“Ele nos abandonou”, diz Cobrapol – Bolsonaro é mais um traidor dos policiais civis! 17

GERAL

Sindicato com 400 mil policiais ataca Bolsonaro: “Ele nos abandonou”

  • 15/05/2019
  • 15:32
  •  Uma das principais forças de tração para o presidente Jair Bolsonaro (PSL) chegar ao Palácio do Planalto, os agentes de segurança centralizam agora um nódulo de tensão no governo. Com um distanciamento desencadeado logo após as eleições de 2018, a carreira encampa uma manifestação para a próxima terça-feira (21/05/2019) e vive o momento de maior atribulação com o pesselista.
O combustível para a crise são as mudanças propostas pelo governo na aposentadoria da carreira. Atos em estados se estendem desde o início do mês. Sabendo dos riscos de ter como inimigos os agentes de segurança, integrantes do alto escalão do governo tentam — até o momento sem sucesso — amenizar o clima.Na última terça-feira (14/05/2019), entrou em campo o secretário Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, Rogério Marinho. Ele tentou convencer representantes da União dos Policiais do Brasil (UPB) da necessidade de mudanças no sistema previdenciário. Não teve êxito.

Decepção e abandono

Após a reunião, André Luiz Gutierrez, presidente da Confederação Brasileira de Trabalhadores Policiais Civis (Cobrapol), uma das 28 entidades representativas da UPB, conversou com o Metrópoles. Ele é o mobilizador nacional do ato da próxima semana.

“Não vamos recuar da manifestação. Isso é para mostrar o descontentamento com o presidente Bolsonaro por ele ter nos abandonado, numa postura diferente do que aconteceu em campanha. Ele prometeu que seríamos valorizados. Agora, com a reforma da Previdência, ele está tirando direitos conquistados ao longo de décadas”, criticou.

Para Gutierrez, a impressão que fica é que o presidente traiu a categoria ou pelo menos tem virado as costas aos policiais. “Votamos, trabalhamos em massa e buscamos votos para ele. Até hoje, não conseguimos falar com o presidente. Estamos decepcionados, nos sentindo abandonados”, completa.

Juntas, as entidades que compõem a UPB representa mais de 400 mil agentes de segurança pública, reunindo policiais federais, civis, escrivães, peritos e criminalistas, entre outros profissionais da área. Na próxima terça, a expectativa é que mais de 5 mil pessoas participem da manifestação na Esplanada dos Ministérios.

Também sobram críticas para a atuação do ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, que é considerado omisso e de difícil traquejo. “Ele não tem se manifestado. Ele mesmo disse que não é político. Nem conversar ele conversou. Para ministro, ele é um excelente juiz. Enviamos um ofício para termos uma reunião e até hoje não tivemos respostas”, reclama Gutierrez.

Lista de reivindicações

Os primeiros indícios de que a relação entre policiais e Bolsonaro azedou veio em novembro de 2018 — um mês após a vitória do pesselista nas urnas. À época, a UPB enviou ao então presidente eleito uma carta pública com diversas reivindicações relativas à Previdência.

Os policiais brigam pela manutenção da atividade de risco, pensão integral por morte, regras de transição justas, idade mínima de aposentadoria diferenciada para homens e mulheres e integralidade e paridade dos vencimentos na aposentadoria, como foi acordado com as Forças Armadas.

“Precisamos ter um tratamento desigual, porque somos desiguais. Os militares treinam para uma guerra, nós vivemos uma guerra diária. Cito um exemplo: se o policial morre e deixa um esposa com menos de 40 anos, ela terá pensão de quatro meses e depois que se vire. O discurso na campanha era outro”, frisa Gutierrez, ao pontuar que esteve pessoalmente com Bolsonaro.

Essa não é a primeira vez que policiais fazem atos contra o atual mandatário do Palácio do Planalto. Em fevereiro, a categoria realizou atos semelhantes no Aeroporto Internacional de Brasília Presidente Juscelino Kubitschek e na Esplanda dos Ministérios. Movimentos do tipo estão ocorrendo desde o último dia 6. Estados como Rio Grande do Sul e Goiás já tiveram protestos dos integrantes das forças de segurança pública.

Metrópoles

 

 

Resultado de imagem para pinto pra voce bolsonaro

  1. Mas tudo isso que esta sendo mencionado na matéria acima é fruto das reuniões daquele grupo de Governadores Estaduais encabeçados pelo Gov. João Doria ( SP) e Gov. Caiado (GO), que semanas anteriores estiveram em Brasilia pressionando o Executivo Federal, Ministro Paulo Guedes e o Secretário Especial da Previdência “”Tal”” Marinho ( não foi reeleito, isso é um pau mandado cheio de “”bronca” na lava jato””), com a finalidade exclusiva de acabar com os direitos dos Policiais Civis. Digo ainda que o Gov. João Doria indicou ao “”Bolsonaro”” o relator da comissão especial da Previdência, o Deputado Samuel que foi chefe da Casa Civil do Gov. Alckimin…
    Mas nem tudo esta perdido…….uma unica coisa que me conforta no momento é não estamos sozinhos…. A Polícia Federal também esta envolvida na luta com os Policiais Civis, em parte ela também será afetada pelo “”amigão dos policiais””……diante de tudo foi criado voluntariamente a UPB ( União dos Policiais Brasil ) que nada mais é a união da Polícia Federal ( DelPol, agentes e outras carreiras) e os Policiais Civis que formaram uma corrente em defesa dos nossos direitos em Brasilia. A coisa tá muito feia……..estou acompanhando diariamente……..como dependo do meu salário, não preciso explicar muito.

  2. Esse foi um passa moleque previsto né stive?

    Agora é chorar, fazer sinal de arminha e chamar todo mundo de comunista kkkk

  3. EU AVISEI! Bem feito aos policiais idiotas úteis e inúteis que votaram no mitolixo e no João Surabador. Faz pose de arminha com a mão quem sabe consigam alguma coisa.

  4. Boa noite….Wagner
    Olha que situação um tanto interessante:
    No dia 01/04/2019, foi publicada uma matéria num grande jornal de circulação no Estado e em âmbito Nacional em plataforma digitais, a matéria trouxe na época a seguinte manchete:
    “”””Reforma de Bolsonaro devolve a Policiais aposentadoria mais alta negada a Servidor”””
    Percebeu a maldade da publicação? “”Reforma de Bolsonaro”” “””” Policiais aposentadoria mais alta negada a servidor””.
    Quem teve a intenção de “”cutucar”” a opinião pública, de jogar o Policial contra a população revoltada com referência a reforma da Previdência .
    Tem colegas achando que a matéria jornalistica em tela seria um reconhecimento……………….kkkkkkkkkkkkkkk

  5. Tudo sendo preparado para a próximas eleições presidenciais. De bobo esses caras do sindicato não tem nada.

  6. Não votei no lixo e estou com minha certidão pronta, foi para a votação o projeto, protocolo o pedido de aposentadoria, sem paridade mesmo, foda-se. Boa sorte pra quem fica.

  7. Boa Noite!

    Senhoras e Senhores.

    Tenho quase sessenta anos de idade e trinta e nove só de Polícia e digo uma coisa aos navegantes:

    Quem já efetuou prisão em flagrante delito em ladrão de cargas; ladrão de bancos; estelionatários; traficantes em geral; fábrica de anjinhos; assassinos(as); politico corrupto; e, tudo que de mais horrível que seja enquadrado no CPB?

    Pois é! Não é nada fácil! Para cada criminoso temos que ter o remédio certo!

    Sou a favor de uma administração séria e comprometida com a verdade.

    Posso não ter simpatia pelo atual Presidente, mas de uma coisa eu sei:

    “O que de fato interessa é o bem estar da Nação e do nosso povo”!

    Pouco importa se ele é feio, educado ou não. O que de fato importa é se ele é capaz de administrar esse País e ter a coragem de enfrentar todos os lacaios, ratos e adjacências que estão encrustados no governo sugando nossas economias.

    Esses monstros e seus asseclas mamam nas tetas do governo à décadas, piores que câncer e não é qualquer um que possui habilidades, armas e estômago para encará-los.

    Diferentemente destes incautos, pois não compactuamos com essas patifarias e tampouco temos estômago para essas indecências e baixarias que alguns eleitos praticam descaradamente.

    Quem sabe por isso que só exista lixo dentro dos partidos políticos.

    Quem sabe também esse seja o grande erro do povo honesto, pois se nos acomodamos, temos medo ou não queremos sujar as mãos o que fazer? Deixar esses monstros continuarem com esse descalabro e roubalheira?

    Somos omissos à décadas e coniventes, pois muitas vezes nos silenciamos, mas creio que não devemos deixar ele sozinho neste momento, pois se assim o fizermos, estaremos assinando nossa própria certidão de óbito sendo assim seguramente exigirão seu impedimento e os esquerdistas tomarão o poder de novo e ficaremos pior que a Venezuela.

    Não é o momento de nos tornarmos incompatíveis mas sim de juntarmos forças para combater esse mau que nos cerca.

    Assaltaram nossos cofres e agora seguramente quererão nosso sangue, nossa liberdade e quiçá nossa alma.

    Sejamos fortes! Estamos vivendo uma guerra camuflada e sombria! Só não enxerga quem não quer!

    Querem nos dizimar devagar!

    ABRAM BEM SEUS OLHOS!

    Caronte

  8. Nem lamento por quem apoiou um sujeito com séria limitação intelectual/cognitiva e covarde, que fugiu dos debates. Polícia ingênuo e crédulo se arromba. E polícia que também acredita em político se arromba duas vezes. Faz arminha agora na hora de se aposentar e pagar o mercado.

  9. País sem destino. Saiu das mãos dos ladrões e foi agarrado por desequilibrados e loucos de toda ordem, principalmente a ordem unida. Em SP o surubeiro e marqueteiro pessoal só pensa no planalto. Age como se presidente fosse. Vai nos “phode” direitinho na previdência com seu mensageiro do diabo(Samuca) enviado à comissão para arregaçar a aposentadoria dos funcionários estaduais. Enquanto isso, os deputados policiais participando de futebolzinho e pizza na mansão do João Suruba. Estamos muito mais do que phodidos

  10. O cara foi deputado durante 30 anos eleito por Rio de Janeiro uma das cidades mais violentas do mundo, não aprovou uma lei sequer de sua autoria na área de segurança publica ou a favor dos policiais e agora os policias vem dizer que foram traídos?

  11. O cara foi deputado durante 30 anos eleito por Rio de Janeiro uma das cidades mais violentas do mundo, não aprovou uma lei sequer de sua autoria na área de segurança publica ou a favor dos policiais e agora os policias vem dizer que foram traídos?

  12. Gente, nunca botei fé em Bolsonaro.

    Não votei nele pois já previa que seriam so promessas de campanha… que talvez melhoraria alguma coisa pra PM e q pra nós ia ficar igual ou pior…

    Então não me surpreende

  13. O pulissa que está prestes a se aposentar, 8 meses, 1 ou 2 anos vai ter que sentar no colo do Chefinho no mínino mais 5 anos Hahahajaa hahahaha faz arminha agora hahaha A gente avisou bando de otário!

O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do comentarista que venha a ofender, perturbar a tranquilidade alheia, perseguir, ameaçar ou, de qualquer outra forma, violar direitos de terceiros.O autor do comentário deve ter um comentário aprovado anteriormente. Em caso de abuso o IP do comentarista poderá ser fornecido ao ofendido!...Comentários impertinentes ou FORA DO CONTEXTO SERÃO EXCLUÍDOS.. Contato: dipolflitparalisante@gmail.com

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s