Polícias Civis do país passam por um desmonte silencioso…( Aqui jaz uma diminuta instituição e sua grandiosa mediocridade ) 47

Polícias Civis do país passam por um desmonte silencioso

Rafael Alcadipani

Rafael Alcadipani

Especial para o UOL01/11/201606h00

  • Luciano Claudino/Código19/Estadão Conteúdo

Não é novidade que diferentes órgãos da imprensa vêm apontando a severa crise que a Polícia Civil paulista está passando, tendo a mais recente notícia sido divulgada no final de outubro.

Fundamentalmente, ao longo da última década, o governo do Estado não tem reposto os policiais das diferentes carreiras na mesma velocidade com que eles se aposentam. Com isso, a força policial está diminuindo a passos largos, e a população sofre os efeitos da falta de pessoal quando precisa das delegacias de polícia.

Além disso, o enfraquecimento da polícia investigativa faz com que os autores dos crimes não sejam nem identificados nem presos, assim seguindo na criminalidade. Não é incomum que equipes de investigação da capital paulista –que são compostas por 1 delegado, 1 escrivão e 2 investigadores– tenham sob sua responsabilidade mais de 500 inquéritos policiais, sendo humanamente impossível dar seguimento a tantos inquéritos com tão pouca gente.

Somam-se os problemas internos da corporação com as condições de trabalho dos policiais –que sofrem com baixos salários e fazem “bicos” para sustentar suas famílias– e com o grande número de carreiras dentro da força. Tais dificuldades da Polícia Civil não ficam confinadas ao Estado de São Paulo, mas se repetem em outras regiões do Brasil.

Um exemplo disso está no estudo “O herói envergonhado: tensões e contradições no cotidiano do trabalho policial”. Conduzido por mim e pela professora Cinthia Rodrigues, da UFU (Universidade Federal de Uberlândia), junto de 305 policiais civis de todo o país e que responderam a um questionário online, o estudo mostra que as dificuldades da polícia investigativa estão presentes em diferentes unidades da federação.

A falta de pessoal é um problema constante, o excesso de burocracia com que os policiais precisam lidar no trabalho é bastante prejudicial para o exercício de suas atividades e a infraestrutura também deixa bastante a desejar. Prédios ultrapassados e com pouca manutenção, delegacias sem o número necessário de computadores, viaturas velhas, falta de munição, armamento inadequado e formação defasada são alguns dos aspectos que fazem com que policiais civis reclamem de suas condições de trabalho.

Dentro desse contexto de precariedade, o estudo indicou que os policiais sentem-se envergonhados, especialmente por que consideram que trabalhar na Polícia é viver com medo, em perigo e se colocando em riscos. Ficou evidenciado também que eles não se sentem valorizados pelos gestores públicos, pela sociedade, pela legislação e pela imprensa.

Uma das consequências desse quadro é a existência de um número expressivo de policiais que se sentem desmotivados, e as chefias têm grandes dificuldades em gerar motivação entre eles. Em larga medida, muitos policiais estão vivendo com a sensação de que a sua organização está à beira da falência, sendo que a perícia criminal enfrenta problemas semelhantes.

Se por um lado são compreensíveis as dificuldades financeiras dos Estados em um momento de severa crise econômica, por outro poderiam ser geradas medidas alternativas para que os policiais recebessem benefícios indiretos, como isenção de impostos para comprar bens e contratação de planos de saúde.

Além disso, os governos precisam fazer adequadas previsões orçamentárias que garantam a reposição da mão de obra da polícia para cobrir as aposentadorias dentro da instituição. Embora, dada a grave situação da segurança pública no Brasil, o ideal seria que houvesse um aumento do efetivo.

Também é urgente que haja uma formação sólida de gestão dentro das polícias civis ou até mesmo criar a carreira de gestores públicos dentro da força. Muitas das corporações do Brasil passam por um desmonte silencioso, e, sob a pena de continuarmos perdendo para o crime, a sociedade precisa cobrar de seus governantes para que tal processo se reverta.

descanse_em_paz

  1. Adeus Polícia Civil de São Paulo! O último a sair feche a porta e desligue a luz…

  2. Décadas de SUCATEAMENTO, DESVALORIZAÇÃO e INTIMIDAÇÃO do policial.

    E agora é mais difícil ainda reverter isso.

    Políticos estão com medo da PF e não vão colocar o dinheiro dos contribuintes em PCs.

    O tráfico tornou-se uma empresa milionária que o PCC detém quase o monopólio. O número de homicídios só não é maior porque o tráfico evita e não tem concorrência. E morre mais gente no Brasil do que na Síria em guerra, com bombas, mísseis, tanques etc.

    A Polícia Repressiva quando não funciona, cria a impunidade e esta dá ao criminoso a segurança para praticar outros e mais graves crimes.

  3. Segundo nosso “comandante”, devemos ficar felizes por ter o salarinho garantido até o final do ano…depois, só Deus sabe!!!

  4. vai acabar essa bosta bosta da puliça cevil que num faize nadin nadin…………..fica apenas drumino no prantão kkkkkkkk

  5. ESTA NA SIPOL

    CONVOCAÇÃO SOBRE O DESCASO

    08 de novembro as 16:00hs no Vão livre do Masp .

  6. REPITO:Por mim os PMs podem pegar as carceragens dos DPs e as escoltas de presos. Não sobrou nada de bom na PC mesmo. Detran e Ciretran, já era. Emissão de porte de armas a segurança e outros, já era. Não sei por que a PF ainda não pegou as emissões de RGs.
    Até Soldado PMs tem nojo de cumprimentar PCs nos DPs. Cumprimentei um SD Pm e ele limpou as mãos depois com nojo, é olha que nem trabalho num DP e trânsito, onde a entrada e saída de presos são bem maiores.
    Os PMs ganham uma verba a mais nas carceragens de fóruns dentre outros recintos.
    PCs valendo menos que puta.

  7. NÃO TEM UM FDP QUE ACABA COM A RECOLHA AO CONTRARIO TODOS SÃO CONINVENTES ENTÃO TEMOS MAIS QUE SE FUDER , SE VC E CONIVENTE ENTÃO VC E CORRUPTO

  8. Tá, até aí todos nós sabemos, sendo que esta não foi a primeira e nem será a última noticia acerca do morte anunciada da polícia civil!
    O que quero saber é o que os governantes vão fazer a respeito? Até quando isso vai durar? Será que nem os policiais irão se mexer?

    Já fui em inúmeras dessas manifestações, como a que está anunciada para o dia 08 agora, mas, como sempre, é meia dúzia de gato pingado e a maioria são aposentados.

    Por que não marcam manifestações para domingo? Que é quando ao menos uma maioria interessada e que tem o privilégio hoje em dia de trabalhar somente durante a semana pode ir!

    Só sei que nada sei…

  9. ENQUANTO A CORRUPÇÃO REINAR NA POLICIA E OS CHEFES MAQUININHAS CONTUNUAREM NA ATIVA NADA MUDARA
    CEHFE MAQUININHA DESMANCHE ETC

  10. AI AI AI AIIIIII, TA CHEGANDO A HORA, KKKKKKK, TA ACABANDO EINNNNN
    VAO EMAGRECENDO POIS TEREMOS QUE COLOCAR A CADEIA MENOR DO MUNDO ” A FARDA” E OLHA QUE TEM A TURMA DOS BOMBADOS QUE ATE GOSTA. KKKKKKKKKKKKKKKK

  11. O pior de tudo isso que o nosso DGP está calado, vendo o barco afundar.

  12. Grupo de Estudos se reúne para tratar do Plano de Reestruturação da Polícia Civil
    1 de novembro de 2016 Notícias

    No dia de ontem, 31/10/2016, teve início as discussões que tratam do plano de reestruturação da Polícia Civil, criada através da Resolução- SSP-129/2015. ACREDITEM PAPAI NOEL EXISTE NO MUNDO DAS CRIANÇAS ACREDITEM SE QUISER E PUDER SO FALTA GRUPO DE ESTUDOS DO INFERNO E BOAS NOVAS DO ALEM

  13. Senhor COM DO NO PELO

    Acredito que sua opinião é de quem não conhece nossa realidade.

    A via rápida foi vendida como a panaceia para inibir a corrupção, mas na verdade só transformou “Os recolhas” em uma eminencia parda que hoje ninguém ousa enfrentar.

    Os baixos salários emburraram a maioria para o “bico” e a administração tem em sua mão o poder de transferir e mudar o horário de trabalho obrigando muitos a calarem para não perderem esta renda extra.

    O Governo não cumpre a lei da data base que prevê reposição anual da inflação, em março já caminhamos para três anos, sem qualquer reajuste.

    O Governador, demonstrando enorme apresso, cancelou nossas férias por decreto, trazendo enorme alegria e motivação aos policiais civis que em sua maioria já são de meia idade e o trabalho policial é uma das profissões que o desgaste físico e emocional é altíssimo.

    A culpa é nossa só pelo fato de não termos continuado a estudar para passar em outros concursos, mas quem paga o “pato” é a população que está cada dia mais acuada.

  14. AI AI AI AI TA CHEGANDO A HORA……. disse:
    01/11/2016 ÀS 16:43
    AI AI AI AIIIIII, TA CHEGANDO A HORA, KKKKKKK, TA ACABANDO EINNNNN
    VAO EMAGRECENDO POIS TEREMOS QUE COLOCAR A CADEIA MENOR DO MUNDO ” A FARDA” E OLHA QUE TEM A TURMA DOS BOMBADOS QUE ATE GOSTA. KKKKKKKKKKKKKKKK

    cxcxcxcxcxcxcxcxcxcxcxcxcxcxcxcxcxcxcxcxcxcxcxcxcx

    Quero ser Cabo. Queria ter a metade da autoridade que os cabos pensam que tem.

  15. Boa noite!

    Senhoras e Senhores.

    Os Governos Estaduais fazem pouco caso da Polícia Civil devido ao grande lobby empregado da PM que força à todo custo o “Ciclo Completo”!

    Esse lobby já vêm de muito tempo, quiçá desde o Governo de Orestes Quércia!

    Sempre foi uma questão política. A Polícia não deve ter ou ser influenciada por políticos.

    Não há investimentos, valorização e tampouco recebe como Polícia Judiciária.

    Caronte.

  16. Uma canetada do governador pode fazer qualquer coisa até mesmo transformar uma carreira de ensino médio para ensino superior, reestruturação do MP como já foi feito dentre outras coisas. Acho que só tem tem canetada no cargo de promotor e juiz que são cargos vitalícios fora esses dois, o governador pode transformar sapos em príncipes e príncipes em sapos.

  17. Caros colegas, o que a policia judiciaria precisa é de uma reengenharia radical, mudarmos as mentalidades do que é policia investigativa. Policia é policia, judiciário é outra coisa, somos policiais e temos que pensar e trabalhar como tal, fazer o nosso trabalho e sabermos nos valorizar. Policia é informação, quem tem faz; quem não tem não faz, é simples assim Hoje, apesar de todo avanço na informatica ainda usamos um sofware comprado do Canada em 1978 (!!!!!) e que foi feito para se usar em maquinas de telex (por isso que ele tem aquele formato estranho na tela), e o que a Prodesp conseguiu fazer durante este tempo ? Nada, só estragou o que tinha de bom, como o reconhecimento automatico de aliases e outras coisitas. Ele, assim como o RDO, Infoseg e outros não fornecem informações policais e sim juridicas, por isso, apesar das ocorrencias serem informatizadas, ninguem consegue estatistica sobre crimes, ninguem sabe quantos roubos a bancos tem, quantos latrocinios, quantos furtos de bicicleta ou qualquer outra modalidade porque o sistema apenas tipifica o artigo penal violado e não a modalidade policial, para uma estatistica de modus, areas e tipos tem que se ler os RDO´s ate o fim para entender o que aconteceu. As prisões temporarias com individuos foragidos não entram no sistema porque é uma prisão juridicamente personalissima de quem fez o pedido, mas policialmente é um grande erro para a realização da justiça. Quem ainda se lembra do antigo DARE, sabe da importancia que tinha aquelas fichinhas para o conhecimento do policial na investigação. Não criamos doutrinas nas investigações, não temos padroes ou normas de atuação nas diligencias, não temos onde colocar informações importantes nos sistemas policiais, os bancos de dados nas delegacias são pessoais e são levados embora quando os policiais são transferidos e isso é outro erro no conhecimento do policial, o crime é territorial na grande maioria, galo em terreiro alheio é pinto. Agora, uma ideia radical (para ser malhado aqui): Por que precisamos em pleno sec. XXI, onde teoricamente todos os policiais são alfabetizados, da carreira de Escrivão de Policia ? Por que o mesmo policial que recebe o RDO para investigar não pode ficar ” responsavel ” pelo I.P., por que ele não pode ouvir e colocar no papel os depoimentos de vitimas e testemunhas e interrogar o indiciado na “presença” do Delegado ? Por que ele não pode fazer o ciclo completo da investigação ? Afinal ele é um profissional de policia e não um entregador de Sedex. Bom, esse é uma das centenas de coisas que eu penso sobre essa nossa policia medieval, obsoleta, cara e ineficaz.

  18. Calma gente a solução está chegando:

    Grupo de Estudos se reúne para tratar do Plano de Reestruturação da Polícia Civil
    1 de novembro de 2016 Notícias
    No dia de ontem, 31/10/2016, teve início as discussões que tratam do plano de reestruturação da Polícia Civil, criada através da Resolução- SSP-129/2015.

    O SIPESP, representado por seu presidente, João Batista Rebouças da Silva Neto, esteve presente na reunião, em companhia dos demais componentes do grupo.

    Em suas ponderações, o presidente do SIPESP, solicitou que o Governo também encaminhasse ao grupo, os projetos que visem a reestruturação e a valorização da polícia civil, além de se comprometer a ajudar nos estudos, para que possam apresentar soluções para os problemas da Polícia Civil.

    Dentre os assuntos, também foi discutido a imediata convocação dos aprovados nos concursos, o fim do interstício de cinco anos na classe para a mantença da mesma no momento da aposentadoria e o fiel cumprimento da Lei Federal 51/85, para que os aposentados tenham o direito a integralidade dos vencimentos, além da paridade.

    Todos os componentes do grupo puderam expor os seus argumentos com relação ao atual momento da Polícia Civil e se comprometeram a contribuir nos estudos.

    Em breve, nova reunião será convocada, com a apresentação da pauta contendo as reivindicações e projetos apresentados, que serão analisados e discutidos pelo grupo de trabalho.

    A Diretoria

  19. Estamos sendo extintos as claras, os delegados fingiram não perceber nossa extinção, só não perceberam que eles também estão sendo extintos, ai perceberam que sem subordinados não teriam ninguém para delegar, sendo que com a extinção dos operacionais por consequência não se precisa mais de delegados, simples assim.

    ” O delegado não foi para delegacia, por sabia que não havia mais policiais para mandar, o dia que a polícia civil parou ehehehe…O dia que a policia civil parou ”

    Raul Seixas.

  20. alguém sugeriu chamar o Olim…..a pergunta que não quer calar: o que é Olim???

  21. Senhor silvio sciascia

    Polícia medieval, obsoleta, Cara e ineficaz.
    -Com quatorze carreiras (Dezesseis se levarmos em conta o ganso e o recolhe)
    -Com a burocracia que alimenta a ineficiência, possibilitando a corrupção.
    -Funcionários envelhecidos, mal remunerados, tendo que recorrer ao um Judiciário moroso para ter seus direitos elementares respeitados.

    Resultado:

    Polícia fraca, crime organizado forte

    Polícia moderna, Agiu, Bem Administrada e eficiente.
    -No máximo cinco carreiras.
    -Plano de Cargos e Salários
    -Remuneração condizente
    -Informatizada
    -Escolha de chefias por capacidade e não pela famosa “dança das cadeiras”

    Resultado:

    Polícia forte, crime organizado fraco

  22. quero só ver quem fará plantões. quem vai investigar PM MP , não conseguem sequer cumprirem suas funções, tá de brincadeira, quem vai puxar plantão governador , secretário de segurança , coroneis , e promotores, e o resto do oficiais tá bom conta outra. Já até imaginado primeiro Tenente engravatado no plantão ao lado de sargento escrivão e investigador escrivão kkkkkkkkkkkkkk

  23. E SE ACABAR? E DAI? A GRANDE MASSA DE POLICIA É RESTO. NÃO TENHO CADEIRA PRA SEGURAR. QUER ACABAR? ACABA. O MEU ESTA GARANTINDO NO FINAL DO MÊS. A PM QUER ASSUMIR ESSE BAMBU? PODE FICAR. NÃO SOU DONO DE PRÉDIO DO ESTADO, NEM DE VIATURA E NEM MESMO DA MINHA CARGA. QUE A PISTOLA DE VOLTA? TOMA É SUA. PARAR COM ESSE NEGOCIO DE SE PREOCUPAR COMO VAI FICAR A POLICIA. É PROBLEMA DO GOVERNADOR E SEU SECRETARIO. DE RESTO, DIA 5 O MEU ESTA NO BB.

  24. Desta vez a PM conseguirá o ciclo completo, comando militar unido e forte, com grande poder e influencia política, enquanto a polícia civil agoniza seu fim, e logo será absorvida por alguma secretária, e os delegados já não terão ninguém para delegar e serão extintos juntos ao que restou de seus subordinados.

  25. Senhor Carcereiro 13

    O plano de cargos deveria ser sempre horizontal como ensina a moderna gestão de negocios mas como aqui ainda não saimos das capitanias hereditárias e com resquicios de administração da França de Luis XV acredito que isso ainda levará varias gerações para acontecer. Um exemplo disso era a assinatura de um Delegado para poder abastecer um vtr.
    A nossa má remuneração é devida ao resultado de nosso trabalho, venhamos e convenhamos, somos crianças brincando de policia e ninguem paga bem para crianças.
    A escolha de chefias sempre foi, e não só aqui na policia ou só no Brasil, privilegio de quem esta por cima e tem sempre alguem acima. Chefia é uma escolha politica na maioria das vezes ou adquiridas por habilidades extra policiais de alguns.
    Se quisermos ser bem remunerados temos que mostrar o que sabemos fazer e essa liberdade só é possivel com a responsabilidade dos nossos atos. Por isso que eu disse no post anterior que acredito que temos que ter regras claras sobre o que fazer e como fazer, temos que nos valorizar na apresentação de nosso trabalho.
    O Governo gasta demais com a PC e o dinheiro publico é mal utilizado para as funções necessárias de quem quer trabalhar com investigação policial. Gasta-se horrores com informatização, acredite, porem quem dita o que tem que ser desenvolvido nunca vai usa-los e portanto são inuteis bem como se esquecem de verbas para manutenção e aprimoramento de sistemas. O contrato com a Prodesp é vergonhoso, a compra de sofwares estrangeiros sem a “tropicalização” e a continuidade de serviços é….bem deixa para lá.
    Por fim, o nosso problema é o crime desorganizado.

  26. E vcs estão achando que vão para a PM????? Rindo alto aqui…. A PM não quer ninguém a Civil não….Se bobear vão engrossar as fileiras da SAP…. Mas é bem feito… É triste… Mas é bem feito….

  27. Agora a PM tem todos os poderes a seu favor quanto ao ciclo completo, a Polícia Civil está em estado terminal, policiais velhos se aposentando aos montes, delegacias preenchidas por funcionários municipais, e os poucos jovens que ainda circulam na polícia civil estão desanimados, sobre – carregados, desviados de suas funções, procurando novos concursos, porque a Polícia Civil apenas suga seus policiais e não lhes apresenta perspectivas, não lhes apresenta futuro, delegados acordaram para a situação, pois só pensavam na carreira jurídica, mas se esqueceram que sem policiais não existe Polícia Civil, e sem Polícia Civil e policiais de nada serve serem carreira jurídica e tão pouco delegados. A Polícia Militar tem plena capacidade de realizar o ciclo completo, pois são numerosos, disciplinados, organizados e estruturados, e farão muito melhor que nos, estão cada mais fortes, e aumentam seu efetivo de maneira rápida e sem burocracia, com o ciclo completo, e a decadência da Polícia Civil, está não terá mais serventia e logo seremos absorvidos por alguma secretaria, só falta desligar os aparelhos, os delegados acordaram tarde e seus policiais estão acabando, junto com toda história e glória da Polícia Civil.

  28. Aos carreiras jurídicas:

    ” A falência de um sistema é de responsabilidade integral do topo da pirâmide, que não deu suporte, nem reforçou ou reestruturou sua base, com a base frágil todo sistema tende a desmoronar “.

    BILL GATES

  29. Os coxas podem ficar com tudo. Tô nem aí pra isso aqui cara. Por mim, eles poderiam até ficar nas delegacias que não são centrais à noite.

  30. Deixa a PM abraçar tudo….ai sim a Policia Civil vai conseguir exercer sua função…….atualmente ficamos presos a escalas de plantão, escoltas de presos, iml, ic, e temos quase nenhum tempo para investigação.

  31. O TIRA DECAP falou tudo se não houver investimento na base nada vai se consolidar. Os delegados, nem todos é claro, conseguiram levar a Polícia Civil de São Paulo à beira do abismo, qualquer brisa vai levar todos, não importa a carreira, para o fundo.

  32. loko

    É isso ai irmãozinho…falou tudo, simples assim.

    O pior é que depois vem a choradeira e acaba voltando tudo pra PC novamente.

    Tempos atrás a PM começou fazer TC, foi uma M….. daquelas, dai o judiciário acabou com aquela palhaçada e voltou tudo pra gente lembra?

    A PM também sofre com falta de efetivo, apesar de muitos policiais, a maquina é muito grande e mal distribuída.

    Policiais no patrulhamento e nas bases podem faltar, mas não pode faltar para ordenanças dos oficiais.

    Hoje, eles não tem policiais para fazer B.O PM sequer de acidente de transito sem vitima, imagine quando vier a enxurrada de BO’s.

    Um simples B.O PM de acidente de transito demora uma semana para ser retirado pela parte.

    Entendeu a matemática?

    O que está acontecendo é a mais pura vaidade dos Oficiais PM’s, nada além disso.

    Portanto, façam bom uso do ciclo completo, TC e etceteras, que ai sim vão ver a Pá de Cal que faltava cair em cima de suas cabeças PM’s.

    Agora, acabar com a PC, esqueçam, isso nunca vai acontecer, relaxem.

    Vai sim haver a unificação e de uma forma Civil com um corpo uniformizado. Nada de Militar.

    No mais, tríplice abraço a todos e em especial aos colegas que estão de plantão nesse feriado.

  33. Senhores

    Em data passada, efetuei comentario de identico teor ao que passo a ensejar:
    Não há desmonte coisa alguma, basta simplesmente a nossa Policia Civil se abster de atividades que não lhe são próprias, lotar os Policiais em serviços exclusivamete Policiais, contratar empresa de segurança para as vezes de atividade patrimonial e de escriturarios para os serviços administrativos.
    PRONTINHO, SOBRA BASTANTE GENTE PARA A ATIVIDADE FIM, INVESTIGAR, O INQUÉRITO POLICIAL E AS SINDICANCIAS.

    é o que penso

    C.A.

  34. O comentário é o mais fiel retrato da Polícia Civil e da Superintendência da Polícia Científica deste Estado.

    Hoje, policial de qualquer carreira, mormente os lotados nas abandonadas delegacias da periferia da capital, das cidades da região metropolitana e pequenas cidades do interior, trabalham por três ou quatro policiais recebendo o mesmo salário de três anos atrás, haja vista não termos qualquer aumento nesse período

    Quem dirige a polícia civil são sempre os mesmos e, logicamente, os puxa sacos que os cercam.

    A instituição parece um condomínio tendo o DGP como seu síndico. A grande maioria se dedicando às verdadeiras empresas particulares de segurança que possuem em nome de terceiros ou às falsas “Consultorias de Segurança” que outra coisa não são senão lavanderias de dinheiro sujo advindo da recolha de propinas nas coletorias instaladas nas unidades policiais que chefiam.

    Triste fim da Polícia Civil a quem dediquei boa parte da minha vida. O mais triste é saber que se encontra nessa situação por nossa culpa.

  35. Procure saber como funciona uma Superintendencia da Policia Federal….

    C.A.

  36. TIRA VÉIO: bem esclarecedor seu comentário. Comentários assim de que necessitamos. TKS.

  37. O ESTADO DE SÃO PAULO POR SER MAIS RICO DA FEDERAÇÃO;

    POR TER MAIOR ARRECADAÇÕES TRIBUTÁRIAS;

    O GOVERNO TEM A OBRIGAÇÃO DE MANTER UMA POLÍCIA CIVIL BEM APARELHADA

    E POLICIAIS CIVIS GANHANDO SALÁRIOS COMPATÍVEIS

    PELAS QUALIFICAÇÕES QUE TEEM;

    O POLICIAL CIVIL PAULISTA ERA PARA ESTAREM GANHANDO O MAIOR SALÁRIO DO PAÍS;

    EU GOSTARIA DE ENTENDER QUAL É O PENSAMENTO DO GOVERNADOR !

    SERÁ QUE ELE ACHA QUER PELA FORTE INFLUÊNCIA, INSTIGAÇÃO, INDUZIMENTO, PRESSÕES

    QUE A PMSP, FAZ PODEM REALIZAREM AS TAREFAS DA POLÍCIA CIVIL

    PARA MANTEREM BAIXOS SALÁRIOS

    ELE ESTÁ MUITO ENGANADO , QUEM PERDE COM ISSO É A POPULAÇÃO

    QUE PAGA IMPOSTOS , TRIBUTOS, TAXAS,

    E TANTA MULTAS

    A POLÍCIA CIVIL PAULISTA É COMPETENTE !

    SÓ NÃO TEM INCENTIVOS

    SALÁRIOS DIGNOS !

  38. DIÁRIO DOS ESQUECIDOS

    OBRIGADO MAÇANETAS

    Maçaneta é o termo utilizado na Polícia para designar o funcionário que não
    exerce as funções para as quais foi contratado. O maçaneta realiza
    atividades sem risco à sua própria integridade física. Espalhados por
    setores administrativos, tais como garagens, subfrotas, portarias,
    almoxarifados, expedientes, unidades de manutenções de informática e seção
    de armas e munições, estes indivíduos insistem em permanecer “escondidos”
    realizando funções burocráticas e administrativas, embora tenham sido
    aprovados em concurso público para o exercício de atividades de natureza
    policial. Normalmente são agraciados com os melhores horários, precoces promoções e possuem proteção especial de seus superiores. Os “postos” que ocupam são criados
    com o objetivo específico de alocá-los em razão de seu apadrinhamento e/ou
    covardia. Outras denominações são utilizadas como sinônimos. As mais comuns
    são: “puxa saco”, “cana zero”, “baba ovo”, “bunda mole”, “cagão” etc.
    Por muito tempo estes funcionários parasitas foram ignorados pelos
    policiais de verdade. Afinal, nunca se pôde contar com eles mesmo. Mas
    chegou a hora de reconhecermos o valor destes indivíduos e acabarmos com
    todas as rusgas.
    É tempo de admitirmos que o maçaneta representa tudo o que a Polícia Civil
    se tornou. Ele é o futuro.
    Para que expor-se em investigações policiais, ter que ser ouvido no Fórum a
    respeito de prisões e ocorrências, correr o risco de ter que utilizar a
    arma de fogo ou até mesmo poder colidir uma viatura… Tudo isso é coisa do passado.
    O amanhã pertence aos maçanetas. Eles nos ensinaram como devemos agir de
    agora em diante. Seus ensinamentos nos preparam para atingir na ativa, com integridade física e mental, os 65 anos de idade. Muito obrigado a todos os maçanetas!

  39. Foram nomeados diversos candidatos aprovados em concursos, para diversas carreiras da P.C. “Antes tarde, do que nunca”. [páginas 1, 3 e 4 do DOE de hoje (5) – Executivo II ].

Os comentários estão desativados.