Para Inglês ver: Exército proíbe produção e comercialização de pistolas Taurus já descontinuadas pelo fabricante 14

Exército proíbe produção e comercialização de pistolas usadas por policiais do Rio

A Forjas Taurus está proibida de fabricar e comercializar o modelo de pistola
A Forjas Taurus está proibida de fabricar e comercializar o modelo de pistola Foto: Reprodução
Carolina Heringer
Tamanho do texto A A A

O Exército Brasileiro proibiu a comercialização e fabricação de pistolas modelo 24/7 .40 S&W, fabricadas pela Forja Taurus, até que seja concluído um processo administrativo no qual a empresa é investigada. Também foi determinada a apreensão dos armamentos existentes na linha de produção ou estoque da companhia. A medida foi tomada após terem sido recebidas denúncias de problemas com as armas, que estariam colocando em risco agentes públicos que as utilizam. No Rio, policiais civis e militares possuem o modelo proibido, fornecido pelo Estado.

A decisão consta no ofício número 4029, de 26 de setembro, enviado pelo Comando Logístico (COLOG) do Exército para a secretaria de Segurança Pública do Estado do Paraná, informando sobre as medidas tomadas. O Processo Administrativo Sancionador (PAS) aberto pelo Exército investiga se o produto fabricado pela Forja Taurus atualmente corresponde com o protótipo que fora aprovado pelos militares. Segundo o documento, há indícios de que isso ocorreu com as pistolas que foram proibidas, com modificação na trava e tirante do gatilho. O documento diz ainda que houve mudanças em relação ao projeto da pistola 840.

“Tal atitude demonstra a existência de indícios de violação de compromisso assumido quando da obtenção do registro perante o Sistema de Fiscalização de Produtos Controlados, compromisso esse de não modificar o produto controlado com produção já autorizada”, adverte o ofício.

Todo o estoque dessa arma foi recolhido
Todo o estoque dessa arma foi recolhido Foto: Reprodução

Ao fim do PAS, será analisada ainda a aplicação de sanções administrativas cabíveis, “por haver iminente risco à vida, à saúde, à integridade física e à segurança do usuário e da sociedade”, justifica o documento do Comando Logístico.

Em sua apuração sobre os problemas com as armas da Forja Taurus, o Exército constatou ainda que são deficientes as políticas Órgãos de Segurança Pública do país para garantir a manutenção dos armamentos, uma vez que os agentes ficam com posse permanente dos mesmos, e acabam responsáveis por tais reparos.

No ofício, o Exército também recomendou à Taurus que preste maior assistência a todos que adquirirem seus produtos, e recomenda que haja orientação a esse público sobre a necessidade de manutenção preventiva periódica dos armamentos.

Procurada pelo EXTRA, a assessoria de imprensa da Taurus informou que “tem colaborado com os trabalhos do Exército Brasileiro em processo que avalia sua produção e informa que a decisão não tem efeito prático, uma vez que a fabricação do modelo de pistola em questão já havia sido descontinuada”.

  1. Precisou vários acidentes, com vitimas, algumas graves e várias falhas do armamento para se tomar uma atitude.

  2. A polícia do Paraná comprou mais de 800 Glock por 400 dólares com importação, tem algo muito errado mesmo e não somente com as armas!

  3. ATRIBUIÇÕES DA NOVA CARREIRA AGENTE DE POLÍCIA:
    I- Fica instituída a carreira de Agente de Polícia, cujo requisito para sua inscrição é nível médio completo ou equivalente;
    II- mediante a extinção e unificação das carreiras de Agente Policial, Auxiliar de Papiloscopista Policial, e da já extinta carreira Carcereiro Policial em seus cargos vagos, respeitando-se o direito adquirido dos funcionários que desejarem permanecer em suas respectivas carreiras até sua vacância, que deverá ser manifestada em até 90 dias após a publicação da reestruturação;
    III- Caberá ao Agente de Polícia:
    a) auxiliar os Investigadores de Polícia no cumprimento de ordens de serviço, intimações, notificações, citações, mandados de busca e apreensão, condução coercitiva e elaboração de relatórios;
    b) elaborar, nos plantões policiais, boletins de ocorrência de natureza não flagrancial;
    c) conduzir veículos da Polícia Civil caracterizados e descaracterizados, mantendo a manutenção dos mesmos;
    d) coletar e arquivar impressões datiloscópicas para a devida análise a ser realizada por parte do Papiloscopista Policial;
    e) manter a guarda e realizar escoltas de pessoas que estejam sob a custódia da Polícia Civil do Estado de São Paulo;
    IV- As funções atinentes a letra “e” será de competência aos Agentes de Polícia de 3º classe, que, na sua ausência, poderá ser suprida por Agentes de 2º classe, 1º classe ou classe especial, respectivamente, sempre respeitando-se a hierarquia entre referidas classes.

  4. Com o que ganho no máximo dá pra comprar um estilingue com borracha de câmera de ar.

  5. Porcarias… a 24/7, a 840, a 640: LIXOS COMPRADOS PELO GOVERNO LIXO DO ESTADO. Bando de vendidos, só querem saber do qsj! Malditos sejam todos que os defendem.

  6. Muitos criticam as armas de fogo fabricada pela TAURUS. devido a diversos problemas…
    Mas na verdade ela só tem 2 probleminhas e nada mais:-

    DISPARA (ATIRA) QUANDO NÃO É ACIONADA.(QUANDO NÃO PRECISA)
    NÃO DISPARA(ATIRA) QUANDO É ACIONADA..(QUANDO PRECISA)

    SÓ ISSO

  7. Arma????? Até a munição fornecida é mais fraca, faremos o que??? Eu ainda ando de 38, nao falha e compro a minha munição, e olhem, faz tempo que não gasto nenhuma!!!!!kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  8. Única PC do país que ainda não foi reestruturada disse:
    26/10/2016 ÀS 20:29
    ATRIBUIÇÕES DA NOVA CARREIRA AGENTE DE POLÍCIA:
    I- Fica instituída a carreira de Agente de Polícia, cujo requisito para sua inscrição é nível médio completo ou equivalente;
    II- mediante a extinção e unificação das carreiras de Agente Policial, Auxiliar de Papiloscopista Policial, e da já extinta carreira Carcereiro Policial em seus cargos vagos, respeitando-se o direito adquirido dos funcionários que desejarem permanecer em suas respectivas carreiras até sua vacância, que deverá ser manifestada em até 90 dias após a publicação da reestruturação;
    III- Caberá ao Agente de Polícia:
    a) auxiliar os Investigadores de Polícia no cumprimento de ordens de serviço, intimações, notificações, citações, mandados de busca e apreensão, condução coercitiva e elaboração de relatórios;
    b) elaborar, nos plantões policiais, boletins de ocorrência de natureza não flagrancial;
    c) conduzir veículos da Polícia Civil caracterizados e descaracterizados, mantendo a manutenção dos mesmos;
    d) coletar e arquivar impressões datiloscópicas para a devida análise a ser realizada por parte do Papiloscopista Policial;
    e) manter a guarda e realizar escoltas de pessoas que estejam sob a custódia da Polícia Civil do Estado de São Paulo;
    IV- As funções atinentes a letra “e” será de competência aos Agentes de Polícia de 3º classe, que, na sua ausência, poderá ser suprida por Agentes de 2º classe, 1º classe ou classe especial, respectivamente, sempre respeitando-se a hierarquia entre referidas classes.

    Colega de onde vc tirou essa informação? Se isso não for ”fake” é uma desgraça para o restopol.
    Nivela por baixo os Agentes, com mais atribuições, ganhando menos. Detalhe… Qual a diferença das atribuições do Agente para o tira? Faz a mesma coisa e recebe menos? outro detalhe… Auxiliar o tira, porra tem mais tira que Agentes (mesmo aglutinando carreiras), quer dizer agora todo mundo é cacique?? Geralmente sempre há mais auxiliares do que ”administradores”, porém será o contrário?
    Para mim isso cheira ”fake” pois tirou as rondas ”segura cadeira” dos Agentes. Outra coisa se isso, realmente, for verdadeiro os Agentes farão o trabalho dos Tiras para os mesmos poderem ”voarem”!! Absurdo. o que irão fazer os Tiras? Ficar voando, recolhendo, vagabundeando e por vezes, para alguns, roubando? AAAhhh já sei, até que enfim lerão os BO’s para investigação do qual, praticamente, NUNCA, resulta em nada. tá me cheirando ”fake” esse seu post. E a carreira de Agente de policia Cientifica? Nessa reestruturação não entrou o Atepol (Q é carreira operacional POLICIAL e não carreira operacional técnica cientifica) nem o agente de telecomunicações.
    Além, é claro, de não constar nada disso no PLC 37 de 2016, que claramente diz q virá lei especifica, para disciplinar sobre as carreiras aglutinadas, que até o momento não existe.
    Isso por acaso é o q vc espera que ocorra ou tá tentando incendiar a cabeça do povo?

  9. sergio disse:
    27/10/2016 às 0:33

    Arma????? Até a munição fornecida é mais fraca, faremos o que??? Eu ainda ando de 38, nao falha e compro a minha munição, e olhem, faz tempo que não gasto nenhuma!!!!!kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    3 OITÃO cano curto é vida! melhor arma pra ação rápida que existe.

  10. PARECE O BRASIL DOS ANOS 80 ONDE ERA PROIBIDA A IMPORTAÇÃO. SE ENTRAR EM QUALQUER LOJA VIRTUAL NOS EUA TEM CARABINA 556. POR 500 DOLETAS. E AQUI O ABSURDO DOS IMPOSTOS NOS OBRIGA A ANDAR ARMADOS COM ESTILINGUE( ESSE PELO MENOS NÃO FALHA E NÃO VOU ME FERIR). ALIAS VI UMA REPLICA DE AR 15 (DE PRESSÃO) POR “IRRISÓRIOS” $4500,00. SÓ ISSO.

Os comentários estão desativados.