Será que Delegado – geral , de descendência árabe , quer jogar a culpa em Israel ? …( A apreensão das armas é boa, mas a conversa é mole! ) 110

8/08/2016 18h01 – Atualizado em 18/08/2016 18h34

Conta de água levou polícia a achar armas usadas em ataque a Protege

Nove suspeitos foram presos e tiveram a prisão preventiva decretada.
Polícia investiga envolvimento de alguém que conhecia rotina da empresa.

Gabriela GonçalvesDo G1 São Paulo

Polícia apresenta armas apreendidas com suspeito de ação contra sede da Protege em Santo André (Foto: Gabriela Gonçalves/G1)
Polícia apresenta armas apreendidas com suspeito de ação contra sede da Protege em Santo André (Foto: Gabriela Gonçalves/G1)

Uma conta de água levou a polícia a um arsenal de fuzis e outras armas que teriam sido usadas no ataque de criminosos contra a sede da empresa de transporte de valores Protege, em Santo André, no ABC, na madrugada de quarta-feira (17). Nove suspeitos foram presos e tiveram a prisão preventiva decretada pela Justiça. Segundo a polícia, pelo menos outras três pessoas já foram identificadas.

A conta de água foi encontrada em um carro que estava em uma chácara em Itapecerica da Serra, na Grande São Paulo, onde a polícia prendeu os suspeitos depois de interceptar ligações telefônicas de um traficante que teria ligado para um dos bandidos. O endereço contido na conta de água levou a polícia a uma casa na Vila Alpina, Zona Leste de São Paulo. “Encontramos 90% das armas escondidas nesta casa”, diz o delegado Rui Ferraz Fontes, do Departamento Estadual de Prevenção e Repressão ao Narcotráfico (Denarc)

A polícia investiga quem teria passado informações aos bandidos. “Eles tiveram informações internas. Alguém com conhecimento a respeito da rotina da empresa, não sei se é funcionário ou não, que está passando informações para eles.”

A quadrilha desistiu do assalto após algumas explosões no local. De acordo com a polícia, uma das razões para a desistência foi a reação dos vigilantes.

“O outro motivo, se eu declinar, eu ensino alguém a comer crimes.”

Granada também foi encontrada com suspeitos de atacar a Protege (Foto: Gabriela Gonçalves/G1)Granada também foi encontrada com suspeitos de atacar a Protege (Foto: Gabriela Gonçalves/G1)

Foram apreendidos pelo menos 25 fuzis, sendo dois deles de calibre .50 – arma que pode atingir alvos a mais de seis quilômetros de distância.

Também foram apreendidas nove pistolas automáticas, uma granada, 50 carregadores com munições vindas de Israel, 18 coletes à prova de bala, sendo que um deles tinha um símbolo do governo de São Paulo, e cabos pra acionar explosivos.

Há a suspeita que parte do armamento tenha vindo do exército de Israel.

O grupo foi indiciado por tentativas de roubo e latrocínio, organização criminosa e porte de arma. De acordo com a polícia, informalmente, já houve confissões. A idade dos nove suspeitos varia entre 20 e 30 anos. Parte deles têm passagem pela polícia.

Dois vigilantes da Protege ficaram feridos quando reagiram ao ataque. A troca de tiros durou cerca de 40 minutos. Os criminosos queimaram veículos que foram usados para bloquear vias e impedir a aproximação da polícia.

Durante a fuga da quadrilha houve perseguição da Polícia Militar (PM), mas ninguém foi preso no início da manhã de quarta-feira.

Sete criminosos foram presos pelo Denarc e dois pelo Deic. Os suspeitos foram identificados, após monitorarem um traficante.”Em um dado momento alguns traficantes cruzaram com essa quadrilha que se especializou em atacar bases de transportadoras de valores e carros fortes”, informou a polícia.

Após acompanhar a movimentação do traficante, o Denarc chegou até o sítio em Itapecerica da Serra, onde foram encontrados os suspeitos e parte do armamento.

Armas apreendidas com suspeitos de atacar Protege no ABC (Foto: Reprodução/WhatsApp)Armas apreendidas com suspeitos de atacar Protege no ABC (Foto: Reprodução/WhatsApp)

Polícia Civil
“É certeza que esse armamento foi usado lá. É certeza, porque nós já temos, é uma quadrilha que a gente já , há tempos, monitorava e etc, e hoje, quando eles fizeram esse trabalho, nós já saímos atrás e conseguimos aí, pegar o fio da meada e já temos alguns presos, o Deic também já tem presos”, disse Youssef abou Chahin, delegado-geral. “Não tem como eles dizerem que não estavam na cena do crime, porque nós temos provas técnicas.”

A associação que representa as empresas de transporte de valores cobrou maior controle justamente sobre a circulação dessas armas de guerra. “Um fuzil é sempre uma arma perigosa, de pronto ataque, e que a resistência é mínima a esse tipo de fuzil, sobretudo, os vigilantes que usam 38, calibre 12, são armas inoperantes em relação a fuzil”, disse Marcos Paiva, presidente da Associação de Empresas de Transporte de Valores.

A saída que as empresas têm encontrado é deixar mais vigilantes na empresa durante a madrugada e fazer barreiras de segurança.

Protege foi alvo de criminosos (Foto: Divulgação)Protege foi alvo de criminosos (Foto: Divulgação)

Essa medida ajudou a impedir o roubo a Protege, na quarta-feira. Mais de dez seguranças combateram os criminosos usando revólveres calibre 38 e espingardas calibre 12.
Depois de meia hora tentando chegar ao cofre, e de tiroteio e explosões, os ladrões desistiram do roubo.

“O problema desse tipo de ação criminosa, que hoje é a mais preocupante expressão do crime no estado de São Paulo, é praticamente uma ação de terrorismo urbano, porque trabalham com dinamites, fuzis, grandes grupos, atacam de surpresa, causam um grande impacto na vida da população”, disse o coronel aposentado da PM José Vicente da Silva, especialista em segurança. “A diferença em relação à ação terrorista é que o terrorismo vai buscar vítimas. eles vão buscar dinheiro.”

A quadrilha encontrou mais resistência. Havia uma barreira com carros, estacionados em frente ao portão de ferro. Carros fortes estavam atravessados dentro do pátio.

Mesmo com a explosão, os ladrões não conseguiram chegar ao cofre. Depois de meia hora, eles desistiram do roubo e foram embora. A primeira equipe da polícia só chegou aqui dez minutos depois da fuga.

Hora1_policiaprendeprotege (Foto: reprodução)Suspeitos presos pela polícia  (Foto: Reprodução / Hora 1)
________________________________________-
Agora, o  exército israelense  emprega AKs 47  e patrocina o PCC?  
Piada de turco, né ? 

  1. Na lista de aposentadoria – obrigatória a magistrados que completam 70 anos – está Celso de Mello, único ministro indicado ainda pelo ex-presidente José Sarney (PMDB-AP). Ele alcançará a idade limite em novembro de 2015.

    Decano na corte, Celso de Mello, em conversas reservadas, por diversas vezes manifestou desejo de antecipar a aposentadoria.

    Depois dele será a vez de Marco Aurélio de Mello, indicado pelo então presidente Fernando Collor. Ele fará 70 anos em julho de 2016.

    O atual presidente do STF, Ricardo Lewandowski, indicado no governo Lula, terá maio de 2018 como limite para sair do tribunal.

    No mesmo ano outros dois ministros terão de se aposentar: Teori Zavascki e Rosa Weber. Ambos foram indicados por Dilma Rousseff e completam 70 anos em agosto e outubro de 2018, respectivamente.

    A mudança em seis das 11 cadeiras permitirá que uma nova maioria se construa na corte, que poderá reanalisar temas uma vez considerados pacificados -como a Lei da Anistia.

    Ao final do próximo mandato de Dilma, dos 11 ministros atuais, poderão continuar na ativa Dias Toffoli, Luiz Fux, Luís Roberto Barroso, Carmen Lúcia e Gilmar Mendes.

    fonte-http://folhapolitica.jusbrasil.com.br/noticias/148048076/ate-2018-pt-tera-indicado-10-de-11-ministros-do-stf

  2. Alguém pode informar se o policial militar (subtenente) de São Paulo foi transferido para o Romão Gomes ou ficou preso no presídio Bangu 1 juntamente com membros do comando vermelho?

  3. O “Blindado” direto de JP/PB:

    Falta postura ética nas instituições policiais. Nem haveria necessidade dessa acirrada disputa de Associações e Sindicatos em “defesa” dos associados. Perdi as contas de quantas existem, ligadas à Polícia Militar. Já ouvi falar de 39 (TRINTA E NOVE)!

    Eta mundo bom … é esse da exploração dos indefesos!!!

O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do comentarista que venha a ofender, perturbar a tranquilidade alheia, perseguir, ameaçar ou, de qualquer outra forma, violar direitos de terceiros.O autor do comentário deve ter um comentário aprovado anteriormente. Em caso de abuso o IP do comentarista poderá ser fornecido ao ofendido!...Comentários impertinentes ou FORA DO CONTEXTO SERÃO EXCLUÍDOS. Contato: dipolflitparalisante@gmail.com

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s