BOZOLÂNDIA – O Major Olímpio deveria contar o porquê de a PM preferir as escolas particulares e os grandes shoppings…Se a PM estivesse mais presente nas escolas públicas talvez essa tragédia fosse evitada, né? 78

Resultado de imagem para BOZOLANDIA

Senador diz que tragédia seria menor se professores estivessem armados

Representante da chamada bancada da bala na Câmara disse que deputados não devem recuar da intenção de aprovar a permissão para porte de armas

Gregory Prudenciano, Teo Cury e Renato Onofre, O Estado de S.Paulo

13 de março de 2019 | 14h42
Atualizado 13 de março de 2019 | 16h28

Após o massacre que deixou 10 mortos em Suzano, na Grande São Paulo, o senador Major Olímpio (PSL-SP) defendeu nesta quarta-feira, 13, o decreto que flexibiliza a posse de armas no País. Segundo ele, se algum funcionário do colégio estivesse armado, a tragédia poderia ter sido menor. Congressistas da Frente Parlamentar de Segurança Pública, conhecida como “bancada da bala” na Câmara, também não devem recuar da intenção de aprovar a permissão para porte de armas.

Senador diz que tragédia seria menor se professores estivessem armados

Senador Major Olímpio (PSL-SP) Foto: Dida Sampaio/Estadão

“Se houvesse um cidadão com uma arma regular dentro da escola, um professor, um servente ou policial aposentado que trabalha lá, ele poderia ter minimizado o tamanho da tragédia”, afirmou o senador Major Olímpio nesta quarta, 13. Em audiência no Senado, ele ainda defendeu a derrubada do Estatuto do Desarmamento, de 2003, que restringiu a posse e o porte de armas no Brasil. A revogação dessa norma é uma das bandeiras do presidente Jair Bolsonaro.

Na avaliação do senador, o ataque  “mostra justamente o fracasso, a safadeza da política desarmamentista, que simplesmente deu o empoderamento para o criminoso e tirou a possibilidade da legítima defesa”.

Ele aproveitou a oportunidade para defender o decreto presidencial que flexibilizou as regras para a obtenção da posse de armas. Segundo o senador, “a população botou o Bolsonaro como presidente da República para ser um impulsionador de garantias para o cidadão, para que nós não tenhamos tragédias dessa natureza”.

“O decreto do Bolsonaro simplesmente garantiu posse legítima, não é nem porte, o porte nós vamos votar depois, é a segunda etapa em relação a isso que foi tirado do direito de defesa do cidadão”, disse o Major Olímpio.

Ele afirmou ainda que a “enquanto as armas forem ilegais, apenas os ilegais terão armas”. “Então, vamos, sem hipocrisia, neste momento, chorar os mortos, sim, vamos discutir a legislação: onde estamos sendo omissos? Como policial, eu me sinto derrotado; como parlamentar, mais derrotado ainda numa situação dessa. Vamos ver exatamente e vamos analisar a origem dessas armas. Tem-se a arma que se quer, na hora em que se quer e do jeito que se quer no Brasil todo, com fronteiras devassadas com os portos e aeroportos completamente abertos”.

Congressistas da chamada “bancada da bala” não vão recuar na intenção de aprovar a permissão para porte de armas.  A avaliação é do líder da bancada, o deputado federal Capitão Augusto, que tenta minimizar a tragédia de Suzano na defesa de grupos pró-armas.

“É óbvio que grupos desarmamentistas vão tentar usar essa tragédia para tentar demonizar as armas. Não há legislação no mundo capaz de evitar uma tragédia como essa. Se alguém na escola tivesse uma arma, a história poderia ser outra”.

Para o parlamentar, a bancada já tem força o suficiente para aprovar a medida. Na conta do parlamentar, a frente será lançada até o dia 20 com mais de 300 nomes favoráveis a medida. “Não altera nossa agenda. Vamos dar o direito do cidadão de bem se defender”.

Durante a tarde, a Câmara dos Deputados fez um minuto de silêncio em favor das vitimas da tragédia que deixou dez mortos e oito feridos.

‘Cultura da violência’

Já na avaliação do senador Humberto Costa (PT), o recente decreto que aumentou o acesso dos cidadãos às armas pode elevar o número de massacres desse tipo. “Se cada cidadão brasileiro pode ter na sua residência quatro armas, como prevê esse decreto apresentado pelo presidente da República, a chance de termos episódios como esse cresce enormemente. E não é exatamente ampliando a possibilidade de as pessoas terem armas, a posse de armas, que vamos acabar com a posse ilegal e com a posse irregular”, argumentou Humberto.

Para o senador Alessandro Vieira (PPS-SE), a cultura da violência está na raiz dessas tragédias. “Estamos importando para o Brasil uma cultura de violência gratuita. Isso não começou hoje, não começou agora, mas vem sendo agravado paulatinamente, especialmente pelo ambiente que tivemos na última disputa eleitoral. Precisamos resgatar no Brasil o que sempre tivemos, que é um ambiente de maior possibilidade de discussão harmônica entre pessoas que se opõem por algum motivo” afirmou.

Trump já defendeu armas para professores nos Estados Unidos

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, já sugeriu que professores sejam treinados para atirar como solução para massacres em escolas. Segundo o republicano, os docentes podem ser preparados para agir rapidamente em resposta a tragédias. Ele chegou até a defender um bônus para os educadores que fizessem esses cursos. A ideia motivou críticas de grupos de sobreviventes de tiroteios em colégios e universidades americanos.

_______________________________________________________

Vou falar pela minha região, nas cercanias de escolas e faculdades privadas não falta policiamento…

Nas cercanias de grandes shoppings e grandes supermercados não falta policiamento; instalam até posto da PM.

Nas cercanias de escolas públicas e comércios populares…NADA!

Mas a posse e o porte de arma de fogo do estado para educadores até que é uma boa ideia Major Olímpio, a sociedade civil não pode  mais ficar dependendo da PM e da PC. 

Aparentemente o que difere um policial de um cidadão qualquer é  apenas a arma de fogo, pois se vê que intelectualmente policiais em geral são bem  deficientes; além de acovardados. 

  1. Não dá para associar essa tragédia ao porte de armas, se houvesse A ou B armado, tal tragédia seria evitada, bem como culpar a PM, se ela estivesse presente em todos os turnos de aulas, os dois procurariam outro lugar para executar o ataque. Pior ainda é usar a política para fazer comparações ou suposições sobre os fatos, os quais poderiam perfeitamente ocorrer em qualquer lugar com aglomeração de pessoas.

  2. Simples de responder, porque os papais e mamães não querem a polícia perto dos seus filhos, alegando “repreensões”. Na usp fizrram uma guerra para tirar a polícia do campus, e quando acontece algo a culpa é de quem? Claro, da polícia, né?! Colique polícia nas escolas das periferias e verás o ESTARDALHAÇO dos pais. Outro dia, vi na tv uma escola onde os militares assumiram a educação, e colocaram como obrigatoriedade os alunos cantarem o Hino Nacional. Nossaaaa!!!! Prá quê?! Logo apareceu uma Maria gritando: “Meu fio num tá num quartél”…rsrsrsr. Bem típico de brasileiro, né?! Mas quando algo acontece…ahhhh! Sabe para quem sobra, né?!

  3. Moro no Alto Tiete, ė uma vergonha a PM demorar 10 minutos para ter chegado ao local dos fatos sendo que o 32 fica tão próximo….

  4. Só não concordo com “Acovardados”, porque se não fosse o nobre policial civil teria morrido o dobro.

  5. Gente essa fatalidade foi só uma amostra, nosso país vai vira um caos, com esse governo fascista, incompetente e inconsequente que incentiva o fascínio por arma de fogo.

    Um dos atiradores era bolsominion de carteirinha.

    • Vai virar um caos ? Estava ótimo no comando do PT , Realengo foi fake , 13 milhões de desempregados São culpa dos 60 dos de governo Bolsonaro , a arma que foi usada em Suzano o rapaz comprou registrada em uma loja graças a facilitação pela nova lei.
      Não tem como ser mais retardada, a mortadela deixa cego mesmo, vergonha alheia de uma imbecil esquerdista dessas.

      • Fernandão,

        Para o seu governo, já que você não é amigo da pesquisa , em 2000 o Brasil era o 2º colocado no mundo em matéria de desemprego. Só perdia para a India cuja população já superava um Bilhão.
        Pois bem, então, com cerca de 170 milhões de habitantes, contava com 11,454 milhões de pessoas sem trabalho ( cerca de 10% ).
        Hoje com 215 milhões conta cerca de 12 milhões de desempregados, ou seja, cerca de 11,5% da população ativa.
        Durante o governo PT a média de desemprego baixou da casa dos 11 % para 5% , na média!
        Por outro lado em 2002 um dólar custava R$ 4,00; o equivalente a R$ 10,00, nos dias de hoje! Durante o governo PT se manteve abaixo dos R$ 2,00.
        Agora a lei dificultando demasiadamente a posse e o porte de armas foi um grande erro ( iniciado no governo FHC ) ao qual o governo foi induzido pelos próprios PMs que hoje defendem a sua flexibilização .
        O povo não poderia ter ficado a merce de policiais e dos bandidos.
        Lembrando que os maiores chacinadores deste Brasil sempre foram policiais, principalmente os militares.
        Com o povo todo armado eu quero ver polícia folgado metendo o dedo na cara de paisano e metendo pé na porta.
        Aliás, por uma questão de isonomia, o cidadão que confundir um policial com um bandido também deve ficar isento de quaisquer responsabilidades. Tá paisano com arma na cintura também é suspeito; primeiro a gente atira e depois pergunta!

        • Senhor Guerra

          Se meus conhecimentos condizer com a realidade, na epoca do Lula-Dilma, assim como inventaram a contabilidade criativa, também inventaram uma nova forma de pesquisar o nível de emprego, diga-se, pessoa que recebia seguro desemprego, não era desempregado, assim como os beneficiarios de auxilio social. No momento não tenho como confirmar, mas quase que certeza!

          C.A.

    • Vai estudar o q é fascismo ow, ignorante! Jumenta! Ninguém se assemelha mais aí fascismo que vcs, lulopetistas imundos

  6. Se tivesse um professor armado também na escola em uma das cidades de Minas Gerais, também evitaria as mortes que foram provocadas por um aluno filho de policiais militares que usou a arma do estado para cometer os assassinatos.
    Talvez um professor armado teria matado o garoto antes dele agir, né senador Olímpio?

  7. O correto é uma pena de vinte anos de início para quem estiver armado, logo que autuado sem direito as balelas de residência fixa, é trabalhador…, o negócio é cana senador.
    Ah, pede para os pms que estão alimentando o crime, traficando como ocorreu na semana passada com o traficante do baep, esse outro assassino da Marielle que tem as suas armas de grosso calibre…, pararem de cometer crimes, com certeza irá facilitar para a sociedade sobreviver.

  8. Isso é fruto da geração Internet a la “deep web”, Facebook e Whatsapp, o computador e o smartphone são a melhor babá do mundo para muitos pais. Fora isso, as Escolas Públicas do Estado de São Paulo estão que nem a Polícia Civil, totalmente abandonadas e sem recurso humano e material. Ainda estamos sofrendo com a cultura de segurança do PSDB, ou seja, o policial deve ser o último a chegar num Q.R.U e se atirar em alguém vai se ferrar.

    • Qualquer pessoa sabe que tais ataque só ocorrem tendo como vítimas pessoas indefesas, escolas,igrejas e outros locais assim são os alvos preferidos dos matadores. Pergunto alguém aqui já viu doido atacar quartel do exército ou pm,standard de tirar, acho que não. Nos locais cidades is covardes sabem que vão levar o troco. Assim chamar a fala do Major de ” idiota” vai contra qualquer lógica razoável a não ser w claro aquela de veis político e ideológico.

      • Seu irmão filho da puta,

        A fala do Major não é idiota, é para os idiotas!
        Tem doido até para atacar a faca um candidato a presidente cercado por mil policiais bem armados, tá certo policiais são idiotas, né?
        Tem doido que ataca Forum, tem doido que ataca Delegacias, Unidades da PM, etc.
        Tem doido até que pretendia libertar o Marcola; certamente matando dezenas de policiais e ASPs.
        Ora, se quer dar segurança para os alunos porque ele não faz um projeto para que as escolas públicas tenham o seu corpo de segurança oficial?

  9. “BOZOLÂNDIA – O Major Olímpio deveria contar o porquê de a PM preferir as escolas particulares e os grandes shoppings…Se a PM estivesse mais presente nas escolas públicas talvez essa tragédia fosse evitada, né?”

    Parabéns Rodrigo Maia, o senhor pensa para falar!

    “Maia falava com jornalistas sobre a tragédia em Suzano e afirmou que esperava que “alguns não comecem a dizer que se os professores tivessem armados teria resolvido o problema.” O presidente da Câmara foi então informado que o líder do PSL no Senado, Major Olímpio (SP), havia dado declaração nesse sentido.”
    “Eu espero que as pessoas pensem um pouquinho nas vítimas dessa tragédia e que compreendam que o monopólio da segurança pública é do estado, não é responsabilidade do cidadão. Se o Estado não está dando segurança à sociedade, a responsabilidade é dos gestores públicos na área de segurança pública”, disse Maia a jornalistas, na sequência.

    https://g1.globo.com/sp/mogi-das-cruzes-suzano/noticia/2019/03/13/seguranca-publica-nao-e-responsabilidade-do-cidadao-diz-maia-sobre-arma-para-professor.ghtml

  10. Agora todo mundo tem soluções, engraçado né?! Ver o povão com esses argumentos fracos para desqualificar o trabalho policial eu até entendo a ignorância, mas ver policiais repetindo esses mesmos argumentos, aí é muito, mas muito preocupante.

  11. Bom dia:
    Não gosto de comentar sobre assuntos dessa natureza ,pois creio toda essa situação teve particularidades que nós não sabemos quais são, porém essa lógica do senador é irracional, alias, como a maioria desse governo, pois por essa lógica o menino Pesseguini não teria matado os pais, porque eles eram PMs e estavam armados,por isso eu suponho que, ou o senador falou merda pra caraio ou o caso Pesseguini foi uma farsa e nas duas situações, fica feio para o Major.

  12. É de se pensar na publicação que diz que o policial é um acovardado .
    Quem deixou que as coisas chegassem a esse ponto ?
    Logicamente não foi só isso, mas com certeza a politica de passar a mão na cabeça de vagabundo , que imperou nos últimos dezesseis anos , a humilhação da polícia com salários escorchantes , que faz com que muitos pensem dez vezes antes de por a cara a bater (Com razão) , além do fato dos Delegados de Polícia que antes estavam ao lado de seus subordinados terem virado juristas … Tudo isso contribuiu muito para esse estado de coisas .

  13. Pois é…
    Dia desses passava em frente à uma boa escola privada do bairro e… Ali uma viatura da RONDA ESCOLAR…. A escola pública fica a 500 mts…sem GCM (se Municipal) nem PM ( se estadual).
    No bairro de condomínios há alternância de empresas de segurança: em um condomínio a empresa de Oficial PM, no vizinho empresa de Delegado… e assim sucessivamente.

  14. Parece que tá caindo a ficha que sem SEGURANÇA não se tem educação ou saúde, não se vive em sociedade.

  15. Geeeenteee!!! Hoje vai chover a tarde e SP vai ficar alagada! Culpa de quem? Do Bolsonaro, claro…rsrsr. Meu sobrinho está gripado, culpa de quem? Do Bolsonaro! O pardalzinho cagou ni ombro da vovó. Culpa de quem? Do Bolsonaro…rsrsr. O (pseudo)aquecimento global está derretendo as geleiras! MEEEEUUU DEEEUS!!! Culpa do Bolsonaro e muiiitooo mimimi está por vir…rsrsr

  16. Vcs perceberam uma coisa?
    A coordenadora da escola tinha 59 anos de idade e segundo o seu filho, ela adorava o que fazia com prazer, estar ali trabalhando.
    Ela morreu! Morreu em uma ação criminosa onde há risco diuturnamente para quem tem essa profissão!
    Ao invés desse senador querer armar uma pessoa que já tem uma maravilhosa arma que é o interesse pela vida e ensinar com a sua legítima arma (os livros e a inteligência) as crianças, então pq ele não trabalha para que esses profissionais aposentem com o mesmo tempo de serviço dos pms?
    Ela tinha 59 anos de idade senhores políticos!

    • VITÓRIA NA GUERRA,
      Menas, menas…
      Tragédia, por óbvio.
      Mas com 59 anos na área de Educação, talvez já tivesse tempo para aposentar-se. Talvez até contando com a devolução da contribuição previdenciária, dito abono de permanência.
      Na área de Educação, com esta idade, talvez já até fosse aposentada em vínculo municipal.
      Servidores da Educação, principalmente mulheres, podem acumular vínculos e aposentadorias. Podem aposentar-se inclusive em idade privilegiada.
      Talvez não estivesse trabalhando obrigada, não.

        • A mesma quantidade que o senador comeu antes de dizer que se um dos professores estivesse armado a tragédia poderia ser de menor teor.

        • “Aparentemente o que difere um policial de um cidadão qualquer é apenas a arma de fogo, pois se vê que intelectualmente policiais em geral são bem deficientes.”
          Flit

      • Seu comentário é curioso.

        Estava aqui pensando: a coordenadora contribuiu, no mínimo, 35 anos e o Estado não vai precisar reembolsá-la. Ou seja, vai “economizar” uma boa fortuna.

        Imagine quantas pessoas morreram assassinadas prestes a se aposentarem, ou seja, que contribuíram 30, 40 anos e não vai receber nada.

        Ainda querem culpar o seu José e a Dona maria que ganha um salário mínimo

        • Pois é! Você tem razão na sua análise.
          Muito embora ela tivesse o direito de continuar vivendo, trabalhando ou se aposentar… Tinha o direito de fazer aquilo que lhe fosse interessante.
          Mas o comentário do “guerreiro vitorioso” aí em cima foi emotivo.

  17. meu comentário não foi. vou repetir.

    ESsa coordenadora contribuiu por, no mínimo, 35 anos e foi assassinada, ou seja, custo 0 para o Estado.

    Imaginem quantas pessoas morrem ou morreram quando acabaram de se aposentar ou prestes a se aposentar. E ainda querem nos impor essa reforma, culpando o seu josé que ganha um salário mínimo

  18. Os especialistas…….. tecnologos em segurança publica e politicos “””” Se o professor estivesse armado dentro da sala de aula não teria acontecido a tragedia “”””……………….se não tivessemos analfabetos eleitorais, jamais, estariamos ouvindo uma idiotice tão grande……que imbecialidade, professsor armado.
    “”Senador aproveite seu tempo para defender os policiais paulista frente a reforma da previdência””””

  19. Estou decepcionada com o Major Olímpio está se mostrando um idiota ao quadrado, junto aos Bolsonaros.

  20. O único objetivo da reforma proposta é fazer a grande maioria dos trabalhadores se sacrificar ainda mais, para bancar a manutenção das mordomias de uma minoria privilegiada.

    • Não. Objetivo é beneficiar bancos com previdencia privada.
      No governo Temer, quando começaram a tratar do tema, antes da arapuca PGR-Joesleis, houve publucidade maciça sobre previdência privada na TV.
      Paulo Guedes tem um olhar assustador!
      Banqueiro, não está considerando gente. Quer saber dos dividendos com os quais a sua prole vai viver confortavelmente no futuro.

      • Eduardo, tei comentário faz todo sentido. Mas tem idiotas que acreditam que o bozo veio para salvar a pátria.

  21. Lava Jato (ainda) quer 2,5 bilhões. Mas quer mesmo todo o Poder. E Moro afasta milícias de Bolsonaro
    Bob Fernandes
    Bob Fernandes
    Inscrever-se55 mil
    Adicionar a Compartilhar Mais
    15.537 visualizações

  22. Cortou onde? No jornais, você não lê, mas ainda há jornalistas…
    POR FERNANDO BRITO · 14/03/2019

    Ontem cedo postei aqui que o corte de cargos e funções comissionadas decretado pelo presidente Jair Bolsonaro desorganizará completamente o ensino técnico e superior nas instituições federais de ensino.

    Apesar do massacre de Suzano, logo a seguir, ter monopolizado as atenções, espantou-me a ausência de informações sobre o que a medida significava.

    Li várias quase “comemorações”, como a que faz hoje no Twitter o sr. Bolsonaro, com muitos cifrões de economias e porcentagens de cortes.

    Mas quase nada com a informação básica: quais eram os cargos cortados e onde estavam alocados.

    Nem que o decreto em nada muda o número ou a remuneração dos apadrinhados que assumem funções de confiança, de livre nomeação.

    Ainda bem que há exceções, a melho delas o colega Breno Costa, ex-Folha, que edita a newsletter Brasil Real Oficial onde faz aquilo que deveria fazer qualquer jornalista que cobre governo deveria fazer: ler o Diário Oficial e entender o que há por trás do juridiquês e do administrês daquilo que ele publica.

    Breno dá mais detalhes do que pude publicar, correndo para abraçar o mundo com as pernas, como sempre neste blog. Vale a pena a leitura e recomendo o seu site, indispensável, que eu próprio não conhecia.

    Universidades em apuros
    Breno Costa, no Brasil Real Oficial

    O governo vai eliminar, em parte já a partir de hoje (ontem), 21 mil funções comissionadas e gratificadas. Não se trata de cargos, mas de funções que são compensadas com pagamentos extras a servidores efetivos. A conta maior será paga pelos professores de universidade federais. Hoje já ficam extintos 119 cargos de direção em instituições de ensino federais, que não são definidas claramente no decreto (ocupantes de cargos de direção em universidades podem optar ou por receber a remuneração integral desse cargo ou 60% do valor acrescido do salário do cargo original). Também estão eliminados 1.870 Funções Comissionadas de Coordenação de Curso. Todas as funções gratificadas das universidades federais de Catalão (GO), Jataí (GO), Rondonópolis (MT), Delta do Parnaíba (PI) e Agreste de Pernambuco (PE) ficam extintas. A partir de 31 de julho, serão extintas mais de 11 mil outras funções gratificadas nas universidades, do nível 4 para baixo (ou seja, os três níveis de maior remuneração não são afetados neste caso específico).

    A comunidade universitária não está sabendo disso. Se não for noticiado, só saberá quando as escolas federais começarem a parar. Como, aliás, querem os obscurantistas da alianças olavo-bolsonárica.

  23. Supremo enquadra e esvazia a Lava Jato
    14 de março de 2019 por Esmael Morais

    A Lava Jato da “República de Curitiba” foi enquadrada e sofreu uma derrota estratégica nesta quinta-feira (14). O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu que crimes de caixa 2, mesmo quando o caso incluir outros crimes como corrupção e lavagem de dinheiro, devem ser julgados pela Justiça Eleitoral.

    Isso esvazia a força tarefa, pois a maioria dos casos investigados por Deltan Dallangnol e pelos seguidores de Sérgio Moro incluem questões eleitorais, e devem sair da competência da Justiça Federal comum indo para a Eleitoral.

    LEIA TAMBÉM: Toffoli abre inquérito para investigar fake news e ameaças ao STF

    A decisão foi por seis votos a cinco. Votaram para enviar os processos para a Justiça Eleitoral os ministros Marco Aurélio de Mello (relator), Alexandre de Moraes, Ricardo Lewandowski, Gilmar Mendes, Celso de Mello e o presidente Dias Toffoli,
    Votaram pela divisão dos processos os ministros Edson Fachin, Luís Roberto Barroso, Rosa Weber, Luiz Fux e Cármen Lúcia.

    O julgamento foi desempatado pelo presidente da Corte, ministro Dias Toffoli, o último a votar no caso.
    Dias Toffoli afirmou que sua posição sempre foi a mesma, de manter a jurisprudência do STF, por isso, acompanhou o relator.

    “Todos aqui estamos unidos no combate a corrupção. Tanto que são raros os casos de reversão de algum processo, de alguma condenação, de alguma decisão. Todos também estamos aqui na defesa da Justiça Eleitoral”, afirmou Toffoli.

    Com informações do G1.

  24. Pelos mesmos motivos que policiais civis agem com afinco pra elucidar alguns bos; interesse de quem tem poder de phoder com a vida de um subalterno.
    As Polícias só servem aos interesses de uma minoria; extremos mal sabem o que é ter uma viatura passando em sua rua.
    Agora você vai em Perdizes; de 10 em 10 minutos tem viatura da Polícia.
    Geralmente, Prédios de oficiais de alta patente, majuras diretores, sempre tem viaturas de policiamento a seu bel prazer, sempre tem a ordem pra fazer a média na fretne

  25. Porque será que o Governo através do governador Dória está correndo para que as famílias façam acordo para receberem indenização do Estado (R$30.000,00). Se concordarem com a valor as famílias dos alunos mortos não podem entrar com processo judicial contra o Estado.

    • Não.
      Está fazendo política.
      A lei da indenizacao (processo adm) existe desde 97 e foi feita para indenizar besteiras feitas por policía.
      É lei pensada por Covas para indenizar no caso da Escola Base, cujos acusados foram prejudicados pela incestigacao da PC e os vazamentos para a Globo.

  26. http://www.sinpolcampinas.org.br/exibe.php?id=212

    PROTESTO COM O DESCASO DO GOVERNADOR

    A Feipol Sudeste e seus Sindicatos filiados protestam com o descaso que o governo PSDB vem impondo aos Policiais Civis na ultima década; Seis anos sem reposição Salarial, Déficit de 13.500 Policiais Civis.

    Aumento de 73 % de suicídios de policiais nos últimos dois anos. (Fonte Ouvidoria da Polícia)

    Até quando Sr Governador teremos que suportar?

    Feipol Sudeste
    Sinpol Campinas
    Sinpol Ribeirão Preto
    Sinpol Sorocaba
    Sincopol (Marilia)
    Sinpolsan (Santos)
    Sirejun (Jundiaí)
    Sipocimc (Mogi das Cruzes)
    Sipol Presidente Prudente

  27. se eu fosse um professor … certamente gostaria de trabalhar com um oitão na cintura…..para evitar estas tragédias.

    o problema é achar hoje um professor macho que aceitaria isso….
    é mais fácil achar uma professora…kkkkkkkkkkkk

  28. que isso … se o comerciante estivesse armado, o sobrinho não teria feito aquilo…
    o tranqueira teria sido tombado antes….

  29. os professores que aceitarem por um oitão na cintura nas salas de aulas , tem sim o direito de se defenderem…
    então…… oitão pros professores nas salas de aulas …
    quero ver se algum vai tomar rodo de aluno bandido, como vemos hoje…….

  30. Nao votei no Bozo, mas e nos EUA , porque acontece atentados assim? A culpa nao é da policia nao . A culpa é que muitos jovens hoje sao um bando de retardados. Ao invez de curtir a vida, ir transar, ficam na frente do computador o dia todo fazendo merda.

  31. A integralidade e paridade dos militares será mantida. Bolsonaro governa para os seus. Se a reforma passar, na forma como se propõe, os congressistas que a aprovarem terão que pagar o preço!

  32. Qualquer pessoa sabe que tais ataque só ocorrem tendo como vítimas pessoas indefesas, escolas,igrejas e outros locais assim são os alvos preferidos dos matadores. Pergunto alguém aqui já viu doido atacar quartel do exército ou pm,standard de tirar, acho que não. Nos locais cidades is covardes sabem que vão levar o troco. Assim chamar a fala do Major de ” idiota” vai contra qualquer lógica razoável a não ser w claro aquela de veis político e ideológico.

  33. Pessoal, o bonus do 3o trimestre de 2018 sairá dia 28 de março de 2019. Tabela de valores será publicada no do. Tem região com 5000 reais….e região com 1000 apenas. Somente poucas áreas não bateram os indices.

  34. é isso mesmo colega de cima.

    varias vezes trabalhei em delegacias próximas a favelas … e nunca nenhum bandido ousou invadi la.
    porque se tentasse ia tomar bala p cacete….

  35. SECRETARIO DA EDUCAÇÃO…. COPIE A PINHA OPINIÃO . E PONHA EM PRATICA.

    o fato é o seguinte !!
    as escolas não tem as mínimas segurança… entra quem quer… sai quem quer.. mas isso é simples…
    é so copiarem o sistema da escola estadual que tem aqui no meu bairro…

    1- portão principal fica aberto.
    2- a secretaria fica com um tipo guichê . antes da porta principal que da acesso ao interior da escola…
    se o vagabundo tentar invadir chegara somente ate a secretaria, que estará munida de guichê com janelinha p atender o publico…, mas a entrada ao interior da escola fica trancada. , com uma porta de ferro bem forte…

    bem diferente daquela escola de Suzano.. onde o invasor entrou pelo portão principal, e chegou se a secretaria misturando se aos alunos.. sem nenhuma divisão ou broibição a quem quer que seja…
    entra quem quer … muita bagunçada AQUELE sistema…

  36. PESSOAL . AGORA QUE FOI BUBLICADO NO DÓE , A TRANSFORMAÇÃO DE CARCEREIRO EM AGENTE POLICIAL.
    QUL SERA O PROXIMO PASSO? O DAP VAI MUDAR O NOME NO HOLERITT OU TEREMOS QUE IR NA SECCIONAL PRA COBRAR ISSO? LOGICO QUE TEREMOS QUE LEVAR A CNH CATEGORIA D.

    ALGUEM DAQUI SABE RESPONDER SOBRE ISSO ?

  37. Olimpio falou besteira e vcs que concordam estão viajando na maionese. O(a) professor(a) faz magistério, vai pôr um oitão na cinta e ficar na lousa dando aula, de costa pros malas…. ces tão loucos…. bora pensar um pouco…

  38. Tipos de “provas” contra Lula sobram contra Bolsonaro
    Blog da Cidadania
    Blog da Cidadania
    Inscrever-se273 mil
    Adicionar a Compartilhar Mais
    8.237 visualizaçõeTipos de “provas” contra Lula sobram contra Bolsonaro

  39. “NÃO É SÓ A ESQUERDA QUE PRECISA SE OPOR A BOLSONARO”, DIZ DEPUTADA ARLETE SAMPAIO

    Em entrevista à TV 247, a deputada distrital Arlete Sampaio (PT-DF) diz que todas as forças democráticas do país têm de se juntar contra Bolsonaro; “Não é possível que a gente vai continuar assistindo a essas patetadas que estão acontecendo dos irmãos metralha”, declara; ela também disse que estar em Brasília traz uma responsabilidade muito grande contra a reforma da Previdência; assista
    16 DE MARÇO DE 2019 ÀS 09:32 // INSCREVA-SE NA TV 247 Youtube

    247 – A deputada distrital Arlete Sampaio (PT-DF) afirmou, em entrevista concedida à TV 247, que a sociedade precisa cobrar do país uma alternativa para sair dessa “enrascada” que é o governo do presidente Jair Bolsonaro. Ela também classificou a reforma da Previdência como absurda.

    Para a deputada, lutar contra a as trapalhadas do governo não é uma tarefa apenas da esquerda. “Não é só a esquerda brasileira que tem que protestar, que tem que brigar para que a gente retome outro caminho nesse país. São todas as forças democráticas desse país. Nós temos que buscar nos juntar com todos os brasileiros democratas, toda essa gente que pensa, para exigir uma solução. Não é possível que a gente vai continuar assistindo a essas patetadas que estão acontecendo dos irmãos metralha, não é possível”.

    A parlamentar destacou também que a reforma da Previdência afeta principalmente a população mais pobre e classificou a proposta como “absurda”. Ela ainda falou sobre sua esperança de que as mulheres brasileiras se voltem contra a reforma. “Eu tenho certeza de que as mulheres brasileiras vão se levantar contra essa reforma, porque imagina você ter que trabalhar 40 anos para ter direito a uma aposentadoria integral. Isso não faz sentido e eu tenho certeza de que nós vamos barrar essa reforma como nós conseguimos barrar a reforma do Temer que, por incrível que pareça, era menos dolorosa que essa”.

    Ela ainda disse que estar em Brasília é um privilégio no combate à proposta da reforma. “Isso faz uma diferença enorme, uma responsabilidade muito grande, inclusive da outra vez, na reforma do Temer, nós fizemos ações em frente aos locais de residência dos deputados, nós recepcionávamos os deputados no aeroporto e esses fatos terão que se repetir. Vamos ter que pressionar os deputados, estampar as caras dos deputados que tendem a votar favoravelmente a essa reforma para que a gente consiga de fato demovê-los da ideia”.

    • Eu também votei nele, acreditando que ele era uma pessoa sensata, baseando-me na pessoa que tive oportunidade de conhecer pessoalmente durante uma das manifestações da nossa greve em 2008. Desperdicei meu voto.

      Voto arrependido é lição para as próximas eleições.

  40. Um país avacalhado
    POR FERNANDO BRITO · 16/03/2019

    Talvez não se precisasse mais do que sermos um país onde Lula está preso numa solitária e Jair Bolsonaro está no Palácio do Planalto para justificar o título acima.

    Mas, como há gente tola o suficiente para acreditar que um homem que tinha autoridade sobre o uso de centenas de bilhões em investimentos públicos e favores fiscais possa ter conspurcado sua autoridade em troca de uma reforma de segunda num pombal no Guarujá e que outro, que jamais propôs alguma coisa alem de atirar, matar, castrar e estuprar possa ser o caminho para a paz social, gasto algumas linhas para provar o que afirmo.

    A Justiça, depois de desmoralizar-se numa perseguição inquisitorial, por anos a fio, está em frangalhos. Um procurador da província faz um acordo para ficar com R$ 2,5 bilhões à sua disposição. A Procuradora Geral da República pede a anulação da monstruosidade e a categoria, até onde se sabe, revolta-se contra ela. O Supremo Tribunal Federal, depois de apanhar na cara por longa temporada – até mesmo oferecendo a face para isso – converte-se em delegado de polícia para, depois de arrombadíssimas todas as suas portas, “descobrir” quem o está enlameando e difamando, quando isso está mais do que claro para qualquer um que ligue o computador e acesse as redes sociais.

    A economia, há três anos, não tem projeto algum senão vender o que puder, cortar onde não deve e dizer que todos os insucessos que coleciona são “culpa dos governos anteriores”. Que, tendo ganho o bilhete premiado da descoberta de uma imensa jazida de petróleo coloca na presidência da empresa estatal que o encontrou um homem que sonha em privatizá-la. Um ministro da Economia que apresenta como proposta “genial” deixar que se esvazie o Estado, eliminando metade de seus servidores (sem efeitos econômicos de curto ou médio prazo, pois aposentar-se-ão os funcionários eliminados) e que eliminem as vinculações do Orçamento que obrigam a gastos em saúde e em educação.

    Educação, aliás, que está entregue às intrigas diárias entre incompetentes, facistóides e um charlatão que despeja ofensas e obscenidades diariamente no Facebook, chamando de drogados e homossexuais os jornalistas que – timidamente, até – ousam criticar essa situação de barbárie. A ordem para formarem as crianças para ouvirem o slogan presidencial é até pouco diante do quadro que lá se instalou.

    Ordem nas escolas, exceto por um massacre ou outro, desordem nos quartéis, com as Forças Armadas sendo desmoralizadas pela barganha pública de suas aposentadorias enquanto generais reformados vão ocupando a máquina pública e circulando, desenvoltos, com atores pornô e louvadores de milicianos.

    A imagem do Brasil no exterior, antes tão cara a eles, transformada em objeto de chacota, com o fundamentalismo do minando o Itamarati e poderia seguir adiante, em quase todas as áreas do Governo, ou pseudogoverno, talvez nome mais apropriado ao que temos.

    O fato objetivo é que não há saída da crise para um país que degrada sua vida institucional.

    Como não há legitimidade em quem ascendeu ao poder, embora pelo voto, através de um processo ilegítimo. A vontade nacional, quando se expressa, como aconteceu, no sentido destrutivo, só destruição traz, se não se move por esperanças.

    A falta de sonhos é o portão do pesadelo.

  41. CARO CARCEPOL COD 39:

    PERCEBA QUE A APROVAÇÃO DA PLC 13/2018 CAUSOU PROFUNDO DESCONFORTO EM TODAS AS CARREIRAS, O QUE NA MINHA SINGELA OPINIÃO, FOI POR CIÚMES PROFISSIONAL. A REFERIDA APROVAÇÃO DEVERIA ESTAR RENDENDO ELOGIOS E CONGRATULAÇÕES, ENTRETANTO, O QUE VEMOS É UMA TOTAL INDIFERENÇA. MAS EM NOSSA INSTITUIÇÃO É ASSIM MESMO. QUANTO A VOSSA PERGUNTA, CREIO QUE NOS PROXIMOS DIAS A ADMINISTRAÇÃO DEVERÁ SE PRONUNCIAR QUANTO AOS TRÂMITES PARA A TROCA DA FUNCIONAL, ACREDITO QUE DEVERÃO EMITIR NOVAS FUNCIONAIS A TODOS, FICANDO O AGENTE OBRIGADO A APRESENTAR A CNH CATEGORIA “D” NO PRAZO DE UM ANO CONFORME DISPÕE A LEI. OUTRA POSSIBILIDADE, É QUE TALVEZ EMITAM AS NOVAS FUNCIONAIS CONFORME FOREM APRESENTANDO A CNH. EM TODO CASO, JÁ SÃO TODOS AGENTES POLICIAIS. PARABÉNS A TODOS PELA CONQUISTA E DEMONSTRÇÃO DE UNIÃO. PRECISAMOS RESGATAR ISSO EM NOSSA INSTITUIÇÃO!!

  42. Sobre a reforma da previdência. Se a PM está com os direitos à paridade e integralidade assegurados, imagina como ficarão os juízes, promotores, auditores, o alto escalão. Enquanto isso a polícia judiciária nada.

  43. Por conhecer o Senador em razão de ter estudado com ele, saber que se trata de gente honrada, gente de bem, sempre contou com o meu voto, mas não há como se negar que sua manifestação foi muito infeliz. Escola é lugar de mobilização de saberes. Sugerir que professores, inspetores, etc., fossem exercer atividades educacionais armados, é o fim da picada. No Barro Branco tudo bem, normal ministrar e assistir aula armado, mas na rede pública seria o caos.
    Bola fora.

  44. Notícias
    15/02/2019
    Prêmio de R$ 1 milhão da Nota Fiscal Paulista sai para morador de Itaquaquecetuba

    Um homem, morador do bairro Parque Residência Marengo, no município de Itaquaquecetuba, foi o grande vencedor do sorteio 123 da Nota Fiscal Paulista. O consumidor, de 39 anos, concorreu com 10 bilhetes e foi contemplado com o prêmio de R$ 1 milhão, no mês de fevereiro. Além disso, quatro participantes das cidades de Campinas, São Bernardo do Campo e dois da Capital, receberam R$ 500 mil reais cada.

    Outros contribuintes também foram sorteados com 10 prêmios de R$ 100 mil, 15 de R$ 50 mil, 20 de R$ 10 mil, 50 de R$ 5 mil e 500 prêmios de R$ 1 mil. Concorreram os cadastrados que efetuaram compras em outubro e solicitaram a inclusão do CPF/CNPJ no documento fiscal. No total, foram 600 prêmios que somam R$ 5,7 milhões.

    Com o sorteio exclusivo, cinco entidades assistenciais cadastradas na Nota Fiscal Paulista receberam R$ 100 mil, cada. Foram sorteadas instituições das cidades de Franca, Jaú, Ribeirão Preto, Santo André e Capital. Além disso, outras 50 entidades foram contempladas com prêmios de R$ 10 mil, totalizando R$ 1 milhão.

    O resultado está disponível no site portal.fazenda.sp.gov.br/servicos/nfp. Para verificar, basta acessar o sistema com o CPF e senha cadastrada e clicar na aba Sorteios > Visualizar Sorteios >Sorteio nº 123.

    Para concorrer, o consumidor que pede a Nota Fiscal Paulista deve se cadastrar no site do programa e aderir ao regulamento. As adesões até o dia 25 de cada mês permitem a participação já no mês seguinte. Uma vez feito o aceite às regras dos sorteios, não há necessidade de repetir a adesão, que vale para todas as extrações. Cada R$ 100 em compras dá direito a um bilhete eletrônico para disputar aos prêmios.

    Confira valores e municípios dos principais ganhadores:

  45. Após atentado, Nova Zelândia acerta detalhes para mudar lei de armas

    Por Jovem Pan 18/03/2019 07h19

    EFE

    Nova Zelândia vive período de luto após atentado a mesquitas
    Nesta segunda-feira (18), o governo da Nova Zelândia acertou os detalhes para iniciar uma reforma da lei de armas após o atentado de Chirstchurch – em que um terrorista abriu fogo em duas mesquitas e deixou 50 mortos e 50 feridos – e criar uma comissão que avalie a atuação prévia das autoridades.

    A primeira-ministra do país, Jacinda Ardern, afirmou que seu gabinete está “completamente unido” em relação à reforma legal estipulada “em princípio” e cujo conteúdo será anunciado em um prazo de dez dias após os ataques de sexta-feira em duas mesquitas.

    “Há muitos neozelandeses que questionam que haja armas semiautomáticas disponíveis”, disse em entrevista coletiva Ardern, evitando dizer se a reforma incluirá, tal como se esperava que anunciasse, a proibição deste tipo de armas, utilizadas no atentado.

    “Há detalhes que é preciso olhar. Não se trata só de certos pontos da lei. É simplesmente por isto que levaremos um tempo, para que saia bem”, acrescentou ao justificar o atraso.

    Ardern ressaltou que os ataques de sexta-feira “evidenciaram uma série de debilidades na lei de armas” do seu país e que todo o governo coincide na necessidade de realizar mudanças, incluindo o seu parceiro de coalizão, o NZ First, que anteriormente tinha se oposto a isso.

    O líder deste partido e vice-primeiro-ministro, Wintson Peters, confirmou o ponto na mesma entrevista coletiva, onde afirmou que após os fatos de sexta-feira “nosso mundo mudou para sempre e também as nossas leis mudarão”.

    A primeira-ministra neozelandesa acrescentou que a reforma não será dirigida contra os proprietários de armas, especialmente em zonas rurais, mas encorajou os que tenham armas em casa a entregá-las à polícia.

    Ardern acrescentou que uma comissão revisará a série de fatos que precederam o atentado, incluindo as viagens e as atividades na Nova Zelândia do agressor, o australiano Brenton Tarrant, e a atuação de várias agências estatais de segurança e inteligência.

    Mais lidas
    ‘Botaram um garoto de 13 anos para governar o país’, diz Ciro Gomes
    Secretário pede impeachment de Gilmar Mendes e diz que STF ‘cumpre papelão’
    por taboola
    Entre outros, a primeira-ministra afirmou que serão analisados “padrões de comportamento” que costumam preceder a este tipo de incidentes, pelo que, afirmou, se manterá o nível de alerta “alto”.

    No discurso, Ardern pediu, além disso, aos responsáveis de todas as redes sociais para tomar medidas para prevenir a incitação ao ódio e à violência, depois que Tarrant transmitiu ao vivo pelo Facebook o ataque na primeira mesquita.

    Ardern afirmou que Facebook e Instagram continuam retirando imagens do atentado – depois que nas 24 horas posteriores ao mesmo 1,5 milhão de vídeos foram excluídos da rede – mas considerou que estas plataformas podem fazer mais.

    “Pediria às plataformas de redes sociais para demonstrar senso de responsabilidade. Há muito trabalho que deve ser feito”, insistiu.

    A primeira-ministra anunciou que o governo da Nova Zelândia também vai realizar um ato em nível nacional em memória das vítimas, cuja data será anunciada mais adiante para permitir que esta semana as famílias tenham seu luto.

    *Com Agência EFE

O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do comentarista que venha a ofender, perturbar a tranquilidade alheia, perseguir, ameaçar ou, de qualquer outra forma, violar direitos de terceiros.O autor do comentário deve ter um comentário aprovado anteriormente. Em caso de abuso o IP do comentarista poderá ser fornecido ao ofendido!...Comentários impertinentes ou FORA DO CONTEXTO SERÃO EXCLUÍDOS.. Contato: dipolflitparalisante@gmail.com

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s