Policial, você é favorável ou contrário à liberação da posse e registro definitivo de armas de fogo? 127

Decreto de Bolsonaro para arma e registro definitivo preocupa especialistas

Ueslei Marcelino/Reuters
O gesto de arma com as mãos é uma das marcas do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) Imagem: Ueslei Marcelino/Reuters

26.9k

Janaina Garcia

Do UOL, em São Paulo

29/12/2018 20h01

O anúncio do presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), de que pretende liberar a posse e o registro de armas de fogo via decreto foi visto com preocupação por especialistas em segurança pública e juristas consultados neste sábado (29) pelo UOL.

“Por decreto, pretendemos garantir a posse de arma de fogo para o cidadão sem antecedentes criminais, bem como tornar seu registro definitivo”, escreveu o presidente eleito, hoje, em seus perfis nas redes sociais, a três dias de tomar posse. A medida foi uma das principais bandeiras de campanha do capitão reformado do Exército.

Para José Vicente da Silva Filho, coronel da reserva da Polícia Militar de São Paulo e ex-secretário nacional de segurança pública no governo de Fernando Henrique Cardoso (PSDB), o anúncio representa um “engano grosseiro” ao não considerar “um aumento exponencial do risco” ao cidadão armado.

“Há pesquisas no Brasil que mostram que 70% das pessoas armadas são baleadas em situações de assalto: ou porque tentam reagir, ou porque simplesmente, ao ver a arma, o bandido percebe que se trata de alguém disposto ao enfrentamento”, disse ele, para quem a flexibilização ainda precisa ser especificada no decreto. “Quem tem que enfrentar o bandido são as polícias. Não adianta terceirizar para o cidadão a defesa contra a bandidagem.”

Há anos consultor na área de segurança pública, o coronel observou ainda que amplificar a possibilidade de posse de arma no país não é sinônimo de proteção à maior parte da população se considerado também o aspecto econômico da medida. Com um revólver calibre 38 custando R$ 4 mil, em média, e com R$ 1.200 em balas para um treinamento em cursos de tiro de 200 horas, apenas cidadãos com capacidade de compra poderiam se armar e, supostamente, se proteger, aponta ele.

“Uma arma básica, como um 38, custa a partir de R$ 4 mil, dinheiro com que se pode comprar uma geladeira, um micro-ondas e um fogão de boa marca, por exemplo. Quem terá acesso à arma, portanto, é gente da classe média para cima, e quem é mais vítima da violência é o pobre – que não tem nem condição de fazer um treinamento, muito menos de se armar”, afirmou.

A impressão é que se está dando uma satisfação para as elites, mas essa é a resposta errada a um problema certo, que é reduzir a violência
José Vicente da Silva Filho, coronel da reserva da PM-SP e ex-secretário nacional de segurança pública

Reprodução
19.jul.2018 – Então presidenciável, Bolsonaro fez gesto de arma com as mãos de uma menina em Goiânia Imagem: Reprodução

Sou da Paz: registro definitivo é “retrocesso absurdo”

O diretor-executivo do Instituto Sou da Paz, Ivan Marques, analisou que o tuíte de Bolsonaro, ao destacar em letras maiúsculas o termo “POSSE”, pode ter buscado dissociar o anúncio de “porte” de armas, que significa poder transportar o artefato consigo. No entanto, ele manifestou preocupação com o “registro definitivo” prometido pelo presidente eleito. “É como dizer que permanentemente nunca mais vai se precisar prestar contas ao Estado sobre aquela arma”, disse.

Atualmente, para se ter uma arma, é preciso ter mais de 25 anos e preencher os requisitos legais – entre os quais, ter aptidão mental e capacidade de manuseio, além de solicitar uma autorização à Polícia Federal. O cidadão deve escrever uma declaração explicando por que precisa de uma arma. A compra só poderá ser feita se o delegado concordar com os argumentos e conceder a licença.

“E se amanhã ou depois a pessoa não tiver condições mentais ou psicológicas de portar uma arma? E como o cidadão vai garantir ao Estado, periodicamente, que aquela arma não foi levada por bandidos ou transferida a terceiros? Esse decreto, nos termos em que o presidente eleito anunciou, tira o controle e a possibilidade de as autoridades rastrearem as arma; seria um retrocesso absurdo”, avaliou.

Juristas: decreto é legal, mas pode trazer insegurança jurídica

A possibilidade de a posse e o registro de armamentos serem flexibilizados via decreto também foi vista com ressalvas por especialistas do direito. 

Para João Paulo Martinelli, advogado criminalista e doutor em direito penal pela USP, o futuro presidente até pode, por lei, “mas de uma forma limitada”, publicar decretos como o que ele prometeu hoje.

“A posse de arma de fogo sem o registro é crime, e estabelecer os requisitos para se obter uma arma e registrá-la é algo que se pode constar em decreto. O que o Executivo não pode fazer é descriminalizar isso, por exemplo, porque o Estatuto do Desarmamento é lei federal, e a análise disso caberia ao Congresso”, afirmou Martinelli. 

“Mas estabelecer critérios assim por decreto gera uma insegurança jurídica à medida que, apesar de o crime de posse ter sido aprovado pelo Congresso, isso pode abrir espaço para o presidente dizer o que é o que não é crime”, completou.

O especialista lembrou que o estatuto do desarmamento recebeu outros decretos do Executivo – como o que estabeleceu, por exemplo, que armas são de uso restrito ou proibido, bem como a idade mínima para pleitear a posse e o registro.

“Cabe ver também a partir de quando o decreto entraria em vigência -afinal, é preciso prazo para que os órgãos envolvidos, como o Exército e a Polícia Federal, se preparem para as mudanças; não é de um dia para o outro que isso acontece”, arrematou. A permissão concedida pelo Exército a civis compreende os casos em que o requerente seja atirador esportivo ou caçador.

Doutora em Direitos Humanos pela Faculdade de Direito da USP e membro do Núcleo de Estudos sobre o Crime e a Pena da FGV (Fundação Getúlio Vargas) em São Paulo, a advogada Maíra Zapater reforça o risco de insegurança jurídica que um decreto do tipo pode trazer.

“Qualquer tipo de norma feita via decreto gera insegurança porque é um procedimento muito menos difícil de passar do que seria em um processo legislativo, onde depende de debate da Câmara e do Senado e onde há toda uma regulamentação para que as matérias, ao menos em tese, sejam mais refletidas”, apontou. “Quando há uma única pessoa expedindo, e a qualquer tempo, o que muda e o que não muda fica sob um risco de arbitrariedade sem esse debate e sem essa reflexão, portanto, muito maior.”Comunicar erro O conteúdo foi útil para você?

 

  1. Contrário. Muitos de nós policiais, mesmo com algum ou muito treinamento, estamos sujeitos a falha em um momento limite. O treinamento e a manutenção da arma são uma obrigação e um hábito para nós, ou deveriam ser.

    Imagine então o Zé ou a Mariazinha que forem usar o canhão nas brigas de bar, no trânsito, na fila dupla da escola, no caixa do supermercado e no estacionamento do shopping no dia da Black Friday, sem treinamento e sem armas com manutenção e, o pior de tudo, sem qualquer noção.

    Fora o fato de que os malas roubarão casas sabendo que nelas há armas.

    Implementar uma norma e um costume que funcionam em países de primeiro mundo com sociedades evoluídas resultará em um desastre no Brasil, país de terceiro mundo com uma sociedade de quinta categoria.

    • Totalmente a favor de quem não registre antecedentes criminais possuir uma arma devidamente legalizada.

      Como se uso de arma de fogo por motivo torpe não fosse usada por funcionários públicos concursados lotados na secretaria de segurança pública…

      DESENHANDO ” POLICIAIS FAZENDO MERDA COM ARMA DE FOGO”

      Antes do tal referendo paisano ou cidadão como queiram não fazia toda essa hecatombe que você cita.

      Duvido que alguém vai dispor de R$6.000,00 entre a compra e registro de um .38 passar os tramites e fazer merda.

      É mais fácil “pulissa” na balada ou no trânsito pagando de rambo sem deixar a célebre frase
      ” aqui é pulissa ribe a mão e teji presu”

      • Olha, mais fácil mesmo é o playboy mimado e esquentadinho puxar o canhão nas baladas da Vila Madalena da vida, dar merda e depois sair do DP antes de quem o prendeu e levou pra lá. Cidadão de bem, né?

    • Que treinamento? Meia hora de tiro da Acadepol?! KKK. Direito é direito, quem fizer merda que responda. Fim!

      • Eu mesmo no início dos anos 90 dei 6 tiros em um revólver Rossi 38. Dei mais tiros no EB do que na polícia.

  2. Contrario. Vai dar muita merda ai. Nego sacando em bar balada briga de transito condominio. Se policial q tem uma legislacao toda pra foder ele as vezes faz merda na rua com arma imagina paisano.

  3. Esse decreto é pra salvar a Taurus, a Imbel e a CBC três porcarias que não conseguem fazer armas que prestem. Mais interessante seria abrir o mercado para empresas estrangeiras que fabricam armas com qualidade. A posse deve ser dada a quem demonstrar capacidade psicológica e responsabilidade ao usar uma arma. O registro deve ser renovado a cada 10 anos.

    • Bolsonaro já falou que vai revogar o decreto do monopólio das indústrias nacionais de armas. Seu argumento é inválido.

  4. Muito me estranha os comentários feitos; briga de trânsito, briga em “balada”, etc JÁ acontecem e JÁ acabam em homicídio, ou os “Senhores” que comentaram nem são das Forças Policiais, mas apenas “palpiteiros” como os “especialistas” da grande e vendida mídia? Os bandidos invadirão mais por saberem que há armas nas residências? KKKKKKKK por favor…

    • Acontecem mas nao com tanta frequencia. Torça para que nao tenha algum familiar ou amigo seu vitima de algum despreparado que sacat a arma por bosta por ai. Brasileiro paisano nunca tera discernimento pra usar arma. E sou policial, a proposito.

  5. Senhores

    Eu sou favorável, hoje em dia já existe a posse, dificultosa, mas existe.
    A arma de origem legal, por sí só, tê-la já é uma odisseia, pois o preço é proibitivo.
    Não vejo o motivo para tal celeuma, quem desejar pode tê-la de forma legal ou não, salientando que a de origem ilegal é infinitamente mais em conta, quanto a aquisição.
    Desculpem os que pensam diferente, com a argumentação da briga de transito e o cara saca arma, da briga de bar, brigas domésticas, que isso fatalmente aumentaria a violencia… É tudo falácia.
    Tempo passado, postei neste blog uma materia, sobre a grande incidência de roubos seguidos de morte da vida, uma grande preocupação em Londres, dos roubos simples, agora espantem-se, é com o uso de FACA, pois há uma lei rigorosa que proibe a posse e o porte de armas de fogo.
    O Estado não tem o direito de tutelar o cidadão, se ele quer possuir arma, reune as qualificações legais, que a tenha e se caso usa-la de forma indevida, sendo legalizada o estado imediatamente tem condição de saber se o envolvido possui arma apenas com uma pesquisa, mas se ela for ilegal, “bau-bau”, só com mandado de busca!!!
    Os criminosos de fato, não estão nem ai para o Estatudo do desarmamento, na mão de mala, raros os casos em que a arma é de calibre restrito, ou mesmo seu numero de série obliterado, ele sabe que é agravante…mas por isso ela é legal.
    Ao meu entender, o Estado tem por obrigação facilitar que o cidadão permaneça na legalidade, torno a repetir uma frase ditaI por eu e várias pessoas: ARMA É UM ARTEFATO DE FERRO QUALQUER, NÃO MATA NINGUEM, NOS MEUS QUASE 60 ANOS, JAMAIS VÍ UMA ARMA PERSEGUIR UMA PESSOA PARA MATAR, carece do ser humano, e este mesmo ser, pode alcançar o seu objetivo funesto, com uma caneta, um pedaço de madeira, uma faca, uma chave de fenda..
    Quando ao registro definitivo, também sou favoravel, o que deve haver esporadicamente é uma atualização cadastral obrigatoria e sem custo, pois da forma atual vejo apenas como um sistema arrecadatório.

    é o que penso

    C.A.

    • CA, lembre-se, com todo o respeito a você e sua experiência, que estamos no Brasil, país do “BO de miaça”, “quero atestado pra 5 dias”, da Eide que deu a nona chance pro Juneca depois de levar mais uma surra, do irresponsável que vende até a mãe pra pegar a novinha no mandela etc etc etc. Não estamos na Suíça. O povo armado vai no mínimo triplicar o movimento do IML. É uma irresponsabilidade armar as pessoas dessa forma proposta pelo novo presidente.

      • Senhor Marcusi

        Não sei se é Policial, mas vamos lá….
        A maioria das mortes por violência doméstica, não ocorre com o emprego de arma de fogo.(caso seja Policial procure as estatisticas), Quando o porte de arma era apenas Contravenção Penal, evidentemente sempre tinha um idiota que sacava a arma para resolver na bala, isso no transito, com o vizinho e essas coisas, mas era caso isolado.
        Esta estorinha que o vilão vai invadir a sua casa para tomar a arma, também é argumento de comunista, que deseja um povo desarmado, para em caso de conseguir tomar o poder, o povo tornar-se meros carneirinhos, como na Venezuela, o povo sofre na mão da Policia do Governo e na mão das milicias paramilitares financiadas pelo regime.
        Quanto qualquer zé-mané tinha um canela seca em casa, raramente havia roubo a residência, as ocorrências em sua maior part

        • A flexibilização da posse – que quase todo mundo que é leigo confunde com porte – vai tornar o idiota armado no trânsito, na balada etc uma regra.

          Esquece o comunismo, ele caiu junto com o muro de Berlim em 1989, esquece a Venezuela também. Não tem nada a ver com a nossa realidade. Usar uma coisa para defender a outra nem é um sofisma, é desconhecimento mesmo ou falta de argumentos.

  6. atualmente policial civil de sp, para renovar registro de arma tem que pagar avaliação psicologica com profissional cadastrado na policia federal e pagar para a avaliação 300,00 reais e apois isto encaminhar documentação pertinente e esperar a data de buscar. Todos os cursos e anos de rua não vale nada.

  7. Só pelo fato do “especialista” JVdS ser contra eu sou a favor.
    Esse “especialista” só fala m…. nunca prendeu ninguém, na vida toda.
    Verdadeiro atrasa lado.
    Só viu um ladrão de perto em foto, ou quando andava com o FHC e turma do PSDBosta.

  8. Eu nao sou a favor. Primeira coisa q o mala vai fazer eh revistar o cidadao e a casa dele…achando uma arma, abraço.

    • Você foi aprovado?
      Se não vejamos o mala revista o cidadão, imagino que esta revista seria na rua, neste caso seria o figura do PORTE e não posse.
      Depois o cidadão está na sua casa, e foi invadida, mais uma vez no seu exemplo, o cidadão vai morrer! Isso já acontece hoje com o que vai mudar?
      E não me venha dizer; “o cara vai morreu com a própria arma”.
      Quer dizer que se morrer, como cordeiro, mas com a arma do ladrão aí tudo bem!?

  9. Bom, os supertiras chegaram. Só eles que farejam fakes pela net sabem e vivem a realidade da polícia, então tá bom… pedir uma pizza e ficar só vendo os “melhores” momentos aqui.

  10. QUER ANDAR ARMADO ??? PRESTA CONCURSO, depois ACADEMIA DE POLÍCIA……vai ser POLÍCIA .

      • Mais um nutella na puliça estuda so pra andar armado mais um maçaneta meus Deus a policia acabou o ultimo que sair apaga a luz

    • Pensamento típico de brasileiro. Bolsonaro vai ter mto trabalho pela frente. Eita povinho ignorante!!!

    • como se para ter a posse de uma arma precisasse ser polícial… Fala sério.

      Então bora desarmar as guarda civis,vigilantes,agentes de segurança,escrivães,escoltas etc…

      Afinal eles NÃO SÃO POLICIAIS NEM TEM PODER DE POLÍCIA.

      Como escreveram acima….”super tiras metidos a tecnólogos de segurança opinando” tem o mesmo valor do meu saldo no banco imobiliário

  11. sou a favor. Discordo dos ¨especialistas¨que sugerem que a liberação aumentará o numero de homicídios. Quem diminuiu os homicídios em são paulo foi o PCC. Primeiro que não se mata sem aval do partido e quando se mata, desaparece com o corpo nos inúmeros cemitérios do tribunal do crime. Como demonstrou bem o filme tropa de elite no caso do homicídio da repórter pelo crime organizado, sem localização do corpo não se pode falar em morte e somente em desaparecimento de pessoa o que não se computa nos dados da secretaria. Como indaguei a sra. escriludida, o que orientará ao senhor chiquinho que ja foi assaltado em casa, sua filha estuprada, seu filho lesionado, tudo por bandidos armados e quando ligou 190 a viatura veio e apos efetivar anotações no BOPM orientou-o a ir ate um distrito policial para efetuar a ocorrência, e apos esperar mais de três horas quando questionou sobre sua segurança e de sua família, obteve como resposta que mesmo que identificado os autores, esses dificilmente seriam presos, e mais ainda culpados pelos seus crimes. O que dizer ao cidadão que custeia esse Estado, o qual não possui condições de assegurar sua segurança dentro de sua residencia que não pode ter o minimo de chances de defender a si e seus entes? vi orientar o que? comprar um cão? chamar o batman? Se sobrevier excessos que responda por isso. agora subjugar a possibilidade de defesa pessoal e de sua família com a arguição pífia de que haverá mais mortes( de bandidos) é um acinte descabível por parte de nos policiais que reclamamos de como somos tratados pelo judiciário, e pelo Estado. Aos que são contrário, me digam como iria orientar o senhor chiquinho. que deveria continuar vitima?Que a vida do bandido deve ser preservada em prol de sua saúde e de seus familiares? Posse de rama não é pra ficar na cintura e saindo na rua. Posse é diferente de PORTE! a posse é para ficar em sua residencia!

    • Há muito polícia por aí que recebeu sua arma, nunca deu um tiro com ela e nem sequer faz a manutenção de primeiro escalão. A tal ponto que o cano enferruja e engripa no ferrolho.

      Armas, como você bem sabe, têm um custo para serem mantidas, é preciso ir a um estande com alguma regularidade para verificar seu funcionamento, é preciso saber desmontá-la e remontá-la ao menos em nível básico, treinar saque, postura, mira, enfim, você deve saber disso tudo melhor do que eu.

      Retomando, muito polícia por aí não sabe sequer a diferença entre alça e massa de mira. Polícia, supostamente treinada e preparada. E que frequentemente não é.

      Aí você realmente acha que o povo, que no mais das vezes não pode dispor de 3 ou 4 mil reais para comprar um revolver, de 200 ou 300 reais pra praticar num estande todo mês, que não é dado a reciclar e atualizar conhecimentos (que não tem, de qualquer forma), que não tem hábito de ler o que assina ou qualquer coisa com mais de 4 linhas, nem preocupação com documentações ou transferências de propriedade, pode ter armas? Zé povinho acha que porte e posse são a mesma coisa, se é que sabem o que são essas coisas.

      Uma suposta ineficiência da polícia não justifica a terceirização do combate ao crime para um povo completamente despreparado para as funções mais básicas na sociedade. Não adianta combater apenas a febre decorrente de uma infecção se isso resultar em uma septicemia.

  12. e pra que renovação de registro a cada período de poucos anos? serve somente pra ônus com taxas para a administração! Registro definitivo não significa ¨ad eternum¨. vai la na federal tentar renovar o registro da sua arma. ah só quem tem condição vai poder adquirir? Deve ser assim mesmo! Quem tiver condições deve ter acesso. a quem não possua condições, crie-as para ter. Carro ate época do collor somente uma pequena parcela do povo tinha condições de ter um fusquinha. hoje é igual celular, qualquer bundão pode ter!

  13. Com certeza teremos situações limites, outras servirão de exemplo didático
    É o caso daquele grande FDP que liga o som do carro no último volume que te incomoda, no último cômodo da sua casa, mesmo que todas portas e janelas estejam fechadas.
    O cidadão, devido a posse, coloca arma na cinta e vai até o pentelho, você vai desligar está m….ou eu desligo para você.
    Sei que vai dar m…..mais se uns 3 ou 4 for pro saco, os pentelhos vão começar a pensar duas vezes antes de ligar o som no último volume.

    • Mas tá cheio de eleitor/a do Bolsonaro, carrão do ano, caveira cheia, que enche o saco com sertanejo mulher-coleguinha-amante-empoderada-corno-manso…
      Não mereceria o mesmo tratamento?!

  14. Já o outro “especialista” do instituto sou da paz, aquele instituto que criou os critérios do bônus, que ninguém recebe, fala, fala e não diz nada.
    Demolindo o argumento do “especialista” tenho duas armas na minha garagem um carro e uma moto, o Estado está cag….e andando, para isto o que o Estado quer saber se vou pagar ou não o IPVA, que por sinal este ano nem terá o aviso de débito, eu que corra atrás de pagar, caso contrário multa, juros, nome no Cadin, se for parado pela PM guincho e pátio, só arrecadação interesse para o Estado, simples assim.

  15. A favor. Estado não consegue zelar pela sua segurança então faça você mesmo.

    Precisa ser polícia para ter arma? Vcs são policiais mesmo?

    Posse diferente de porte. Eu acho uma falsa sensação de segurança, mas prefiro pensar nela como uma camisinha. Kkkkk
    Melhor ter a não ter e ficar precisando no perrengue.

  16. Em primeiro lugar estou cansado desses” especialistas”, a maioria deles nunca prenderam nem o dedo na porta, os intitulados especialistas tem qual formação mesmo?

    Já vi até economista dando pitaco na segurança pública, será que se alguém for operar o coração vai pedir conselho a um engenheiro?

    Para né , cada um no seu quadrado cuidando do seu redondo.

    Parece que agora haverá uma profissionalização na segurança pública, coisa que há muito tempo não se vê, quem deve cuidar da segurança são profissionais que se formaram para isso e trabalham ou trabalharam na área.

    E só lembrando que a arma é uma ferramenta de defesa e o que deve ser punido é o uso indevido dessa ferramenta, se seguirmos essa vertente de proibição porque é perigoso, logo logo vão proibir os automóveis porque o transito mata mais pessoas que em muitas guerras.

  17. Fui a favor do desarmamento, pois naquela época acreditava que os índices de violência iriam diminuir, mas o que ocorreu foi exatamente o contrário. E hoje, vejo que o Estado não conseguiu garantir a segurança das pessoas. Por isso, sou a favor que a pessoa tenha uma arma de fogo em casa para que possa proteger seu a família.
    Quanto ao porte, acredito que o brasileiro ainda não está preparado para isso, pois alguns acham que portar uma arma na cintura os tornam mais “machos” que os outros e com certeza haverá “gente de bem” matando “gente de bem” e se arrependendo para o resto da vida.

  18. Completamente a favor, se alguns policiais bandidos podem andar armados, nada mais justo de eu tambėm poder. Lembrando que a galerinha do DEIC adorar desfilar com fuzil de acervo de CAC e vcs não dão um pio.

    • Há conflito de leis. SE o Policial tiver autorização e for habilitado para tal ele pode usar em serviço. Por outro lado o exército não deixa utilizar suas armas em serviço policial. Puta briga desnecessária. Polícia com armamento ruim e quando compra não pode usar. Vai entender.

  19. Senhor Marcusi

    Não sei se é Policial, mas vamos lá….
    A maioria das mortes por violência doméstica, não ocorre com o emprego de arma de fogo.(caso seja Policial procure as estatisticas), Quando o porte de arma era apenas Contravenção Penal, evidentemente sempre tinha um idiota que sacava a arma para resolver na bala, isso no transito, com o vizinho e essas coisas, mas era caso isolado e na maioria das vezes com “cabritinho”
    Esta estorinha que o vilão vai invadir a sua casa para tomar a arma, também é argumento de comunista, que deseja um povo desarmado, para em caso de conseguir tomar o poder, o povo tornar-se meros carneirinhos, como na Venezuela, o povo sofre na mão da Policia do Governo e na mão das milicias paramilitares financiadas pelo regime.
    Ja que falei em estatistica, a maioria das armas ressarcidas pelo governo, são armas obsoletas e danificadas, tipo garrucha, combreu, espingarda pica-pau, um ou outro devolveu arma boa.
    Agora, esta celeuma toda, parte de “especialistas”, mas vem cá, se o cara é tão capacitado, porque ele quando na ativa não erradicou o crime?
    Parte das tais ongs, pessoas com ideologia de esquerda, uns até se serve se segurança armada, feita adivinha por quem?
    Pelo que sei, o Presidente não distribuirá armas para a população, apenas facilitará e retirará alguns entraves burocraticos, só isso, boa parte da população, não terá condição de comprar, só a taxa de registro passa dos trezentos reais!
    Agora, aqui prá nós, já foi em uma favela?
    Um lugar de alta miserabilidade, mas te garanto, a maioria dos mocós tem um ferro e cabrito!
    Não tem nada a ver, citarei apenas como exemplo, outrora houve um post aqui sobre liberação e legalização da maconha, eu
    comentei que sera contra, pois a maconha licita não daria conta e os traficantes nadariam de braçada, VEJA A SITUAÇÃO NO URUGUAI SE NÃO É ESSA!!
    Não serve como parametro, mas veja, tem um monte de motorista bebado e mesmo inconsequente fazendo “merda” Brasil a fora, alguem fala em criminalizar o alcool? Parar de vender automóveis e motos?
    Com todas as coisas que infelizmente pode ocorrer, mas garanto que casos isolados, pois veja o senhor, os mais de 60 mil mortos por violência ano passado, foi utilizado arma legalizada?
    A arma, ainda é a forma primaria de se garantir a liberdade de um povo.
    Nos regimes FEUDAIS, o povo era escravo e não poderia ter armas, apenas os nobres e os soldados que engajava…
    Deu prá entender o recado?

    C.A.

    • Agora quem vai lá sou eu, sr. CA. Sim, sou policial, trabalho praticamente dentro de uma favela e conheço as estatísticas, até porque faço o secrim do posto.

      Não enxergo uma relação da arma do vizinho com socialismo e Venezuela, porque estamos falando de uma realidade nossa que não se compara a uma ameaça que nunca existiu de fato e que virou fixação em 2018.

      Além das armas em mau estado e mal vigiadas ou guardadas, o que vai acontecer é simplesmente o assalto a casas e o roubo das armas que o “cidadão de bem” morador de Moema ou dos Jardins possuir, posto que quase certamente não vai ter treinamento e discernimento para operá-la.

      Eu mesmo invisto (prefiro dizer assim) parte do meu salário em treinamento porque aquilo que a Acadepol ensina não basta para o resto da vida e precisa de prática e atualização – se deveria ser mais, isso é outra discussão.

      E, perversamente, o armamento mais amplo da população será outro reflexo da desigualdade social. Acho mais provável o Junior filhinho de papai mimado – cidadão de bem, sem antecedentes, da alta sociedade – fritar a mina que não quis liberar pra ele – e sair pela porta da frente do DP – do que o Zé das Couves, que se fizer o mesmo vai a juri em tempo recorde.

      • O argumento então é que aumentará o furto de residências… OK. Põe na canaleta FOE e escuta quantos bancos são roubado por dia e veja quantas armas dos seguranças são levadas. Seu argumento é totalmente insustentável.
        Como o problema será o furto de residência então temos de passar a responsabilidade para quem compra a arma zelar por ela. Tipo não deixar o cachorro passar fome em casa quando for viajar. Criar mecanismos de responsabilização pela arma. Antes era assim e não tinha esse super problema que o senhor está colocando. Teve até um colega que citou o problema dos carros serem perigosos… É verdade. O cidadão deve confiar no patrulhamento preventivo perfeito da PM ou na super investigação da PC?
        Pq tanto receio? Parece que vai virar faroeste. Antes do estatuto do armamento era faroeste? Como eram os números de homicídios?
        Cada um enxerga do jeito que melhor agrada a si.
        Desta maneira toda vez em que há um assalto o Governo deveria indenizar o cidadão e se a PC não solucionar o caso parte da indenização deveria sair do bolso do servidor que não solucionou o caso. Os PMs que deveriam previnir também.

        Desculpa o pitaco aí, mas o debate tá bom. RS

        • Roubar um banco é diferente de roubar uma casa, bem óbvio. Nem vou me deter nisso.

          Vai virar faroeste. Com direito a duelos na quadra do condomínio e na birosca da favela.

          “Antes do estatuto” foi há 15 anos, a sociedade piorou muito de lá pra cá.

          Se você é plantonista, conhece o povo em sua essência. Pense se ele cuidará com zelo da arma quase nunca adquirida dentro das leis.

          Só lamento pro escrivão e pras equipes da Científica, que vão trabalhar ainda mais.

          • Insustentável. Mostre números e aí conseguiremos fazer um debate saudável. Caso contrário entra no que eu escrevi: cada um interpreta da maneira que melhor agrada a si.

            • Nesses últimos 30 dias vi, na minha região (Baixada), 4 feminicídios, fora as tentativas que deve ter havido e não foram reportadas.

              Com armas ilegais, provavelmente.

              O cara (que não tem passagem, que tem profissão e CTPS registrada, não é louco de carteirinha e ganha seu salário mínimo da vida) que não aceita o “não” da mulher agora poderá ir às lojas do ramo e exercer seu “direito à defesa”.

              Bom, pelo menos a mulher se arma também e teremos tiroteios domésticos. As crianças vítimas de balas perdidas entram na conta do “efeito colateral”…

          • Marcus nem precisei terminar de ler seu comentário.
            Já adianto que o cidadão de bem (igual vc coloca/sem capivara e etc) pode muito bem matar a mulher com uma arma, atropelada, contratar assassino e etc. Novamente seu comentário é insustentável. Aliás… Vc me dá números dos últimos 30 dias? Na minha região teve tudo isso e mais um pouco.

      • Senhor Marcus

        Respeitosamente, em que pais o senhor vive?
        A criminalidade, tem a disposição todo e qualquer tipo de arma que desejar. Até artilharia anti-aerea.
        Citei o exemplo da Inglaterra, lá o porte de armas é proibido e punido severamente, solução encontrada pelo mala, se não há gente armada, uso faca para roubar. Estão desesperados por lá com o aumento de roubos e homicidios, (a faca).
        Desculpe, mas há anos comento aqui no site sobre a Venezuela e os perigos periféricos, não é coisa de agora não…
        Em nenhum momento, vi o Presidente prometer PORTE,só POSSE, agora, como Brasileiro é ignorante em sua maioria, não sabe a diferença. A posse já existe, é dificultosa, mas existe, ele não inovará em nada, apenas facilitará.
        Quando me referi as estatísticas, não foi de um ponto especifico, mas aquelas em carater naciconal….
        Onde mais se mata no Brasil e a região norte e nordeste e casualmente quando se emprega arma de fogo, é ilegal!
        No que alterará o status quo?
        E vou parando por aqui, novamente lhe afirmo o respeito pelo senhor, mas esta conversa não leva a lugar nenhum e nem modificará o pensamento individual.

        é o que penso

        C.A.

  20. Para a legalização do porte de arma, o respectivo deve exigir os seguintes requisitos:
    EXAME PSICOTÉCNICO RÍGIDO, ALÉM DE EXAME PRÁTICO COM DETERMINADA QUANTIDADE DE TIROS E MANUSEIO./ OSTENTOU ARMA EM LOCAL PÚBLICO OU FEZ USO DESTA EM CASOS BANAIS E DESNECESSÁRIOS, CASSAÇÃO IMEDIATA E DEFINITIVA DO PORTE,POSTERIORMENTE DA ARMA/ NÃO SABE GUARDÁ-LA CORRETAMENTE (INTERIOR DE VEÍCULO, GAVETA DE CASA) E TEM ELA FURTADA, NÃO TIRA NOVO PORTE NEM ADQUIRE OUTRA. O PREÇO DA ARMA BEM COMO DA DOCUMENTAÇÃO ,INFELIZMENTE, PRECISAM SER ELEVADOS,AI O CIDADÃO PENSA BEM ANTES DE USÁ-LA DE FORMA ERRADA. POR FIM, O CIDADÃO NAO PODE TER NENHUM ANTECEDENTE CRIMINAL, MESMO EMBRIAGUES, NÃO PODE PEGAR CARRO NÃO PODE PEGAR ARMA. AOS MOTOCICLISTAS: SACAR ARMA COM A MAO NO GUIDÃO É MUITO DIFICIL, DIGO POR EXPERIENCIA PRÓPRIA , POR MAIS ESPERTO QUE ESTEJA VC CORRE O RISCO DE PERDER A VIDA, A ARMA E A MOTO.

  21. Sou contra. Eu por exemplo tenho um vizinho maconheiro, vagabundo que canta de galo quando tá chapado, quebra a cara da mulher, enche o saco dos vizinhos… e tá louco pra ter uma arma (detalhe: ele não tem capivara). Quantos malas vcs conhecem que estão na mesma situação? que não tem criminal ainda? Vai ser um inferno, cara.

    • Senhor Sempre

      Nada é de todo ruim, logo logo o seu vizinho ficha limpa, arruma uns B.O., tá ok?
      (risos)

      C.A.

      • Não basta apenas ter ficha limpa, precisa atividade licita, exame psicologico e um dinheirão prá comprar o cano!
        Ele tem?

        C.A.

    • Ótimo, a mulher dele compra uma arma e mete uma bala nele, o mesmo serve para os vizinhos. Vai proibir por causa de um maconheiro safado? Não faz sentido nenhum.

    • Vc é petista e está reclamando do vizinho maconheiro? O que aconteceu? Ele não te passou a vez e a baga?

  22. E sou bem franco, caso ele reuna tudo isso, depois com o cano, ameaçar alguém, hoje em dia o mandado de busca sai rapidinho, toma a arma dele, arruma um B.O. nervoso e nunca mais terá outra, simples assim…
    Larga de tentar prever o futuro gente!

    C.A.

    • Então a legislação atual serve para a consequência do ato, mas não para a causa nem para eliminá-la. Tá serto com “s”…

  23. O que deveria ser feito e isso ninguém se mobiliza é quanto ao armamento ilegal, contrabandeado, não vejo ninguem pedindo prisão perpétua!

    C.A.

  24. Bom dia a todos.

    Sr. Caronte / Sr. C.A

    sempre com argumentos lúcidos e corretos

    Vale a pena a leitura

  25. Liberando ou não, morrerão inocentes. Isso é fato.

    Acontece que liberando acho que não chegaremos a 60 mil mortes por ano, como acontece na atualidade proibindo/dificultando a posse.

    Qualquer medida que se tome, não só na área criminal, não vai agradar a todos.

    Tem que liberar sim. Duvido um bandido assaltar uma residência sabendo que lá pode ter uma arma de fogo.

    Só acho que tem que ser um critério rigoroso, com constante avaliação psicológica.

  26. Segundo Marques, do Sou da Paz, o presidente tem autoridade para regulamentar todos os artigos do estatuto, “inclusive esvaziando alguns de sua importância original”, mas não pode abolir o que já foi aprovado. “Ele pode tornar mais claro o que se entende por efetiva necessidade para a posse, mas não pode acabar com esse pré-requisito”, explica.

  27. A MATÉRIA ACIMA É TENDENCIOSA E FAZ ALUSÃO AO PORTE DE ARMA! A POSSE COMO SABEMOS É DOMICILIAR. SE O ESTADO TEM COMO RASTREAR UM CPF, TAMBÉM TEM COMO FAZER COM UMA ARMA HAJA VISTO ELA ESTAR VINCULADA AO CPF. A DECLARAÇÃO DE NECESSIDADE PARA POSSUIR ARMA DE FOGO É RIDÍCULA E FERE O DIREITO DE DEFENDER A SUA VIDA (DENTRO DO SEU DOMICILIO). ESSA DECLARAÇÃO TERIA FUNDAMENTO EM SOLICITAÇÃO PARA PORTE DE ARMA, COMO ERA NOS ANOS 80 E 90. QUANTO A PESSOA EM DETERMINADO MOMENTO DA VIDA PASSAR POR PROBLEMAS PSICOLÓGICOS, TEORICAMENTE TAL CIRCUNSTÂNCIA SE ESTIVER SENDO ACOMPANHADO POR FAMILIAR, ESSE PODERÁ COMUNICAR A AUTORIDADE POLICIAL PARA AS DEVIDAS PROVIDÊNCIAS (DESDE QUE LEGALMENTE EMBASADO). QUANTOS DE NÓS POLICIAIS NÃO TEVE CONTATO COM COLEGA DE CLASSE QUE SURTOU, SUICIDOU-SE OU ENTÃO BAIXOU ENFERMARIA (CÓD. 13)? E EM QUANTAS CIRCUNSTÂNCIAS DESSAS O ESTADO CONSEGUIU PREVENIR?

  28. Enquanto o índice de elucidação de homicídios de autoria desconhecida for 8%, as delegacias não terem detectores de metais, janelas blindadas, efetivo vergonhoso e playboy poder recorrer em liberdade até a 28ª instância em liberdade eu serei contra armar os “cidadãos de bem”. Pra que serei a favor em tornar o meu trabalho mais difícil do que já é? vou ganhar o que com isso? desconto na Taurus? Quero saber do meu salário. Cadê a PEC 300? Segurança Pública não é a pauta do momento?

  29. Essa estória de Registro definitivo é uma cortina de fumaça para cobrir os olhos dos eleitores do bozo, que prometeu aos quatro ventos que iria facilitar o PORTE e agora vem com essa balela para justificar a POSSE, que continua com as mesmas regras do Estatuto atual.
    Em suma, enganou os trouxas que votaram nele achando que iriam andar igual cowboy nas ruas e esfregar um 38, senão atirar no primeiro que lhe incomodasse,

    • Os mesmos trouxas que nele votaram, vão rapidinho perceber que foram enganados; e, vão as ruas em busca, ao mesmo tratamento dado ao “mito caçador de marajás”; Deus nos ajudem. pois de religiosidade, esse boçal nada tm, a não ser aquela R$. vinde a mim e aos meus apoiadores,o resto é restolho …. Alguém ainda duvida???Quantos de vocês depositaram um envelope, com alguma quantia em dinheiro para esses aproveitadores, acreditando que suas vidas vão melhorar.
      Suas vidas vão melhorar, quando acreditarem em si mesmos; e, que não exite um salvador da pátria. Babacas!!!!

  30. Ai! que triste, Dr. Guerra aderiu aos comentários pró-boçal. ….

  31. Mas mesmo que meu comentários anti-boçal não forem pulicados, continuarei postando, até quando EU quiser. Acho que este também será barrado, mas como não tenho nenhum compromisso partidário, ideológico, quem sabe algum dia não poderá ser visualizado por todos os “flitadores”, para que cada um, tire sua próprias conclusões;.

  32. (Declarar a efetiva necessidade, expondo fatos e circunstâncias que justifiquem o pedido)

    Está exigência é subjetiva, na prática descumpre o resultado do plebísito que foi de apoio a posse e ao porte de armas pela população.

    As regras, para serem justas e cumprirem o resultado da consulta popular, devem ser OBJETIVAS.

    (cumpriu os requisitos para a posse ou porte e só)
    E quem errar que pague pelos seus erros.

    P.S. Uma verdade contada pela metade, também, é uma forma de mentir; aqueles que utilizam os números de armas subtraídas como justificativa para a proibição, sutilmente, esquecem de diferenciar as ocorrências de: Armas subtraídas de pessoas físicas e Armas subtraídas de pessoas jurídicas. O que levaria a negação de sua afirmação.

  33. Sou 100% a favor, eu mesmo Escrivão de Polícia tenho que renovar meu registro Federal este mês. Posse não é Porte! Se liberar o Porte, azar de quem fizer mau uso. A segurança pessoal é direito sagrado: Artigo 3° Todo indivíduo tem direito à vida, à liberdade e à segurança pessoal(Declaração Universal dos Direitos Humanos). Segurança pessoal não é B.O. ou 190, é ter sua própria arma se quiser.

  34. Sou a favor do Registro definitivo para quem já tem arma de fogo. Policial Civil na ativa e aposentado.Fazendeiros, Segurança etc.. Posse cada instituição deve ver se cada um tem a capacidade técnica e psicológica, mas sou mais a favor de quem quer ter arma que tenha a sua e pronto e responda pelos seus atos. Se paga imposto e é trabalhador qual o impedimento? Deve ter a arma dentro de sua residência, usou fora responde simples assim. Posse é uma coisa , porte é outra bem diferente.

      • Este Estatuto foi a pior coisa que já fizeram na vida do brasileiro. Coisa de gente maldita!!!! Sem contar os abusos praticados por causa do Estatuto. Muito Polícial teve porte suspenso por causa desta merda.

  35. SÓ VAI COMPRAR ARMA GENTE QUE PODE DISPOR DE R$ 5.000,00 OU MAIS. QUER DIZER, POUCA GENTE VAI PODER TER ARMA EM CASA.

    • AO VIVO | Governo Bolsonaro: as primeiras medidas e as últimas notícias
      Presidente se reúne com equipe ministerial em Brasília no terceiro dia de Governo. Casa Civil exonera comissionados. Siga ao vivo

      “Menino veste azul e menina veste rosa”

      Em vídeo que circula nas redes sociais, a ministra Damares Alves é aplaudida após falar que começa uma “nova era” no Brasil, em que “menino veste azul e menina veste rosa”. A declaração é desta quarta-feira, quando a pastora evangélica assumiu o Ministério de Mulher, Família e Direitos Humanos.

      Quase 6 milhões de crianças sem pai no registro, quinta maior taxa de feminicídio no mundo, mais de 20 milhões de mulheres criando filho sozinhas, violência doméstica, adultério, pai sem pagar pensão, criança morando na rua, e a ministra preocupada que menino tem que vestir azul e menina ros

        • Agora vai, sem okinke

          AO VIVO | Governo Bolsonaro: as primeiras medidas e as últimas notícias
          Presidente se reúne com equipe ministerial em Brasília no terceiro dia de Governo. Casa Civil exonera comissionados. Siga ao vivo

          “Menino veste azul e menina veste rosa”

          Em vídeo que circula nas redes sociais, a ministra Damares Alves é aplaudida após falar que começa uma “nova era” no Brasil, em que “menino veste azul e menina veste rosa”. A declaração é desta quarta-feira, quando a pastora evangélica assumiu o Ministério de Mulher, Família e Direitos Humanos.

          Quase 6 milhões de crianças sem pai no registro, quinta maior taxa de feminicídio no mundo, mais de 20 milhões de mulheres criando filho sozinhas, violência doméstica, adultério, pai sem pagar pensão, criança morando na rua, e a ministra preocupada que menino tem que vestir azul e menina ros

          AO VIVO | Governo Bolsonaro: as primeiras medidas e as últimas notícias
          Presidente se reúne com equipe ministerial em Brasília no terceiro dia de Governo. Casa Civil exonera comissionados. Siga ao vivo

          “Menino veste azul e menina veste rosa”

          Em vídeo que circula nas redes sociais, a ministra Damares Alves é aplaudida após falar que começa uma “nova era” no Brasil, em que “menino veste azul e menina veste rosa”. A declaração é desta quarta-feira, quando a pastora evangélica assumiu o Ministério de Mulher, Família e Direitos Humanos.

          Quase 6 milhões de crianças sem pai no registro, quinta maior taxa de feminicídio no mundo, mais de 20 milhões de mulheres criando filho sozinhas, violência doméstica, adultério, pai sem pagar pensão, criança morando na rua, e a ministra preocupada que menino tem que vestir azul e menina ros

  36. Reunião do ministério, economia de palitos e gasto de inexperiência
    POR FERNANDO BRITO · 03/01/2019

    O resultado da reunião do ministério Bolsonaro com o ‘chefe” foi pífio para um governo que, afinal, está há três meses em organização.

    Diz a Folha:

    O ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, afirmou nesta quinta-feira (3) que o governo identificou “uma movimentação incomum de exonerações e nomeações e recursos destinados a ministérios” no apagar das luzes da gestão Michel Temer (MDB) e quer a revisão delas. Após o encontro de Bolsonaro e do vice-presidente, general Hamilton Mourão, com os 22 novos ministros, nenhuma medida concreta foi anunciada.

    Nomeações e exonerações, obrigatoriamente, têm de ser publicadas no Diário Oficial – sem o que não possuem validade – e é difícil crer que, com centenas de funcionários no gabinete de transição não tivesse um coitado que, todo dia, contabilizasse e registrasse isso.

    Isso se cada ministro indicado, com água na boca, não estivesse mapeando os cargos vagos em sua área, para nomear “os seus”.

    Picaretagens, como a nomeação de Carlos Marun para o conselho da Itaipu Binacional, são logo vistas. E, neste caso ao menos, confirmadas.

    Economia com cargos comissionados é necessária, mas é “economia de palitos” diante das despesas federais, até porque os cargos que ficam vagos acabam sendo transformados em outros, em outros lugares. Para ser economia, precisam ser extintos, o que não foram.

    Quanto à movimentação de recursos é, provavelmente, algo que surgiu do desconhecimento de como funciona a gestão pública funciona: no final do ano, em função da execução orçamentária, recursos de “programas de trabalho” (que são as áreas de destinação dos gastos) não utilizados são anulados e viram reforço para outros onde a dotação está insuficiente. E todas as despesas que não são empenhadas (isto é, recebem uma “autorização de despesa, com o apontamento da origem dos recursos) têm de ser anuladas.

    Isso não quer dizer que sejam pagas – tecnicamente se dá o nome de “liquidadas” – e seu valor fica condicionado aos famoso “Restos a Pagar”, para o ano (ou anos) seguintes.

    Em boa parte das repartições pública, por isso, desde que o mundo é mundo, há uma correria para empenhar verbas orçamentárias nos últimos dias, sem que isso queira dizer roubalheira. Um exemplo recentíssimo é dos próprios militares do Gabinete de Intervenção Federal no Rio: No dia 3 de dezembro, só haviam conseguido empenhar 28,3% dos R$ 1,2 bilhão a compras de materiais para a área de segurança, ou R$ 340 milhões. Quando chegou o dia 31 de dezembro, o empenho havia chegado a R$ 1,171 bilhão, ou 98,7% do total. Mais de R$ 800 milhões empenhados em 27 dias, apenas.

    Ainda bem que Moro não é mais juiz, senão ia sobrar “cognição sumária” para os generais da intervenção.

    É óbvio que nem em todo lugar é assim, mas empenhos expressivos em dezembro não são a fonte de roubalheira. Roubalheira tem de acontecer antes do empenho – que, repito, não é pagamento, se não houver a liquidação da despesa – na licitação e, depois, na liberação dos recursos. Ah, sim, e nos famosos “convênios”, estes sim fonte de inúmeras irregularidades.

    Quanto aos imóveis da União, o número sempre foi conhecido e muitos dos 5% deles que estão vagos ficam assim por falta de dinheiro para reformá-los. De novo, basta ao governo Bolsonaro se informar com sua multidão de militares: um dos maiores, o bloco “O” da Esplanada dos Ministérios, com capacidade para 1,7 funcionários, era a sede do Ministério do Exército, iria para o Ministério da e está vazio há vários anos, esperando dinheiro para obras. A reforma foi licitada no Governo Dilma em 2015, licitação reaberta em 2016 por razões legais e até o final do ano passado a Secretaria de Patrimônio da União procurava um órgão capaz de assumir o “abacaxi” das obras.

    O Governo Bolsonaro precisa descobrir que, na administração pública, não é só mandar o Fabrício ir lá resolver.

    • Oi Escriludida. Não é a Escriludida? É o acidentado? Tá com problema na vista também a ponto d errar o próprio nick?

      O papo é um e lá vem a reportagem replicada.

      Tchauuu.

  37. Só a título de esclarecimento, já que fui barrada no blog, a quem interessar possa, hoje todas as postagens em nome de Toninho, foram minhas. Ele é meu irmão sim; e, veio a residir comigo comigo após ter saído do coma, depois de um acidente ocorrido em 2008 que deixou sequelas graves e atualmente encontra-se nos EUA se submetendo a um tratamento que inclui uma cirurgia, ou mais, para deixar de ser paraplégico.

    Gosto das coisas bem explicadinhas!!!!

    • Toninho não era seu irmão acidentado o “contadora” de lorotas?

      Ai meu oito pilhas AA.

      • Até aqui todos estavam comentando sobre a posse de arma, mas tinha que ser ela para postar uma matéria de Fernando Brito, petista de carteirinha.

        • Só a título de esclarecimento, já que fui barrada no blog, a quem interessar possa, hoje todas as postagens em nome de Toninho, foram minhas. Ele é meu irmão sim; e, veio a residir comigo comigo após ter saído do coma, depois de um acidente ocorrido em 2008 que deixou sequelas graves e atualmente encontra-se nos EUA se submetendo a um tratamento que inclui uma cirurgia, ou mais, para deixar de ser paraplégico.

          Gosto das coisas bem explicadinhas!!!!

  38. meu comentário precisou passar pela moderação, mas nem falei nada de mais. Enfim, vou tentar escrever de novo

    qualquer medida que se tome, inocentes pagarão o pato. Se não liberar, é isso que vemos aí: 60 mil homicídios no ano.

    Se liberar, teremos briga de vizinho por causa de barulho da criança após as 22h e um pode puxar a arma para o outro..

    Resta saber qual medida (liberar ou não o posse e/ou porte) resultará em menos inocentes vítimas.

    Por isso, eu acho que o processo para aquisição deve ser caro, rigoroso e com penas mais severas para quem teve a posse/porte e “abusou” desse direito.

  39. Nao interessa o que o policial pensa sobre posse de arma.
    QUERO SABER CADE O BÔNUS QUE NÃO FOI PAGO

  40. A Favor.
    Alguns colegas aqui estão falando que vai virar “faroeste” e antes de 2007 quando começou a restrição das Armas.. Era “Faroeste” ??

    Os colegas aqui não entendem que quanto mais restrição à população todos perdem, não esqueçam que você só terá seu porte de armas até se aposentar depois já era…( muitos vão falar: A mais quando eu aposentar nem quero saber de armas…… Acredito vai nessa!).

    Outro ponto, com mais liberdade as armas e munições ficará mais barato até para o policial treinar e participar de competições. (Pra quem gosta).

  41. Posse, sou totalmente a favor. Até por respeito ao decidido no plebiscito de 2005.
    Um cidadão consciente não abre mão de direitos. O direito de comprar uma arma e tê-la em sua posse não pode ser alienado ao governo, seja ele qual for.
    Quanto ao porte não tenho posição definida ainda. Não consegui formular juízo sobre esse tema. Pontos a favor e contra são equivalentes.
    Vale maior reflexão.

  42. A favor, e que seja liberada a venda de armas com calibres potentes, como um .357, para diminuir ao máximo a chance de revide do ladrão.

  43. Sou contrário a essa liberação. Na verdade só não vê quem não quer que essa medida servirá apenas para atender interesses escusos.
    Os senhores acreditam mesmo que a campanha do Bolsonaro foi “de graça”?. Desde o início eu falava com meus colegas que referido candidato estava sendo financiado pelas empresas bélicas do Brasil.
    Basta pesquisar um pouco acerca do crescimento das ações da Taurus….
    Nossa sociedade não está preparada para esse de “direito”. Talvez um dia estejamos preparados, mas hoje não.
    Infelizmente o decreto presidencial sairá daqui alguns dias, pois é preciso pagar a conta.
    Nós, escrivães que atendemos todos os dias pessoas que nos procuram por conta de brigas de vizinhos, violência doméstica e outros crimes de “desinteligência”, sabemos muito bem no que pode dar uma arma na mão de um imbecil.

    • Há N jeitos de matar uma pessoa.
      Antes não era faroeste e agora passaria a ser…
      Não dá para entender.
      Quanto a indústria bélica financiar a campanha dele é verdade, mas não é só isso. Essa conta você pode passar para o EB. Os Oficiais quando aposentam vão todos assumir cargos na Taurus e Imbel. Pq vc acha que só podemos comprar armas da indústria nacional? O buraco é mais embaixo.

  44. Oh! osso falar está sendo pra lá de hipócritas, quando libera apenas comentários, que ficam babando pelo fascista..

  45. Totalmente favorável ao cidadão de bem ter não somente a posse mas tb o porte quando capacitado para isso, com ordenamento rígido e punições severas para quem fizer merda utilizando de sua arma, não adianta vir os SUPERTIRA falando que tem preparo, que a população vai fazer merda, todos sabemos que nem 10% dos PC fazem reciclagem , treinamento e nem sequer vão em stand de tiro para treinar, primeiro pq muitos são cansados, não querem e tb pelo custo que não é pouco e sabemos que pelo salário (quem realmente vive do salário), não tem condições nenhuma de se manter atirando e treinando constantemente. Já tem muitos cidadãos , atiradores CAC , que se colocar do lado da maioria dos policiais operacionais dão banho feio neles, pois tem muito mais preparo e treinamento, muitos praticantes de airsoft tem mais conhecimento tático do que a maioria dos policiais civis , sejamos realistas, e que tem muito SUPERCOP, que para ser homem precisa de uma arma para segurar as calças e precisa ter isso como vantagem, e por isso não quer que os cidadãos de bem tb tenham, só e fodão com a arma na cinta, sabemos que tem muito PC que há anos não efetuam nem um disparo nem pra ver se a arma esta funcionando.
    E não adianta falar que vai dar merda, que vai mesmo, merda da com a arma proibida tb, e querer comparar o Brasil com pais de primeiro mundo, compare com países de 3 inferiores a nós, so dar uma volta em Ciudad Del Este no Paraguai , onde arma de fogo e vendida sem nenhuma restrição e qualquer calibre, ve as merdas que la acontecem, crime la é trafico de drogas, contrabando, mas vc não ve roubo, lá um vagabundo não entra em um coletivo e subjuga todo mundo , pois se ele puxar uma arma , vem pelo menos 5 na cabeça dele, lá o ladrão não tem vantagem sobre a população pq porta um canela seca sabendo que ninguém vai reagir, a não ser se der muito azar de trombar com um polícia.

  46. que esta contra é porque não sabe o que é morar em uma chácara….a 08 km da proxima cidade…
    onde a unica esperança atual de hoje em dia, é o sujeito REZAR. e muito…

  47. tem que liberar mesmo….

    porque somente os vagabundos podem andar armados?????????????????????

  48. armas não matam pessoas…
    PESSOAS DESEQUILIBRADAS MATAM PESSOAS

    Um policial civil se suicidou após invadir uma casa no bairro do Grajaú, na zona norte do Rio de Janeiro, na manhã desta sexta-feira (4), e fazer os filhos e a ex-mulher reféns por mais de uma hora. Ricardo M. Costa, 57, se negou a negociar a sua rendição com policiais do Bope (Batalhão de Operações Especiais) e do Batalhão de Choque da Polícia militar, que acompanhavam o caso….

    https://noticias.bol.uol.com.br/ultimas-noticias/brasil/2019/01/04/policial-invade-casa-faz-o-filho-refem-e-se-suicida-no-bairro-de-witzel.htm

  49. Caro Nostradamus: Entendo perfeitamente sua situação e, mesmo não sendo policial, compre qualquer coisa que dispare e deixe na chacara. Morei assim antes de ser policial e sei perfeitamente o que sofri.

  50. Posse sim. Porte não.
    Depender de Polícia é pedir o fim trágico. Quem não tem dinheiro para comprar tem que dar seu jeito. Arrumar emprego que pague melhor, abdicar de varias coisas e trabalhar na folga.

    Não se mata apenas com arma de fogo.

    Vamos fazer assim:
    PM não preveniu corta do salário de quem é a área.
    PC não solucionou… IDEM!
    Estado também.

    Pode ser assim? Pagar pela incompetência? É justo não é?

    Da mesma forma que o imbecil que fizer mau uso da arma também deve se dar mal. Tem que passar a responsabilidade até para a família em caso de morte. Quero ver…

  51. sergio disse:
    04/01/2019 ÀS 21:25
    Caro Nostradamus: Entendo perfeitamente sua situação e, mesmo não sendo policial, compre qualquer coisa que dispare e deixe na chacara. Morei assim antes de ser policial e sei perfeitamente o que sofri.

    hhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhh

    negativo camarada…. eu sou PC… o que eu quis dizer , é para defender a população…. pois tenho parentes e amigos nesta situação…e sei o sufoco que eles vivem , pela falta de segurança. atual…

    por isso eu defendo armas para todos os cidadaõs de bem…quem estiver apto, logicamente..

    pois a malandragem esta armada até os dentes…

  52. O cidadão de bem têm que ter o direito de se defender com uma arma de fogo, dentro de sua residência, SIM, mas têm que haver critérios rigorosos para a posse.
    Quanto ao porte de arma de fogo, só os funcionários do Estado devem ter esse direito.

  53. POSSE, pessoal, não porte, que, aí sim, permitiria que o não policial andasse armado nas ruas para pagar de fod*o.

    Como já afirmaram, brasileiro, salvo as exceções, não tem cabeça para andar armado. É só ouvirem o que algumas vítimas dizem quando são assaltadas e vão ao dp para registrar uma ocorrência de roubo.

    Ah, respondendo a pergunta, contra, claro.

  54. Bolsonaro pagará bônus para perito do INSS que cortar pensões e aposentadorias

  55. O presidente Jair Bolsonaro (PSL) vai enviar ao Congresso Nacional uma Medida Provisória (MP) que tem o objetivo de fazer um pente pente-fino em todos os benefícios pagos pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

    LEIA TAMBÉM:
    Datafolha: ‘Governo Bolsonaro acabou antes de começar’

    A MP estabelecerá o pagamento de um bônus de R$ 57,50 a servidores do seguro social que identificarem irregularidades em aposentadorias e pensões.

    Pela medida provisória, entram na mira dos fiscais a pensão por morte, a aposentadoria rural e o auxílio-reclusão.

    O modelo que Bolsonaro quer adotar com a MP é semelhante ao pente-fino que foi usado na gestão do ilegítimo Michel Temer (MDB) nos auxílios-doença e nas aposentadorias por invalidez pagos há mais de dois anos. Desde 2016, os peritos médicos previdenciários estão recebendo R$ 60 por exame extra realizado nos postos do INSS.

    Até 15 de dezembro de 2018, quase 1,2 milhão de perícias tinham sido realizadas no pente-fino dos benefícios por incapacidade.

    Cerca de 651 mil segurados, praticamente a metade dos que foram avaliados nos exames periciais, tiveram o pagamento cortado.

  56. O presidente Jair Bolsonaro (PSL) vai enviar ao Congresso Nacional uma Medida Provisória (MP) que tem o objetivo de fazer um pente pente-fino em todos os benefícios pagos pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

    LEIA TAMBÉM:
    Datafolha: ‘Governo Bolsonaro acabou antes de começar’

    A MP estabelecerá o pagamento de um bônus de R$ 57,50 a servidores do seguro social que identificarem irregularidades em aposentadorias e pensões.

    Pela medida provisória, entram na mira dos fiscais a pensão por morte, a aposentadoria rural e o auxílio-reclusão.

    O modelo que Bolsonaro quer adotar com a MP é semelhante ao pente-fino que foi usado na gestão do ilegítimo Michel Temer (MDB) nos auxílios-doença e nas aposentadorias por invalidez pagos há mais de dois anos. Desde 2016, os peritos médicos previdenciários estão recebendo R$ 60 por exame extra realizado nos postos do INSS.

    Até 15 de dezembro de 2018, quase 1,2 milhão de perícias tinham sido realizadas no pente-fino dos benefícios por incapacidade.

    Cerca de 651 mil segurados, praticamente a metade dos que foram avaliados nos exames periciais, tiveram o pagamento cortad

  57. “Oferta” de Bolsonaro para instalação de uma base militar no Brasil deixa EUA felizes
    6 de janeiro de 2019 por Esmael Morais

    Os Estados Unidos estão rindo à toa com a “oferta” do presidente Jair Bolsonaro (PSL) em abrir mão da soberania nacional para sediar uma base militar dos ianques.

    LEIA TAMBÉM: Veja por que Bolsonaro quer instalar base militar dos EUA no Brasil

    O secretário de Estado Mike Pompeo disse, em entrevista ao Estadão, que eles estão “muito entusiasmados” com a guinada da América do Sul à direita liderada por Bolsonaro.

    Sobre a base militar, Pompeo disse que “ficamos satisfeitos com a oferta do presidente Bolsonaro”.

    Ou seja, parece que os norte americanos nem esperavam por isso.

  58. Essa Escriludida (agora Toninho) é muito chata. O tópico é outro jumenta.
    Como vc é inconveniente. Monta um blog p vc ficar replicando matéria. Q saco. Quando fizerem uma matéria do Bozo fica a vontade, mas desse jeito que vc faz é praticamente fazer resistência dando o cu!!

  59. os EUA tem mais de 800 bases militares espalhadas por todos os continentes…………………………..

    porque não podera ter mais uma no BRASIL????????????????????????????????????

  60. que venha base…
    que venha filial da NASA..

    que venha . filial de tudo quanto é tipo de empresa…….

  61. pra quem não sabe…. o japão é uma das maiores potencias mundial hoje…. graças aos EUA…

    eu vou explicar… ……….

    1– o corre que com o termino da 2º guerra mundial , e a derrota do japão. o pais ficou as masmorras…

    os americanos ordenaram aos japoneses trabalharem e que os EUA garantiriam a compra de tudo o que os japoneses produziriam….a partir daquele momento….e o japão seguiu o pedido dos americanos, tornando se uma potencia mundial…………até hoje……………….

    entenderam ????/ ou terei que desenhar….?????????????????????

    E NO JAPÃO ATÉ HOJE EXISTE BASE MILITAR AMERICANA………………

    VAMOS SIM ,…. DEIXAR OS EUA MONTAR UMA BASE AQUI…………………….

    • O problema é que no Brasil tem “brasileiros”, e não “japoneses” e o Brasil não é um País sério.

  62. Eu sou contra. Ao menos da forma como está sendo ventilado … essa sociedade de merda já tem direitos demais, dever nenhum, e o que está sendo apresentado só reforça isso. Estão querendo criar o direito antes do dever, como sempre. Quer dar posse de arma ao “cidadão de bem”, então pesa na pena para quem portá-la primeiro, sem fiança, sem massagem, qualifica a ameaça quando exercida pelo uso de arma sem prejuízo do porte ilegal, dentre diversas outras mudanças mais, depois disso libera a POSSE … depois de mostrar que se fizer merda vai se phoder de verde e amarelo. Lá nos EUA tem posse e porte, mas lá tem cadeia pra quem faz merda, aqui nobres puliças o sujeito vai te ameaçar com a arma no trânsito, e vc vai enfiar a sua cara no cú, ou vai dar um tiro no autor, de ameaça, eae já decidiu ? Outra coisa, pessoal de chefia, quando for abordar já sabe né, o cidadão de bem vai dizer que achou que ia ser assaltado e por isso atirou, daí vc mata ele antes de morrer e seja bem vindo ao PPC. Vai virar uma merda sim, “quem vai ter 3 mil pra comprar uma arma?”, aquele mesmo indivíduo que não tem onde cair morto e anda com celular de 3 mil parcelado em mil vezes nas Casas Bahia …

  63. Todo mundo com dó do povo … SP com 24 anos de PSDB … tem mais é que si fu … olha o Ceará, reelegeram o PT não foi, agora tem que pedir penico pra União. Alguém que estiver sendo ameaçado, tendo uma arma em casa, vai sair com ela para rua e portá-la ou não, vai entender que ela está apenas para preservar uma possível invasão de seu imóvel e não todas as naturezas as quais pode ser vítima ? Eu vou te responder o que meu pai fez, portou, e é “cidadão de bem” sem passagem e com emprego fixo, daí teve a arma furtada e não fez BO até hj … vai vendo …

  64. Falando nisso com este monte de militar eleitos e no poder ninguém mais falou da PEC 300.

  65. cade a SUPER ESQUERDOTRALHA escriiilllllllllllllididaaaaaaaaa ?

    sera que ela parou de DEFENDER O IMPOSSIVEL , PELO FATO DE TER SIDO CORTADA DA FOLHA DE PAGAMENTO
    DOS MILITANTES .. fantasmas no planalto…
    sera que ela era uma ZUMBI NO PLANALTO ???????????

    e agora tera que trabalhar ;;;; acabou a mamata de ganhar bom salario dos petralhas sem ir um dia trabalhar …
    sera que o serviço dela era ficar postando nas redes sociais. e a serviço dos petralhas ???

    eu estou achando que isso é o que a escripetralha é ……………………………..

      • Toninho/Escriludiada disse:
        04/01/2019 ÀS 10:52
        Oh! osso falar está sendo pra lá de hipócritas, quando libera apenas comentários, que ficam babando pelo fascista..

        • Toninho/Escriludiada,

          Se você quiser comentar que faça com as próprias palavras: sem links e sem youtube.
          Links só com matérias de interesse exclusivamente policial.
          E por favor, menos desespero por conta do Bolsonaro/Lula e PT.

          • Comentários que fiz, sem copiar e colar linkes de vídeos e ou de outras reportagens foram barrados, ficaram perdidos “seu comentário está aguardando moderação”, comentários esses sem ofensas pessoais a qualquer pessoa, simplesmente por ser a “Escriludida” que postou. Usando o a conta de e-mail meu irmão Toninho, os comentários não ficaram presos na moderação. Sou e sempre seri anti-fascista. Os pobres coitados que votaram em bostanaro: e, ainda não se arrependeram, não tomaram consciência de quanto vão perder pela escolha que fizeram. Esse governo fake news, não emplaca 2020.

            • Escriludida,

              Infelizmente não serão mais aceitos comentários com matérias e links externos que não sejam sobre assuntos diretamente ligados aos interesses policiais e do funcionalismo público.
              Muito menos links do youtube.
              Se você quiser criticar quem quer que seja faça com as próprias palavras.
              Com todo o respeito, mas essa guerra entre vocês – especialmente com o youtube – se tornou o meu massacre.

  66. E o porte para policial civil e militar aposentado , ninguém se lembra ? Juízes e Promotores tem esse direito . Ah… eu havia me esquecido a vida deles vale mais que a dos outros …

  67. Aliás, nem sabemos ainda qual o teor do decreto, mas se preocupa “especialistas” já sou favorável, estou com Bolsonaro .

  68. Agora nem apareceu “Seu comentário está aguardando moderação. Que triste. Não ofendi ninguém; Só manifestei o que penso, usando o e0mail de meu irmão Toninho, que se encontra nos EUA, pois com Escriludidada, tudo fica barrado.

    • O o o o se fod… hahahhahahaha
      Conseguiu irritar até o administrador.

  69. De que adianta armar a população se não houver o curso intensivo de tiro…. qualquer zé mané que tiver uma arma vai usá-la de forma irregular. Tem que ter treino psicologico , emocional e saber o momento exato de atirar….

Os comentários estão desativados.