dois projetos de lei que preveem aumento de salário para delegados, investigadores e escrivães da Polícia Civil. Os reajustes poderão chegar a 25,7% e devem acontecer de forma gradual, entre 2013 e 2014.
    Segundo Alckmin, haverá um reajuste de 10,5% este ano e de 15% em 2014 para os delegados. “De tal forma que o delegado de terceira classe, o salário inicial que hoje é de R$ 7.547, passará a ser de R$ 8.776 e, a partir do ano que vem, R$ 10.073”, disse.
    saiba mais
    Policiais terão reajuste de 7% em SP
    Alckmin cria bônus para policial que diminuir criminalidade
    Ainda de acordo com o governador, o reajuste beneficiará 3.246 profissionais da categoria. O impacto financeiro será de R$ 127 milhões por ano a partir de 2015.
    Para investigadores e escrivães, o reajuste oscilará entre 8,5% e 18% em 2013 e entre 15% e 25,7% em 2014, seguindo a Lei do Nível Universitário, aprovada em 2008. Segundo o governo, serão beneficiados 27.280 profissionais, entre ativos, aposentados e pensionistas. O impacto será de R$ 201 milhões a partir de 2015.
    Os reajustes serão cumulativos com o projeto de lei já anunciado, que aumenta em 7% os salários da Polícia Civil, Militar, Científica e da Secretaria da Administração Penitenciária (SAP).

    O secretário da Segurana Pública, Fernando Grella Vieira, afirmou que não acredita em reação negativa da Polícia Militar diante do reajuste concedido pelo governo do estado aos delegados da Polícia Civil. “Não há nenhuma alteração na atuação da instituição. Tenho absolta convicção de que decisões como essa em nada interferirão no desempenho e na dedicação do policial militar”, afirmou.

  67. Depois de tantos bilhões de reais desviados dos cofres públicos pelos governos, empreiteiros e partidos políticos e de estarem ajustando tudo isto no lombo do servidor público; de todo o desprezo que a classe dos servidores civis estaduais e municipais terem recebido durante estes anos,…
    Sem falar na terrível reforma previdenciária para trabalhadores civis,…
    A situação está realmente grave.
    É muita mordomia pra poucos às custas da corrosão salarial e destruição de expectativas de muitos.
    As pessoas de bem não podem bancar mordomias que assaltam seus rendimentos e lhe privam de necessidades básicas para beneficiar políticos e a alta hierarquia do funcionalismo!
    Tem que haver um basta.

  68. Prefeitura de São Paulo., enfia todos os noias e mendigos no trem e ordena que eles desçam em Jundiaiiiiiiiiiiiiiii…… iiiiiiiii….. iiiiiiiii…. Lá o povo é bonzinho, dá dinheiro nos sinais.. .

  69. A MASCARA DO PSDB ESTA CAINDO

    O TJ-SP (Tribunal de Justiça de São Paulo) condenou o deputado estadual José Antônio Barros Munhoz (PSDB) por improbidade administrativa.

    O parlamentar teve negado seu recurso na ação civil pública ajuizada pelo MP-SP (Ministério Público do Estado de São Paulo) por irregularidades na nomeação de uma servidora pública para um cargo comissionado no qual ela nunca atuou, em 1999, quando era prefeito de Itapira.

    Segundo a acusação, o ex-prefeito feriu os princípios legais da Administração Pública ao nomear uma funcionária para o cargo em comissão de Chefe da Seção de Turismo, cedendo-a imediatamente á Credita (Cooperativa de Economia e Crédito Mútuo dos Servidores de Itapira).

    Em julgamento do mérito em maio de 2014, o juiz Pedro Rebelo Bortolini, do fórum local, acatou parcialmente as manifestações do MP, sem condenação por improbidade ao ex-prefeito, mas se posicionamento favoravelmente à anulação do ato que nomeou a servidora, que já não atuava mais no quadro municipal e que, inclusive, faleceu em junho do ano passado.

    O MP, contudo, recorreu da decisão, que agora foi reformada pelo TJ. Na ação, além de Munhoz e da servidora, figuravam como réus outros servidores municipais que na época eram diretores da Credita, bem como a própria Cooperativa. O TJ, contudo, condenou apenas Munhoz, que deverá ressarcir integralmente o dano causado ao erário público. Os valores atuais ainda deverão ser apurados, mas a ação, em primeira instância, pedia o bloqueio dos bens dos réus no valor de até R$ 35.025,09, que seria o valor da remuneração indevidamente recebida pela funcionária cedida. No acórdão, o desembargador Oscild de Lima Júnior, da 11ª Câmara de Direito Público, afirma que o exercício do cargo comissionado se deu em funções diversas daquelas para as quais houve a nomeação, caracterizando a ilegalidade e o dolo aos cofres municipais, ferindo os princípios da legalidade, moralidade, da impessoalidade e do concurso público.

    Na ação, o MP apontou que servidora passou a trabalhar na Credita, mas seus vencimentos eram suportados pela municipalidade, o que gerou prejuízo ao erário “notadamente porque dela não resultou o atendimento de nenhum interesse público”. Em suas justificativas, Munhoz afirmou que a cessão estava embasada pelo Estatuto dos Servidores Públicos Municipais de Itapira, que autoriza a cessão de servidores para outros entes da administração, entidades beneficentes ou também para a iniciativa privada, sem distinção entre comissionados ou efetivos, e que oobjetivo era atingir o interesse público com o auxílio à Cooperativa.

    O MP, contudo, sustentou que os réus não comprovaram qualquer interesse público com a cessão. “Houve desvio de finalidade, já que a nomeação para um cargo em comissão tem como justificativa exatamente o desempenho e exercício das atividades e funções inerentes ao cargo para o qual houve investidura. A partir do momento em que o corréu José Antônio Barros Munhoz, responsável pela nomeação, determinou à corré (servidora), sem que ela sequer chegasse a exercer as funções do cargo para o qual foi nomeada (Chefe da Seção de Turismo), que passasse a desempenhar funções na Credita, cooperativa de crédito privada, com interesses particulares restritos aos seus associados, que, em momento algum, se confundem com o interesse público que deve orientar os interesses e atos da Administração, houve não só nulidade, mas ato de improbidade administrativa, vez que violados os princípios da Administração, com a produção de prejuízo ao erário”, defendeu o órgão.

    No acordão, o relator lembra que a o concurso público é meio democrático de seleção dos candidatos mais habilitados, segundo os princípios da moralidade administrativa, e, por isso, também tem o escopo de evitar favorecimentos e perseguições pessoais, valendo-se de critérios objetivos e técnicos para a seleção. “A exceção à regra dos certames é apenas para os cargos em comissão, destinados ao livre provimento e exoneração, de caráter provisório, com atribuições de direção, chefia e assessoramento”, enfatiza o desembargador. “Os elementos existentes nos autos não deixam dúvidas de que a ré sequer chegou a exercer as funções de Chefe da Seção de Turismo, cargo comissionado para o qual foi investida, sendo imediatamente cedida à entidade privada (Credita), na qual exerceu serviço eminentemente técnico e burocrático como auxiliar administrativa, elaborando contratos, controle de arquivos e atendimento de balcão, o que demonstra cabalmente o desvio de finalidade no ato de sua nomeação, porquanto deveria necessariamente exercer função de diretoria, chefia ou assessoria superior”, descreve Lima Júnior.

    Na decisão, o desembargador diz que o ato praticado por Munhoz está “eivado de ilegalidade” e critica duramente a conduta de Barros Munhoz, relacionando a prática do ato ilegal à existência de desonestidade ou má-fé. “Importante ressalvar que não é toda e qualquer ilegalidade que caracteriza ato de improbidade administrativa. (…) Não se confunde ilegalidade, imoralidade e improbidade. Na verdade, toda improbidade requer a existência premente de uma imoralidade ou uma ilegalidade, mas o inverso não é verdadeiro. Nem toda ilegalidade é uma improbidade. Para que haja uma improbidade, é preciso que o ato ilegal ou imoral tenha como condão o elemento subjetivo de desonestidade ou má-fé. Reputo que em relação ao corréu José Antônio Barros Munhoz não há como desvencilhar a ilegalidade (desvio de finalidade que ensejou a nulidade do ato) do cometimento de ato de improbidade administrativa atentatório aos princípios da Administração Pública”, descreve.

    CONHECIMENTO

    Para Lima Júnior, Munhoz tinha ciência da ilicitude ao nomear a servidora ao cargo comissionado e, imediatamente, cedê-la à Cooperativa. Ainda assim, nada fez para reverter a ilegalidade. “Mesmo durante e após a efetivação do ato de cessão, o corréu José Antônio Barros Munhoz não esboçou o mínimo de preocupação em aferir as atribuições que seriam ou que foram desempenhadas pela servidora perante a entidade privada”, enfatiza o magistrado. O desembargador do Tribunal de Justiça também pondera que, embora o agente político não tenha o dever de ser especialista nos diversos assuntos que envolvem a administração pública, ele tem o dever do conhecimento básico, com base no qual, se for diligente, poderá identificar as ilegalidades flagrantes. “Nesse ponto, o extenso currículo do corréu José Antônio Barros Munhoz, advogado e experiente político, rechaça em definitivo qualquer alegação a respeito da inexistência do caráter volitivo da conduta, falta de conhecimento técnico ou mesmo de mera inabilidade do gestor público, porquanto é formado pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo, foi prefeito de Itapira por três vezes, deputado estadual, presidente da Assembleia Legislativa, Secretário de Estado e Ministro, entre outros cargos de relevância”, considera o desembargador. “Logo, com o reconhecimento de ato de improbidade administrativa, é de rigorosa justiça a condenação do corréu José Antônio Barros Munhoz ao integral ressarcimento do dano ao erário”, decide Lima Júnior.

    Com relação aos demais réus, diretores da Credita na época, e à própria entidade e à servidora, o desembargador considerou que os elementos existentes nos autos são insuficientes para a conclusão a respeito de dolo e má-fé em suas condutas, tampouco se tinham ciência a que título havia se dado a cessão da servidora pública. “Apenas receberam a funcionária na Cooperativa, visto que o ato com desvio de finalidade (nomeação e cessão) foi aperfeiçoado unicamente pelo então chefe do Poder Executivo Municipal, o corréu José Antônio Barros Munhoz. Não cabia aos dirigentes da Cooperativa, mesmo sendo ocupantes de cargos no Executivo Municipal, apurar a higidez da cessão e o atendimento do interesse público inserto na lei municipal”, frisa o desembargador. Ainda cabe recurso à decisão. A reportagem manteve contato com a assessoria do deputado Barros Munhoz e solicitou um posicionamento do parlamentar. Nenhuma resposta foi remetida.

  70. é só enrolação-

    ficamos assistindo somente papo furado –

    este papo de delpol se unir a sindicato dos restopols é barco furado….
    os delpols sómente pensam neles….isso ai é para enganar a piãozada…..
    deve ser manobra dos governantes…

    vejam só…

    todos os delpols serão nomeados–
    todos os escribas serão nomeados…

    e os tiras que se danem né ??? é que enquanto tiver este monte de carcereiros desviados da função real trabalhando
    como INVESTIGADOR. , o governo nem sonhara em nomear novos investigadores.

    pra que ? se ta cheio de carcepas substituindo os tiras…

    ou eu estou errado?????????????????

  71. podem escrever ai camaradas….

    enquanto os carcereiros estiverem desviados de funções, trabalhando como tiras.
    o governo nem em sonho nomeará novos investigadores…

    ou eu to errado ???

  72. os carcepas continuarão em desvios de funções de nível superior até a aposentadoria … e sendo nível médio…
    mas ganhando a merreca do nível fundamental né ??????????????????????????????????

  73. Caro tapioca.
    O negocio é $$$$$.
    Nomenclatura de cargo não da $$$$.
    Desencana de querer ser tira.
    O que você deveria reivindicar e igualar os salários, pelo menos com o dos Agentes de Telecomunicações.

  74. caro fred. o problema não é que os carcepas querem ficar desviados como tiras.

    esta atribuição foi determinada pelos superiores hierarquicos da pc. todos sabem.
    e como sabemos , quem manda são os majuras. nós ( te incluo ) restopols , somente obedecemos,
    caso contrario sera uma futura visita a rua da consolação…

    revindicamos somente a restruturação justa… nada mais…
    AGENTES DE POLICIA COM PROVENTOS DE NÍVEL MÉDIO…..

    só isso…………………….

  75. kkkkk os papa ladrão nao tem cuuuuuuuuuuuuuuuuuuuu pra ir sozinho, se o bicho pega vai pedir apoio pra quem? o batman estava cochilando kkkkkkkkk palavras de um ladrao de goias, ele tem medo só da PM se chegar um charle é só da um tiro pra cima que eles se borram todos e saem correndo kkkkkkkk, corporação de bunda mole kkkkkkk

  76. Escriboy disse:
    10/08/2016 ÀS 20:03
    A melhor coisa que aconteceu foi o NU cada um no seu quadrado !!!!

    ESCRIBOY CADE SEU QUADRADO, CADE O NU, QUE PLANETA TÚ VIVE, TIRANDO DELTA E PERITOS, TÁ TODO RESTOPOL, TOMANDO NO REDONDO !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! SE LIGA SEU TROUXA CALÇA BRANCA ……………..

  77. AGENTE PENITENCIÁRIO, EX ESCRIPOL. em 10/08/2016 às 21:22
    Escriboy disse:
    10/08/2016 ÀS 20:03
    A melhor coisa que aconteceu foi o NU cada um no seu quadrado !!!!

    ESCRIBOY CADE SEU QUADRADO, CADE O NU, QUE PLANETA TÚ VIVE, TIRANDO DELTA E PERITOS, TÁ TODO RESTOPOL, TOMANDO NO REDONDO !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! SE LIGA SEU TROUXA CALÇA BRANCA ……………..

    Primeiro : Você e um frustrado que nem Policia e !!!!

    Segundo : Você não tem capacidade para ler uma notícia e entender, sendo que me referi ao quadrado sendo que muitos policia não se identificavam como tal e sim outra carreira diversa !

    Terceiro : Você e um Trouxa por ser burro e merecer sua ocupação !!!!!!

    Quarto :Esse blogue é democrático Ma s sr fosse você iria estudar mané kkkkkk

  78. O que está acontecendo na Polícia Civil de SP é que está entrando muitos boyzinho e metido a playboy que moram com a mamãe de não precisam de salário, sem contar os que já entraram e moram com a mamãe e ficam aqui pagando de santo. Vc que paga de santo quantas máquinas de caça níquel ja prendeu? Quantos ladrões já prendeu? Quantos traficantes já prendeu? Quantos bicheiros já prendeu? Quantas pessoas que fazem jogo do bicho vc já prendeu? Quantos vendedor ambulante de DVD piratas já prendeu? Caso não tenha prendido ninguém e viu estes infratores vc é tão corrupto quanto os recolhas sem contar o crime de prevaricação:
    Sujeito ativo: Funcionário público que retarda ou deixa de fazer seu trabalho
    Sujeito passivo: a Administração Publica
    Objeto material: é o ato de ofício que couber ao funcionário, a pena é cumulativa.
    Então senhores Policiais não venham pagar de santo porque nunca pegaram uma moeda.
    Obs. Nunca peguei uma moeda, porém não pago de santo.

  79. E quinto : Tenho 17 anos de janela seu trouxa e para seus seguidores kkkkkkkkk Quer pagar de operacional ae cair na minha livraria na errada vai para o papel por mais que conheça o ET kkkkkk Tenho Fé pública se me recusar a assinar quero ver quem me obrigue seu Trouxao

  80. O phoda da Polícia Civil é que tem um monte de bebezão de 30 a 50 anos que moram com a mamãe. Que só prestam pra desmerecer os outros e não reivindicam salários dignos a todos os PC’s bando de desunidos vejam o nível da PM, escola Superior de Soldados, união, ajudam seus colegas, na hora do combate a ordem é não deixar o outro pra trás.

  81. Extinto carcepol

    Concordo contigo as carreiras tinham que ter maior valorização salarial !!!!

    Tenha orgulho de sua carteira não conheço uma pessoa de nossa instituição que tenha entrado em outra kkkkkk contrário nem se fala !!!

  82. Essa coisa de castas, ou carreiras, não dá certo!

    Só cria burocracia, desvaloriza a experiência, o conhecimento técnico e o empenho. E ainda cria divergências e atritos desnecessários. Faz mal para os policiais, prejudica a Instituição e dificulta significativamente o trabalho policial, fazendo a polícia ficar muito cara e ineficiente.

    CARREIRA ÚNICA, de 5a à 1a classe, ou mesmo até especial, é uma das necessidades da Polícia, com critérios objetivos de promoção (números, como números de IPs feitos, número de prisões, número de operações etc. Nada de cartinha de titular, porque aí quebra a meritocracia).

    Assim como Segurança Jurídica (ninguém vai prender estelionatário, bicheiro e até traficante sabendo que pode ser demitido por isso).

    Direitos trabalhistas de praxe, como hora extra.

    Só isso já faria uma diferença que nem é possível imaginar, mas comparando com outros países… nem vou sonhar tão alto.

    Depois dessas reformas e com resultados importantes na Segurança Pública, fica muito mais fácil pedir aumento de salário. Do jeito que está, não acho que um governador (qualquer um, não estou falando do Alckmin) daria aumento de verdade, porque como iria justificar para a sociedade?

  83. O Escriboy não é Escrivão de Polícia pq se fosse não seria tão arrogante, tbm não escreveria tão mal e vulgar. Dá mesma maneira não escreveria coisas fora do assunto e desconexa. Aposto que é um Burro de Cabresto por falar Cada um no seu Quadrado. Vou explicar aos Burros do Quadrado da Polícia – 1° A Polícia Civil é investigativa visa a infiltração, serviço velado; 2° A Polícia Científica é tecnológica visa a investigação em material, corpos e objetos; 3° A Polícia Militar é ostensiva visa a prevenção; 4° Penitenciária é penal visa o cumprimento de pena estipulada pela Justiça; 5° GCM é policial municipal visa o policiamento do patrimônio municipal. – ISTO É CADA UMA NO SEU QUADRADO – Seu infeliz

  84. VOU PROVAR QUE O ESCRIBOY NÃO É ESCRIVÃO PORQUE ELE ESCREVE MUITO MAL PRA SER OU FOI LAÇADO NO CONCURSO DELE.

    Escriboy em 09/08/2016 às 23:58
    Esse negócio de falar que SÓ so quem TRABALHA trabhana rua sabe de tudo não confere de boa SEM ESPAÇO AQUI ! Sou escriba e trabalho interno como todos os delega e garanto que de COLHAO O QUE É colhao ou não me garanto ! Feedback

    Escriboy em 10/08/2016 às 0:01
    Sem vaidade polícia POLICIAL É e polícia POLICIAL merda na rua todos os cargos fazem SEM ESPAÇO AQUI !!!!! Nos últimos anos não escutei escriba ou Delega fazendo besteira na rua , casos mínimos são relevantes !!! SEM ESPAÇO DE NOVO NEM PARECE QUE ESCREVE.

    Escriboy em 10/08/2016 às 0:09
    Parabéns a minha classe homens que MEXEM mechem com papel sejamos ocultos como Delegados, Juízes etc….
    Nos NÓS apresentamos no momento certo temos força DE prender na rua qualquer um do povo pode fé pública temos nos !!!!! PÉSSIMA SINTAXE.
    Muito sucesso e saúde a nossas famílias apesar de não termos maior valorização salarial!!!

    A ignorância fica para poucos como um jogo de xadrez que amo, os piões vão na frente !!!

    Colega onde você viu essa notícia tão agradável para nossa tão honrosa POLÍCIA policia que sempre tentamos dar o melhor, APESAR apesarmos de não ter o reconhecimento devido.

  85. alguem ja avisou o SECCIONAL CENTRO,, alertando que 4 tiras dele estao acabando com a area central? extorquindo comerciantes, e tudo da SECCIONAL mesmo, do lado dele e nao ve?

    Celeção Holímpica disse:

    nao pudemos aprender as maquinas, seccional centro virou maquina de grana. os caras que recolhiam para aquele tal caipira estão la ainda uns no 1 dp e o resto tudo na sede, gosado é o delegado seccional nao ver o que esta acontecendo na rua rsrsrsrsrs

    NAO PODEMOS ACEITAR UM DELEGADO SECCIONAL SER CONIVENTE COM TUDO ISSO, QUEM PUDER PASSA PARA ELE QUE TEM UNS 3 RECOLHAS LA QUE ESTAO USANDO O NOME DELE UM DE CABELO BRANCO UM DE COR, E UM COM PELE MORENA KKKKK

    ACHO QUE O CHEFE DOS TIRAS E O SECCIONAL NAO SABIAM DESSA KKKK NEM DA PAJE NEM DAS MOTOS

    ME AJUDA AI OHHH

    AVISA LA ELES ALGUEM

    Afh…..como tem cagueta invejoso nesta merda.

  86. Carcereiro – GOE de Santos –

    Até que escrevi bem para quem estava ingerindo bebida alcoólica no ato da digitação kkkkkkkkkkkkkkkjk

    Agora sai da minha ABA nem Policia tu és

Os comentários estão desativados.