O general Mourão é portador de disforia étnica: não passa de um mameluco mulambo e nanico que se vê como um gigante nórdico e louro…General, na Europa e nos EUA você é menos respeitado do que um verdadeiro indígena ou verdadeiro negro…Deixe de ser enrustidamente racista, arrogante e prepotente…Lembre-se: nenhum país sério do mundo faz negócios lícitos com militares sul americanos, especialmente militares crioulos do Brasil!…Você não é um Médici, tampouco Geisel…És só um cabecinha, não um cabeção ( inteligência ) como o Castello Branco! 8

Casa de mãe solteira é ‘fábrica de desajustados’, diz Mourão

Vice de Bolsonaro também chamou países africanos de “mulambada”

18/09/2018 – 11H39 – ATUALIZADA ÀS 12H04 – POR AGÊNCIA ANSA

Hamilton Mourão, vice do candidato à Presidência da República, Jair Bolsonaro (Foto: Wikimedia Commons)HAMILTON MOURÃO, VICE DO CANDIDATO À PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA, JAIR BOLSONARO (FOTO: WIKIMEDIA COMMONS)

O candidato à vice-presidência na chapa de Jair Bolsonaro (PSL), general Hamilton Mourão, afirmou na última segunda-feira (17/09) que famílias pobres compostas apenas pela “mãe e a avó” são “fábricas de desajustados” que tendem a “ingressar” no narcotráfico.

“A partir do momento em que a família é dissociada, surgem os problemas sociais. Atacam eminentemente nas áreas carentes, onde não há pai e avô, é mãe e avó. E, por isso, torna-se realmente uma fábrica de elementos desajustados que tendem a ingressar nessas narcoquadrilhas”, disse o candidato em um evento do Sindicato da Habitação (Secovi), em São Paulo.

A declaração gerou polêmica nas redes sociais, principalmente entre as eleitoras. A presidenciável da Rede, Marina Silva, defendeu a “valentia” das mulheres. “É uma afronta chamar de desajustados os filhos de 11,6 milhões de mulheres que chefiam lares. Elas enfrentam sozinhas todas as dificuldades para dar um futuro a filhos e netos. É da valentia dessas mães e avós que nasce o milagre da sobrevivência de milhões de pessoas”, escreveu a candidata em seu perfil no Twitter.

A vice na chapa de Ciro Gomes (PDT), Kátia Abreu, também rebateu a declaração de Mourão, afirmando que ela “criou três filhos sozinha”. No mesmo evento, o general ainda afirmou que uma das propostas da chapa de Bolsonaro é realizar acordos bilaterais com países desenvolvidos, chamando as nações emergentes de “mulambada”.

“Partimos para aquela diplomacia que foi chamada de sul-sul, e aí nos ligamos com toda a mulambada, me perdoe o termo, existente do outro lado do oceano e do lado de cá que não resultaram em nada, só em dívidas, e estamos tomando calote”, disse.

Mourão afirmou que o termo “mulambada” foi utilizado apenas para o auditório ficar mais “satisfeito”.

 

  1. C.A.

    Tá na cara que foi esse Delegado que forjou a entrada, juntamente com policiais federais e agentes do Congresso…kkk Ignorante do caralho, não dá pra entender como esse tipo de pessoa é aprovado em concurso.
    Pior: com esse tipo de contrainformação ( mentiras ) receberá muitos votos de tantos trouxas por aí.
    Vai trabalhar seu delegado vagabundo e mentiroso. É muita irresponsabilidade aproveitarem-se de um episódio lamentável contra um candidato para obter vantagens eleitorais.

  2. Senhor Guerra

    Pode até ser, na vida eu aprendi a sempre ficar com um pé atrás, mas há informação na midia que o 3º secretario da mesa da camara foi quem vazou o relatorio da segurança…
    Só lembrando, esses dias postei que apenas 28 deputados federais conseguiram superar o coeficiente eleitoral, o restante foi pelos votos obtidos na legenda, portanto, ninguem sabe quem realmente habita aquele espaço!

    C.A.

  3. Se uma família é considerada desajustada por mães e avós criarem seus filhos sozinhas, por que ao invés de culpá-las talvez pela falta de “pulso” ( não se se era essa a percepção de Mourão) porque não criticou os Pais – homens machos que abandonaram seus filhos e mãe de seus filhos. Essas mães estão lá, cuidando, trabalhando, tentando…e os pintudos onde estão?

  4. 2º TURNO
    O levantamento também analisou cenários para o 2º turno. Eis os resultados:

    Bolsonaro 42% x 41% Marina (branco/nulo: 16%; não sabe: 2%);

    Ciro 41% x 34% Alckmin (branco/nulo: 22%; não sabe: 2%);

    Alckmin 40% x 39% Bolsonaro (branco/nulo: 19%; não sabe: 2%);

    Alckmin 39% x 36% Marina (branco/nulo: 23%; não sabe: 2%);

    Ciro 45% x 39% Bolsonaro (branco/nulo: 14%; não sabe: 2%);

    Alckmin 39% x 35% Haddad (branco/nulo: 24%; não sabe: 3%);

    Haddad 41% x 41% Bolsonaro (branco/nulo: 15%; não sabe: 2%);

    Ciro 45% x 31% Marina (branco/nulo: 22%; não sabe: 2%);

    Marina 37% x 37% Haddad (branco/nulo: 24%; não sabe: 2%);

    Ciro 42% x 31% Haddad (branco/nulo: 25%; não sabe: 3%).

Os comentários estão desativados.