1 a cada 3 brasileiros tem medo de violência e da polícia, aponta pesquisa da Folha de São Paulo 67

1 a cada 3 brasileiros tem medo de violência e da polícia, aponta pesquisa

Marcelo Justo/Folhapress
Cleide Luci, 49, que mora na periferia de SP e nunca sofreu um assalto, afirma se sentir insegura
Cleide Luci, 49, que mora na periferia de SP e nunca sofreu um assalto, afirma se sentir insegura

FERNANDA MENA
DE SÃO PAULO

03/07/2017 02h00

Um a cada três brasileiros tem medo da violência urbana nas ruas de seu bairro tanto quanto da Polícia Militar, que deveria remediá-la. É o que mostra pesquisa inédita do Datafolha sobre medo e percepção de segurança.

Realizado em 194 municípios do país, o levantamento apontou que 49% dos brasileiros têm medo de ser alvo de violência por parte da Polícia Militar e 60% têm medo de andar nas ruas da vizinhança depois do anoitecer. Um terço (35%), no entanto, tem medo das duas coisas.

A sensação de vulnerabilidade e a ideia de que não há a quem recorrer, dizem especialistas, promove isolamento, enfraquece a coesão social e favorece a busca individual de medidas de segurança, nem sempre lícitas e que não melhoram o quadro geral.

“O brasileiro hoje é refém do medo. Essas pessoas se sentem indefesas”, avalia Arthur Trindade, ex-secretário da Segurança Pública do Distrito Federal e professor da Universidade de Brasília, que estuda o medo do crime.

Segundo ele, o temor da polícia ou do crime não necessariamente estão ligados a uma experiência anterior de violência. Por isso, não necessariamente quem foi vítima de um crime ou de abuso policial tem mais medo que aqueles que nunca passaram por isso.

É o caso da ascensorista Cleide Luci, 49. Ela nunca sofreu furto, assalto ou qualquer outro crime, mas diz ter medo tanto de andar na rua de noite como da Polícia Militar.

“Moro perto de Perus [zona norte], um bairro violento onde acontece muita coisa errada. Fico sempre com receio de sair de noite”, diz.

“Ao mesmo tempo, a polícia me dá medo porque já vi ela agir com muita truculência na periferia. Se você estiver num determinado lugar e tiver certas características, já é suspeito”, avalia. “Os policiais que entram no elevador do meu trabalho, na região central, são sempre gentis. É muito diferente do que vejo perto de casa”, diz ela.

“Com isso, tenho medo de bandido e de polícia. Não sei a quem recorrer”, desabafa.

AMEDRONTADOS

Trindade explica que o medo e a insegurança são maiores entre pessoas de baixa renda –55% têm medo da polícia militar e 62%, de andar nas ruas de noite– porque vivem em bairros menos estruturados e mais vulneráveis.

Pretos e pardos também estão mais sujeitos ao medo pela questão de renda e, portanto, do local de moradia –57% daqueles que têm medo das ruas e da polícia são negros.

Idosos e mulheres completam o perfil dos brasileiros que mais são vítimas da sensação de insegurança.

Snap 2017-07-03 at 15.18.48

“Enquanto o homem tem medo de sofrer um assalto na rua, no caso da mulher, soma-se a isso o medo da violência sexual”, explica. Registros oficiais contam 50 mil estupros por ano no Brasil.

É por isso que, enquanto 52% dos homens têm medo de andar na rua após anoitecer, entre mulheres o índice é de 68%. Entre quem tem medo das ruas e da polícia, 56% é do sexo feminino.

Segundo ele, o que diminui a sensação de medo é a confiança no vizinho, também entendida como coesão social, e a confiança nas instituições, caso das polícias –dois fatores distantes da atual realidade do país.

De acordo com pesquisa do Latinobarômetro de 2015, só 7% dos brasileiros confiam em seus pares (o menor índice da América Latina). Estudos brasileiros também apontam índices baixos de confiança nas polícias, em geral em torno de 30%.

POLÍCIA

Para Marcelo Nery, sociólogo do Núcleo de Estudos da Violência da USP, as altas taxas de mortes provocadas por policiais e a percepção de que sua ação é “um tanto aleatória e sem um padrão” aumentam a insegurança.

Nery cita a dramatização da violência feita por certos meios de comunicação aliada à falta de políticas claras de combate ao crime como uma combinação que potencializa a sensação de medo evidenciada pela pesquisa.

Para o coronel Álvaro Camilo, ex-comandante da Polícia Militar de São Paulo, a mídia é um ator muito importante na construção da sensação de insegurança.

Snap 2017-07-03 at 15.20.15

Ele avalia que há muito desconhecimento em relação à polícia, o que dificulta sua maior aproximação da população. “A polícia precisa ser conhecida para ser acreditada. Com isso, ela obtém mais informação da população e, portanto, trabalha melhor.”

Renato Sérgio de Lima, do Fórum Brasileiro de Segurança Pública, aponta que os dados sobre o medo das polícias são estáveis pelo menos desde 2012.

“Os padrões de enfrentamento, a baixa capacidade de investigação e a crise do modelo federativo de segurança deixaram a população apavorada. Com isso, essas instituições não podem achar que estão trabalhando corretamente”, afirma.

Camilo admite que a polícia tem seu papel neste resultado. “O próprio policial muitas vezes não interage com a população. A polícia sofre com o estigma do regime militar, sendo que isso acabou e ela mudou há muito tempo”, diz o pesquisador.

Para Lima, a boa notícia é que 51% da população não tem medo da polícia, portanto, a reconhece como instância legítima de ordem e controle e de representação do Estado na detenção do monopólio de uso da força.

GATILHOS E EFEITOS

Trindade cita estudos que indicam que o que mais provoca medo no Brasil é o barulho de tiros, ao vivo ou no noticiário, seguido do assalto de rua e de incivilidades, como brigas e ameaças.

As consequências, diz ele, são múltiplas. Na saúde, o medo gera ansiedade, fobias e pânico. Na economia, atrapalha os negócios e o turismo, e eleva os gastos com segurança privada. Do ponto de vista urbano, isola as pessoas, que passam a usar menos a cidade, tornando-a mais perigosa.

“Quando o Estado não assume o protagonismo e não há política para o medo, as pessoas passam a tomar medidas que vão desde colocar caco de vidro no muro e ter um cachorro bravo até pagar milícias e contratar grupos de extermínio”, alerta.

Para Lima, do Fórum, a segurança precisa finalmente ser tratada como prioridade tanto pelo Executivo federal como pelos governos estaduais. “Vivemos uma crise de implementação. Só com pressão social as coisas serão transformadas e a política de segurança pública pode ser de fato posta em prática.”

Snap 2017-07-03 at 15.22.16

  1. 1 a cada 3 brasileiros é bandido ou admirador de bandido, aponta a pesquisa do dia a dia.

  2. Algum colega sabe se aconteceu a reunião pelo aumento …

  3. A suposta reportagem deste jornal afirma ter “pesquisado” em 149 municípios em todo o país?
    Mas o único exemplo encontrado foi no município da São Paulo, a repórter, que assina, não conseguiu localizar nenhuma outra pessoa, por exemplo, em Minas Gerais ou Espirito Santo, para dar seu depoimento.
    Só “acharam” a tigrona de Perus, que gostaria de dar um role a noite perto de casa!
    O meu conselho, para ela, não faça isto!
    Não precisa ser nenhum gênio para saber que Perus a noite não é para bobo ou neste caso boba, é mais ou menos como eu querer fazer turismo na faixa de gaza.
    Depois temos os eternos “especialistas” em segurança pública, de gabinete, todos muito bem acomodados no sudeste do país, e o não menos famosíssimo instituto Sou da Paz, com as suas soluções mirabolantes, instituto este da USP, que faz divisa com a favela Sam Remo, que nunca foi visitada pelos diretores deste instituto, estes poderiam ir a pé se quisessem.
    Mais sabe como é que é!
    Conversar com favelado cansa, o melhor é viver em recepções e coquetéis de lançamento de livros, sobre a violência, destilando teorias de como a polícia brasileira poderia ser e atuar como a polícia da Suíça, mas com as condições da Somália, este é o sonho desta gente.
    No mais a folha está fazendo o que a folha saber fazer de melhor, ou seja, encher linguiça com as obviedades de sempre.
    Novidade seria fazer uma pesquisa, com nos policiais, para saber se confiamos neste jornal e nos seus jornalistas, assim sim seria uma bela novidade.

  4. Blz… não vou ficar lendo resportagens idiotas feitas por comunistas.
    Alguém sabe alguma coisa sobre a reunião de hoje sobre o reajuste salarial?

  5. Tá baixo ainda o índice, pois se 3 entre três brasileiros tivessem medo da polícia, não teríamos tantos bandidos.
    Polícia tem que ser temida mesmo.

  6. a respeito da reunião sobre reajuste salarial, acima questionada, informo que, para alegria de todos, foi criada uma comissão que irá designar os membros da comissão que levará ao dgp e este ao ssp, que por dua vez a levará ao governador, as pretensões dos policiais civis, lembrando que ficam revogadas todas as pretensões aludidas nas comissões anteriores. boa sorte a todos e que continuem a exercer atribuições que não são suas. Para alegria daqueles que estão nas “cadeirinhas”….

  7. referente a reunião com o DGP…

    COLEGAS !!! PERGUNTEM AO APOLLO , LOGO ELE DARA A RESPOSTA……

  8. REFERENTE AO POST….

    esta pesquisa significa que estamos com uma população composta de milhões de foras da lei………

    medo de policia ??? só tem, quem deve ……..cidadão honesto e cumpridor das leis , e que respeita a constituição federal , jamais tera medo dos policiais………………….

  9. Matéria extremamente tendenciosa, eu sou brasileiro não participei da pesquisa, e muito menos tenho medo da Polícia. Em um país que sustenta índices alarmantes de 60 mil assassinatos por ano, afirmar que 1 a cada 3 brasileiro tem medo da policia, é de um hipocrisia sem tamanho.
    Até parece que toda culpa da violência no nosso país é da Polícia, quase não existe criminosos no Brasil né ?? Vê se a matéria prestou o papel de informar que pelo menos 1 policial é morto a cada 32 horas no Brasil, isto claro segundo dados de 2012, hoje em dia deve ser muito pior.

    QUEM TÊM MEDO DE POLÍCIA É BANDIDO, SE É QUE VERDADE MESMO QUE OS ENTREVISTADOS RESPONDERAM COMO TÁ NA MATÉRIA. REALMENTE É BOM TEMER A POLÍCIA MESMO, COMO ACONTECE COM TODO BANDIDO POR ESTE PAÍS A FORA, CUIDADO UMA HORA CASA CAI, E POLÍCIA TE PEGA.

  10. podem apostar que dentro destes 30% dos medrosos dos policiais … uns 20% gostam de usar uma droguita…..
    e isso é contra a lei….. eita população bonita e ordeira hein ?????????????????

  11. .
    .
    .
    .
    .
    1 a cada 3 brasileiros,

    Não sabem que a quase quatro anos o Governador do Estado simplesmente ignora a Lei de reposição anual da inflação.

    1 a cada 3 brasileiros,

    Não sabem que O Governador do Estado desrespeita o direito a aposentadoria com paridade e integralidade do policial civil, obrigando-nos a entrar na Justiça.

    1 a cada 3 brasileiros,

    Não sabem que o policial para ter seus direitos reconhecidos tem que buscar o poder judiciário e esperar mais de dez longos anos para ter seus direitos reconhecidos.

    1 a cada 3 brasileiros,

    Não sabem que o policial quando vítima de um assalto e tem descoberto sua profissão é sumariamente executado, sem direito a causar indignação dos grupos de defesa dos direitos humanos.

    1 a cada 3 brasileiros,

    Não sabem que ao policial é negado o direito a: hora extra, adicional noturno, fundo de garantia.

    1 a cada 3 brasileiros,

    Não sabem que um policial insatisfeito pode ao invés de pedir exoneração, simplesmente passar a ser omisso, resultando em um aumento significativo da criminalidade.

    1 a cada 3 brasileiros,

    Não sabem que quando o policial é morto, por ser policial, a familia tem que entrar na Justiça para receber seu seguro de vida.

    1 a cada 3 brasileiros,

    Não sabem que o Estado mais rico da federação é o Pior Salario Do Brasil.

  12. DECEPCIONADO– o APOLLO sabe……ele tava la…………………….ele viu…….

  13. Pesquisa furada!!!!! Mesmo com alguns abusos ocorridos, a população de bem já não aguenta mais ser assaltada na rua, ter seu comercio ou residencia invadido, isso já está causando uma revolta nas pessoas de bem, as quais são a maioria. Por que temer a PM ou a PC, ou a GCM???? Teme quem deve, quem é conivente e admirador do crime ou tem amigo/familiar envolvido, além daqueles que são mal educados mesmo e destratam o policial quando da abordagem. Conheço pessoas que reagem bem quando abordadas e ainda dizem ao policial que estão corretíssimos ao faze-la.

  14. É um erro achar que a Polícia é para ser temida. Polícia é para ser respeitada e admirada.

    Policiais são heróis que trabalham, com o risco de perder a própria vida, em favor de alguém desconhecido.

    Apenas bandidos deveriam sentir medo da Polícia, mas, infelizmente, pessoas honestas sentem medo mesmo.

    Afinal, quem acha que ser abordado por policiais, com arma em punho, não causa apreensão, não está sendo sincero consigo mesmo.

    Eu mesmo fui abordado há algumas semanas, voltando do mercado, carregando várias sacolinhas, com os dedos sem circulação, os braços cansados, ainda tive que parar, colocar tudo no chão, apresentar documento. E, pra quê? Para ensinar algum recruta como se aborda ou algo do tipo? Ou eu tenho cara de feio? Feio sou mesmo, mas só na aparência, não na metáfora.

    A Polícia precisa entender que abordagem para “averiguação” e “entrada franqueada” só colaboram para essa imagem negativa da Polícia, em qualquer Instituição.

    Nos USA, o policial é muito respeitado, mas ele também respeita o cidadão. Não se para um carro e não se revista uma pessoa na rua sem motivo e não se entra numa casa sem uma ordem judicial.

  15. O FUTURO ESTA CHEGANDO…

    Lembramos o escólio de Ferrajoli, que, ao comentar as funções das polícias, dispõe o seguinte: “As diversas atribuições, por fim, deveriam estar destinadas a corpos separáveis entre eles e organizados de forma independente não apenas funcional, mas, também, hierárquica e administrativamente dos diversos poderes aos quais auxiliam. Em particular, a polícia judiciária, destinada, à investigação dos crimes e a execução dos provimentos jurisdicionais, deveria ser separada rigidamente dos outros corpos da polícia e dotada, em relação ao Executivo, das mesmas garantias de independência que são asseguradas ao Poder Judiciário do qual deveria, exclusivamente, depender”( FERRAJOLI, Luigi. Direito e Razão. Trad. Ana Paula Zomer, Fauzi Hassan Choukr, Juares Tavares e Luiz Flávio Gomes. São Paulo: RT, 2010. p. 709).

  16. Nenhuma informação do palácio sobre o reajuste …. esqueçam essa reportagem de uma imprensa tendenciosa e esquerdista, para ser sincero, não entendo o motivo dela estar aqui. Devemos nos unir em prol da nossa polícia e de seus integrantes. Infelizmente, atualmente, a mídia é completamente separada da realidade.

  17. É dos políticos que deveríamos ter medo. São eles que tem o poder de nos prejudicar demasiadamente e, geralmente, é o que fazem. No dia em que o brasileiro começar a temer o administrador que remunera mal os profissionais da saúde, educação e segurança, estaremos dando o primeiro passo em direção a um país mais justo e civilizado.

  18. Ah tá! To caghando e andando para o que a sociedade pensa. Porisso, zoooooinhooo de vidro totaaaal.

  19. Datafolha não tem credibilidade. É um lixo. Para eles só pseudo esquerdistas tem valor. Além de vagabundos e drogaditos. Lixo.

  20. Em qualquer ocorrência sempre aparece um “popular” de celular na mão falando bobagem e pendendo pro lado de vagabundos. Sociedade brasileira hoje padece de educação e cidadania. Povo lixo.

  21. Embora a matéria seja tendenciosa, a verdade deve ser dita, o modelo atual de Segurança Pública já não atende mais a sociedade, é um modelo instituído na ditadura, com algumas exceções que se beneficiam do deste modelo, há uma enorme insatisfação com a policia em geral.
    Enquanto não desmilitarizarem a PM , unificarem as policias e instituírem a CARREIRA ÚNICA, será impossível ter uma Segurança Pública exemplar.
    Repito não adianta criarem as formulas magicas de integração, centros integrados de informação e outras conversinhas fiadas.

  22. … jornalista e advogada Luana de Almeida Domingos, de 32 anos, presa nesta manhã no litoral paulista numa ação conjunta entre a Polícia Civil de São Paulo e a do Rio de Janeiro.
    Luana Don, como a repórter de TV é conhecida profissionalmente, era procurada sob a suspeita de transmitir ordens do Primeiro Comando da Capital (PCC) para presos e membros que estavam nas ruas. A facção criminosa é conhecida por atuar fora e dentro dos presídios paulistas.

    http://g1.globo.com/sao-paulo/noticia/reporter-de-tv-presa-no-litoral-por-suspeita-de-envolvimento-com-faccao-chega-a-sp.ghtml

    https://www.google.com.br/search?q=luana+don&source=lnms&tbm=isch&sa=X&ved=0ahUKEwjP6eTinvDUAhWDcz4KHRSSAS8Q_AUICigB&biw=1600&bih=770

  23. Dia 19 de julho será anunciado entre 7% e 10%, com reajuste ou não, o impacto é insignificante para o Estado, todos Estados do Brasil estão quebrados e todos deram reajuste, e nos deixaram como o Pior Salário do Brasil.

  24. Se até os sábios erram, quem dera nos simples mortais e sapateiros do direito?

    CONSTRANGIMENTO ILEGAL
    Erro em recurso leva Roger Abdelmassih de volta à prisão domiciliar

    4 de julho de 2017, 15h36
    A utilização de mandado de segurança para restabelecer prisão na pendência de recurso interposto configura constrangimento ilegal. O argumento é da presidente do Superior Tribunal de Justiça, ministra Laurita Vaz, que restabeleceu, nesta terça-feira (4/7), decisão de primeira instância e determinou que o ex-médico Roger Abdelmassih cumpra pena em prisão domiciliar.

    Ex-médico Roger Abdelmassih foi condenado a 278 anos de prisão pelo estupro de 37 pacientes.
    Segundo a magistrada, que tomou decisão monocrática devido ao recesso do Judiciário, um erro no recurso apresentado pelo Ministério Público de São Paulo e acolhido pelo Tribunal de Justiça de São Paulo a levou a tomar essa posição. Ela sustenta que há jurisprudência consolidada no sentido de que não cabe mandado de segurança para dar efeito suspensivo a recurso interposto pelo MP.

  25. APOLLO disse:
    04/07/2017 ÀS 17:11
    Dia 19 de julho será anunciado entre 7% e 10%, com reajuste ou não, o impacto é insignificante para o Estado, todos Estados do Brasil estão quebrados e todos deram reajuste, e nos deixaram como o Pior Salário do Brasil.

    SECRETÁRIO DE SEGURANÇA REMARCA REUNIÃO COM ENTIDADES

    Alegando questões de saúde, o Secretário de Segurança Pública, Mágino Alves Barbosa Filho, remarcou a reunião com as entidades que compõem a CERPM – Coordenadoria das Entidades Representativas dos Policiais Militares do Estado de São Paulo, agendada para esta segunda-feira, 03 de julho, para o próximo dia 19 de Julho.

    Este encontro será o último com o Secretário antes da reunião com o Governador Geraldo Alckmin, que deverá anunciar um índice de reposição salarial para a categoria, conforme compromisso assumido na reunião realizada em fevereiro deste ano.

    “Não vamos aceitar mais um ano sem reajuste salarial. Já se passaram três anos sem reajuste e a tropa está sofrendo com esse descaso. Vamos aguardar até este semestre uma resposta do governo. Se não for positiva, teremos que seguir por outros caminhos”

  26. APOLLO disse:
    04/07/2017 ÀS 17:11
    Dia 19 de julho será anunciado entre 7% e 10%, com reajuste ou não, o impacto é insignificante para o Estado, todos Estados do Brasil estão quebrados e todos deram reajuste, e nos deixaram como o Pior Salário do Brasil.:

    Agora é dia 19 de julho e o reajuste será entre 7 a 10 %, kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    Fala serio!!

  27. EXTRA— EXTRA—–

    virou baderna mesmo o nosso querido brasil….

    mais um pilantra solto…

    O MÉDICO ESTUPRADOR – ABDULMASSIM ganhou hoje prisão domiciliar novamente , agora no no STJ…..

  28. ta na cara que este estuprador vai fugir do pais novamente….
    ta na cara que ele premeditou estar doente para novamente fugir….

    este medico estuprador safado condenado a mais de 180 anos de prisão em regime fechado, deve ter um padrinho super poderoso……..

    este safado vai fugir de novo ……esperem e verão………………………

  29. do jeito que anda as coisas .. vai chegar a hora que o povo não vai saber como aconselhar os seus filhos….
    não se sabera o que é certo ou errado………………. ta dificil………………………..

    agora resta a nós ver e acompanhar, para ver até que dia este pilantra ira ficar na sua residencia antes de dar no pé de novo………………..

  30. médico estuprador condenado a mais de 180 anos de prisão é solto novamente…..

    O CARA É FORTE…..OU MUITO BEM APADRINHADO…………………

    NÃO TEM OUTRA JUSTIFICATIVA……

  31. Silvio
    Datafolha só tem credibilidade se falar que o Lula está em último nas pesquisas ou se falar que o Almofadinha do PSDB está em primeiro né?

  32. População tem a Polícia que merece pois é a mesma que escolhe o seu governante.

  33. Senhores

    Não entrarei no mérito da credibilidade do levantamento, mas sim em sua imparcialidade.
    Qual o perfil dos entrevistados?
    Foram escolhidos de forma aleatória?
    Quais cidades e região das mesmas escolhida?
    Depois que isso estiver bem claro, aí eu opino.

    é o que penso

    C.A.

  34. e o salário digno, n acredito que ainda estamos nessa discussão

  35. Senhores prestem bem atenção no que vou relatar aqui!!
    Pois bem, mais uma vez a maldita reunião foi remarcada, e qual a desculpa dessa vez??, É que uma procuradora da secretaria da fazenda, não estava em São Paulo!!, Ora para que procuradora da fazenda em uma reunião, se não for com a única missão de expor planilhas e mais planilhas para no final, dizer que está no limite da lei de responsabilidade fiscal e portanto, não será possível conceder reajuste. Senhores aposto minha virgindade nisso.

  36. Eu conheço um escrivão que quando tava na ativa ( tempo da máquina de escrever) ele passava o IP relatado pro delega. Acontece que agora ele fica nas esquinas dos distritos ,aqui da capital, pregando que nós escrivães da ativa fazemos funções que não são nossas. Então digo e pergunto. E a culpa foi de quem heim??? E me ajudem aí ô. … que salário tá ooooo…. chega de hipocrisia né gente. Pra aposentado é fácil falar. RS

  37. boa noites

    a corregedoria com o gaeco invadiram o deic agora, policiais da 3 divecar

  38. Senhores a maldita reunião não aconteceu pq uma tal procuradora da secretaria da fazenda não poderia participar. Agora vamos pensar: para que uma procuradora da fazenda em uma reunião para reajuste salarial. Eu explico, é só para apresentar planilhas e ao final dizerem não as nossas reivindicações.

  39. Essa Data folha é um instituto que cumpre o desastroso mandamento de Lenin que exorta o enfraquecimento e a desconfiança nas instituições do estado a qualquer custo para o comunismo tomar o poder por meio de escrúpulo algum.
    Esse instituto deve ser banido pelos brasileiros, porque mente nas pesquisas
    compradas sob interesses escuso da esquerda.

  40. Essa Data folha é um instituto que cumpre o desastroso mandamento de Lenin que exorta o enfraquecimento e a desconfiança nas instituições do estado a qualquer custo para o comunismo tomar o poder por meio de escrúpulo algum.
    Esse instituto deve ser banido pelos brasileiros, porque mente nas pesquisas
    compradas sob interesses escuso da esquerda.

  41. Todos os Estados estão quebrados, e todos concederam reajuste a seus policiais, a melhor situação é do Estado de São Paulo, que está a 4 anos sem cumprir constituição e repor a inflação, dar um pequeno reajuste não altera em nada, o curso financeiro do Estado, o governador está é judiando de seus policiais.

  42. O pior de tudo isso é ter que ouvir que, para as coisas melhorarem, ó país precisa continuar a ser governado por bandidos. Entenderam senhores policiais? Para que o Brasil volte a crescer e, entre outras coisas, os senhores voltem a ter um salário digno, o Brasil precisa continuar a ser governado por bandidos. É mole ou querem mais?

  43. Polícias de SP fazem operação para prender policiais suspeitos de acobertar bingos

    Operação do Ministério Público, conduzida pelas corregedorias das polícias Civil e Militar, cumpre cerca de 20 mandados de prisão contra agentes.
    Por G1 SP, São Paulo
    05/07/2017 08h38 Atualizado há 6 minutos
    Operação busca prender policiais corruptos em São Paulo

    As corregedorias das polícias Civil e Militar de São Paulo realizam, na manhã desta quarta-feira (5), uma operação em parceria com o Ministério Público para prender policiais suspeitos de corrupção.
    De acordo com as investigações, agentes recebiam propina para acobertar o funcionamento de bingos e de outras casas de jogos ilegais, que contam com máquinas caça-níqueis, na capital paulista.
    Conforme apurou o Bom Dia Brasil, a operação cumpre, ao todo, 20 mandados de prisão contra policiais civis e militares. Diversas viaturas da PM deixaram a sede da Corregedoria da corporação, no Centro da cidade, por volta das 5h, para localizar os suspeitos.

  44. Para o governo, o aumento de 18% deverá ser na produtividade e não no salário

  45. Aqui, numa cidade próxima a Botucatu, +- 70 km, a DIG vive para dar cobertura a maquininhas, jogos de azar, e outros trambiques, mas, apesar disso ser de conhecimento de todos, ninguém mexe com eles!!!

  46. acho que o pessoal do GAECO fica todo perdido , de tantos tretas caguetadas que chegam até eles….

    não sabem nem em qual treta irão agir…. tamanha a imensa bandalheira que anda por ai……

    é igual aquelas delegacias lotadas de bós……….. onde o chefe não consegue investigar nada… tamanha a quantidade
    de BÓs………………

    sem tempo ele só vai atras de crimes com autoria conhecida…………..

  47. é treta de maquininhas. bingos… desmanche… ferrolhos… cartão .. trafico , escolta de cargas…
    escolta de drogas….. etc………. etc……..

    COITADO DO PESSOAL DO GAECO……

  48. Bem eu cresci acompanhando a carreira do meu Pai hoje um tenente da reserva,depois vi meu irmão se formar cadete e hoje chegar a MAJOR ,até os anos 2003 TINHA ORGULHO DA FUNÇÃO DOS MEUS FAMILIARES.

    Até que eu me casar COM UM CABO CLAUDIO ROBERTO CARNEIRO LOTADO NO 11BPM/M presenciei coisas e passei a ver como a PM mudou de 2000 para cá .

    E o pior é que OS MODUS OPERANDI ERAM APLICADOS EM CASA e eu conheço muitas esposas de PMs que passaram e passam pelo mesmo violência,agressões físicas e psicológicas as mesmas que os policiais aprendem em cursos para aplicar nas ruas.

    O ANTIGO PAPM DA POLICIA HOJE ACHO QUE CAJIS ESTÁ LOTADO DE POLICIAIS AFASTADOS PARA TRATAMENTO PSICOLÓGICOS, E EU ACABEI ADOECENDO TAMBÉM ,COM 3 FILHOS E 2 ARMAS DENTRO DE CASA E UM CIDADÃO MESMO EM TRATAMENTO PSICOLÓGICO PELA 3 VEZ MESMO ASSIM ARMADO.QUEM NÃO TERIA MEDO.

    E hoje nem todo MUNDO QUE TEME A POLICIA E´PORQUE APOIA BANDIDO,pois não está escrito na testa o caráter , a índole DO SER HUMANO QUE AO INVÉS DE UMA ROUPA DO DIA A DIA ESTÁ FARDADO.

    NÃO É PORQUE É UM POLICIAL É UM SANTO DETENTOR DE UMA CONDUTA ILIBADA. AÍ QUE MORA O PERIGO ENDEUSAMENTO. É MAIS FÁCIL HOJE EM DIA SER UM BANDIDO COM PODER DO QUE SEM,ÁLIBIS ,COSTA QUENTE,CORPORATIVISMO ETC.

    SEGUE

    #EuViviUmRelacionamentoAbusivo RELACIONAMENTO ABUSIVO POR PARTE DE UM CABO DA PM/SP
    PARTE 1; http://jesusextraterrestre.blogspot.com.br/2017/06/relacionamentos-abusivos.html

    PARTE 2 ; http://jesusextraterrestre.blogspot.com.br/2017/06/agressao-verbal-machuca-mais-que-fisica.html
    Fim da conversa no bate-papo
    Digite uma mensagem….

  49. POR TER FAMILIARES OFICIAIS DA POLÍCIA MILITAR (TENENTE , MAJOR )

    OBVIAMENTE JÁ TE DERAM AS COORDENADAS

    COMO RESOLVER ISSO FACILMENTE !

  50. Meus familiares felizmente tem Brio e são de uma época que policiais com desvio de conduta eram exonerados pois envergonhavam até a tropa. Hoje o corporativismo impera e para a PM QUANTO MAIS VIOLENTO,FRIO,CALCULISTA, DISSIMULADO FOR MELHOR PRINCIPALMENTE PARA FAZE PARTE DAS FORÇAS OPERACIONAIS COMO O TÁTICO.
    COLOQUEI NA JUSTIÇA. PORQUE NA PM NÃO CONFIO
    ,

  51. http://noticias.r7.com/sao-paulo/videos/-pm-e-flagrado-enquanto-agreadia-ex-namorada-na-rua-07072017

    VEJA OQUE ELA FALA ” CORPORATIVISMO ‘ É FATO NÃO SOU SÓ EU QUEM DIZ ISSO 3 VEZES ELA REGISTROU OCORRÊNCIA EU NEM VOU POIS E´SÓ HUMILHAÇÃO E NÃO DA´EM NADA .ABRIR PROCEDIMENTO ,KK,TEM GRAVAÇÃO TINHA QUE ESTAR PRESO .VERGONHA É BRASIL .COM PODER MAS SEM MORAL .Eu fui no batalhão juntou um monte de Polícia do SJD ,P2 ,TENENTE ,SARGENTO PARCEIRO E AMIGO DE FESTA E COMEÇARAM A LIDAR COM O MEU PSICOLÓGICO.

    GRAVEI POR DEFESA E ME SENTI HUMILHADA E DESISTI DE COLOCAR ELE NO PAPEL

O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do comentarista que venha a ofender, perturbar a tranquilidade alheia, perseguir, ameaçar ou, de qualquer outra forma, violar direitos de terceiros.O autor do comentário deve ter um comentário aprovado anteriormente. Em caso de abuso o IP do comentarista poderá ser fornecido ao ofendido!...Comentários impertinentes ou FORA DO CONTEXTO SERÃO EXCLUÍDOS. Contato: dipolflitparalisante@gmail.com

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s